Está en la página 1de 73
BiBLIA D. Baw Sa UDO Max LUCADO VerRSAO ALMEIDA Revista E CORRIGDA EpicAo DE 1995S Biblia de Estudo Devocional ~ Max Lucado ‘Todos os diteitos reservados. Copyright © 2005 para a lingua portuguesa da Casa Publicadora das Assembléias de Deus, Os diteitos de traducio do texto biblico Almeida Revista e Corrigida, edigao de 1995, foram cedidos pela Sociedade Biblica do Brasil. ‘As notas ¢ os comentitios séo de inteira responsabilidade da Casa Publicadora das Assembléias de Deus. ‘Texto da Biblia © 1995 por Sociedade Biblica do Brasil. Todos os direitos reservados. The Devotional Bible © 2003 Thomas Nelson, Inc., Nashville, Tennessee, EUA. Auxtlios de estudos da Lucado Devotional Bible, Copyright © 2003 Thomas Nelson, Inc. ‘The Devotional Bible foi produzida com a assisténcia de Karen Hill, ceditora administrativa de Max Lucado, e da The Livingstone Corporation. ‘A.equipe do projeto foi composta por Bruce Barton, Dave Veerman, Christopher D. Hudson, Betsy Schmitt, Brad Davis e Carol Smith. EDIGAO BRASILEIRA Presidente da CGADB Tradugdo José Wellington Bezerra da Costa Carla Mary Ribas Degmar Ribas Jinior Presidente do Conselbo Adininistrativa Marta Doreto de Andrade da CPAD José Wellington da Costa Jinior Preparagio de textos e revisi de provas Miriam Anna Libério Diregio-Geral Antonio Mardonio Nogueira Ronaldo Rodrigues de Souza Patcicia de Oliveira Almeida Diretor-Executivo da CPAD Adaptagi de prajeto grafico e editoragdo Supervisio editorial Joede Bezerra Claudionor de Andrade Gerente de Publicagies Adaprasio de capa ‘Alexander D, R. da Silva Coordenagéo editorial Isael de Araijo Chefe do Setor de Biblias ¢ Obras Especiais ISBN 978-85-263-0700-1 - BEDML (couro bonded, preta, luxo) ISBN 978-85-263-0701-8 - BEDML. (capa dura, ilustrada) ISBN 978-85-263-0702-5 - BEDML (couro bonded, azul, luxo) ISBN 978-85-263-0703-2 - BEDML (couro bonded, vinho, luo) Editoragio e forolito: cPAD Impresso na Grafica da Biblia ~ Brasil RCOGBML - 15.000 - SBB- 2010 (NPI 9096) Introducéo Geral por Karen Hill Ler a Biblia Extudo Devocional é uma experiéncia estimulante. Quando a folhear, voce des- cobriré uma saga de segredos e incertezas. Vire algumas paginas para encontrar poesia e r0- mance. Vire-as de novo e leia histérias de conquistadores em conflito, pastores corajosos, € de um cativante Carpinteiro. Crdnicas de fé, milagres, mas e boas ages. Reis, rainhas, cam- poneses — 0 comum ¢ 0 inusitado. Mistério, suspense, incriga, drama, humor, poesia, ro- mance... tudo nestas paginas! Histérias de pessoas reais, com problemas reas, reais alegrias ¢, um real Salvador. Tudo isto, e mais alguns recursos especiais para ajudé-lo a ver que estes acontecimentos ainda ocorrem hoje em dia — que as verdades do passado sio verdades de nosso tempo. Recursos Ligées para a Vida Para enriquecer seu estudo, esta Biblia possui alguns recursos exclusivos: ferramentas tite para ampliar seu entendimento. Nas margens laterais vocé encontrar Ligdes para a Vida. Cada Ligdo para a Vida contém um Situe-se, Observe, Medite, Aplique e Aprofunde-se. Sitwe-se dé uma rdpida olhada no contexto do capitulo. Responde.a pergunta: “O que acon- tece nesta passagem?” Observe vem logo abaixo para explicar 0 ponto central da agio. Que verdade ou lico énoti- vel na atuagio destas pessoas? Medite coma um ponto ou uma ligio encontrados no capitulo, eo explica com pormenores. Bxtrafdos de livros de autores cristios, estes textos inspirativos estendem o ponto principal ¢ Ihe conferem uma mensagem contempordnea e contextualizada que serd ttil em sua devo- Gio particular ou compartilhada. Aplique apresenta a mensagem: “Como posso usar 0 que aprendi neste capitulo?” “Existe al- guma coisa em minha vida que devo mudar como resultado do que aprendi lendo isto?” Aprofimde-serelaciona outtas passagens das Escrituras, pertinentes ao mesmo tema, pata estu- dos adicionais. A leitura dos versiculos do Aprofiunde-se produz um forte senso de quea Biblia é uma histéria completa, endo uma simples colegio de pequenas hist6rias listas de regras. Estudos Biblicos Devocionais de Pagina Inteira Distribuidos ao longo de toda a Biblia, voc® encontraré estudos biblicos devocionais de pé- gina inteira, Estas paginas encorajadoras revelat-Ihe-fo 0 que Deus pensa de vocé. Use o in- dice no comeco da Biblia para localizar os tépicos especificos tratados nestas paginas. vi Introdugéo Geral Cristo Através da Biblia Osartigos Cristo Através da Biblia sto uma ferramenta til para se compreender como a Bi- blia é verdadeiramente um relato — 0 relato do plano de Deus para a salvagio, concretizado em seu Filho, Jesus Cristo. Estas notas ajudé-lo-do a descobrir a presenga ¢ 0s atributos de Jesus Cristo no Antigo no Novo Testamentos. Por exemplo, observe como Jesus é prefi- gurado como o nosso sumo sacerdote no livro de Exodo, ¢ como o seu titulo de Cordeiro de Deus pode ser visto em Levitico. Nova Vida em Cristo Osartigos Nova vida em Cristo ajudé-lo-o a caminhar através do plano divino da salvaco, conforme