Está en la página 1de 10

ESCOLA PROFISSIONAL DA APRODAZ

Curso Técnico de Contabilidade

IRS
Imposto sobre Rendimentos
pessoas Singulares

ESCOLA PROFISSIONAL DA APRODAZ


Rua dos Mercadores nº 76, 9500-092 Ponta Delgada
Telefone 296 285 461  Fax 296 285 463
E-mail: geral@aprodaz.com

Formador: António Salvador Formandos: Carla Araújo, Ruben Garcia e Paulo


 Imposto
 Define-se Imposto como sendo uma prestação pecuniária contínua e
unilateral estabelecida por lei a favor do estado ou de outro ente
público, sem carácter de sanção com finalidades fiscais (receita) ou
extra fiscais (redistribuição social).
 Este é Unilateral, porque o estado não presta um serviço público directo
ao contribuinte.
 O Imposto divide-se em várias fases distintas, nomeadamente:
 Incidência: Actos sujeitos a tributação e das pessoas, sob os quais recai o
ónus.
 Esta pode ser distinguida entre a incidência real (actos ou situações
sujeitas a imposto) e incidência pessoal (quem está sujeito ao imposto).
O Imposto divide-se em várias fases distintas:

- Incidência
- Lançamento
- Liquidação
- Cobrança

-
-
Formador: António Salvador
Formandos: Carla Araújo, Ruben Garcia e Paulo Correia
Objectivos da Fiscalidade

Fiscal: (Também Chamado financeiro ou tradicional) – Obter receitas para


cobrir as despesas dos serviços públicos

Social: Redistribuição do rendimento através de impostos progressivos

Económico: Acção orçamental, procurando a estabilidade económica e o


crescimento económico sustentado

Formador: António Salvador


Formandos: Carla Araújo, Ruben Garcia e Paulo Correia

Imposto

IVA IRS
(Imposto Sobre o Valor Acrescentado) (Imposto Sobre o Rendimento de Pessoas Singu

Este tem como principal Este tem como principal


base legal o CIVA Base legal o CIRS

Formador: António Salvador


Formandos: Carla Araújo, Ruben Garcia e Paulo Correia
IVA IRS

Visa tributar o consumo em bens Imposto sobre o rendimento de


materiais e serviços abrangendo pessoas singulares. Este incide sobre
todas as fases do circuito o rendimento global e anual dos
económico, desde a produção ao contribuintes.
retalho, sendo porém a fase
tributável limitada ao valor
acrescentado de cada fase.

Formador: António Salvador


Formandos: Carla Araújo, Ruben Garcia e Paulo Correia
IVA Caracteriza-se por ser:
Imposto Geral sobre o Consumo

Imposto Plurifásico não cumulativo

Imposto de Regimes de Tributação (regime normal e especial)

Três Taxas Distintas (Reduzida, Intermédia e Normal)

IRS Caracteriza-se por ser: Imposto Directo, Imposto Pessoal, Imposto


Estatual, Imposto Ordinário, Imposto Progressivo, Imposto Periódico.

Categorias
Categoria A – Rendimento do Trabalho Dependente (art.º 2)

Categoria B – Rendimento Empresariais e Profissionais (art.º 3)

Categoria E – Rendimento de Capitais (art.º 5)

Categoria F – Rendimentos Prediais (art.º 8)

Categoria G – Rendimentos e Incrementos Patrimoniais (art.º 9)

Categoria H – Pensões (art.º 11)

Formador: António Salvador


Formandos: Carla Araújo, Ruben Garcia e Paulo Correia
IVA IRS
A Incidência Objectiva do IVA Na Incidência Objectiva do IRS, os
consiste na transmissão de bens, rendimentos, quer em dinheiro, quer
prestação de serviços, importações em espécie, ficam sujeitos a
de bens e operações tributação, seja qual for o local onde
intercontinentais efectuadas em se obtenham a moeda e a forma por
território Nacional . que sejam auferidos.

Na incidência subjectiva, estão Na incidência subjectiva, estão


sujeitos ao imposto as pessoas sujeitas a IRS, as pessoas
singulares ou colectivas que singulares que residam em território
exerçam actividades de produção, Português e as que, nele não
comércio ou prestação de serviços, residindo, obtenham rendimentos
segundo o nº 1 do art.º 2 do CIVA. segundo o nº 1 do art.º 13 do CIRS.

Formador: António Salvador


Formandos: Carla Araújo, Ruben Garcia e Paulo Correia
Principais Artigos do CIVA
art.º 1 – Incidência Objectiva

art.º 2 – Incidência Subjectiva 

art.º 3 – Transmissão de Bens 

art.º 4 – Prestação de Serviços

art.º 9 – Isenções nas Operações Internas

art.º 13 – Isenções nas Importações

art.º 19 – Direito à Dedução

Formador: António Salvador


Formandos: Carla Araújo, Ruben Garcia e Paulo Correia
art.º 2 – Rendimentos Categoria A
art.º 3 – Rendimentos Categoria B
art.º 5 – Rendimentos Categoria E
Principais Artigos do CIRS art.º 8 – Rendimentos Categoria F
art.º 9 – Rendimentos Categoria G
 art.º 10 – Mais Valias
 art.º 11 – Rendimentos Categoria H
art.º 13 – Sujeito Passivo
art.º 22 – Englobamento
art.º 68 – Taxas Gerais
art.º 69 – Quociente Conjugal
art.º 72 – Taxas Especiais
art.º 78 – Deduções à Colecta
art.º 82 – Despesas Saúde
art.º 83 – Despesas Educação e Formação
art.º 87 – Dedução Relativa às Pessoas com
Deficiência
Formador: António Salvador
Formandos: Carla Araújo, Ruben Garcia e Paulo Correia
Formador: António Salvador
Formandos: Carla Araújo, Ruben Garcia e Paulo Correia