Está en la página 1de 7

Prof. Ms.

Aljucy Aguiar

Sujeitos do processo educativo


Sujeito x educao
Educando = os objetos da ao dos sujeitos-educadores

; Natureza do que ensinado Componentes sociais e no-sociais da experincia humana microcosmo x macrocosmo

Socializao
O que socializao? Padres sociais absolutos incorporao dos padres sociais : o mundo da criana

se torna seu mundo Linguagem Interao e de identificao com os outros : A criana no s aprende a reconhecer certa atitude em outra pessoa e a compreender seu sentido, mas tambm aprende a tom-la ela mesma. (Berger, 1990,p. 207)

Socializao
A criana aprende a reconhecer certas atitudes em

pessoas prximas os outros significativos compreendendo suas razes, mas aprende tambm a toma ela mesma essas atitudes, identificando uma entidade mais abrangente que conforma essas orientaes a sociedade, ou o outro generalizado, na expresso de George Mead

socializao
A educao a ao exercida, pelas geraes adultas, sobre as geraes que no se encontrem ainda preparadas para a vida social, tendo por finalidade suscitar e desenvolver, na criana, certo nmero de estados fsicos, intelectuais e morais, reclamados pela sociedade poltica, no seu conjunto, e pelo meio especial a que a criana, particularmente, se destinena. (Durkheim, 1955: 32)

socializao?
Sem a sociedade, o homem estaria entregue a seus

instintos mais primrios, e que , de fato, a sociedade que realiza o carter de humanidade no prprio homem

socializao?
No se pode tomar o processo de socializao apenas

pelo seu aspecto policialesco visto como uma srie de controles externos apoiados por um sistema de recompensas e castigos mas deve-se tom-lo tambm, e principalmente, como parte essencial do processo de humanizao integral e plena realizao do potencial do indivduo Qual o sentido da socializao?