exposto no Antigo Testamento, e plenamente revelado através do nascimento, da vida ¢ do ministério de Jesus, no Novo Testamento. Esta série de artigos curtos também 0 ajudaré a explorar 0 caminho do discipulado, enquanto pesquisa os aspectos da caminhada crista, Deixe que as indagacdes encontradas no final de cada artigo © conduzam a ‘uma ca- minhada mais intima com o Senhor. Ele Fez Isto Especialmente para Vocé - Vers{culos Estes versiculos revelam mais sobre quem é Cristo, ¢ 0 que Ele fez por voce. Eles 0 ajudarto 2 personalizar a mensagem de Deus, ¢ atrai-lo-do para mais perto do seu Salvador. Crescimento Espiritual - Versiculos Estes versiculos cobrem tdpicos de crescimento espiritual tais como sua caminhada didria com Deus, ouvindo-o ¢ perdoando aos outros. Estudos para Novos Convertidos Estes breves estudos biblicos ajud-lo-do a aprender mais sobre sua nova fé, ¢ respondero algumas das dificeis questées que lhe ocupam a mente. Os estudos cobrem uma variedade de tépicos semelhantes a estes: Como saber que voce € salvo, como orar, como enfrentar tentagSes, ¢ muito mais. “O Grande Quadro” — Plano de Leitura Este simples plano de leitura de 30 dias apresentar-Ihe-4 passagens-chave através do Novo Testamento. “Para Onde Ir Quando...” — Indice Esta lista conduz vacé a versiculos relevantes para muitas questdes e situagées complicadas da vida. Programa de Estudo Projetados para inspirar vocé em sua caminhada diria, os auxilios de estudo sio organiza dos de modo a facilitar 0 uso. Os comentérios sto breves, com poucas palavras, para dar-he, 0 mais resumidamente possivel, o maximo de informagées, ¢ auxilié-lo em sua busca de conhecimento. Introdugéo Geral vii Vara melhor usar a Béblia Devocional observe: As segies Ligies para a Vida esto proximas «los capftulos que lhes sao relacionados. E melhor ler primeiro o recurso Situe-se e, depois, ler 0 capitulo. VA para Observe — Foi isto que vocé entendeu quando leu a aco? Siga pata Medite. Sevock estiver numa classe, leia e discuta Medite, e entao use Aplique para argumen- ‘agio adicional, Se estiver estudando sozinho, mantenha um didrio de seu compromisso com as novas metas sugeridas em Aplique. Nota aos Pais e Professores Esta Biblia é adaptavel a qualquer faixa etdtia, ¢ especialmente titil em grupos de idades variadas. Para os adultos, as informagdes das margens podem set usadas para iniciar estudo e discussao adicionais. Para as familias, ou em classes de criangas, elas podem ser usadas como devocionais independentes. O recurso Medite é particularmente itil para demonstrar que as pessoas dos tempos biblicos enfrentavam problemas e situagoes semelhantes aos que enfrentamos hoje, As mesmas esperangas, os mesmos temores, Uesejos, pecados, e sucessos. 4g ee Agradecimentos do Editor Geral Na pdgina titulo de minha Biblia, copiei dois versiculos. O primeiro é Marcos 12.37. A grande multidio 0 ouvia de boa vontade. Que clogio! “Voce precisa ouvir este rapaz falar!”, 0 povo deve ter dito. “Ouvi-lo é um prazer!” Quando Jesus falava, as pessoas ouviam. E ouviam-no com alegria. Sua mensagem era clara, Suas histérias estimulantes, e seu discurso, inesquecivel. Esse o mesmo fosse verdade hoje? E se todas as vezes que as palavras de Jesus fossem lidas, ‘© povo ouvisse “de boa vontade”? E se as pessoas agucassem os ouvidos quando a Biblia fosse aberta? E se as pessoas distribuissem cépias da Biblia, dizendo: “Voce tem de ler o que este rapaz diz. E um prazer!” Nio seria étimo? Conhego algumas pessoas que sio comprometidas a fazer isto acontecer. Deixe-me apresentar-Ihe a Tomas Nelsoii Publishers. Ela é mais que uma casa publica- dora. As pessoas que aqui trabalham séo pessoas com um propésito. Diariamente elas esto imaginando maneiras de tornar a Palavra de Deus mais acessivel e compreenstvel. Esta Bi blia é produto deste desejo. Tiro o meu chapéu para Livingstone Corporation, ditigida por Bruce Barton, Jim Gal- vin, Christopher Hudson ¢ Dave Veerman. Dave, aprecio especialmente sua ajuda com os profetas menores. Sé Deus sabe 0 ntimero de horas que voce dedicou a este projeto. Mas Deus sabe, e nao se esquecerd, do trabalho que vocé fer e do amor que demonstrou por Ele, ajudando 0 seu povo (Hebreus 6.10). Satido meus amigos da Tomas Nelson e do W Publishing Group. Que grupo extraordi- ndrio! David Moberg merece mengo especial, Sem a sua devogio e dedicagio, esta idéia ain- da estaria I4, uma idéia numa folha de papel. Obrigado por comné-la realidade. Por falar em transformar idéia em realidade, Karen Hill faz isto para mim todo dia. Obrigado, Karen, por ser mais que uma assistente administrativa. Vocé ¢ uma salva-vidas. Voce aplicou muitas horas nesta tarefa. Muito obrigado. E Denalyn, minha esposa, que posso eu dizer? A razio de Salomao possuir setecentas mulheres é que ele estava procurando uma igual a voce. Uma tiltima palavra de gratidao antes de vocé virar a pégina. Uma palavra de agradeci- mento 2 voce, leitor. Considero voce meu amigo. Como posso dizer isto, se nunca nos