Está en la página 1de 356

FAZENDO GÊNERO 10

Desafios atuais dos feminismos
16 a 20 de sete mbro de 2013

CADERNO DE PROGRAMAÇÃO

Promoção Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC Instituto de Estudos de Gênero – IEG Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC Laboratório de Relações de Gênero e Família – LABGEF Patrocinadores Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis da UFSC – PRAE Secretaria de Cultura da UFSC – SECULT Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas - PPGICH Católicas pelo Direito de Decidir – CDD Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência – SNPD Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial – SEPPIR Secretaria de Política para as Mulheres – SPM

Caderno de Programação Organização Jair Zandoná Edição Adriana Barth Barbaresco Camila Costa Marques Izabele Cristini da Silva Jenifer Willrich Susy Aparecida de Carvalho Capa Gracco Bonetti Diagramação Rita Motta Seminário Internacional Fazendo Gênero Universidade Federal de Santa Catarina Instituto de Estudos de Gênero Centro de Filosofia e Ciências Humanas Bloco D, sala 201, 2º andar Campus Universitário Florianópolis, Santa Catarina, Brasil CEP: 88040-900 http://www.fazendogenero.ufsc.br/10/ fazendogenero@contato.ufsc.br

Sumário

Apresentação........................................................................................................7 Comissão Organizadora.....................................................................................9 Estrutura do Evento..........................................................................................11 Conferências......................................................................................................12 Mesas-Redondas................................................................................................13 Mostra Audiovisual...........................................................................................22 Mostra de Fotografias.......................................................................................26 Programação Arte e Gênero.............................................................................28 Minicursos/Oficinas..........................................................................................31 Reuniões de Grupos e Núcleos........................................................................34 Lançamentos......................................................................................................36 Acessibilidade e Deficiência no Fazendo Gênero 10....................................40 Projeto Crianças no Fazendo Gênero.............................................................41 Simpósios Temáticos.........................................................................................44 Exposição de Pôsteres.................................................................................... 303 Restaurantes e Bares....................................................................................... 352

Dados para acesso à internet sem fio nos dias do evento: Login: fazendogenero.2013@ufsc.br Senha: Fazendogenero2013

Apresentação
O Seminário Internacional Fazendo Gênero 10 – Desafios Atuais dos Feminismos ocorre na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em Florianópolis, entre os dias 16 e 20 de setembro de 2013. Promovido pelo Centro de Filosofia e Ciências Humanas e pelo Centro de Comunicação e Expressão, bem como por outros Centros da UFSC, em parceria com o Centro de Ciências Humanas e da Educação da Universidade Estadual de Santa Catarina (UDESC), o evento congrega pesquisadoras/es do Instituto de Estudos de Gênero e objetiva dar sequência à série de encontros que se realizam tradicionalmente na UFSC desde 1994, tendo já se consolidado como importante espaço de discussões no campo dos estudos feministas e de gênero, com dimensão internacional a partir de 2000. Na nona edição, realizada em 2010, contamos com cerca de quatro mil participantes, vinculadas/os a diferentes instituições nacionais e estrangeiras, representando várias gerações que atuam na academia e nos movimentos. Na edição atual, a programação inclui três conferências. Sara Beatriz Guardia, escritora, fundadora e diretora do Centro de Estudios La Mujer en la Historia de América Latina e professora da Universidade de San Martín de Porres, em Lima, Perú, abordará o tema Exclusión y Género en los Procesos de Independencia de los Países Latino-americanos. Sarah Schulman, escritora e ativista norte-americana, professora de Humanidades na City University of New York, falará sobre o tema Amigos diante da Família, Sociedade diante do Governo. Rekha Pande, que coordena o Centre for Women’s Studies da Universidade de Hyderabad, Índia e leciona no Departamento de História, proferirá sua conferência sobre o tema Desafios do Feminismo na Índia e Ásia do Sul. Os/as cinco mil participantes poderão debater as principais questões dos feminismos atuais, que serão abordadas em 28 mesas-redondas e 114
Caderno Programação

de

|7

Minicursos. que adotará uma pedagogia infantil mais diretamente articulada com as questões do evento. entre outros. serão mais uma vez oferecidos. as dificuldades enfrentadas nas lutas pelo direito ao aborto. Mais uma vez. que reunirá 36 obras. temos certeza de que o Fazendo Gênero trará uma grande e saudável contribuição para os estudos feministas e de gênero. iniciado em 2010. 02 de agosto de 2013 Luzinete Simões Minella Susana Bornéo Funck Gláucia de Oliveira Assis 8| F a z e n d o G ê n e r o 10 . as desigualdades de gênero no âmbito do trabalho e da distribuição de renda. principalmente as de baixa renda. a realização da I Exposição Internacional Arte e Gênero. e a incorporação de princípios de acessibilidade visando seu enraizamento no campo das teorias feministas e dos estudos de gênero. As inovações desta edição incluem a mudança na estruturação dos Simpósios Temáticos. nos contextos pós-coloniais e transmodernos. Mostra Audiovisual e de Fotografias. as contramarchas nas lutas pelos direitos LGBT e contra os efeitos de subordinação das interseções de gênero. que fazem parte tradicionalmente da programação do Fazendo Gênero. Florianópolis. violências domésticas e institucionais de gênero. a grave situação das mulheres. gerações. Um excelente evento a todas/os. O encontro sediará também várias reuniões de grupos. núcleos e redes de pesquisa nacionais e internacionais. que incluem tópicos como a baixa participação das mulheres nas instâncias de poder político. bem como a exibição de várias performances. a reestruturação do projeto Crianças no Fazendo Gênero. raça/etnia e deficiência. classe. atualmente organizados em dois ciclos.Simpósios Temáticos. oficinas. iniquidades em saúde. exposição de pôsteres e lançamentos de livros. e para os movimentos sociais e políticos a eles relacionados. de modo a proporcionar a absorção de um número maior de trabalhos.

Amorim Crishna Correa Letícia Barreto Lorena Zommer Marlene de Fáveri Mauricio Gomes Miriam Pillar Grossi   Assessoria Técnica Carmem Vera Gonçalves Ramos Jair Zandoná Atividades Culturais Gabriela Miranda Marques Júlia Godinho Marie Leal Rosa Blanca   Crianças no FG Juliane Di Paula Queiroz Odinino Regina Bragagnolo   Comissão Científica Cláudia de Lima Costa Leandro Castro Oltramari Maria Regina Azevedo Lisbôa Silvia Maria Favero Arend Simone Pereira Schmidt   Comunicação Carolina Hommerding Gláucia de Oliveira Assis Izabela Liz Schlindwein Jimena Massa Rochelle Cristina dos Santos Consultoria Joana Maria Pedro Mara Coelho de Souza Lago Zahidé Lupinacci Muzart Caderno de Programação |9 . lazer e transporte Anna Carolina H. alojamento.Comissão Organizadora Coordenação Geral Luzinete Simões Minella Susana Bornéo Funck Glaucia de Oliveira Assis   Acessibilidade Anahí Guedes de Mello Denise Siqueira Felipe Fernandes Ringo Bez de Jesus   Alimentação.

 Espaço Físico Elisângela Santos de Amorim Luciana Zucco Maria Juracy Toneli Marlene de Fáveri Teresa Kleba Lisboa   Lançamentos Marlene de Fáveri Susana Bornéo Funck   Minicursos e oficinas Erica de Oliveira Gonçalves Mareli E. Graupe Tânia Welter   Monitoria Gizelle Kaminski Corso Tanay Gonçalves Notargiacomo Tânia Regina Oliveira Ramos   Mostra Audiovisual Alex Vailati Ana Maria de Souza Carmen Rial Maria Cecília de Miranda Coelho   Mostra de Fotografias Alex Vailati Carmen Rial Marina Moros Tesouraria Maria Regina Azevedo Lisbôa Tânia Regina Oliveira Ramos Secretaria Geral Cristina Scheibe Wolff Cíntia Lima Jair Zandoná Janine Gomes da Silva Secretaria Executiva Adriana Barth Barbaresco Camila Costa Marques Izabele Cristini da Silva Jenifer Willrich Rozy Spiecker Susy Aparecida de Carvalho   Pôsteres Tanay Gonçalves Notargiacomo Tânia Regina Oliveira Ramos Thiago Pereira Livramento   Projeto Cinema Mundo Jair Zandoná Marcio Markendorf   Tradução Arianna Sala Carmen Rosa Caldas-Coulthard Caterina Rea Jimena Massa Marie Leal Renata Reynaldo 10 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

redes.Estrutura do evento Segunda-feira 16/09 Oficinas e Minicursos Terça-feira 17/09 Mesasredondas Mostra Audiovisual Quarta-feira 18/09 Quinta-feira 19/09 Mesasredondas Mostra Audiovisual Programação Arte e Gênero Reunião de associações. grupos e núcleos de pesquisa Programação Arte e Gênero Programação Arte e Gênero Simpósios Temáticos Simpósios Temáticos Mostra Audiovisual Programação Arte e Gênero Mesa de encerramento Lançamentos Conferência de abertura Mostra Audiovisual Mesasredondas Sexta-feira 20/09 Mesasredondas Turnos Manhã 9h às 12h Tarde 14h às 17h30 Simpósios Temáticos Simpósios Temáticos Mostra Audiovisual Mostra Audiovisual Programação Arte e Gênero Noite 19h às 22h Mesa de abertura Mesasredondas Conferências de encerramento Caderno de Programação | 11 .

12 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Centro de Cultura e Eventos Data: 16/09/2013 Horário: 19h Sara Beatriz Guardia (Universidade de San Martín de Porres) Tema: Exclusión y Género en los Procesos de Independencia de los Países Latino-americanos. Conferências de encerramento Local: Auditório Guarapuvu. Rekha Pande (Universidade de Hyderabad) Tema: Desafios do Feminismo na Índia e Ásia do Sul.Conferências Conferência de abertura Local: Auditório Guarapuvu. Centro de Cultura e Eventos Data: 20/09/2013 Horário: 19h Sarah Schulman (City University of New York) Tema: Amigos diante da Família. Sociedade diante do Governo.

