Está en la página 1de 12

HERDEIRO

(Música: Adolfo Lino / Letra: Edson Agostinho)

F G7
Sou herdeiro das estrelas
Bb F
Eu sou filho do Senhor
F G7
Cultivo sonhos de beleza
Bb F
Na grandeza do amor

F G7
Com as estrelas eu sempre sonho
Bb F
E nelas vejo brilhar
F G7
A viva esperança de um dia
Bb F
Junto a elas poder estar

Bbm F
Ver coisas tão sublimes
Bbm F
Da pátria espiritual
Bbm F
Morada verdadeira
Bb C
Do espírito imortal

G A7
Não importa o quanto espere
C G
Eu sei que não vou perdê-las
G A7
Pois sou filho do Senhor
C G
E herdeiro das estrelas

Solo: (G A7 C G) 2x

G A7
Pois sou filho do Senhor
C G
E herdeiro das estrelas
Cm G
Herdeiro das estrelas (4x)
SERPENTES E POMBAS
(Clésio Tapety)

G D/F# Em Bm
Andando sempre entre espinhos / Ovelhas no meio de lobos
C D
Tudo por causa de uma mensagem de amor

G D/F# Em Bm
Andando sempre sobre ovos / Passando por campos minados
C D
Esse é caminho dos andarilhos do amor

G D/F# F Em
Prudentes como as serpentes / E simples como as pombas
G D/F# F Em F F#
Prudentes como as serpentes / E simples como as pombas

G D/F# Em Bm
Sem temer as críticas / Sem morder a isca
C D
Esse é caminho de quem nada nas ondas do amor

G D/F# Em Bm
Sem peso desnecessário / Que impeça de voar
C D
Esse é o caminho de quem usa as asas do amor

G D/F# F Em
Prudentes como as serpentes / E simples como as pombas
G D/F# F Em F F#
Prudentes como as serpentes / E simples como as pombas

G D/F# Em Bm
Dificuldade é o tempero / É bem melhor assim
C D
Muito mais sofreu o nosso Mestre do amor

G D/F# Em Bm
Sorrindo para os problemas / São apenas degraus
C D
E vamos nós, perseverando até o fim

G D/F# F Em
Prudentes como as serpentes / E simples como as pombas
G D/F# F Em F F# G
Prudentes como as serpentes / E simples como as pombas
A VIDA VALE MUITO MAIS QUE ISSO
(Clésio Tapety)

(E B A Am)
Quantos perdem tempo com
Venenos que tiram a lucidez
Quantos perdem tempo com
O vício da embriaguez
Quantos perdem tempo com
Sexo sem amor
Quantos perdem tempo com
Paixão, ciúme e dor

C#m C#m7M A Ab
A vida vale muito mais (3x) Que isso (2x)

(E B A Am)
Quantos perdem tempo com
Curtição e nada mais
Quantos perdem tempo com
O drama que o aborto traz
Quantos perdem tempo com
Críticas a outro irmão
Quantos perdem tempo com
A mágoa no coração

C#m C#m7M A Ab
A vida vale muito mais (3x) Que isso (2x)

(E B A Am)
Quantos perdem tempo com
Ambição pelo poder
Quantos perdem tempo com
Caprichos pra se envaidecer
Quantos perdem tempo com
A ganância em ter mais e mais
Quantos perdem tempo com
As aparências de classes sociais

C#m C#m7M A Ab
A vida vale muito mais (3x) Que isso (2x)

A B G#m C#m
O que estamos fazendo com nossa vida?
A B G#m C#m
O que estamos fazendo com o tempo que Deus nos deu?
A B A Am E E7M
O que estamos fazendo?
ECOS DO MONTE
(Clésio Tapety)

C7M G
Ei, escuta a canção
C7M G
Que ressoa em teu coração
C7M G
Que o vento traz de longe
C7M G
São os ecos do monte