en- contramos? Lembra-se de eu haver mencionado dois versiculos copiados na pdgina-titulo de minha Biblia? Este é 0 segundo: Companheiro sou de todos os que te emem e dos que guardam os teus preceites (Salmos 119.63). Vocé deve ser alguém que teme a Deus, ou nao estaria lendo a sua Palavra. Vocé deve ser alguém que obedece aos seus ensinos, ou nio os estaria estudando, Aplaudo seu anseio pela Biblia. Louvo 0 seu descjo de conhecer a Palavra de Deus. Voct & meu amigo. E por voct, ‘meu amigo, eu oro, enquanto vocé estuda a sua mensagem. ve Max Lucado viii Como Estudar a Biblia por Max Lucado Este livro que vocé tem em suas maos é peculiar, Palayras trabalhadas noutra linguagem. Atos realizados em era distante, Eventos registrados numa terra longinqua. Conselhos ofe- recidos a um povo estrangeiro, Este é um livro peculiar. surpreendente que alguém o leia, E antigo demais. Alguns de seus escritos datam de cinco mil anos atrés, E muito estranho, © livro fala de dilivios, incéndios ¢ terremotos in- ede um povo com habilidades sobrenacurais. E radical demais. A Biblia reclama de- vogao eterna a um carpinteiro que chamava a si mesmo Filho de Deus. E légico dizer que este livro nao deveria subsistir. Antigo demais, esquisito demais, ra- dical demais. A Biblia tem sido banida, queimada, escarnecida e ridicularizada. Estudiosos tém zom- bado dela como se fosse tolice. Reis a estigmatizaram como ilegal. Milhares de vezes 0 ti- mulo foi cavado e o canto fiinebre iniciado. Mas, de algum modo, a Biblia nunca foi sepul- tada. Ela nao apenas tem sobrevivido, mas prosperado. Ela 0 livro mais popular de toda a histéria, e o best-seller mundial! Nao hé na terra meios de explicé-la, o que talvez.seja a tinica explicagdo. A resposta? A durabilidade da Biblia nao se encontra na terra; acha-se no céu. Para os milhoes que the cém provado as afirmagoes, ¢ reivindicado as promessas, s6 existe uma resposta: a Biblia é o liyro de Deus ¢ a voz. de Deus. Enquanto a lé, é aconselhdvel que vocé pense um pouco em duas questdes: Qual 0 pro- pésito da Biblia? E, como eu estudo a Bfblia? O tempo gasto na reflexao destas duas ques- tes incremencard grandemente o seu estudo biblico. Qual é propésito da Biblia? Deixe a propria Biblia responder a esta indagagio. E que, desde a tua meninice, sabes as sagradas letras, que podem fazer-te shbio para a salva fo, pela fé que hd em Cristo Jesus (2 Viméteo 3.15). O propésito da Biblia? Salvagaio, Intimeros exemplares das Escrituras permanecem nao lidos em estantes e mesas de cabeccira, simplesmente porque as pessoas nao sabem como ler a Biblia. O que devemos fazer para tornar a Biblia real em nossa vida? A resposta mais clara encontra-se nas palavras de Jesus: “Pedi”, prometeu Ele, “e dar-se-vos-d; buscai e encontrareis; batei, ¢ abrir-se-vos-d” (Mateus 7.7). O primeiro passo para entender a Biblia é pedir que Deus 0 ajude. Devemos lé-la reve rentemente. Se alguém entende a Palavra de Deus, é por causa de Deus e nao do leitor, Mas aguele Consolador, o Espirito Santo, que o Pai enviaré em meu nome, vos ensinard to- das as coisas e vos fard lembrar de tudo quanto vos tenho dito (Joao 14.26), Antes de ler a Biblia, ore. Convide Deus a falar-lhe. Nao va as Escrituras procurando por suas ideias; busque as idéias dEle. Nao devemos ler a Biblia apenas piedosamente, mas também cuidadosamente. Busca ¢ E Deus chamou & luz Dia; ¢ as ‘trevas chamou Noite. E foia tar- de ea manha: o dia primeiro. E disse Deus: Haja uma expan- sa0 no meio das éguas, haja se- paragdo entre Aguas e éguas. TE fez. Deus a expansiio 'e fez se- paragio entre as Aguas que ‘esta- vam debaixo da expansio ¢ as Aguas que estavam sobre a expan- sio. E assim foi. *E chamou Deus & expansio Cus, ¢ foi a tarde € a manha: 0 dia segundo. ” E disse Deus: Ajuntem-se /as Aguas debaixo dos céus num lu- gals € apareca a porgdo seca, E.as- sim foi. "B chamou Deus & porpdo seca ‘Terra; e a0 ajuntamento das Aguas chamou Mares. E viu Deus que era bom. "'E disse Deus: Produza a terra erva verde, erva que dé semente, drvo- re frutifera que dé fruto segundo a sua espécie, cuja semente esteja nela sobre a terra. E assim foi. Ea terra produziu erva, erva dando semente conforme a sua espécie ¢ drvore frutifera, cuja se- mente esté nela conforme a sua espécie. E viu Deus que era bom. 9K foi a tarde ea manhi: o dia terceiro. ste h2s Hb LUTEAL MLE St 204 te SETS hein Hhavsttiy ie Fgh sn 2 “B disse Deus: Haja luminares na expansio dos céus, para haver separagao entre o dia ea noite; "e sejam eles para sinais e para ‘tem- pos determinados e para dias € anos. °° sejam para luminares na ex- pansio dos céus, para alumiar a terra, E assim foi. °F fez Deus os dois grandes lu- minares: 0 luminar maior para governar o dia, ¢ 0 luminar me- nor para governar a noite; "fez as estrelas. °E Deus os pds na expansio dos céus para alumiar a terra, Me para governar o dia ea noite, € para fazer separacio entre a huz.eas trevas. E viu Deus que era bom, "'E foia tarde ea manha: o dia quarto. ® E disse Deus: Produzam as Aguas abundantemente “répteis de alma vivente; ¢ voem as aves sobre a face da expansio dos éus. °"B Deus criou ‘as grandes bale as, e todo réptil de alma vivente que as Aguas abundantemente produziram conforme as suas es- pécies, ¢ toda ave de asas confor- me a sua espécie. E-viu Deus que era bom. ® E Deus os abengoou, dizendo: Prutificai, e multiplicai-vos, ¢ en- chei as 4guas nos mares; e as aves se multipliquem na terra. ™E foi a tarde ea manbat o dia quinto. A ariagao dos seres viventes » E disse Deus: Produza a terra alma vivente conforme a sua es- pécie; gado, e répteis, e bestas-Fe- ras da terra conforme a sua espé- cie, E assim foi. *E fez Deus as bestas-feras da ter- ra conforme a sua espécie, ¢ 0 S25 Ac Ra La LNG a jeaas He8s. TLS) MES O88 ina Génesis 2 gado conforme a sua espécie, € todo o réptil da terra conforme a sua espécie. E viu Deus que era bom. ™E disse Deus: ‘Facamos 0 ho- mem 2 nossa imagem, conforme a nossa semelhanga; e domine so- bre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, esobre o gado, eso- bre toda terra, esobre todo rép- til que se ‘move sobre a terra. * E criou Deus 0 homem & sua imagem; A imagem de Deus 0 cri- ou; macho e fémea os criou. ¥E Deus os abengoou e Deus Ihes disse: Frutificai, ¢ multiph cai-vos, e enchei a terra, ¢ sujci tai-a; ¢ dominai sobre os peixes do mar, esobre as aves dos cus, € sobre todo o animal que se move sobre a terra. » B disse Deus: Eis que vos tenho dado toda erva que dé semente ¢ que estd sobrea face de toda a ter- ra toda frvore em que hi fruto de drvore que dé semente; *set-vos-fo para mantimento. *E a todo animal da terra, ea toda ave dos edus, ¢a todo réptil da terra, em que hé alma vivente, toda a erva verde lhes serd para ‘mantimento. E assim foi. 2" viu Deus tudo quanto tinha feito, e eis que era muito bom; ¢ foia tarde ea manha: o dia sexto. Assim, os céus, ¢ a terra, ¢ todo o seu exército foram acabados. 2E, havendo Deus acabado no dia sétimo asua obra, que tinha feito, “descansou no sétimo dia de toda a sua obra, que tinha feito. *E abengoou Deus 0 dia sétimo € o santificou; porque nele descan- sou de toda a sua obra, que Deus criara e fizera. e720, HF ag eNO 160119 tem ena tic EOWA. Fa: Gn 31, T0814 Terai 129400523 PeSiB ip? Beta tie Martie rac Fecieemeste P21 GIS tarot wo bea AA formagiio do jardim do Eden * Estas sao as ‘origens dos céus ¢ da terra, quando foram criados; no dia em que 0 “SENHOR Deus fea.a terra € os céus. > Toda planta do campo ainda nao estava na terra, € toda erva do campo ainda nao brotavas porque ainda o SENHOR Deus nao tinha feito chover sobre a terra, e ndo havia homem para lavrar a terra. “Um vapor, porém, subia da terra e regava toda a face da terra. 7E formou o SENHOR Deus o ho- mem do 'pé da terra ¢ soprou em seus ‘natizes 0 lego da vida; ¢'0 homem foi feito alma vivente. *E plantou o SENHOR Deus um jardim no Eden, da banda do Oriente, ¢ pds ali o homem que tinha formado. “Eo SENHOR Deus fez brotar da terra toda drvore agradavel & vista e boa para comida, e a arvore da vida ‘no meio do jardim, ¢a érvo- re da ‘ciéncia do bem ¢ do mal. ia um rio do Eden para re- gar o jardim; e dali se dividia e se tornava em quatro bracos. "© nome do primeiro ¢ Pisom; este €0 que rodeia toda a terra de "Havild, onde hd ouro. " E 0 ouro dessa terra é bom; ali héo bdélio e “a pedra sardénica. ® Eo nome do segundo rio é Giom; este é 0 que rodeia toda a terra de *Cuxe. “Eo nome do terceiro rio é"Hi déquel; este € © que vai para a banda do oriente da Assiria; e 0 quarto rio é 0 Eufrates. SE tomou 0 SENHOR Deus 0 ho- mem ¢ 0 pés no jardim do Eden para o lavrar e o guardar. ‘SE ordenou o SENHOR Deus ao homem, dizendo: De toda arvore do jardim comers livremente, Bc C1216 5 Da paleta do Artista pere re viram esplendores ir tives. Antes que houvesse tama pessoa para ver sso, sua ctiagi estavaimpregnada de smaravihas Immpureza no encontrou lugar em seu univers. Sonde a profindeza dele Explore cada canto. Barine «ada Angulo, Amor & tudo 0 aque vor enconia, Vi 2 ini co de cada decsio que Ele tome, 0 achars Vi 30 fel de cada histria que Ele con- tou, e sto é que vock ver Amor. Ee criou um parca. Um santwirio. sem pecado, Um ess antes do medo, Um lar antes que howvesse um mo- rador hurano. Sem tempo Sem morte. Sem dor. Urra cliiva constrida por Deus para sua cima chacio. E, quando acabou, sabia: “era rite bow Mas no fo suficiente. Sua maior obra no estava completa. Une dita obra- prima era recessiria. antes que paras, Oe para os cirions wea a magnictna do Cia dor, Toque’ as flores ¢ Sita suadelcadeza, Ouga trovao € atente para 6 seu poder. Porém, conternplea frumani dade}-o érite-e experimen- te 08 ts... mais © mai, (Gtraldo da obra ne Eye of the Stoo, de Max Lucado.) APLIQUE Hoje woe encon- trarda ciagao de Deus. Quan dovirabeleza 3suavola, dei xe cada detalhe lembré-fo de levantar a cabega e lowvar Expresse sua apreciacao pela iagéo de Deus. Estimule os ‘outios a enxergarem a beleza da criagio divine APROFUNDESE Deus 0 Criador — Neemias 