F.12:00 A Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM/PR) e a Construção das Políticas Públicas para as Mulheres ▶ Local: Auditório Guarapuvu. Científico e Tecnológico) Coordenação: Hildete Pereira de Melo (Secretaria de Política para as Mulheres/UFF) Estado. 2º Andar. Políticas Queer e a Cena Pública Contemporânea ▶ Local: Auditório do CCJ. Centro de Cultura e Eventos Albertina de Oliveira Costa (Fundação Carlos Chagas) Lourdes Maria Bandeira (Secretaria de Política para as Mulheres/UnB) Maria Betânia de Melo de Ávila (SOS Corpo) Debatedor/a: Fernanda de Carvalho Papa (Secretaria-Geral da Presidência da República) e Maria Lucia de Santana Braga (Conselho Nacional de Desenv. Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) Camilo Braz (Universidade Federal de Goiás) Fátima Lima (Universidade Federal do Rio de Janeiro) Rafael Cáceres Feria (Universidad Pablo de Olavide) Tatiana Lionço (Centro Universitário de Brasília) Coordenação: Flavio Luiz Tarnovski (Universidade Federal de Mato Grosso) Caderno de Programação | 13 . Bl.Mesas-Redondas — 17/09/2013 — 09:00 .

Discurso e Gênero ▶ Local: Auditório do Centro de Ciências da Educação. Bl.Gênero e Gerações nos Contextos Atuais ▶ Local: Auditório do CSE. A. Térreo. Dr. A. Bl. B. Paulo Fernando de Araujo Lago (Auditório do CFH). Térreo. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Anna Paula Uziel (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) Patricia Porchat Pereira da Silva Knudsen (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho) Sandra Maria da Mata Azeredo (Universidade Federal de Minas Gerais) Wiliam Siqueira Peres (Universidade de Buenos Aires) Coordenação: Eduardo Steindorf Saraiva (Universidade de Santa Cruz do Sul) Literatura e Pensamento Afro-Brasileiro em Questão ▶ Local: Auditório da Reitoria Conceição Evaristo (Escritora) Florentina da Silva Souza (Universidade da Bahia) Maria Nazareth Soares Fonseca (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais) Coordenação: Constância Lima Duarte (Universidade Federal de Minas Gerais) Mídias. Térreo. Centro de Ciências da Educação (CED) Ana Cristina Ostermann (Universidade do Vale do Rio dos Sinos) Iara Beleli (Universidade Estadual de Campinas) Marie-Gabrielle Houbre (Université Paris Diderot) 14 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Centro Socioeconômico (CSE) Alda Britto da Motta (Universidade Federal da Bahia) Guita Grin Debert (Universidade Estadual de Campinas) Júlio Assis Simões (Universidade de São Paulo) Coordenação: Eulália Lima Azevedo (Universidade Salvador Laureate Universities) Gênero e Subjetividades no Campo PSI ▶ Local: Auditório Prof. Bl.

Térreo. 2º Andar. Geração. F. Bl. Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) Elisete Schwade (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) Ellen Fensterseifer Woortmann (Universidade de Brasília) Gema Galgani Silveira Leite Esmeraldo (Universidade Federal do Ceará) Hélène Guetat Bernard (Ecole Nationale de Formation Agronomique de Toulouse) Coordenação: Maria Ignez Silveira Paulilo (Universidade Federal de Santa Catarina) Gênero. Alvarez (University of Massachusetts Amherst) Coordenação: Cláudia Junqueira de Lima Costa (Universidade Federal de Santa Catarina) Gênero em Contextos Rurais ▶ Local: Auditório do CCJ. Centro Socioeconômico (CSE) Alex Giuliano Vailati (Universidade Federal de Santa Catarina) Maria do Rosário de Fátima Andrade Leitão (Univesidade Federal Rural de Pernambuco) Temis Gomes Parente (Universidade Federal do Tocantins) Coordenação: Mara Coelho de Souza Lago (Universidade Federal de Santa Catarina) Caderno Programação de | 15 . Centro de Cultura e Eventos Julieta Elisa Paredes Carvajal (Feminismo Comunitário – Bolívia) Karina Bidaseca (Universidad Nacional de San Martín) Rita Laura Segato (Universidade de Brasília) Debatedor/a: Sonia E.22:00 Feminismos Latino-Americanos e os Debates Descoloniais: Possibilidades e Desafios ▶ Local: Auditório Guarapuvu.Debatedor/a: Susana Bornéo Funck (Universidade Federal de Santa Catarina) Coordenação: Carmen Rosa Caldas-Coulthard (Universidade Federal de Santa Catarina) 19:00 . A. Bl. Pesca e Meio Ambiente ▶ Local: Auditório do CSE.

Vis. Fed. A.de Janeiro/Prof. Dr. Centro de Ciências da Educação (CED) Angela Figueiredo (Universidade Federal da Bahia) Jurema Werneck (Criola) Sonia Maria Giacomini (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro) Coordenação: Matilde Ribeiro (Faculdade Paulista de Serviço Social) O Circuito (Possível) dos Feminismos nos Entrelugares da Leitura ▶ Local: Auditório Prof. B. Bl. Térreo.Catarina) Coordenação: Elizabeth Farias da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina) 16 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . S. Bl. Univ.Intersecções Raça/Etnia. Térreo. do R. Paulo Fernando de Araujo Lago (Auditório do CFH). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Carla Mühlhaus (Escritora) Carla Rodrigues (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro) Zahidé Lupinacci Muzart (Universidade Federal de Santa Catarina) Coordenação: Tânia Regina Oliveira Ramos (Universidade Federal de Santa Catarina) Programa Bolsa Família .10 Anos ▶ Local: Auditório da Reitoria Alessandro Pinzani (Universidade Federal de Santa Catarina) Christiane Girard Ferreira Nunes (Universidade de Brasília) Neuma Aguiar (Universidade Federal de Minas Gerais) Rosana de Carvalho Martinelli Freitas (Univ. Fed. Gênero e Classe: suas Faces Cotidianas e Teóricas ▶ Local: Auditório do Centro de Ciências da Educação.

A. Centro de Ciências da Educação (Fundos do Museu Universitário) Ana Lucia Goulart de Faria (Universidade Estadual de Campinas) Maria Eulina Pessoa de Carvalho (Universidade Federal da Paraíba) Verena Wiggers (Universidade Federal de Santa Catarina) Coordenação: Juliane Di Paula Queiroz Odinino (UDESC e Faculdade Municipal de Palhoça) Derechos Reproductivos. y Cult.— 19/09/2013 — 09:00 . Bl. da Família e da Creche ▶ Local: Auditório do Núcleo de Desenvolvimento Infantil (NDI).Université Lumière Lyon 2) Lucía del Carmen Raphael de la Madrid (Instituto de Investigaciones Jurídicas de la UNAM) Lucia Melgar Palacios (Instituto Tecnológico Autónomo de México) María de Lourdes Enríquez (Universidad Nacional Autónoma de México) Coordenação: Teresa Kleba Lisboa (Universidade Federal de Santa Catarina) Caderno de Programação | 17 . Térreo. Centro Socioeconômico (CSE) Laurence Tain (Centre Max Weber . de Est. y Acción en Sexualidades.) Coordenação: Rosa Maria Blanca Cedillo (Universidade Feevale) Crianças no Fazendo Gênero: Reflexões sobre o Lugar da Primeira Infância. B.12:00 Como Construir Epistemologias Contra-Hegemônicas? Os Desafios da Arte. Térreo. Bl. Ética y Violencia ▶ Local: Auditório do CSE. Gén. Térreo. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Ana Cecília Acioli Lima (Universidade Federal de Alagoas) Eliana de Souza Ávila (Universidade Federal de Santa Catarina) Luciana Gruppelli Loponte (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) Yuderkys Espinosa Miñoso (Grupo Latin. a Tecnologia e a Criatividade ▶ Local: Sala Hassis. nº 005. a Educação.

Centro Socioeconômico (CSE) Flávia de Mattos Motta (Universidade do Estado de Santa Catarina) Lia Zanotta Machado (Universidade de Brasília) Susana Rostagnol (Universidad de la República) Coordenação: Rozeli Maria Porto (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) 18 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Anna Paula Vencato (Universidade Paulista) Jaqueline Gomes de Jesus (Universidade de Brasília) Paula Sandrine Machado (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) Coordenação: Fátima Weiss de Jesus (Universidade Federal do Amazonas) 19:00 . Dr. Bl.22:00 Desafios e Avanços sobre o Aborto no Brasil e na América Latina ▶ Local: Auditório do CSE. B.Feminismos e os Desafios Atuais do Pós-Colonial ▶ Local: Auditório da Reitoria Ana Gabriela Macedo (Universidade do Minho) Cláudia Pons Cardoso (Universidade do Estado da Bahia) Inocência Luciano dos Santos Mata (Universidade de Lisboa) Coordenação: Simone Pereira Schmidt (Universidade Federal de Santa Catarina) Feminismos Transnacionais e Trânsitos Contemporâneos ▶ Local: Auditório Guarapuvu. Térreo. Bl. A. Térreo. Centro de Cultura e Eventos Adriana Gracia Piscitelli (Universidade Estadual de Campinas) Assumpta Sabuco (Universidad de Sevilla) Beatriz Padilla (Instituto Universitário de Lisboa) Coordenação: Gláucia de Oliveira Assis (Universidade do Estado de Santa Catarina) TransFeminismos no Brasil ▶ Local: Auditório Prof. Paulo Fernando de Araujo Lago (Auditório do CFH).

B. Térreo. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Carla Giovana Cabral (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) Fábio Meirelles Hardman de Castro (Coordenação-Geral de Direitos Humanos) Larissa Pelucio (Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho) Debatedor/a: Mareli Eliane Graupe (Universidade do Planalto Catarinense) Coordenação: Olga Regina Zigelli Garcia (Universidade Federal de Santa Catarina) Laico e Religioso: a Construção das Fronteiras nos Debates sobre Políticas por Direitos Sexuais e Reprodutivos ▶ Local: Auditório Guarapuvu. Paulo Fernando de Araujo Lago (Auditório do CFH). Centro de Cultura e Eventos Marcelo Tavares Natividade (Universidade Federal do Ceará) Mario Pecheny (Universidad de Buenos Aires) Wanda Deifelt (Luther College) Debatedor/a: Maria José Fontelas Rosado Nunes (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) Coordenação: Maria Regina Azevedo Lisbôa (Universidade Federal de Santa Catarina) Movimentos de Mulheres e Feminismos no Cone Sul ▶ Local: Auditório da Reitoria Alejandra Oberti (Universidad de Buenos Aires) Margarita Iglesias Saldaña (Universidad de Chile) Rosa Luisa Ruiz Churruca (Universidad de la República Uruguay) Debatedor/a: Sônia Malheiros Miguel (Secretaria de Política para as Mulheres) Coordenação: Cristina Scheibe Wolff (Universidade Federal de Santa Catarina) Caderno de Programação | 19 . Bl. Dr.Gênero e Diversidade na Escola: Experiências e Práticas Pedagógicas na Formação de professoras/es da Educação Básica ▶ Local: Auditório Prof.

