Está en la página 1de 3

TÍTULO 63 – NORMAS ESPECÍFICAS DE UVA INDUSTRIAL – SAFRA 2016/2017

(*)

COMUNICADO CONAB/MOC N.º 025, DE 30/12/2016

1) UNIDADES DA FEDERAÇÃO AMPARADAS: Estados das Regiões Sul, Sudeste e Nordeste.

2) VIGÊNCIA: 1.º/01/2017 a 31/12/2017.

3) NATUREZA DAS OPERAÇÕES: Financiamentos para garantia de preços e estocagem, observar o
Manual de Crédito Rural (MCR) 3-4 e 4-1.

4) CONDICIONAMENTO: Engarrafados em litros, garrafas, garrafões e outras embalagens similares
admitidas pela legislação em vigor, podendo ser armazenado a granel (em tonéis, pipas, piletas,
barris, etc.).

5) FINANCIAMENTO POR MEIO DE:
a) Financiamento para Estocagem de Produtos Agropecuários integrantes da PGPM (FEPM),
observar o MCR 3-4;
b) Financiamento para Garantia de Preços ao Produtor (FGPP), observar o MCR 4-1.

6) PREÇO MÍNIMO: Tomando por base o Preço Mínimo básico fixado pela Portaria MAPA N.º 264, de
08/12/2016, para comprovação do pagamento aos produtores de uva, das variedades determinadas
pelas Portarias N.º 1.012, de 27/11/1978, e N.º 270, de 17/11/1988, ambas do Ministério da
Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA). O produto não enquadrado no quadro abaixo poderá
ser qualificado pela Embrapa.

TABELA I – PREÇO MÍNIMO DA UVA INDUSTRIAL
CLASSIFICAÇÃO COM BASE NAS PORTARIAS N.º 1.012/1978 E N.º 270/1988 DO MAPA
(Em R$/Kg)

GRUPO I GRUPO II GRUPO III
GRAU
BABO VINÍFERAS NOBRES VINÍFERAS ESPECIAIS AMERICANAS E HÍBRIDAS
Tintas I Tintas II Brancas I Brancas II Tintas I Tintas II Brancas I Brancas II Comum I Comum II Comum III

12º (*) - - - - - - 0,8694 - 0,4600 - 0,7728
13º (*) - - - - - - 1,0557 - 0,6440 0,7820 0,9384
14º (**) 1,5732 1,2236 1,6606 1,2673 1,1799 1,0488 1,1799 1,1799 0,7820 0,8740 1,0488
15º 1,6560 1,2880 1,7480 1,3340 1,2420 1,1040 1,2420 1,2420 0,8740 0,9200 (+) 1,1040
16º 1,7388 1,3524 1,8354 1,4007 1,3041 1,1592 1,3041 1,3041 0,9200 0,9660 1,1592
17º 1,9044 1,4812 2,0102 1,5341 1,4283 1,2696 1,4283 1,4283 0,9660 1,0580 1,2696
18º 2,0700 1,6100 2,1850 1,6675 1,5525 1,3800 1,5525 1,5525 1,0580 1,1500 1,3800
19º 2,2356 1,7388 2,3598 1,8009 1,6767 1,4904 1,6767 1,6767 1,1500 1,2420 1,4904
20º 2,4012 1,8676 2,5346 1,9343 1,8009 1,6008 1,8009 1,8009 1,2420 1,3340 1,6008
Pinot Noir Petite Syrah Riesling Flora Carmenère Aramon Moscatos Chasselas Jacquez Isabel Bordô
(Durif) Itálico
VARIEDADES DAS UVAS

Merlot Malbec Riesling Semillon Barbera Carignane Moscato Malvasias Seibel Herbemont
Renano d'Asti Branco R2 10096

Cabernet Gamay Gewurztraminer Muller Barbera Calitor Moscato Prosecco Niágaras Seibel
Sauvignon Beaujolais Thurgau Piemonte (Sirah falsa) Gialo

Cabernet Ancellotta Sauvignon Nebbiolo Gamay Moscato de Palomino Cynthiana Goethe
Franc Blanc St. Romain Hamburgo