Am Am9 Em
A voz do verbo de Deus
Am Am9 Em
Ainda ecoa no universo
Am Am9 Em
Está gravada na tua mente
Am G
Basta ouvir a razão (2x)

C7M G
Ei, quando a dúvida bater
C7M G
Quando estiveres a sofrer
C7M G
Ouve os ecos do monte
C7M G
Que o vento traz de longe
DOUTRINA ESPÍRITA
(Rossandro Klinjey)

(G D Em C)
Clara e além do tempo
Desperta sentimentos de amor
Graças eu te dou, Senhor
Porque nos enviastes o Consolador
Doutrina de amor e paz, que nos traz a luz
Prometida por Jesus, o irmão de amor
O irmão de amor
Agora tenho o instrumento de me transformar
E sei que não estou sozinho
Há irmãos a me ajudar
Ah, quem dera poder todo homem entender
Quanta luz tu tens a oferecer
Ah, quem dera poder todo homem entender
Quanta luz tu tens a oferecer
Doutrina de amor
Doutrina de amor
Doutrina de amor
HINO A BEZERRA DE MENEZES
(Música: Natália Freitas / Letra: Autor desconhecido)

C G
Oh, vinde bom amigo amado benfeitor
Am F
Das luzes do infinito de cintilações
C G
Oh, vinde amenizar a nossa grande dor
Am F
Espargindo em mancheias as consolações
C G
Bezerra de Menezes, servo do Senhor
Am F
Apóstolo do bem a nos iluminar
C G
Celeste mentor, em passes de amor
Am F
Águas fluidificai

C G
Movimentai vossas falanges protetoras
Am F
Dai-nos as bênçãos redentoras
C G
Balsamizando os corações
Am F
Balsamizando os corações
C G
O sofrer é um bem divinal
Am F
Que o Senhor nos envia do astral
C G
É o cadinho imortal da perfeição
Am F
É o cadinho imortal da perfeição
C G Am
A nos redimir das nossas vidas mal vividas
F
Ante o Evangelho todo luz
C G
Sois apoteose do amor
Am F C G Am F
Redimi nossa dor com Jesus uh uh uh
C G Am F
Com Jesus uh uh uh
SE ALGUÉM LHE PROCURAR
(Música: Clésio Tapety / Letra: autor desconhecido)

G Em D D7
Se alguém lhe procurar com frio é porque você tem o cobertor
G Em D D7
Se alguém lhe procurar com alegria é porque você tem risos de amor
G Em D D7
Se alguém lhe procurar com lágrimas é porque você tem como enxugá-las
G Em D D7
Se alguém lhe procurar com palavras é porque você tem como escutá-las

C Bm Am
Se alguém lhe procurar com dor é porque você tem como aliviá-la
C Bm Am
Se alguém lhe procurar com fome é porque você tem como amenizá-la

G Em D D7
Se alguém lhe procurar com dúvidas é porque você tem a solução
G Em D D7
Se alguém lhe procurar com desânimo é porque você tem a animação
G Em D D7
Se alguém lhe procurar com desespero é porque você tem a serenidade
G Em D D7
Se alguém lhe procurar com tumultos é porque você tem a tranqüilidade

C Bm Am
Se alguém lhe procurar com dor é porque você tem como aliviá-la
C Bm Am
Se alguém lhe procurar com fome é porque você tem como amenizá-la

(solo)

G Em
Se alguém lhe procurar / Se alguém lhe procurar (2x)
D D7 G
Escute e então ajude
CANTO UNIVERSAL
(Rossandro Klinjey)
Tom: C

C
Ao que é todo som
G/B Am F
Todo tom, toda cor
C G/B
E uma mesma luz

Am F G F
Eu louvo, eu sirvo e busco
C
Seguindo meu caminho

C
A quem chamas Deus,
G/B Am F
Jeová, Bhrama, Alá
C G/B
E também Senhor

Am F G F
Tu louvas, tu serves e buscas
C G/B
Seguindo teu caminho

D/F# Am7
Ao o que é com muitos nomes
D/F# Am7
E uma só natureza
C G/B
Para Ele entoamos
F G
Esse canto universal