12:00 Feminismos e Infâncias: Abordagens e Perspectivas ▶ Local: Auditório do CSE.UMR 8168. Centro Socioeconômico (CSE) Ana Claudia D. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Carla Bassanezi Pinsky (Historiadora e Editora) Mônica Raisa Schpun (CRBC/MASCIPO . Bl. Processos Sociais e Gênero ▶ Local: Auditório do CCJ. Dr.— 20/09/2013 — 09:00 . C. Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) Ana Alcázar Campos (Universidad de Granada) Ana Mallimaci Barral (Universidade de Buenos Aires) Bela Feldman Bianco (Universidade Estadual de Campinas) Debatedora: Giralda Seyferth (Universidade Federal do Rio de Janeiro) Coordenação: Carmen Sílvia Rial (Universidade Federal de Santa Catarina) 20 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Térreo. Bl. Bl. EHESS) Rachel Soihet (Universidade Federal Fluminense) Coordenação: Joana Maria Pedro (Universidade Federal de Santa Catarina) Migrações e Mobilidades Contemporâneas: Trajetórias. A. Oliveira (Universidade do Vale de Itajaí) Cecilia Alejandra Rustoyburu (Universidad Nacional de Mar del Plata) Nilda Stecanela (Universidade de Caxias do Sul) Coordenação: Silvia Maria Fávero Arend (Universidade do Estado de Santa Catarina) Formas de Escrever a História das Mulheres ▶ Local: Auditório Prof. Paulo Fernando de Araujo Lago (Auditório do CFH). B. F. 2º Andar. Térreo.

Heleieth e Karin ▶ Local: Auditório Guarapuvu.O Legado das Feministas que se foram: Bel. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Claire G. Centro de Cultura e Eventos Ana Paula Vosne Martins (Universidade Federal do Paraná) Luzinete Simões Minella (Universidade Federal de Santa Catarina) Maria Ignez Costa Moreira (Pontíficia Universidade Católica de Minas Gerais) Mary Garcia Castro (Universidade Católica do Salvador) Coordenação: Albertina de Oliveira Costa (Fundação Carlos Chagas) Publicações Feministas no Cenário Internacional: Experiências da Militância Acadêmica ▶ Local: Auditório Henrique Fontes. Moses (University of Maryland) Lucila Scavone (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho) Mara Coelho de Souza Lago (Universidade Federal de Santa Catarina) María Luisa Femenías (Universidad Nacional de La Plata/Universidad de Buenos Aires) Coordenação: Cristina Scheibe Wolff (Universidade Federal de Santa Catarina) Trans-Lesbo-Homofobia e os Movimentos LGBT Transnacionais ▶ Local: Auditório da Reitoria Felipe Bruno Martins Fernandes (Universidade Federal de Santa Catarina) Jules Falquet (Universidade Paris Diderot) Luma Nogueira de Andrade (10ª Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação) Debatedor/a: Richard Miskolci (Universidade Federal de São Carlos) Coordenação: Miriam Pillar Grossi (Universidade Federal de Santa Catarina) Caderno de Programação | 21 . Bl. Cristina. Cuca. B.

un corto a la carta Marina Bruno Santo Anastácio  Um Beijo para Gabriela Laura Rebecca Murray (Columbia University) — 17/09/2013 — 09:00 . Bl. B. B. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Onde se mora não é onde se trabalha Luciana Tubello Caldas (Universidade Federal do Rio Grande do Sul ) Quenda Alexandre Silva Bortolini de Castro (Universidade Federal do Rio de Janeiro) 22 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .17:30 ▶ Local: Auditório Henrique Fontes. Bl. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Exitº.12:00 ▶ Local: Auditório Henrique Fontes.Mostra Audiovisual — 16/09/2013 — 14:00 .

Centro de Comunicação e Expressão (CCE) (Pré)conceitos sobre diversidade sexual: (re)visões no interior do Ceará José Raymundo Figueiredo Lins Junior (Universidade Estadual Vale do Acaraú) Catadoras de si: o que você faz com seu lixo? Daniela Isabel Kuhn (Universidade Tecnológica Federal do Paraná) Vida de mulher Marlene Neves Strey (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) Donaléo Rodrigo Paulino (Fábrica de Imagens) Arrastão da vida: vinte anos da ADEDH Monica Soares Siqueira (Universidade Federal de Santa Catarina) Caderno Programação de | 23 .22:00 ▶ Local: Auditório Henrique Fontes.17:30 ▶ Local: Auditório Henrique Fontes. B. Bl.Campus Planaltina) Mulheres da Comuna Daiana Gomes e Roger Garcia (Fábrica de Imagens) 19:00 . Bl. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Sob o Mesmo Céu Maria Amelia Lobato Portugal (Universidade Federal do Espírito Santo) Umas mulheres que dão no couro: As Caixeiras do Divino no Maranhão Marise Gloria Barbosa (Universidade de Brasília .Parto e nascimento: sombra e luz Lilian Godinho Hokama (Universidade de São Paulo) Projeto Dar Voz aos Jovens Thais Cristina Montaldi Gava (Universidade Federal de São São Paulo) 14:00 . B.

B.— 18/09/2013 — 20:00 .22:00 Gaijin. Bl. 130 minutos) ▶ Local: Auditório Henrique Fontes. B. Bl. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) — 19/09/2013 — 09:00 . Ama-Me Como Eu Sou (Tizuka Yamasaki. María Julia Giménez (Universidad Nacional de La Plata) Leila: Fragmentos de uma História Jéssica Santos Romero (Universidade Federal de Ouro Preto) Mulheres da Terra Marcia Paraiso (Plural Filmes) O Amor que não ousa dizer seu nome Bárbara Roma Fadil Uma psicóloga desvelando a rua: Sociodrama Público Brasil Sem Homofobia Sissi Malta Neves (Universidade de Passo Fundo) 24 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Maria.12:00 ▶ Local: Auditório Henrique Fontes. Maria Fernando Francisco Antunes (Cabelo Duro Produções) Lei de Identidade de Gênero Mariana Edi Rocha Gonçalves de Oliveira (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro).

14:00 . Bl. B. B.17:30 ▶ Local: Auditório Henrique Fontes. 93 minutos) ▶ Local: Auditório Henrique Fontes.17:30 A Reacionária do Pantanal (Tizuka Yamasaki. Bl. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) As Feministas do Cariri Iayna Rabay Carvalho (Cunhà Coletivo Feminista) Uma Lei para Todas Ana Patricia Nassar (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) Violência obstétrica: a voz das brasileiras Heloisa de Oliveira Salgado (Universidade de São Paulo) O Espelho de AnA Jéssica Candal Sato (Universidade de São Paulo) Onde o Tempo corre devagar Marcos Rocha e Iara Moura (Fábrica de Imagens) 20:00 . 2012) ▶ Local: Auditório Guarapuvu. Centro de Cultura e Eventos Exibição seguida de palestra com a cineasta Tizuka Yamasaki Caderno de Programação | 25 . 25 minutos.22:00 United in Anger (Jim Hubbard. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) — 20/09/2013 — 15:30 .

onde os punhais ciganos se encontram Expositor(a): Cleiton Machado Maia (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) Data de Realização: 2012/2013 Local de Realização: Rio de Janeiro 26 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Italia Exposição: Indecidibilidade arborescente e o feminino Expositor(a): Isabela Nascimento Frade (Universidade Estadual do Rio de Janeiro) Data de Realização: 10 de novembro de 2010 Local de Realização: Parque das Ruínas .SP Exposição: Desencarnando o Gênero Expositor(a): José Batista Loureiro de Oliveira (Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro) Data de Realização: 2002 Local de Realização: Bolonha . imagens e máscaras Expositor(a): Paulo César Lopes da Cruz Júnior (Fundação Armando Alvares Penteado) Data de Realização: 30/03/2013 Local de Realização: São Paulo .Mostra de Fotografias Exposição: Corpos.Santa Tereza/ RJ Exposição: Salamandra .

Exposição: Transpondo Olhares Expositor(a): Gilson Goulart Carrijo (Universidade Federal de Uberlândia) Data de Realização: 2013 Local de Realização: Universidade Federal de Santa Catarina Exposição: Um olhar de gênero no cotidiano Expositor(a): Vatsi Meneghel Danilevicz (Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre) Data de Realização: Março 2013 Local de Realização: Porto Alegre Caderno de Programação | 27 .

Sabrina Lopes e Bruna Araujo banquete.Programação Arte e Gênero I Exposição Internacional de Arte e Gênero ▶ Local: Biblioteca Central Universitária Período: 16 de setembro a 16 de outubro de 2013 Performances e teatro feminista — 17 de setembro — Museu Universitário | 18h Tatiana Nascimento. uma PERFORMANZine Alice Monsell As sobras da casa da Alice II — 18 de setembro — Museu Universitário | 14h Lia Jupter Pronta para o baile 28 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

adaptado por Meire Silva.Grupo (Em) Companhia de Mulheres Teatro Feminista: Uma mulher diferente Rosimeire Da Silva. Layza Costa Cutrim. Casa e Igreja / Tutta Casa. texto de Franca Rame e Dario Fo. Daiana Roberta Gomes Da Silva. Vera Collaço e Vivian Coronato . Julia Oliveira e Priscila Mesquita . Letto e Chiesa (1977). Fabiana Lazzari. Atores convidados: Camille Balestieri e Luís André Lisque O corpo violado: ato peformático pelo fim da violência contra as mulheres — 18 de setembro — Auditório Biblioteca Universitária | 18h Janaina M. Priscila Mesquita. Cássia Miranda.rompendo silêncio sobre violência entre lésbicas Caderno de Programação | 29 . Nardylla Cristine Ribeiro Correia e Rosemilde do Nascimento Arouche Durans Mulher Rosimeire Da Silva Andréia Paris.Luciana Martins A lama do mundo Nizael Almeida e Stélio Constantino mULhEr Patrícia Giseli Há uma flor no meu sapato Rosa Santos Aldenora Marcia Castro Perreira dos Santos. Tamires Schmitt.Grupo (Em) Companhia de Mulheres Toda Cama. Ilana Dandara Vieira Nunes. Rossi e Lina Alves Arruda Projeto sobre:viventes .