9.6; J6 | 26.7; Salmos 102.25; Atos. 14.15; Hebreus 113. ~et Ginesis 2. SITUESE Deus, 0 Criador, ‘completou sua obra-prima cri ando o homem ¢ a muher. Deus soprou vida e espinito na ‘obra especial de suas macs. Embora © pecado hej entrar do nomundo, Deus providen- cou a redengio do pecado. OBSERVE Deus criou 0 ser humaro com liberdade para excothé-lo ou reeté-lo. Quan- do ua criagao escolheu rebe- lar-se, Ele revelou seu plano de sahacio. MEDITE Ele ps um purhado de baro sobre outro, até que ume forma sem via jazesse sobre sol. Esa tudo. em siénco quando 0 Criadorretiou de Si mesmo algo que anda no fora visto, “Chamase 'esco- tha’, Asemente da escolha ‘Aatiagio ficou emsiéncio, fando a forma sem vida Un ani feu — Mas ese ele — Se ee escolher rao Comaletou 0 Crixor. Verba, vou mostrar he. Livres do hoje, Deus e 0 anjo wientraram 0 reino do aman Oanio perdeuo tego d- ante do que vu. Amor espon tes, Devogio voluntéria Ele nunca va ago assim... O anjo permaneceu. sem fa, fenguinto atravessavam sécu- los de repugninca. Ele jamais vira tanta sua, Coragbes mmaus, Promessas rompidas Lealdades esquecias ‘© Griadar avangou no tempo, cada vez ais adian- te no ituro, até chegarjun- t0 2 uma dnote. Una fv re que seria transformads fem um berco. Ee até péde senticacheira do feno queo — No seria mais fil nfo plantar a semente? Nao seria mais ici nfo conceder escola? — Seri! Genesis 3 ” mas da drvore da ciéncia do bem e do mal, dela ‘nao comers; porque, no dia em que dela co- meres, certamente morrerds. Como Deus criow a mulher ™E disse o SENHOR Deus: Nao é bom que © homem esteja s6; far-lhe-ei uma adjutora que "este- jacomo diante dele. ” Havendo, pois, 0 SENHOR Deus formado da terra todo ani- mal do campo ¢ toda ave dos cus, os trouxe "a Adio, para este ver como lhes chamaria; ¢ tudo 0 que Adio chamou a toda a alma vivente, isso foi o seu nome. »£ Adio pés os nomes a todo 0 gado, e as aves dos céus, ¢ a todo animal do campo; mas para o ho- mem no se achava adjutora gue cestivesse como diante dele. » Entio, o SENHOR Deus fez cair um ‘sono pesado sobre Adio, ¢ este adormeceu; € tomou uma das suas costelas e cerrou a carne em seu lugar. » E da costela que 0 SENHOR Deus tomou do homem “formou uma mulher; ¢ trouxe-a a Adio. E disse Adio: Esta é agora ‘osso dos meus ossos ¢ carne da minha carne; esta serd chamada varoa, porquanto do vario foi comada. *Portanto, deixard‘o vardo o seu pai ea sua mie e apegar-se-4 4 sua mulher, ¢ seréo ambos uma carne. *Eambos estavam nus, o homem ea sua mulher; e nao se envergo- nhavam. A tentagéo de Eva ea queda do homem Ora, a“serpente era mais as- tuta que todas as alimérias do campo que o SENHOR Deus tinha feito. E esta disse & mulher: FBDENCII eapbicna}s asieag ey 3 Meenas. ebb 0390-222 388 E assim que Deus disse: Nao co- mereis de toda rvore do jardim? 2 E disse a mulher & serpent Do fruto das drvores do jardim comeremos, >mas, do fruto da drvore que est no meio do jardim, disse De ‘Nao comereis dele, nem nele to- careis, para que no morrais. “ Entdo, a “serpente disse & mu- ther: ‘Certamente nao morrereis. > Porque Deus sabe que, no dia em que dele comerdes, se abritéo ‘os vossos olhos, ¢ sereis como Deus, sabendo o bem ¢ o mal. ©B, vendo a mulher que aquela 4rvore era boa para se comer, € agtadavel aos olhos, e arvore de- sejdvel para dar encendimento, tomou do seu fruto, ¢ comeu, € deu também a seu marido, e ele comeu com ela, 7Entao, foram abertos os olhos de ambos, ¢ conheceram que /esta- vam nus; € coseram folhas de fi- gueira,¢fizeram para i “aventais. * E ouviram a voz do SENHOR Deus, que passeava no. jardim pela viracéo do dia; e escondeu-se Adio ¢ sua mulher da presenca do SENHOR Deus, entre as érvo- res do jardim. ° E chamou 0 SENHOR Deus a Adao e disse-lhe: Onde estis? E ele disse: Ouvi a tua voz soar no jardim, e ‘temi, porque estava nu, ¢ escondi-me. "E Deus disse: Quem te mostrou que estavas nu? Comeste tu da &r- vore de que te ordenei que nao comesses? " Entio, disse Addo: ‘A mulher que me deste por companheira, ela me deu da drvore, ¢ comi. 'E disse o SENHOR Deus & mu- Iher: Por que fizeste isso? E disse a mulher: A serpente me enganou, eeu comi. in 182 2H elon, "RIB 8 oils akGedi? Aajoase "aaitoats /3teGa 235 Genesis 4 ™ Entao, 0 SENHOR Deus disse & serpente: Porquanto fizeste isso, ‘maldita serds mais que toda besta € mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre anda- rds e p6 ‘comerés todos os dias da tua vida, E porei inimizade entre tie a mulher ¢ entre a tua semente ¢ a ‘sua semente; “esta te "ferird a ca~ bega, e tu Ihe ferirés o calcanhar. “E & mulher disse: Multiplicarei grandemente a tua dor ¢ a tua conceigao; ‘com dor terds filhos; ¢ © teu desejo serd para 0 teu mari- do, ¢ ele te dominard. "Ea Adio disse: Porquanto deste ouvidos & voz de tua mulher e co- meste da drvore de que te orde- nei, dizendo: Nao comerds dela, maldita éa terra por causa de tis com ‘dor comerds dela todos os dias da tua vida. ™ Espinhos ’e cardos também te produziré; ¢ comers a erva do