Am F
O louvamos, O servimos
G F
E amamos
C
Seguindo mil caminhos
VIVÊNCIA CRISTÃ
(Rossandro Klinjey)

A E/G# F#m
Dons, dádivas de Deus
A E/G# F#m
Há muitos a precisar
D E
Do socorro e da luz
D E
Que a mediunidade trará

A E/G# F#m
Não se esqueça, porém
A E/G# F#m
Não vá se precipitar
D E
Antes é necessário
D E
Sua vida mudar

A E/G# F#m
Então vamos servir
A E/G# F#m
Construir um lugar
D E
Onde a preocupação
D E
Será tranqüilizar

D E
A quantos procurarem
A E/G# F#m
Ajuda, abrigo e amor
D E
Basta lhes oferecer
A E/G# F#m
A sua vivência cristã
D E D
E tudo mais será...

A E/G# F#m D
Uma linda manhã
A E/G# F#m D
Será paz
A E/G# F#m D
Sua vivência cristã
A E/G# F#m
Uma linda manhã
D A
Será paz
NOITE IGUAL
(James W. Marotta)

Introd.: (A9 B11) 4x

E B11 A9 B11 E
Noite igual nunca haverá neste mundo
B11 A9 B11 C° C#m G#m
E o céu não brilhará outra vez igual
A B11
Dia de festa
E B11 A9 B11
Sideral, anjos cantando
E B11 A9 B11 C°
É natal, nasceu o Cristo
C#m G#m A B11 C°
O Mestre irmão, para mostrar
C#m G#m A B11
Que no coração há um lugar para
E B11 A9 B11
Todo irmão, sem cor, sem raça
E B11 A9 B11 C°
Sem distinção, te damos graças
C#m G#m A B11 C°
Oh, Mestre irmão, por nascer
C#m G#m
Entre nós a cada dia
A B11 C° C#m G#m A
Que vem junto com o sol, trazendo a paz
G#m A B11 (A9 B11) 4x E
E a esperança de ver outra noite igual
RELIGIÕES
(Clésio Tapety)

F#m E D
Religiões são escolas onde estagiamos
F#m E D
Há tantas formas, tantos meios de aprender o bem
F#m E D
Há tantos livros, tantos mestres pra que aprendamos
F#m E D
Cada aprendiz com o método que mais lhe convém

F#m E D
Interpretações são fragmentos de uma mesma verdade
F#m E D
São conta-gotas, são degraus rasgando véus
F#m E D
No fim das contas o que conta é a caridade
F#m E D
Um só caminho: é o bem que nos leva aos céus

Bm E A D A/C#
Não importa qual a sua religião
Bm E A D A/C#
Deus é um só e somos todos irmãos
Bm E A D A/C#
A salvação não depende do que você crê
Bm E A F#m
É a sua caridade o que Deus quer ver
NÃO-VIOLÊNCIA
(Clésio Tapety)

(Em A)
A força não vem
De uma capacidade física
Mas ela provém
De uma vontade intrínseca
De uma vontade indomável

Não se luta contra o mal


Usando a violência
Algo é mais forte que o metal
É a não-obediência
É não-cooperação incansável
Em D
C Em
Não existe outro meio de mudar o mundo
C Em
É mudando a si mesmo a cada segundo
C Em
Auto-controle e amor e perdão ao agressor
C Em
Não violência é o meio, verdade é o fim

(Em A)
Quem agride e atormenta
Precisa de educação
Resposta não-violenta
Desarma qualquer coração
Criatividade e perdão sempre vencem

Não basta a alguém


Apenas não fazer o mal
Preciso é fazer o bem
Com autoridade moral
Só se vence com o amor sublimado