— 19 de setembro — Museu Universitário | 12h Tati Bafo Corpo nosso de cada dia 18h Guilherme Henderson Dos Meus Poros 30 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

Centro de Cultura e Eventos Caderno de Programação | 31 . Fundamentos de Gênero e Raça em Educação Coordenadoras/es: Sonia Aparecida Branco Beltrame (Universidade Federal de Santa Catarina). Anahi Guedes de Mello (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Sala Pitangueira. Ana Maria Capitanio (Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo) ▶ Local: Sala Goiabeira.Minicursos/Oficinas Minicurso 01. Gênero e Diversidade(s) na Escola: Pressupostos Teórico-Metodológicos Voltados à Formação de Professores/as Coordenadoras/es: Marivete Gesser (Universidade Federal de Santa Catarina). 1º Andar. 1º Andar. 1º Andar. 1º Andar. Joana Vieira Borges (Universidade Federal de Santa Catarina). Centro de Cultura e Eventos Minicurso 03. Cleuza Maria Soares (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Sala Aroeira. Lori Hack de Jesus (Universidade Federal do Mato Grosso). Centro de Cultura e Eventos Minicurso 04. Gênero e Diversidade na Formação de Professoras/es Coordenadoras/es: Maise Caroline Zucco (Universidade Federal de Santa Catarina). Soraia Carolina de Mello (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Sala Laranjeira. Fragmentos Descoloniais no Cinema Nacional Coordenadoras/es: Edelu Kawahala (Universidade Federal de Santa Catarina). Centro de Cultura e Eventos Minicurso 02. Izabela Liz Schlindwein (Universidade Federal de Santa Catarina).

Térreo. Evillyn Kjellin (Universidade Federal de Santa Catarina ▶ Local: Auditório Prof. A. Centro de Ciências da Educação (CED) Minicurso 09. 1º Andar. Gabriele Greggersen (Universidade de São Paulo) ▶ Local: Sala Machado de Assis. Bl.Minicurso 05. Identidade de Gênero: Direitos da Personalidade e Luta por Reconhecimento Coordenadoras/es: Crishna Mirella de Andrade Correa (Universidade Federal de Santa Catarina). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Minicurso 08. B. Tradução Feminista de Escritas Lesbianas de cor: a Poesia como Espaço Outro de Teorização Descolonial Coordenadoras/es: Tatiana Nascimento dos Santos (Universidade Federal de Santa Catarina). Marcelo Spitzner (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Auditório do Centro de Ciências da Educação. Bl. 4º Andar. Luiz Geraldo do Carmo Gomes (Centro Universitário Cesumar) ▶ Local: Auditório da Reitoria Minicurso 06. Bl. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Minicurso 07. Roselete Fagundes de Aviz de Souza (Centro Universitário FACVEST) ▶ Local: Sala 110. Poligamia (e Adultério): uma Leitura Sarcástica da Moçambiquenha Paulina Chiziane Coordenadoras/es: Salma Ferraz de Azevedo de Oliveira (Universidade Federal de Santa Catarina). Térreo. Teorias Feministas Pós-Coloniais: Análise das Categorias Teóricas Coordenadoras/es: Caterina Rea (Universidade Federal de Santa Catarina). Franciele Rodrigues Guarienti (Universidade Federal de Santa Catarina). nº 407. Bl. Dr. B. Escrita de Autoria Feminina na Literatura Pós-colonial e Afro-Latino-Americana Coordenadoras/es: Ana Carolina Andrade Pessanha Cavagnoli (Universidade Federal de Santa Catarina). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) 32 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Departamento de Antropologia. B. Paulo Fernando de Araujo Lago (Auditório do CFH).

Bl. A Internet como Ferramenta de Empoderamento Feminino e Produção de Dados no Combate à Violência Coordenadoras/es: Ligia Moreiras Sena (Universidade Federal de Santa Catarina). Bloco D. Bl. B. Ciência e Tecnologia de Sergipe) ▶ Local: Sala Carlos Drummond de Andrade. Ana Carolina Arruda Franzon (Universidade de São Paulo). B. Departamento de Psicologia. Departamento de História. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Oficina 05. Térreo. 2º Andar. Ritual das Bruxas: Oficina sobre Violência e Gênero Coordenadoras/es: Tânia Mara Cruz (Universidade do Sul de Santa Catarina) ▶ Local: Sala 02 (SAPSI). Fernanda Cristina da Encarnação dos Santos (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Sala Hassis. C. nº 005. Direitos Humanos e Direitos da Mulher no Brasil Coordenadoras/es: Tacel Ramberto Coutinho Leal (Universidade Estadual de Londrina) ▶ Local: Sala Multiuso Profª Carolina Martuscelli Bori. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Oficina 02. Bianca Alves de Oliveira Zorzam (Universidade de São Paulo) ▶ Local: Sala 10. Térreo. HIV/Aids numa Perspectiva Comparativa: Duas Experiências Sergipe e Moçambique Coordenadoras/es: Esmael Alves de Oliveira (Universidade Federal de Santa Catarina) Patricia Rosalba Salvador Moura Costa (Instituto Federal de Educação. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Oficina 03. Mas Ativas Coordenadoras/es: Elisa Paula Marques (Universidade Federal de Santa Catarina). Bl.Oficina 01. nº 6A. Bl. nº 006. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Oficina 04. 2º Andar. Rainhas Consortes de Portugal: Não Apenas Altivas. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Caderno Programação de | 33 . C.

Bl. Térreo. Térreo.Universite de Lyon II) Responsáveis: Hélène Guetat-Bernard e Laurence Tain Horário: 14h ▶ Local: Sala 311. Térreo.Reuniões de Grupos e Núcleos Reunião: Comitê de Gênero e Sexualidade . Térreo. B. B. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Reunião: Cursos de Formação em Gênero e Diversidade na Escola (GDE) Responsável: Olga Regina Zigelli Garcia Horário: 14h ▶ Local: Sala 302.Associação Brasileira de Antropologia Responsável: Adriana Piscitelli Horário: 14h ▶ Local: Sala 301. B. B. Bl. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Reunião: Dicionário Sobre Violência Contra Mulheres Responsável: Elizabeth Maria Fleury Teixeira Horário: 14h ▶ Local: Sala 308. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) 34 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Bl. Bl. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Reunião: EGALES (Mestrado em Estudos Feministas Europeu .

Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Reunião: PROCAD . Bl.ANPUH Responsável: Cristina Scheibe Wolff Horário: 14h ▶ Local: Sala 10. B. B. Bl. Térreo. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Caderno de Programação | 35 . Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH)  Reunião: Rede Brasileira de Antropologia Feminista Responsável: Alinne Bonetti Horário: 14h ▶ Local: Sala 312. Tecnologia e Gênero Responsável: Carla Giovana Cabral Horário: 14h ▶ Local: Sala 310. C. nº 6A. B. Departamento de Psicologia. B. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Reunião: GT de Gênero da Associação Nacional de História .UFSC/UFBA Responsável: Cecilia Sardemberg e Miriam Grossi Horário: 14h ▶ Local: Sala Multiuso Profª Carolina Martuscelli Bori. Térreo. Bl. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Reunião: REDOR – Rede Feminista Norte Nordeste de Estudos e Pesquisa sobre Mulher e Relações de Gênero Responsável: Gloria Rabay Horário: 14h ▶ Local: Sala 313. Departamento de História. Térreo. Térreo. Bl. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Reunião: Grupo do Brasil da Rede Iberoamericana de Ciência. C. Bl.Reunião: Grupo de pesquisa do projeto: Medidas para a Inclusão Social e Equidade em Instituições de Ensino Superior na América Latina (MISEAL) Responsável: Maria Conceição da Costa Horário: 14h ▶ Local: Sala 309. 2º Andar. Bl.

organizada por Tânia Regina Oliveira Ramos e Zahidé Lupinacci Muzart] Revista Ártemis . n. 18. Revista Anuário de Literatura. Diferenças. 1. Universidade Federal de Santa Catarina. Aureliano. Universidade Federal de Santa Catarina. DE GARAY HERNANDEZ. ▶ Livros ALÓS. 2.Lançamentos ▶ Periódicos Revista Estudos Feministas. Esp. Feminismos e Sexualidades ISSN 23165251 vols. 240 p. 310 p.1. Vol. LOPES.Estudos de Gênero. Vol 21. A letra. Anselmo Peres. Anna Paula. Universidade Federal de Santa Catarina. Organizadoras: Mara Coelho de Souza Lago e Cristina Scheibe Wolff] Revista Estudos Feministas. 2013 [com seção especial: REF 20 anos. Rio de Janeiro: EdUERJ. o corpo e o desejo: masculinidades subversivas no romance latino-americano. Florianópolis: Ed. 2012. UZIEL. n. n. XV (jan-jun) XVI (ago-dez) 2013. Feminilidades: corpos e sexualidades em debate. Daniele. Mulheres. ANDRADE. 2013. 21. Centro de Comunicação e Expressão. 2013 [Masculinidades. Gênero e Sociedade – CLAM/IMS/UERJ) 36 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Jimena. (Coleção Sexualidade. Hegemonias. 2013. Vol.