campo. No suor do teu rosto, comerds 0 teu pio, até que te tornes & terra; porque dela foste tomado, por- quanto és pé e em pé te tornards. *E chamou Adao o nome de sua mulher “Eva, porquanto ela era.a mae de todos os viventes. *E fez o SENHOR Deus a Adio e asua mulher ttinicas de peles e os vestiu. ® Entio, disse 0 SENHOR Deus: Eis ‘que o homem é como um de nds, sabendo 0 bem ¢ 0 mal; ora, pois, para que nao estenda a sua mio, ¢ tome também da drvore da vida, 'e coma, e viva eternamente, 0 SENHOR Deus, pois, o langou fora do jardim do Bien para la- vrar a terra, de que fora tomado. *E, havendo langado fora 0 ho- mem, pés ‘querubins ao oriente "aM 14605 ag 77 AIS ME Joa oR "3A5:k 4 Joss yo wy Gaza? "ae 1c! yeas do jardim do Eden ¢ uma ‘espada inflamada que andava ao redor, para guardar o caminho da érvore da vida. Onascimento de Caim, Abel ¢ Sete E conheceu Ado a Eva, sua mulher, e ela concebeu, ¢ tevea “Caim, e disse: Alcancei do SENHOR um vario. 7E teve maisa seu irmao “Abel; ¢ Abel foi pastor de ovelhas, Caim foi lavrador da terra. > E aconteceu, ao cabo de dias, que Caim trouxe do fruto da terra uma oferta ao SENHOR, *E Abel também trouxe dos pri- mogénitos das suas ovelhas ¢ da sua gordura; eatentou o SENHOR para “Abel ¢ para a sua oferta. > Mas para Caim e para.a sua ofer- ta no atentou. E irou-se Caim fortemente, € descaiu-lhe 0 seu semblante. © 0 SENHOR disse a Caim: Por que te iraste? E por que descaiu o teu semblante? *Sebem fizeres, nao haverd “acc taco para ti? E, se nao fizeres bem, o pecado jaz.a porta, e para ti serd 0 seu desejo, ¢ sobre cle dominards. O primero homicidio *E falou Caim com o seu irmio ‘Abel; e sucedeu que, estando eles no campo, se levantou Caim con- tra o seu irmao Abel e ‘o matou. ° E disse 0 SENHOR a Caim: Onde est Abel, teu irmao? E ele disse: Nao sei; sou eu guardador do meu irmao? F disse Deus: Que fizeste? A vor do sangue do teu irmao clama a mim desde a terra. ™E agora maldito é tu desde a terra, que abriu a sua boca para Mg 53,128 14138 Mtl de S15 R160 ‘Souceat tesa amas FESPUDaS ONT SEITE pease Mawrspoier ite 4a eH 7 Respondeu devagaro Ci- ador. ~ Mas remover a escolha Ele entraram rovamente no Jartim. © Criador olhou Seriamente para a criagio de barro. Uma inundacao de amor cresceu dentro dele le morrera pela ciagio an tes de havé-la feito. © vuto de Deus curvou-se sobre a face escupida © soprou. O 6 moveu-se 105 labios do novo ser. O pet levantou, rachando a lama vermeha ‘As bochechas_encarnaram Um dedo mexeu'se. E un coho se abu Prém, mais inareditive «que movimento d came foi © agiar-se do expt, Aque les que puderam er insta. do afar Tale tera sido 0 verto © primero a cer. Tabez 0 que as estrels vr nagquele momen sep © que as ten feto citar desde eno, Tal: vez tera fcado para um anjo © coshchar: Parece com... parece demas com... & Ell © anyo nio fava da face, das figdes, 4 66 corpo. Ele estavaolhando dentro. — para. ala — € eternal — Ofegou um out. Deniro do homem, Deus hava posto uma semente d- vina.Asemente de simesmno © Deus de poder haviacriado © mais poderoso da tera. O Criador erara no ma cria- twra, mas outro criador. E Aquele que escolhera amar criara um que podia ribuir este amor. ‘Aoora a escoha € nossa, (Credo da obra lo te Ee af the Storm, de Max Lucado.) APLIQUE Deus no 105 a ‘ou come robés, Lowve-0 por hos conceder capacidade de servito 2 amé-lo espontanea- mente. Agradeca-lhe pelos dons datiberdacie eda erat dade. Separe tempo, hoje, parao lowor cratvo. Faca ji esta escolha, APROFUNDESE Espitto Hu mano ~ J6 32.8; Edesiastes 12.7: As 7.59. ve Genesis SITUESE Depois que pecou no Jarcim co (Gn 3), 0 pecado aletou 8 ‘existndia de toda criatura vi- vente. O pecado © a morte reinaram em cada incividuo. Enoque, uma notivel exce fo da punigio de morte, *andava com Deus’. OBSERVE Caim, assim como ‘Adio e Eva, queria manter distincia de Deus. fm vez de ceonfessar seu pecac, tentou cescondé-lo do Senor. [MEDITE Eis acu ura bo re 7a: Aqueles que oxulam se- reds de Deus martém ds- {inca Dele, Aqueles que sao Ironestos cory Deus chegam mmaispero Dele Ison é navidad, Acon teceertreas pessoas. Se woe? me empresa seu caro, © aanco, esareiansoso para vé-lo novamente? Néo. Ni0é por coincidénca que a conseqiéncia do orimeio pe cado (0: ocutar-se ats dos arbustos. Adio e Eva come: ram do frat, ovary Deus fo jardin, eemibrenharam-se entre as fol. ‘Onde ests?" Indagou Deus, Nio que Ele nfo sox bese. Ele sia etamente conde estavam. A questzo era expr, nko geogrica. Ea- tminem onde vocts eso, f thos, Vocts no estio onde deveriam, Vocés estavam 20 meulado, Agora esio escon- dios emi. Genesis 5 receber da tua méo 0 sangue do teu irmao. 