Está en la página 1de 36

Lesões de Partes Moles

Profa. Dra. Cláudia Forjaz


cforjaz@usp.br
Leituras para esta aula

Livro: KAREN et al. Primeiros Socorros para estudantes

Capítulos: Hemorragias e choque


Lesões de partes moles
Lesões de Tecidos Moles

Tecidos Moles
Pele
Efeitos
Músculo
Hemorragia
Olho Edema
Nariz
Boca
Lesões de Tecidos Moles

Tipo de lesões:
Contusão
Abrasão
Perfuração
Laceração
Corte Incisão
Avulsão
Tipo de lesões:

CONTUSÃO
Contusão
Abrasão
Perfuração
Laceração
Corte Incisão
Contusão Avulsão

Choque direto contra objeto ou superfície


dura sem rompimento da pele.
Danifica tecidos e capilares.
Provoca
- Edema - inchaço
- Hemorragia (sangramento) sob a pele
EQUIMOSE
HEMATOMA
EQUIMOSE E HEMATOMA

 Equimose - rotura de vaso pequeno.

Sangue extravasa na pele que fica vermelha e


arroxeada.

 Hematoma - rotura de vaso médio ou grande

Forma nódulo azulado.


Tipo de lesões:

ABRASÃO
Contusão
Abrasão
Perfuração
Laceração
Corte Incisão
Avulsão
Abrasão/Escoriação
Lesão por atrito ou raspagem.
Aranhão, escoriação.
Normalmente pele
Pode também ocorrer na córnea
Sangramento leve
Tipo de lesões:

PERFURAÇÃO
Contusão
Abrasão
Perfuração
Laceração
Corte Incisão
Avulsão

Perfuração
Lesão de dimensão reduzida causada por perfuração (furo).
Superficial – pele - problema contaminação
Profunda – perfuração de órgão
Tipo de lesões:

CORTE - LACERAÇÃO
Contusão
Abrasão
Perfuração
Laceração
Corte Incisão
Avulsão

Corte - laceração
Ruptura do tecido com corte e rasgo do tecido mole.
Mais profundo que abrasão
Sangramento profundo
Tipo de lesões:

CORTE - INCISÃO
Contusão
Abrasão
Perfuração
Laceração
Corte Incisão
Avulsão

Corte - Incisão
Corte fino causado por objeto cortante –
vidro, lâmina, papel, etc.
Sangramento rápido e profundo
Tipo de lesões:

CORTE - AVULSÃO
Contusão
Abrasão
Perfuração
Laceração
Corte Incisão
Ciclista atropelado, que perdeu braço, na Paulista deixa UTI e segue em Avulsão
quadro estável

12/03/2013 | 08h10min

O ciclista David Santos de Souza, de 21 anos, que teve o braço direito amputado
após ter sido atropelado neste domingo (10) na Avenida Paulista havia sido
transferido da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas para o
quarto por volta das 16h desta segunda-feira (11). O paciente ainda apresentava
quadro de saúde estável, segundo o hospital.

Corte - avulsão
Ruptura total do tecido com arranchamento de parte dele.
Sangramento profundo
HEMORRAGIAS

Tipos - Visíveis
Internas
Tipos – Pequenas
Profusas

SE GRANDE LEVA A RISCO DE MORTE!

SEMPRE PARECEM PIORES DO QUE SÃO!

É POSSÍVEL ESTANCAR A MAIOR PARTE DA HEMORRAGIAS COM COMPRESSÃO DIRETA!


CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES

SEG-KIT-EPI

VERIFICAR SE LOCAL É SEGURO!


PEGAR KIT DE PRIMEIROS SOCORROS
COLOCAR EPI – todo sangue é, em princípio, contaminado

Vítima pode ajudar se tiver condições.


CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES
LESÃO SUPERFICIAL
COM HEMORRAGIA VISÍVEL
Limpa, estanca sangramento e faz curativo

• SEG-KIT-EPI
• Lava área com água abundante e sabão neutro
• Estanca hemorragia com compressa limpa e pressão até parar de sangrar (prática)
• Faz curativo (prática)
• Pode colocar gelo para minimizar edema
Compressa
Gaze Pressão
Pano limpo Parte plana dos dedos
Sua própria mão com gaze Palma da mão

NÃO colocar nada sobre a ferida Se compressa encharcar de sangue


Café NÃO retire
Teia de aranha Coloque outra por cima
Etc Aumente a pressão
CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES
LESÃO SUPERFICIAL COM
FARPAS/LASCAS PEQUENAS
Retira lasca se possível, se seguro
Se não for visível a ponta
• Mande para o médico
Se for visível a ponta OBS: Anzol na pele –
• Tente retirá-la com uma pinça só retirar se só estiver
• Prenda firme a pinça a ponta e não o
• Puxe no mesmo sentido que penetrou gancho dentro
Se não conseguir pegar a ponta com a pinça
• Use uma agulha estéril para puxá-la delicadamente para a superfície
• Ao expor a ponta, pegue-a com a pinça
CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES
LESÃO PROFUNDA
COM HEMORRAGIA VISÍVEL
Limpa, Compressão e Curativo Compressivo
• SEG-KIT-EPI
• Lavar a ferida com água abundante ou solução fisiológica
• Compressa limpa sobre a ferida
• Pressão direta sobre a ferida (prática)
• Se não parar, coloque mais compressa e mais força na pressão (não troque a compressa)
• Mantenha até parar
• Eleve a parte lesionada, se possível
• Para manter a pressão, faça uma atadura/ligadura – curativo compressivo (prática)
• Pode colocar gelo para evitar edema
Atadura ou ligadura
Curativo compressivo sobre a lesão
CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES
LESÃO PROFUNDA COM HEMORRAGIA
VISÍVEL NO MEMBRO
QUE NÃO ESTANCA
Torniquete se não houver resgate rápido
• Se hemorragia no membro não para – chame o SAMU
• Pegue um torniquete industrial ou improvise um (prática)
• Coloque o torniquete 5 cm acima da lesão (direção do coração)
• Aperte o torniquete até estancar
• Anote a hora que colocou o torniquete
• NÃO afrouxe, nem solte
• DEIXE o torniquete no local até chegar alguém mais qualificado
Torniquete
Industrial
Improvisado – pano, atadura triangular e pau, caneta
Colocação
5 cm acima da lesão