Trad. 2012. CURIEL. Cristina. Corpos em projeção: gênero e sexualidade no cinema latino-americano. São Paulo: SOF Sempreviva. Estatísticas sob suspeita: proposta de novos indicadores com base na experiência das mulheres. La Nación Heterosexual. Gênero e Sexualidade nas Histórias em Quadrinhos. linguagem e direito: análise de discurso crítica em processos da Lei Maria da Penha. Maternidade e Carreira: Reflexões de Acadêmicas na Fase do Doutorado. Veralúcia. Juliana Frota da Justa. Ela é o show: performances trans na capital cearense. 2012. Florianópolis: Insular. p. Rio de Janeiro: Editora Multifoco. Valéria Fernandes da (Orgs). São Paulo: Paco. 248p. 2013. Histórias que ninguém conta. Lúcia. 160p. Alagoas: EDUFAL. 188p. Silvia Maria Fávero. 2013. Caderno de Programação | 37 . 2013.). ASSIS. Mulheres executivas: a divisão do trabalho doméstico à luz dos estereótipos de gênero. Gláucia de Oliveira. 2012. 254p. Motta.164. FREITAS. Ochy. Silvana Maria. CARRASCO. José Valenzuela Perez. 198p. Letícia Cardoso. 2012. Marina Cavalcanti (Orgs. 2013. Análisis del discurso jurídico y el régimen heterosexual desde la antropología de la dominación. Mauricio de. BARRETO. Bogotá: En la frontera y Brecha Lésbica. PINHEIRO. Rio de Janeiro: 7Letras. Violência de gênero. BRAGANÇA. gênero e trabalho. BITENCOURT. TEDESCO. COELHO. Rafaela. Organização Feminista.AREND. SILVA. Aborto e Contracepção. 430p. Rio de Janeiro: Multifoco. BRAGA JR. 2013. Prostituição. Belo Horizonte: Fino Traço. 164p. Flavia de Mattos. Jundiaí: Paco Editorial. CYRINO. Amaro Xavier. 2013.

Fortaleza: EDMETA. psicologia. Sonia Maria. Rio de Janeiro: Multifoco. Mulher. NICHNIG. Adailson.). BARROSO. 2013. Carlos Eduardo. Gênero e Diversidade: o que estas questões têm a ver comigo? Editora: E-digital. Maria Juracy Filgueiras. LAGO. gênero. BEZERRA. LIMA. SANTOS. Janaína Sousa.o teatro feminista em tempos de ditadura. Mara Coelho de Souza. LHULLIER. 113p. Viajeras entre dos mundos. diversidades. 202p.ed. Maria Helena de Paula. SILVA. (Ebook) MIRALES. 2012. 160p. Violência de gênero: dimensões da lesão corporal. São Paulo: Casa do Psicólogo. Gabriel Felipe. TEDESCHI. Rita de Lourdes de. 228p. Mulher e Escrava. Louise Amaral (Org. Quem é a psicóloga brasileira? Mulher. 2012. SILVA. Sara Beatriz. Telma Maciel da. SENAC. 2013. Losandro Antonio. Mulherio: discursos. JACOMEL. Porto Alegre: Editora Escândalo. 2012.FROTA. (Orgs. Arco-íris revisitado: diversidade sexual em pauta. falar de nós . Meio Ambiente e Gênero. trabalho. Editora UFGD. Brasília: Conselho Federal de Psicologia. São Paulo: Ed. 2013. Assassinato de mulheres no Ceará: antes e depois da Lei Maria da Penha. Rosana. 943p. Cascavel: EDUNIOESTE. GIACOMINI. 2013. Sexualidade. TONELI. GARCIA. Mériti de. Falar de si. 249p. 2012. 2012. Claudia Regina. SOUZA. resistência e reivindicações por direitos. Rio de Janeiro: Multifoco. GUARDIA. Curitiba: Editora Appris. MOREIRA. Mulheres. Vívian Matias dos. 2013. ALVES. 158p. Uma introdução histórica ao estudo da mulher negra no Brasil. Loreley Gomes. 38 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . 2. Daniele Ribeiro.). Hayeska Costa.

2012. Vívian Matias dos. Nova História das Mulheres no Brasil. Dança. Geografias Malditas. Jundiá: Paco Editorial. Por uma História do Possível: Representações das Mulheres Incas nas Crônicas e na Historiografia. Tradução e apresentação de Luciana Eleonora de Freitas Calado Deplagne. Marcio Jose. Eliane. BOTTON. 2013. Joseli Maria. Susane Rodrigues de. Maria do Carmo. 2012. Corpos Plurais: experiências possíveis. Andressa. 2012. Carla Fernanda. Mulheres e homens na política de ciência e tecnologia. Caderno de Programação | 39 . Florianópolis: Editora Mulheres. problematizações e perspectivas. 116 p. Porto Alegre: EDIPUCRS. 292 p. CADONÁ. Graziela Rinaldi. PALMA. Jundiaí/SP: Paco Editorial. 322p. SP: Editora da UNICAMP. violência conjugal e trajetórias de vida. 350 p. 2. Sexualidades e Espaços. Fortaleza: EDMETA/ EdUECE. PINSKY. STREY. SANTOS.OLIVEIRA. SARAIVA. Fortaleza: EDMETA. 2012. Campinas. São Paulo: Editora Contexto. Mulheres abrigadas. Margareth. 2012. PIZAN. Marlene Neves. 2012. diversidade. Alides Baptista. PEDRO. Celso. As Relações de Gênero na Filosofia. Joana Maria. Liquidificador. Gênero e ciclos vitais: desafios. KRAEMER. Yáskara Arrial. 229p. 2012. 188p. ORNAT. Carla Bassanesi. 2012. RAGO. 252p. Santa Cruz do Sul: EDUNISC. Maria Jaqueline Maia. A Aventura de Contar-se: feminismos. CHIMIN JR. PINHEIRO. A Cidade das Damas. 2013. 2012. Corpos.Ed. Ponta Grossa: Editora Toda Palavra. 157p. Christine de. SILVA. SILVA. ROSA. Neusa Dendena. caminhos e encontros. KEIUBING. escrita de si e invenções da subjetividade. Blumenau: Ed. 352 p.

pedagógicas. comunicacionais. Com a prática da educação inclusiva garantida pela legislação brasileira. informacionais.Acessibilidade e Deficiência no Fazendo Gênero 10 O modelo social da deficiência proposto em 1983 pelo sociólogo inglês Michael Oliver identificou duas principais formas de opressão contra as pessoas com deficiência: a primeira é a discriminação socioeconômica. com o objetivo de garantir a inserção da deficiência como categoria de análise dos feminismos contemporâneos e oferecer às/aos participantes com deficiência condições mínimas de acessibilidade a partir das adaptações razoáveis e/ou serviços de acessibilidade e de apoio humano. a medicalização da deficiência. uma vez que não contemplam a realidade específica baseada no duplo enfoque. a segunda. instrumentais e atitudinais presentes nos espaços da vida acadêmica. a demanda por acessibilidade será cada vez mais deflagrada até se tornar inquestionável. 40 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . metodológicas. mas não ao gênero. à medida que aumentar a presença de pessoas com deficiência nas universidades de todo o país. A trajetória de pessoas com deficiência nas universidades brasileiras sempre esteve repleta de dificuldades devido às inúmeras barreiras arquitetônicas. impedindo-as de usufruírem dos serviços básicos e de participar de diversas atividades da vida cotidiana. Nesse sentido. de gênero e de deficiência. Entretanto. foi criada a Comissão de Acessibilidade do Seminário Internacional Fazendo Gênero 10. algumas feministas argumentaram que elas são pertinentes à deficiência.

instituição de educação infantil universitária da UFSC. este projeto visa proporcionar atividades/oficinas em um espaço apropriado de acolhimento e permanência das crianças. O espaço onde se realizará será no Núcleo de Desenvolvimento Infantil (NDI). tendo como desafio despertar nas crianças reflexões e vivências inspiradas nas discussões sobre gênero e diversidade.Diásporas. As oficinas contarão com a participação de educadoras/es em formação e em serviço os quais terão a oportunidade de aprimorar suas práticas e reflexões sobre as temáticas discutidas durante a execução do projeto.Projeto Crianças no Fazendo Gênero O projeto “Crianças Fazendo Gênero” tem como finalidade proporcionar às crianças que acompanham adultos que estejam participando do Seminário Internacional Fazendo Gênero 10 . Deslocamentos. geracionais e intergeracionais. Na tentativa de cumprir esse objetivo. Estas serão realizadas por educadoras/es e monitoras/es preparadas/os e instruídas/os de modo a contemplar temáticas envolvendo gênero e educação. Um segundo objetivo é o de promover reflexões sobre as desigualdades de gênero junto às/aos profissionais ligadas/os à educação. A ideia de elaborar este projeto surgiu durante a realização do Seminário Internacional Fazendo Gênero 9 . um espaço para vivências articuladas com as discussões sobre feminismos e relações de gênero enfatizadas durante o período de realização do evento.Desafios Atuais dos Feminismos. enquanto as/os adultas/os responsáveis participam das demais atividades do evento. Diversidades. A ênfase insere-se na promoção de uma experiência de formação crítica e atenta às questões de gênero e consequentemente das diversidades culturais. étnico-raciais. quando foi realizada a primeira experiência de acolhimento de Caderno de Programação | 41 .

às culturas das infâncias e às relações intergeracionais. gerando frutíferas expectativas sobre esta segunda edição. da família e da creche. Assim. demandou uma reflexão mais aprofundada acerca do lugar da infância na contemporaneidade. reflexões e parcerias. As oficinas promovidas pelas/os profissionais da educação despertaram o interesse de diversos grupos de pesquisa e profissionais ligados à educação que procuraram a comissão organizadora no intuito de promover trocas. que foi denominada Crianças no Fazendo Gênero. a partir de questões referentes às interposições ligadas à maternidade/paternidade. Desse modo. de manhã. a ser realizada no dia 19 de setembro. no intuito de favorecer a participação das/os suas/seus responsáveis no evento. haverá um espaço aberto para problematizações sobre tais questões na ocasião de uma Mesa Redonda: Crianças no Fazendo Gênero: reflexões sobre o lugar da primeira infância. Além do debate sobre as relações intergeracionais. nesta edição pretende-se ampliar o debate no sentido de agregar à discussão junto a pesquisadoras/es e movimentos sociais. 42 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . veio à tona a importância de uma reflexão sobre os vínculos estabelecidos culturalmente entre o binômio maternidade/paternidade e as exigências profissionais atuais. Essa experiência. com profissionais e pesquisadores/as da área.crianças. Além da elaboração de oficinas junto aos/às profissionais que atuarão diretamente no projeto. o Crianças no Fazendo Gênero proporcionou um cenário rico para a problematização do encontro entre crianças e adultas/os.

