Está en la página 1de 3

EXERCÍCIOS DE DIREITO DAS OBRIGAÇÕES

PROF. HELANO RANGEL

1. (SEFAZ-SC 2010) Assinale a alternativa incorreta.

a) Nas obrigações alternativas, a escolha cabe ao credor, se outra coisa não se


estipulou.
b) O credor pode renunciar à dívida em favor de um, de alguns, ou de todos os
devedores.
c) Havendo mais de um devedor ou mais de um credor em obrigação divisível,
esta presume-se dividida em tantas obrigações, iguais e distintas, quantos os
credores ou devedores.
d) Há solidariedade quando na mesma obrigação concorre mais de um devedor
e mais de um credor, cada um com um direito, ou obrigado à dívida toda.
e) O credor que tiver remitido a dívida ou recebido o pagamento responderá
aos outros pela parte que lhes caiba.

2. (CESPE 2010 PGM-RR) Romero comprometeu-se a restituir coisa certa a


Mateus, em data previamente definida, mas, antes de efetivada a tradição, a coisa
se perdeu, sem culpa do Romero. Nessa situação, Romero deve assumir
integralmente o ônus da perda, devendo restituir a Mateus um objeto com as
mesmas características ou pagar-lhe, a título de perdas e danos, valor
equivalente.
Certo Errado

3. (TRT-SP 2009) Verifique os enunciados abaixo à luz do direito das


obrigações e responda:

I - Na obrigação solidária passiva, importará em renúncia da solidariedade a


propositura de ação pelo credor contra um ou algum dos devedores.

II - Na obrigação de fazer fungível pode o credor, em caso de urgência,


independentemente de autorização judicial, executar ou mandar executar o fato,
sendo depois ressarcido.

III - Na solidariedade passiva, impossibilitando-se a prestação por culpa de um


dos devedores solidários, para todos subsiste o encargo de pagar o equivalente;
mas pelas perdas e danos só responde o culpado.

IV - O devedor que satisfaz a dívida por inteiro tem o direito a exigir de cada um
dos codevedores a sua quota, havendo presunção "juris tantum" da igualdade das
partes dos codevedores.

a) As alternativas I e IV estão incorretas.


b) As alternativas II e III estão incorretas.
c) As alternativas I, III e IV estão corretas.
d) As alternativas I e III estão incorretas.
e) As alternativas II, III e IV estão corretas

4. (CESPE 2008 MPE-RR) Na cessão de crédito, como regra, o cedente


responde perante o cessionário pela existência do crédito ao tempo em que o
cedeu e pela solvência do devedor à época do pagamento do débito.

Certo Errado

5. (CESPE 2010 MPE-ES) Carlos, Pedro e Gustavo, irmãos, maiores de idade,


casados e com filhos, contrataram os serviços de uma empresa para o
fornecimento das bebidas a serem servidas na festa de aniversário de seu pai.
Pagaram metade do valor combinado no ato da contratação, ficando acertado que
o restante seria pago após a prestação do serviço, convencionando-se a
solidariedade dos devedores.

Com base na situação hipotética acima apresentada, assinale a opção correta.

a) A morte de um dos irmãos terá o poder de romper a solidariedade.


b) O credor não pode exigir parte da dívida de cada um dos devedores
separadamente, sob pena de configurar renúncia à solidariedade.
c) Se Carlos pagar um terço do restante da dívida, a solidariedade continuará entre
os outros dois irmãos.
d) Caso a empresa não preste o serviço na data avençada, será caracterizada a
mora.

6. A obrigação, se indivisível e solidária,

a) implica responsabilidade de todos os devedores pelo total e sub-rogação em


favor de quem pagar.
b) implica responsabilidade de todos os devedores pelo total, mas a sub-rogação
limita-se à solidariedade.
c) não perde essas características se convertida em perdas e danos.
d) perde essas características se convertida em perdas e danos.

7. (FCC-2010) Nas obrigações alternativas, se, por culpa do devedor, não se puder
cumprir nenhuma das prestações, não competindo ao credor a escolha, ficará
aquele obrigado a pagar o valor
a) de qualquer das duas, mais as perdas e danos que o caso determinar.
b) da que por último se impossibilitou, não sendo devidas as perdas e danos.
c) da que se impossibilitou primeiro, mais as perdas e danos que o caso
determinar.
d) da que se impossibilitou primeiro, não sendo devidas as perdas e danos.
e) da que por último se impossibilitou, mais as perdas e danos que o caso
determinar.
8. (CESPE 2009 MPE-RN) A respeito da teoria geral das obrigações, dos contratos
e da posse, julgue os itens subsequentes.

I Na obrigação de dar coisa certa, se a coisa se perder sem culpa do devedor antes
da tradição, este fica obrigado a ressarcir ao credor as perdas e os danos, sem
prejuízo da eventual restituição do preço recebido.

II Tratando-se de coisas determinadas pelo gênero e quantidade, antes de


cientificado da concentração, não poderá o devedor alegar perda ou deterioração
da coisa, ainda que por força maior ou caso fortuito, salvo se o objeto da dívida for
limitado.

III Na obrigação de prestar determinado fato, sobrevindo a morte do devedor


antes do advento do termo, a obrigação transmite-se aos herdeiros ou sucessores
do devedor.

IV No inadimplemento de obrigação indivisível, se for de um só devedor a culpa,


ficarão os demais co-devedores exonerados do cumprimento das suas quotas na
dívida, ressalvadas as perdas e os danos.

V A solidariedade não subsiste para os herdeiros do credor solidário, mas conserva


a vinculação em relação aos demais co-credores, salvo se a obrigação for
indivisível.

Estão certos apenas os itens


a) I e II.
b) I e III.
c) II e V.
d) III e IV.
e) IV e V.

9. (FCC-2009) Na solidariedade ativa,


a) se um dos credores falecer deixando herdeiros, cada um destes terá direito a
receber a integralidade do crédito do finado.
b) mais de um credor está obrigado à divida toda.
c) mais de um devedor pode exigir a dívida toda.
d) convertendo-se a prestação em perdas e danos não mais subsiste a
solidariedade.
cada um dos credores tem direito a exigir do devedor o cumprimento da prestação
por inteiro.