Marselan Pinot Blanc Canaiolo Cinsaut Trebbiano BRS Lore- Couderc 13
na

Teroldego Chenin Blanc Grenache Bonarda Vernaccia Concord e
Concord Clone 30

Syrah Chardonnay Merzemina Freisa Peverella Seyve Villard

1

Comum I. 18º Para as uvas de 18º deve-se somar 25% com base no valor da uva a 15º. 15º Preço Mínimo (+) ou preço básico para cada grupo em negrito. 14º Para as uvas de 14º deve-se subtrair 5% com base no valor da uva a 15º.TÍTULO 63 – NORMAS ESPECÍFICAS DE UVA INDUSTRIAL – SAFRA 2016/2017 (*) COMUNICADO CONAB/MOC N. 19º Para as uvas de 19º deve-se somar 35% com base no valor da uva a 15º. 16º Para as uvas de 16º deve-se somar 5% com base no valor da uva a 15º. com exceção as Moscato e Bordô. DE 30/12/2016 Petit Verdot Sylvaner Sangiovese Lambrusco Verdisco Martha Pinot Gris Tannat Grand Noir Aligoté Couderc Sauvignon Gris Rubi Alicante French Isabel Precoce Cabernet Bouschet Colombard Viogner Barbeira Egiodola Perlona Violeta Tempranilho Pinotage Arriloba Moscato Embrapa Touriga Arinarnoa Schönburger Rúbea Nacional Napa Gamay Pinot Saint Seibel 2 (Seibeleto/ (Valdiguié) George Seibel Curta) Rebo Alvarinho Tardia de Caxias Lagrein Itália Vênus Refosco Torromtes Bailey Aspirante Tokay BRS Cora Bouchet Maccabeo BRS Carmen Vermentino Caladoc Ekigaina Corvina Rondinella Molinara (+) Preço Mínimo ou Preço Básico para cada grupo indicado em negrito. considerar graduação de 14º para cima. 2 . exceto as Moscato e Bordô que poderão ter graduação a partir de 12º. TABELA II – DESCRIÇÃO DE COMO OBTER OS VALORES (ACRESCIDOS PELOS ÁGIOS OU REDUZIDOS PELOS DESÁGIOS) CONSTANTES NA TABELA I * GRUPO I GRUPO II GRUPO III GRAU BABO VINÍFERAS NOBRES VINÍFERAS ESPECIAIS AMERICANAS E HÍBRIDAS Tintas I Tintas II Brancas I Brancas II Tintas I Tintas II Brancas I Brancas II Comum I Comum II Comum III Para as uvas de 12º enquadradas como Brancas I e Comum III deve-se subtrair 30% com base no valor 12º da uva a 15º. 20º Para as uvas de 20º deve-se somar 45% com base no valor da uva a 15º. 17º Para as uvas de 17º deve-se somar 15% com base no valor da uva a 15º. 13º Para as uvas de 13º deve-se subtrair 15% com base no valor da uva a 15º. (*) Apenas para as uvas destinadas à produção de sucos. Americanas e Híbridas.º 025. * Excetuando-se as variedades enquadradas no Grupo III. (**) Para a produção de vinhos.

34 2.º 7. AMERICANAS E HÍBRIDAS – COMUM I GRUPO III GRAU BABO AMERICANAS E HÍBRIDAS – COMUM I 12º Para as uvas de 12º deve-se subtrair 50% com base no valor da uva a 16º.TÍTULO 63 – NORMAS ESPECÍFICAS DE UVA INDUSTRIAL – SAFRA 2016/2017 (*) COMUNICADO CONAB/MOC N.15 17.7235 Vinho de Mesa Comum II 776-5 1. DE 08/11/1988 CÓDIGO DE EQUIVALÊNCIA DERIVADOS R$ /litro CLASSIFICAÇÃO (kg Uva/litro) Comum I .34 2.8354 Vinho Vinífera Tinto II 752-8 1. 3 .6713 Suco de Uva simples 799-4 1. 13º Para as uvas de 13º deve-se subtrair 30% com base no valor da uva a 16º.34 2. DE 30/12/2016 TABELA III – DESCRIÇÃO DE COMO OBTER OS VALORES (ACRESCIDOS PELOS ÁGIOS OU REDUZIDOS PELO DESÁGIOS) CONSTANTES NA TABELA I DAS VARIEDADES ENQUADRADAS NO GRUPO III.34 1.34 2.1901 Branco II 758-7 1.1901 Vinho Vinífera Tinto II 792-7 1.2300 (+) Preço Mínimo Básico.8785 Álcool Vínico a 95 GL 784-6 14.Abafado 783-8 1.4040 .30 6. 16º Preço básico em negrito. 17º Para as uvas de 17º deve-se somar 5% com base no valor da uva a 16º.º 7.9954 Tinto I 762-5 1.º 025.43 21.34 1. de 08/11/1988): TABELA IV – PREÇO DE REFERÊNCIA DOS DERIVADOS DA UVA CLASSIFICAÇÃO COM BASE NA PORTARIA MAPA N. 6.8746 (++) .34 2.678.9587 Branco II 764-1 1.34 1.7121 Destilado Vínico a 80 GL .34 1.50 6.39 16.7488 (+) Comum III 777-3 1. 1. 18º Para as uvas de 18º deve-se somar 15% com base no valor da uva a 16º. 14º Para as uvas de 14º deve-se subtrair 15% com base no valor da uva a 16º. 11. (++) Preço em R$/kg.34 2.34 2.34 2. 12.1901 Tinto I 765-x 1.9664 Destilado Vinífera a 75 GL .678.Concentrado Virgem a 70º Brix 767-6 6.6729 (++) Mostos: . 15º Para as uvas de 15º deve-se subtrair 5% com base no valor da uva a 16º.Concentrado Virgem a 68º Brix 780-3 6.34 1.0052 Superior Branco I 761-7 1. 20º Para as uvas de 20º deve-se somar 35% com base no valor da uva a 16º. 19º Para as uvas de 19º deve-se somar 25% com base no valor da uva a 16º.3423 Nobre Branco I 763-3 1.1) Preços de referência dos derivados de uva (Padrões de Acordo com a Lei N.