Raquel Meister Ko.Simpósios Temáticos 001.Segunda-feira — A expressão do passado habitual: efeitos da variável social sexo/gênero Eccia Alécia Barreto (Universidade Federal de Sergipe)  A influência do fator sexo/gênero na variação do nós/a gente na fala de universitários da Universidade Federal de Sergipe Kelly Carine dos Santos (Universidade Federal de Sergipe)  A variável gênero/sexo e o uso de MDs em Santa Catarina Cláudia Andrea Rost Snichelotto (Universidade Federal da Fronteira Sul)  As mulheres estão um passo à frente? A disseminação do conector DAÍ em Florianópolis Maria Alice Tavares (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  A diferença de desempenho entre meninos e meninas na provinha Brasil Solange dos Santos (Universidade Federal de Sergipe)  Análise léxico-semântica da linguagem homoafetiva em Aracaju Mônica Maria Soares Rosário (Universidade Federal de Sergipe)  Caderno de Programação | 43 . (Re)discutindo sexo/gênero na Sociolinguística Coordenação: Cristine Gorski Severo (Universidade Federal de Santa Catarina). Freitag (Universidade Federal de Sergipe) ▶ Local: Auditório do Centro de Ciências da Educação. Centro de Ciências da Educação (CED) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Bl. Térreo. A.

Brasil Claudia Camila Lara (Universidade Federal do Rio Grande do Sul).Fenômenos linguísticos variáveis sensíveis ao fator sexo/gênero: balanço da amostra GELINS Jaqueline Lima Fontes (Universidade Federal de Sergipe)  Língua. Elisa Battisti (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  O paradoxo do sexo/gênero na Sociolinguística Raquel Meister Ko. Cristiane Conceição de Santana (Universidade Federal de Sergipe)  — 17/09 . Freitag (Universidade Federal de Sergipe)  O uso do passado condicional como estratégia de polidez em Itabaiana/SE: o papel da variável sexo/gênero Andréia Silva Araujo (Universidade Federal de Sergipe)  Variação e estilo: a fala dos travestis de Fortaleza Jordane Fernandes Alves (Universidade Federal do Ceará)  Variável sexo/gênero nos usos de (eu) acho (que) face à interação com entrevistadores exclusivamente femininos Josiana da Silva (Universidade Federal da Fronteira Sul)  Linguagem e gênero: o desempenho lexical de mulheres protagonistas de movimentos sociais Clara Coelho Mangolin (Universidade Estadual de Campinas)  44 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . identidade e tradição em Florianópolis: as mulheres da Ilha Cristine Gorski Severo (Universidade Federal de Santa Catarina)  Língua.Terça-feira — O controle da variável gênero na análise de alternâncias fonético-fonológicas em falares do Rio Grande do Sul. identidade e estilo: relações de gênero em uma comunidade de práticas de Sergipe Thais Regina Conceição de Andrade (Universidade Federal de Sergipe).

literatura e educação Rosália Estelita Gregorio Diogo (Universidade Federal de Minas Gerais)  Construção da identidade de gênero em Niketche de Paulina Chiziane Flávia Maia Guimarães (Universidade Federal da Paraíba)  Sororidad epistémica: alianzas entre teorías feministas y crítica literaria desde América Latina Carolina Escobar Lastra (Universidad de Concepción)  Uso no sexista de los cuentos en educación infantil Maria Gema Lasarte Leonet (Didactica de La Lengua y La Literatura)  Caderno de Programação | 45 . A crítica feminista e os usos da literatura Coordenação: Anselmo Peres Alós (Universidade Federal de Santa Maria). B.Amélia também pode ser bela? A educação da mulher pela coluna Correio Feminino do jornal Correio da Manhã (1959-1961) Renata Maria de Oliveira Neiva (Universidade Federal de Uberlândia). teoria e ficção Anadir dos Reis Miranda (Universidade Federal do Paraná)  Mulheres negras.Segunda-feira — A escrava de Maria Firmina dos Reis: uma identidade fragmentada Algemira de Macedo Mendes Mendes (Universidade do Estado do Piauí)  A expressão do poético em “quando o espiritual domina” Ana Paula Dias Ianuskiewtz (Universidade Estadual Paulista de Araraquara)  Escritos proto-feministas na Inglaterra Setecentista: entre razão e sensibilidade. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . 2º Andar. Rita Terezinha Schmidt (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) ▶ Local: Sala 331. Raquel Discini de Campos (Universidade Federal de Uberlândia)  002. Bl.

Terça-feira — A consubstancialidade das relações sociais de sexo. aonde vamos?” Mulher e violência na literatura Cristina Maria Teixeira Stevens (Universidade de Brasília)  Os usos da literatura: o que escrevem as moçambicanas? Anselmo Peres Alós (Universidade Federal de Santa Maria)  Da (des)construção do “clássico”: o segundo sexo e mística feminina no Brasil e na Argentina Joana Vieira Borges (Universidade Federal de Santa Catarina)  Desleales a la civilización: la escritura nómade de Clarice Lispector y Cristina Peri Rossi María Amanda Saldías Palomino (Universidad de Concepción)  Tradição ou ruptura: desconstruindo gênero em Lucy Cláudia Maria Ceneviva Nigro (Universidade Estadual Paulista)  46 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . “raça” e classe: uma análise crítica para além do gênero Mirla Cisne (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Entre a louca no sótão e o Phármakon há.A mulher na literatura indiana: narrativa e resistência Cielo Griselda Festino (Universidade Paulista)  — 17/09 . Breves considerações resultantes de uma leitura de The Madwoman in the Attic sob o viés da desconstrução derridiana Aparecido Donizete Rossi (Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”)  Diálogos possíveis e impossíveis entre as teorias sociais contemporâneas e a crítica literária feminista Joana D’Arc Martins Pupo (Universidade Federal do Paraná)  “E agora.

Silvana Maria Bitencourt (Universidade Federal de Mato Grosso) ▶ Local: Sala 309. Bl. A relação entre os tempos da produção científica e o gênero na cultura acadêmica/científica atual Coordenação: Emilia Rodrigues Araújo (Universidade do Minho). B. metáfora. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 Caderno de Programação | 47 .Quinta-feira— A dimensão do sublime em A Hora da Estrela.— 19/09 . de Clarice Lispector Rosana Cássia Kamita (Universidade Federal de Santa Catarina)  A máquina de engendrar (i)legitimidades na ficção de Roberto Bolaño Renata Farias de Felippe (Universidade Federal de Santa Maria)  Aspectos coloniais: a opressão do feminino na obra desmundo de Ana Miranda Cristiano Mello de Oliveira (Universidade Federal de Santa Catarina)  Bertha e Laura: da objetificação feminina ao desejo pela condição de sujeito Maria Alice Sabaini de Souza (Universidade Federal de Rondônia)  A ginoide e o feminino: alegoria. simbologia e gênero em Metropolis de Fritz Lang Alexandre Veloso de Abreu (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais)  Leituras conservadoras de Orgulho e Preconceito: despolitizando Jane Austen Maria Clara Pivato Biajoli (Universidade Estadual de Campinas)  Em busca de nossas avós: escritoras contemporâneas recriam mulheres do passado Wiliam Alves Biserra (Universidade de Brasília)  O cânone literário francês e a atuação das escritoras no século XVII Beatriz Polidori Zechlinski (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  003. Térreo.

 Glória Rabay (Universidade Federal da Paraíba). Brasil Mauro Meirelles (Centro Universitário La Salle).— 19/09 . Lucimeiry Batista da Silva (Universidade Federal da Paraíba)  Educação em museus de ciências: território feminino de produção de conhecimentos Daniel Fernando Bovolenta Ovigli (Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”). Adriana Cruz da Silva (Instituto Federal de São de Paulo)  Gênero e academia: o espaço de formação e atuação de mulheres em Medicina Veterinária Lucilene Macedo da Costa (Secretaria de Educação do Estado de Minas Gerais).Quinta-feira — Perspetivas sobre a relação entre carreira acadêmica e gênero Emília Rodrigues Araújo (Universidade do Minho)  A cultura universitária e a produção social das identidades de gênero e sexuais no curso de Licenciatura em Educação Física da Universidade Federal de Sergipe Luciano Rodrigues dos Santos (Universidade Federal de Sergipe)  A engenharia e a inserção feminina Mônica Mansur Bahia (Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais)  Carreiras docentes de mulheres em departamentos masculinos: mudanças geracionais Maria Eulina Pessoa de Carvalho (Universidade Federal da Paraíba). Paula Dias Bevilacqua (Universidade Federal de Viçosa)  Percursos e projetos de arquitetas brasileiras Ana Gabriela Godinho Lima (Universidade de São Paulo)  Produção científica e lógica discricionária de gênero: um estudo acerca dos usos do tempo de homens e mulheres com carreiras acadêmicas ligadas a três universidades do Rio Grande do Sul. Valdir Pedde (Universidade Feevale)  Professoras universitárias e gestão do tempo: experiências das gerações formadoras na Antropologia Brasileira Candice Vidal e Souza (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais)  48 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Marie Jane Soares Carvalho (Universidade Federal do Rio Grande do Sul).

mães e cientistas: algumas reflexões para a positivação do feminino no que fazer científico Sandra Carolina Portela Garcia (Universidade Federal De Santa Catarina)  Mulheres. Darcy Mitiko Mori Hanashiro (Universidade Presbiteriana Mackenzie)  Sistemas de estímulo y reconocimiento de las instituciones de educación superior e investigación: análisis y propuestas con perspectiva de género Norma Blazquez Graf (Universidad Nacional Autónoma de México)  Tejiendo redes de cuidado en la comunicación/educación del conocimiento científico: perspectivas desde sexualidades otras Daniela Botero Marulanda (Universidade Federal da Bahia).Sexta-feira— Os efeitos do gênero na fase do doutorado: como se apresentam as emoções e as obrigações de um candidato a “doutor” Silvana Maria Bitencourt (Universidade Federal de Mato Grosso)  Conhecimento feminista nas universidades brasileiras: um ponto de vista descolonial Elismênnia Aparecida Oliveira (Universidade Federal de Goiás)  Da constituição de um campo: gênero. Tania Pérez Bustos  Pontificia Universidad Javeriana)  Atividade física.A cultura do trabalho a partir do universo feminino Edimeri Stadler Vasco (Secretaria de Estado de Educação)  — 20/09 . tempo de dedicação à ciência Ludmila Maria Bastia de Brito-Ribeiro (Universidade Presbiteriana Mackenzie). gênero e política na cidade de São Paulo:Uma análise sócia histórica das mulheres negras na segunda metade do século XIX Eduardo Mosna Xavier (Universidade de São Paulo)  Caderno de Programação | 49 . Maria José Fontelas Rosado Nunes (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Gênero e prestígio: um olhar antropológico sobre a categoria PQA1 Fernanda Azeredo de Moraes (Universidade Federal de Santa Catarina)  Mulheres. Lucia Alves da Cunha (Pontificia Universidade Católica de São Paulo). feminismo e religião Teresinha Ferreira Leite Matos (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo).