2 Quando lavrares a terra, no te dard mais a sua forca; fugitive © ertante serds na terra. “ Entio, disse Caim ao SENHOR: E maior.a minha maldade que a que possa “ser perdoada. “Bis que hoje me langas da face da terra, e da tua face me escon- dere e serei fugitivo e errante na terra, e serd que todo aquele que me achar me matard. "=O SENHOR, porém, disse-lhe: Portanto, qualquer que matar a Caim sete vezes seré *castigado. E pés o SENHOR um sinal em Caim, pata que nio o ferisse qualquer que o achasse. ‘E saiu Caim de diante da face do SENHOR ¢ habitou na terra de Node, da banda do oriente do Eden. "E conheceu Caim a sua mulher, e ela concebeu e teve a Enoque; ¢ ele edificou uma cidade e cha- mou o nome da cidade pelo nome de seu filho Enoque. "Ea Enoque nasceu Trade, ¢ Tra- de gerou a Meujael, e Meujael ge- rota Metusael, e Metusael gerou a Lameque. ”E comou Lameque para si duas mulheres; 0 nome de uma era Ada, ¢ 0 nome da outra, Zild. »E Ada teve a Jabal; este foi o pai dos que habitam em tendas ¢ #ém gado. 2B 0 nome do seu irmio era Ju- bal; este foi o pai de todos os que tocam harpa e érgio. *E Zild também teve a Tubalca- im, mestre de toda obra de cobre e de ferro; ea irma de Tubalcaim ‘foi Naama. °° disse Lameque a suas mulhe- res: Ada e Zild, ouvi a minha voz; vés, mulheres de Lameque, escu- En isa 48 Hb at Soo 9 fice a tai o meu dito: porque eu matei um vario, por me ferir, € um jo- vem, por me pisar. ™ Porque sete vezes Caim seré ?'vingado; mas Lameque, setenta veres sete, *E tornou Adao a conhecer a sua mulher; ¢ ela teve um filho e cha~ mou o seu nome “Sete; porque, disse ela, Deus me deu outra se- mente em lugar de Abel por- quanto Caim 0 matou. *E a Sete mesmo também nasceu um filho; e chamou 0 seu nome Enos; entao, se comegou a invo- car 0 nome do SENHOR, A gencalogia de Sete Este é 0 livro das geracées de Adio. No dia em que Deus criou o homem, & semelhanga de Deus 0 fea. * Macho “e fémea os criou, ¢ os abengoou, ¢ chamouo seu nome Adio, no dia em que foram criados. +E Adio viveu cento e trinta anos, € gerou um filho a sua semelhan- ga, conforme a sua imagem, ¢ chamou o seu nome Sete. +E foram os dias de Adio, depois que gerou a Sete, oitocentos anos, € gerou filhos filhas. *E foram todos os dias que Ado viveu novecentos ¢ trinta anos; ‘e morteu. B viveu Sete cento e cinco anos ¢ gerou a Enos. TE viveu Sete, depois que gerou a Enos, oitocentos e sete anos ¢ ge- rou filhos e filhas. *E foram todos os dias de Sete no- vecentos e doze anos; € morreu, °E viveu Enos noventa anos; € ge- rou a Caina. E viveu Enos, depois que gerou a Caind, oitocentos e quinze anos € gerou filhos ¢ filhas. SKOA1Z,IGH1URORW SS2N0215 Genesis 6 " E foram todos os dias de Enos novecentos ¢ cinco anos; emorreu. "E viveu Caind setenta anos e ge- rou a Maalalel. E viveu Caind, depois que gerou a Maalalel, oitocentos e quarenta anos e gerou filhos filhas. “FE foram todos os dias de Caina novecentos e dez anos; € morreu. E viveu Maalalel sessenta e cin- co anos e geroua Jarede. *B viveu Maalalel, depois que ge- rou a Jarede, oitocentos ¢ trinta anos e gerou filhos ¢ filhas. E foram todos os dias de Maala- lel oitocentos ¢ noventa e cinco anos; € morreu. "B viveu Jarede cento e sessenta € dois anos e gerou a Enoque. » E viveu Jarede, depois que ge- rou a Enoque, oitocentos anos € gerou filhos e filhas. 'E foram todos os dias de Jarede novecentos e sessenta e dois anos; € morreu. * E viveu Enoque sessenta e cinco anos ¢ gerou a Metusalém. *B andou Enoque com Deus, de- pois que gerou a Metusalém, tre- zentos anos e gerou filhose filhas. » E foram todos os dias de Eno- que trezentos e sessenta ¢ cinco anos. » E andou Enoque com Deus; ¢ no se viu mais, porquanto Deus parasi o tomou. E viveu Metusalém cento ¢ oi tenta ¢ sete anos gerou a La- meque. ¥E viveu Metusalém, depois que gerou a Lameque, setecentos € oi tenta ¢ dois anos e gerou filhos ¢ filhas. 27F foram todos os dias de Metu- salém novecentos ¢ sessenta ¢ ove anos; € morreu. *E viveu Lameque cento e oiten- ta e dois anos e gerou um filho. Sess 1 a ame mo SA 2 Be Gctin inal sek yeitt Macpeemmens PedeNetn won eniigen ee wesa0 » E chamou o seu nome *Noé, | dizendo: Este nos consolara acer- | ca de nossas obras e do trabalho | de nossas maos, por causa da terra que 0 ‘SENHOR amaldicoou. *Eviveu Lameque, depois que ge- roua Noé, quinhentos e noventae cinco anos e gerou filhose filhas. | “B foram todos os dias de Lame- que setecentos © setenta e sete anos; € morreu. *E era Noé da idade de quinhen- tos anos ¢ gerou Noé a ‘Sem, Cam e Jafé. A corrupcao geral do género humano E aconteceu que, como os homens comegaram a multi- plicar-se sobre a face da terra, ¢ Thes nasceram filhas, | 2yiram os filhos de Deus queas fi- Ihas dos homens eram “formosas; | € tomaram para si mulheres de todas as que escolheram. » Entio, disse 0 SENHOR: Nao | contenclers o'meu Espirito para sempre com 0 homem, porque ele também ¢ carne; ‘porém os seus dias sero cento e vinte anos. “Havia, naqueles dias, gigantes na | tetra; e também depois, quando _ os filhos de Deus entraram as fi- Ihas dos homens e delas geraram {filhos; estes eram os valentes que houve na antiguidade, os varbes de fama. *E viu o “SENHOR que a maldade do homem se multiplicara sobre a terra e que toda imaginacio dos pensamentos de seu coragao era 6 md continuamente. “Entao, arrependeu-se o SENHOR de haver feito o homem sobre a terra, e pesou-lhe em seu coracio. 