Aperto
Até a hemorragia cessar Retirada
NÃO retire, nem afrouxe
Importante Mantenha até chegar alguém
Anotar HORA da colocação mais preparado
Torniquete
SÓ FAZER EM CONDIÇÕES EXTREMAS
- Muita perda de sangue
- Não consegue estancar
- Socorro vai demorar
CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES
LESÃO COM HEMORRAGIA VISÍVEL
E OBJETO NO LOCAL
• SEG-KIT-EPI e SAMU
NÃO RETIRE O OBJETO
• Tente estancar hemorragias, sem aplicar pressão
direta sobre o objeto perfurante
• Compressão ao redor
• Elevação e gelo, se possível
• Tente impedir o movimento a pessoa
CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES
LESÃO COM AVULSÃO
DE TECIDO
• SEG-KIT-EPI e SAMU
• Estanque a hemorragia (técnica anterior)
• Procure a parte amputada
• Lave-a com água limpa
• Cubra-a ou enrole em gaze
• Coloque num saco plástico impermeável
• Coloque o saco dentro de um recipiente com gelo
ou água e gelo (não coloque a parte direto no
gelo, nem na água)
• Etiquete com nome da pessoa, data e horário
• Envie ao hospital pessoa e parte amputada
LESÕES DE TECIDOS MOLES
HEMORRAGIA INTERNA
SUSPEITAR DE LESÃO INTERNA
• Acidentes envolvendo choques mecânicos fortes
– acidente de carro, queda de altura elevada,
choque com outras pessoas ou bola no esporte
• Dor no tórax ou abdômen
• Expectorando ou vomitando sangue AÇÕES
• Sinais de choque clínico sem hemorragia visível • Chamar SAMU
• Hematomas e edema no tronco • Deitar a pessoa e deixá-la imóvel
• Monitorar sinais de choque
• Monitorar necessidade de RCP
TECIDOS
ESPECÍFICOS
CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES

NARIZ
• SEG-KIT-EPI
• Comprimir os dois lados da narina com a
pessoa sentada e inclinada para frente –
DESDE QUE NÃO HAJA SUSPEITA DE LESÃO
CRANIANA
• Colocar gelo
CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES

BOCA
• SEG-KIT-EPI
• Fazer pressão na área com compressa
• Colocar gelo por fora, se possível
CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES

DENTES Quebrado
Arrancado
Mudar de cor

Frouxo Avulsão

• Se houver sangramento, estanque o sangramento


• Dente frouxo – morder gaze – dentista
• Dente lascado/quebrado – limpe – dentista
• Dente arrancado – pegue pela coroa e não pela raiz
coloque em copo com água ou leite
vá imediatamente ao dentista
• Dente muda de cor – procurar dentista
CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES

OLHOS
• SEG-KIT-EPI
• Ligue para SAMU se o olho tiver sido atingido com força ou perfurado
• Se houver objeto no olho, não retirar
• Diga para a pessoa manter os olhos fechados
• Faça um tampão nos dois olhos se houver algo irritando ou objeto
• Faça o tampão no olho atingido se for apenas interno
CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES

OLHOS
LESÃO POR ABRASÃO
• Lave com água em abundância
• Se conseguir ver o corpo estranho e não for vidro, tente retirá-lo
• Se não conseguir retirar, chame o SAMU
• Coloque um tampão nos dois olhos (se um mexer o outro tende a mexer
junto)
prevalência de lesões oculares e esporte
A prevalência de lesões oculares relacionadas ao esporte
reportadas em 2002 nos Estados Unidos foi de 30.630,
sendo a maioria delas no Basquete J Emergency Nurs (2010)

Protetores oculares
CONDUTAS COM LESÕES DE TECIDOS MOLES

QUANDO CHAMAR O SAMU


• Hemorragia grande
• Hemorragia com jorros de sangue
• Não consegue estancar
• Houve avulsão de tecido
• Teve que fazer torniquete
• Lesão de boca e nariz com dificuldade de respirar
• Olho foi atingido com força ou foi perfurado
• Suspeita de hemorragia interna
• Não sabe o que fazer, não está seguro
Em grupos, na situação dada pelo professor,
discutam a conduta que deveria ser tomada.
Próxima Aula – PRÁTICA
• Tema: Curativos, ataduras e torniquete

ANTES DA AULA - FUNDAMENTAL


• Ler apostila no Moodle
• Ver vídeos no Moodle
• Trazer apostila

NO DIA
Vir com roupas que permitam levantar a barra e a manga e que possam
sentar no chão.