configurações socioeróticas e etnologia Coordenação: Flavio Braune Wiik (Universidade Estadual de Londrina). Acesso a direitos.Quinta-feira — Uma análise de como o(a)s transexuais são representados/as nas “aldeias arquivos” dos Tribunais Judiciais Vivian Manfrim Muhamed Zahra (Universidade Federal da Grande Dourados)  Direito como tecnologia de gênero: uma análise a partir do caso de Queimadas/PB Emerson Erivan de Araújo Ramos (Universidade Federal da Paraíba). Thaíse Silva Rodrigues (Universidade Federal da Paraíba)  Gênero e etnia: mulheres Guarani e Kaiowá e direitos sociais Célia Maria Foster Silvestre (Universidade do Estado de Mato Grosso do Sul)  Mulheres e homens indígenas encarcerados no sul do Mato Grosso do Sul Simone Becker (Universidade Federal da Grande Dourados)  Narrativas na e sobre a margem de uma liderança Kaiowa de acampamento no Sul do Mato Grosso do Sul Aline Castilho Crespe (Universidade Federal da Grande Dourados)  Saúde reprodutiva da mulher indígena de Dourados/MS Greciane Martins de Oliveira (Universidade Federal da Grande Dourados)  Sexos numa aldeia e numa cidadezinha amazônica Barbara Maisonnave Arisi (Universidade Federal da Integração Latino-Americana)  50 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Bl. B. nº 006.Códigos socioculturais de gênero na literatura paracientífica: permanências e alterações Cassia Bethania Groess de Souza Barbosa (Escola Municipal Osvaldo Cruz)  004. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Térreo. Simone Becker (Universidade Federal da Grande Dourados) ▶ Local: Sala Carlos Drummond de Andrade.

Tecnologia e Administração de Caarapó)  Gênero e currículo escolar: um direito das mulheres Kátia Karine Duarte da Silva (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul)  Mulheres da terra: coordenadoras de lutas ou companheiras de panelas? Cláudia Delboni (Universidade Federal da Grande Dourados)  O processo de metamorfose: “o caminho da transformação até chegar à leveza e liberdade da borboleta” Maria Aparecida Mendes de Oliveria (Universidade Federal da Grande Dourados)  Projeto “Ojapo tape oguata hína. Danielle Jardim Barreto (Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”)  — 20/09 . Mato Grosso do Sul Lauriene Seraguza Olegário e Souza (Universidade Federal da Grande Dourados)  Travestis e transexuais: a questão da busca pelo acesso à saúde Camila Guaranha (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Igualdade na diferença? Reflexões sobre interculturalidade. corpos e substâncias na terra indígena Yvykuarusu/Takuaraty em Paranhos. Se faz caminho ao andar”: uma proposta de ação Tânia Regina Zimmermann (Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul)  Reflexões sobre o papel de mulheres e homens indígenas na representação dos índios nas situações significadas como “consulta prévia” na Reserva Indígena de Dourados/MS Luiza Gabriela Oliveira Meyer (Universidade Federal da Grande Dourados)  Caderno de Programação | 51 .Sexta-feira — As xamãs e os xamãs Terena Graziele Acçolini (Universidade Federal da Grande Dourados)  Balcão de Direitos Humanos Lélio Loureiro da Silva (Faculdade de Educação. gênero e identidades Rogério Amador de Melo (Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”).Socioerotismo feminino Kaiowa e Guarani: cosmologia.

Quinta-feira — Casamento: representações. Bl. do gênero e da fidelidade em Buenos Aires e Brasília Moisés Alessandro de Souza Lopes (Universidade Federal do Mato Grosso)  Nuevas vías para viejos arreglos: el caso de las “familias” de los varones gay en la Ciudad de México Oscar Emilio Laguna Maqueda (Universidad Autónoma Metropolitana)  Mulheres imigrantes em contexto contemporâneo: sentimentos. PB Jainara Gomes de Oliveira (Universidade Federal da Paraíba)  O afeto como categoria jurídica: a possibilidade da “união homoafetiva” em debate pelo Supremo Tribunal Federal Ricardo Andrade Coitinho Filho (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  O devir-mãe na adoção Larissa Bergamo Zanardo (Universidade Estadual Paulista Julia de Mesquita 52 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Afectos. Colombia).005. Ivana Patrícia Almeida da Silva (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia)  Família homoafetiva sob o aspecto jurisprudencial dos tribunais do Sul do Brasil Juliane Mayer Grigoleto (Escola da Magistratura do Paraná)  Homoconjugalidade masculina. Marta Cabrera (Pontificia Universidad Javeriana) ▶ Local: Sala 310. parentesco. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . B. mudanças e permanências a partir do olhar feminino Tânia Rocha Andrade Cunha (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia). Térreo. desafios e mudanças Célia Regina Pereira de Toledo Lucena (Centro de Estudos Rurais e Urbanos)  Notas etnográficas sobre a constituição de relações homoeróticas femininas em João Pessoa. emociones y sentimientos: reconfiguraciones de los órdenes de familia. género y sexualidad Coordenação: Maria Candida Ferreira de Almeida (Universidad de los Andes. A construção das emoções.

Sexta-feira — A sexualidade como conceito político: estudo sobre o discurso do Judiciário brasileiro em questões de homoafetividade Tayra Fonseca Rezende (Universidade Federal de Pelotas)  Mulheres motoristas de caminhão: viajando pelos arranjos familiares Francine Pereira Rebelo (Universidade Federal de Santa Catarina)  As várias faces das emoções na prostituição: “trabalho emocional” e conexões entre afeto. Fernando Silva Teixeira Filho (Universidade Estadual Paulista)  O universo feminino: uma análise sobre o amor e o casamento na contemporaneidade Ivana Patrícia Almeida da Silva (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia). Tânia Rocha Andrade Cunha (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia)  Sussurros dolorosos: narrativas de sofrimento entre familiares de vítimas da violência Amanda Gomes Pereira (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  “A educação vem de casa”: os usos do parentesco em uma escola pública na periferia de São Paulo Nicolau Dela Bandera Arco Netto (Universidade de São Paulo)  — 20/09 . Elisa Mariana Carvalho Ribeiro (Universidade Estadual Paulista Julia de Mesquita Filho). Constanza Tabbush (Instituto Interdisciplinario de Estudios de Género)  Nem dentro nem fora: a constituição de relações sociais e tecnologias entre estrangeiras presas em São Paulo Bruna Louzada Bumachar (Universidade Estadual de Campinas)  Caderno de Programação | 53 .Filho). sexo e dinheiro Marina Veiga França (Universidade Federal de Minas Gerais)  Diferenças e desigualdades nas relações de trabalho e afeto Tereza Lopes Miranda (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Emociones tras las rejas: la regulación de la maternidad en las prisiones argentinas María Florencia Gentile (Universidad de Buenos Aires).

gênero e gerações Coordenação: Eduardo Steindorf Saraiva (Universidade de Santa Cruz do Sul). Bl. Elís Amanda Atanázio Silva (Universidade Federal da Paraíba)  54 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Ana Alayde Werba Saldanha Pichelli (Universidade Federal da Paraíba).Noções sobre responsabilidades femininas e cuidado familiar em um grupo de mulheres encarceradas Kátia Moreira Lopes (Universidade Federal de São Paulo)  Sobre mulheres de presos: a produção da “mulher fiel” Jacqueline S. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Térreo. Marlene Tamanini (Universidade Federal do Paraná)  006. monetárias e de gratidão nas relações de trabalho das diaristas Thays Almeida Monticelli (Universidade Federal do Paraná). Arranjos amorosos e sexuais: olhares entrecruzados pelo tempo. B. Paulo Fernando de Araujo Lago (Auditório do CFH). Ferraz de Lima (Universidade Federal de São Carlos)  O poder do “não” e a contradição do “sim”: as ambivalências afetivas. Dr. Leandro Castro Oltramari (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Auditório Prof.Segunda-feira — Amor e conflitos entre jovens na contemporaneidade Leonardo Lemos de Souza (Universidade Estadual Paulista)  A plasticidade de gênero em jovens Jacqueline Virmond Vieira (Universidade Federal de Santa Catarina)  Amor livre e utopia: problematizando a mononormatividade na história Cláudia Machado de Souza (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Amor romântico e relações afetivas: repercussões nos papéis de gênero Flávio Lúcio Almeida Lima (Universidade Federal da Paraíba).

 Amanda Trajano Batista (Universidade Federal da Paraíba). Elís Amanda Atanázio Silva (Universidade Federal da Paraíba)  Fotografia de casamento no Flickr: a noiva e representações femininas Gabrielle da Costa Moreira (Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro)  — 17/09 . falando e aprendendo a amar Maria Luz Olegário (Universidade Federal de Campina Grande).Terça-feira — Noções de feminilidade nos ritos matrimoniais: uma abordagem antropológica Cristina Teixeira Marins (Universidade Federal Fluminense)  Relações customizadas: uma reflexão sobre o vínculo conjugal em condições pós-modernas Ana Nascimento de Amorim (Clínica Vital)  Recasamento: gestões do cotidiano e emergência de novas subjetividades Juliana de Almeida Ribeiro da Costa (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Caderno de Programação | 55 . Iria Raquel Borges Wiese (Universidade Federal da Paraíba)  Desafios. Mirian de Albuquerque Aquino (Universidade Federal da Paraíba)  Grau de satisfação amorosa no relacionamento: uma perspectiva de gênero Juliana Rodrigues de Albuquerque (Universidade Federal da Paraíba). Ana Alayde Werba Saldanha Pichelli (Universidade Federal da Paraíba). desilusão. divergências e identidades na construção de um movimento “não monogâmico” no Brasil Antonio Cerdeira Pilão (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Discursos sobre a afetividade feminina: olhando para si.Amor. sexo: carreiras sexuais de mulheres heterossexuais de camadas médias da cidade de Recife Patrícia Danielly Sousa Carvalho (Faculdade Maurício de Nassau)  Comportamentos de infidelidade e práticas preventivas numa perspectiva de gênero Elís Amanda Atanázio Silva (Universidade Federal da Paraíba).