7 E disse 0 SENHOR: Destruirei, de sobre a face da terra, o homem que criei, desde © homem até a0 (O segredo ergue uma bar- reira, enquanto a confissic constr6i uma ponte, Era ura vez dos fazende: ros que ndo consepuiam ter bom relacionamento. (Unna larga ravina ja separa- vvaas duas fazencas, mas, em sinal de sua aversao mctua, cada um construiy uma cerca tem seu lado do precipico, para manter 0 outro fora. Certa vez, contudo, a fha eum deles encontrauo ho do outro, e ambos se pao: raram, Determinados a no far separados pela insensa- lez de seus pas, ees desman. ‘charam a cerca, © usaram a ‘madeira para construir uma Ponte sobre a ravina, A confissio fazisto. A con- fesio do pecado toma-se uma ponte sobre a qual pode- ‘mos caminhar de volta a pre- senga de Deus. (Estraido. da cobra Nas Gorras da Groca, de Max Lucado.) APLIQUE Perpuntea si mes mo: O que estou tentando esconder de Deus? Confesse © seu pecado e 0 seu desejo Ge vversua vid independen tede Deus. Ele quer que via- ‘mos em total adoragio e co- rmunhio com Ele APROFUNDE-SE Muodos desfeitos - Exodo 2—3; 2 Sa eon eee ors ~ el! elt 10 SITUESE © tamanho daarca de Noé assepura que ela p0- dra conter dez mil arias. Esse evento cramitico de- monsirou 2 indignagio de Deus para com 0 pecado ¢, também, sua misericérea para com aqueles que o buscar. OBSERVE Fidelidade a Deus ‘continua sendo vial, mesmo se alguém 3 nossa vata mar: cha Sob o toque de urn tam- bor diererte, -MEDITE Alpuém pode exca mar: —Voc® nunca me veré fazendg isto! =e Correto obediente, Not ficousozinho contra um mun: do beberréo.e kmurosa que Sorvia a si proprio tolamente. ‘Quem dia que No@ acaberia bbado? Abraao estava disposto a bedecer, @ ponto de sacri car seu Grico fio, Quem imagiaria que ele mentiia impasivelrmente? ‘Ohe pare Lé pondo-se contraa depravacao de Sodo- rma. Be escapou por pouco a destrugio da dade. Een to @iu em incesto, Quem pensaria tal cosa? ‘Ousado e corajoso, Davi foi bravo 0 sufcente para ls ter contra Gols, 0 guerrero flisteugigante, Mas tarde, por rmedode seus inimiges, ele os fez avedtar que era mauco. Génesis 7 animal, até ao réptil ¢ até a ave dos céus; porque me arrependo de os haver feito. * Nog, ‘porém, achou graga aos olhos do SENHOR. ° Estas so as getagies de Noé: ‘Noé era vario justo ¢ reto em suas sgeracies; Noé andava com Deus. Sem, "A terra, porém, estava corrom- pida diante da face de Deus; een cheu-se a terra de violencia. E viu Deus a terra, ¢ eis que es- tava corrompida; porque toda came havia corrompido o sett ca- minho sobre a terra. Deus anuncia o dilivio a Noe “Entao, disse Deus a Noé: O fim de toda came é vindo perante a minha face; porque a terra esté cheia de violencia; ¢ cis que os desfarei com a terra. ™Faze para ti uma arca da madei- ra de gofer; fards “compartimen- tos na arca ea betumaris por den- tro e por fora com betume. SE desta maneira fards: de trezen- tos cdvados 0 comprimento da arca,edecingiienta cévados a sua largura, ¢ de trinta cévados a sua altura. ** Fards na arca uma janela e de um cévado a acabards em cima; ¢ a porta da arca poris ao seu lado; farlhe-ds andares baixos, segun- dos ¢ tercciros. ® Porque eis que eu trago um ‘di- hivio de éguas sobre a terra, para desfazer toda carne em que hi es- pirito de vida debaixo dos céus: tudo 0 que hd na terra expirard. ™ Mas contigo estabeleccrei 0 meu pacto; ¢ entrards naarca, tue os teus filhos, ea tua mulher, ¢as mulheres de teus filhos contigo. "E de tudo 0 que vive, de toda carne, ois de cada espécie mete- ris na arca, para os conservares vos contigo; macho e fémea serao. ™ Das aves'conforme a sua esp cie, dos animais conforme a sua espécie, de todo réptil da terra conforme a sua espécie, dois de cada espécie virdo a ti, para os con- servares em vida. "E tw toma para ti de toda comi- da que se come ¢ ajunta-a para ti ete serd para mantimento, para ti ¢ para cles. ® Assim fez Noé; ‘conforme tudo 6 que Deus lhe mandou, assim fez. Noé e sua familia entram na arca Depois, disse 0 SENHOR a Noé: Entra tue toda a tua casa na arca, porque te hei visto “justo diance de mim nesta geragio. * De todo animal ‘impo tomarés ppara ti sete esete: 0 macho e sua fé- mea; mas dos animais que nao sio limpos, dois: 0 macho esua fémea. *Também das aves dos céus sete ¢ sete: macho e fémea, para se con- servar em vida a semente sobre a face de toda a terra. “Porque, passados ainda sete dias, farei chover sobre a terra quaren- ta dias e quarenta noites; e desfa- rei de sobre a face da terra toda substincia que fiz. SE fee Noé conforme tudo 0 que © SENHOR Ihe ordenara. “E era Noé da idade de seiscentos anos, quando 0 dilivio das éguas veio sobre a terra. *Eentrou Noé, eseus filhos, e sua mulher, ¢ as mulheres de seus fi- Ihos com ele na arca, por causa das éguas do dilivio. * Dos animais limpos, ¢ dos ani- mais que nao séo limpos, ¢ das aves, ede todo o réptil sobre a terra, * entraram de dois em dois para Noé na arca, macho ¢ fémea, como Deus ordenara a Noé.