Segunda-feira — Corpo contingente: a série History Portraits de Cindy Sherman Diana Vieira de Campos Almeida (Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa)  A imagem de Eva revisitada pela arte gráfica do século XX Daniela Queiroz Campos (Universidade Federal de Santa Catarina)  56 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Arte e Gênero Coordenação: Ana Gabriela Macedo (Universidade do Minho). Rita de Cássia Sobreira Lopes (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Uma trilogia de balanços afetivos: (des)amores e (des)afetos Tanay Gonçalves Notargiacomo (Universidade Federal de Santa Catarina)  Vidas secretas. Bl. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . 2º Andar. Hebe Signorini Gonçalves (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  007. Departamento de História. traições amorosas e poligamia: “assaltantes de banco” e seus arranjos afetivos Jania Perla Diógenes de Aquino (Universidade Federal do Ceará)  Negociações do feminino na novela Lado a Lado: desafios românticos na contemporaneidade Mayara Magalhães Martins (Universidade Federal do Ceará). C. Simone Pereira Schmidt (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Sala 10.Reprodução assistida e transição para a parentalidade: implicações de gênero Isabela Machado da Silva (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Antonio Cristian Saraiva Paiva (Universidade Federal do Ceará)  Heterossexualização das relações homoafetivas: uma realidade para se alcançar a aceitação? Rafael Reis da Luz (Universidade Federal do Rio de Janeiro).

subjetividades nômades e (des)encantos femininos em Marilene Felinto Maria Salete Daros de Souza (Universidade Federal de Santa Catarina)  Entre palavra e imagem: o livro de artista como arquivo de processos feministas Márcia Oliveira (Centro de Estudos Humanísticos da Universidade do Minho)  Entre venenos e confissões: corpos.Terça-feira — Fonte das mulheres: marcas de Lisístrata de Aristófanes na narrativa fílmica Rosana Araújo da Silva Amorim (Universidade Federal da Bahia)  “MAKINGL’AGE” de Regina Vater: alteridades femininas na vídeo arte brasileira Talita Trizoli (Universidade Federal de Goiás)  Memórias coloniais na pele: a poesia de Noémia de Sousa Simone Pereira Schmidt (Universidade Federal de Santa Catarina)  Caderno de Programação | 57 . Fernando Silva Teixeira Filho (Universidade Estadual Paulista)  Corpo e poder no Funk carioca feminino Letícia Laurindo de Bonfim (Universidade Federal de Santa Catarina)  Corpos em trânsito.A personagem está presente: as relações interartes entre as obras de Carol Bensimon e Lenora de Barros Edma Cristina de Góis (Faculdade 7 de Setembro)  A Vênus Encarnada: imagens da violação na arte pública Marlen de Martino (Universidade Federal do Rio Grande)  Arte feminista: diálogos entre o mito da beleza e as obras de Jenny Saville Patricia Fabiola Scandolara (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Cindy Sherman é legião: arte contemporânea e produção de subjetividade Roberta Stubs Parpinelli (Universidade Estadual Paulista). tentações e sensações Christian Muleka Mwewa (Universidade do Sul de Santa Catarina)  — 17/09 .

 Nincia Cecilia Ribas Borges Teixeira (Universidade Estadual do Centro-Oeste)  Corpo e subjetividade na pedagogia do teatro Guaraci da Silva Lopes Martins (Universidade Estadual do Paraná). do fracasso e do artifício como ferramentas de resistência e construção de novos reais no espetáculo Dzi Croquettes Adriano Barreto Cysneiros (Universidade Federal da Bahia)  Reaproveitando as sobras do cotidiano: procedimentos artísticos que problematizam questões de lixo e gênero na arte Alice Jean Monsell (Centro de Artes da Universidade Federal de Pelotas)  Transgressão de gênero na alta renascença italiana Gabriel de Melo Guilen (Universidade Federal do Paraná)  Um jeito diferente de ser movimento: em cena.O (entre) lugar da mulher: em cena Jeanne D´arppo Danielle Souza Batista (Universidade Estadual do Centro Oeste). queer. Juliana Tonin (Universidade Estadual do Paraná)  Performance à beira da loucura: o uso dos desvios. Universidade Nova de Lisboa)  “Êla” veste identidade: o corpo e suas identificações Elton Vitor Coutinho da Silva dos Santos (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)  008. A. o Riot Grrrl Jéssyka Kaline Augusto Ribeiro (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  “Afro Retratos” brasileiros: Rosana Paulino. tecnología y lenguaje: Experiencias artísticas feministas. Bl. anárquicas y /o militantes Coordenação: Luciana Gruppelli Loponte (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Térreo. Renata Felinto e Michelle Mattiuzzi Giulia Lamoni (Instituto de Historia da Arte. educación. Rosa Maria Blanca Cedillo (Universidade Feevale) ▶ Local: Auditório do Centro de Ciências da Educação. Arte. Centro de Ciências da Educação (CED) Horário: 14h às 17h30 58 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

 Lívia Monique de Castro Faria (Universidade Federal de Lavras)  Caderno de Programação | 59 . gênero e sexualidade Maria Luiza Rodrigues Souza (Universidade Federal de Goiás)  Arte e mídias. artes que desestabilizam Marina Aparecida Marques Castanheira (Universidade Federal de Lavras). status quo. Ferreira (Universidade Federal de Santa Catarina)  Devir DragKing e subjetividades comunicantes: a performance corporal como mídia radical Camila Olivia de Melo (Universidade Federal do Paraná)  As mulheres do blues em Salvador: questões sobre relações de gênero Eric Hora Fontes Pereira (Universidade Federal da Bahia)  O currículo das imagens dos blogs educativos e seus ensinamentos sobre gênero e sexualidade Gabriela Silveira Meireles (Universidade Federal de Minas Gerais). Carolina Faria Alvarenga (Universidade Federal de Lavras). Mariane Camargo D’Oliveira (Universidade de Santa Cruz do Sul)  Mulheres: artes que contam. identidade e processos de identificação nos trabalhos do Coletivo Fierce Pussy Renata Biagioni Wrobleski (Universidade de São Paulo)  Arte desestabilizadora: reflexões a partir de uma experiência coletiva sobre arte.— 19/09 . Marcele Camargo D’Oliveira (Universidade de Cruz Alta).Quinta-feira — Agitação política e as relações entre palavras e visibilidade. gênero e (auto)representação: imagens queer como formas de resistência Glauco B. Marlucy Alves Paraíso (Universidade Federal de Minas Gerais)  A desconstrução de afirmações depreciativas e estereotipadas com relação ao gênero em ambiências escolarizadas Maria Aparecida Santana Camargo (Universidade de Cruz Alta).

1º Andar. Reapropriação do discurso através do “fazer rádio” Júlia Araújo Mendes (Universidade de Valência)  Pequenas Solidões.— 20/09 . dificuldades e novos desafios Coordenação: Lana Lage da Gama Lima (Universidade Estadual do Norte Fluminenese Darcy Ribeiro).Sexta-feira — Mulher como imagem: um olhar crítico à representação e à identidade Lina Alves Arruda (Universidade Estadual de Campinas)  O eco das outras. As ações públicas no combate à violência contra a mulher: avanços. Série Orgasmo 8 Alexandra Martins Costa (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial)  Your body is a battleground: o Feminist Art Movement norte-americano analisado através da produção artística de Judy Chicago e Barbara Kruger Milena Costa de Souza (Universidade Federal do Paraná)  Linhas da Vida: uma metodologia feminista com suporte têxtil Katianne de Sousa Almeida (Assembleia Legislativa do Estado de Goiás)  Gênero. Centro de Cultura e Eventos Horário: 14h às 17h30 60 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Avaliação crítica da obra Intimidades. subjetividade e afetos em O Céu de Suely Rodrigo Souza Silva (Universidade Federal de Juiz de Fora)  O impacto do programa da Xuxa nas questões de gênero e raça Susana de Castro Amaral Vieira (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  As Mulheres D’A Plebe: lançando olhares sobre os discursos acerca da moral e dos corpos femininos nas páginas do jornal anarquista A Plebe (1919-1921) Ana Claudia Ribas (Universidade Federal de Santa Catarina)  009. Maria Beatriz Nader (Universidade Federal do Espírito Santo) ▶ Local: Sala Aroeira.

DEAM/Vitória-ES (2003) Mirela Marin Morgante (Universidade Federal do Espírito Santo).RJ Lana Lage da Gama Lima (Universidade Estadual do Norte Fluminenese Darcy Ribeiro). Lore Fortes (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher: análise das práticas de administração de conflitos no município de Campos dos Goytacazes.Segunda-feira — Vivências do sistema de justiça: o olhar feminista no Sertão Anna Christina Freire Barbosa (Universidade Federal do Rio Grande do Norte). jovens e violência de gênero Glicia Nick de Oliveira (Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro)  Medidas protetivas da Lei Maria da Penha: caso de mulheres assassinadas Myriam Aldana Vargas (Universidade Comunitária Regional de Chapecó)  Disputando a aplicação das leis: a constitucionalidade da Lei Maria da Penha nos tribunais brasileiros Marta Rodriguez de Assis Machado (Centro Brasileiro de Análise e Planejamento)  A Lei Maria da Penha e o cotidiano das Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher: registros e retornos Rita de Cássia Barbosa (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia).— 16/09 . Tânia Rocha Andrade Cunha (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia)  Violência de gênero: valores e comportamentos em conflito . Luana Rodrigues da Silva (Universidade Estadual Norte Fluminense Darcy Ribeiro)  Controvérsia sobre a Lei Maria da Penha e meninas. Maria Beatriz Nader (Universidade Federal do Espírito Santo)  Desafios para efetivar direitos das mulheres: um estudo sobre a delegacia especializada de Parintins/AM Nalva Pinheiro Pontes (Universidade Federal do Amazonas)  As atribuições das Delegacias da Mulher do Estado de Santa Catarina: necessidade de redefinição a partir da Política Nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres Ana Silvia Serrano Ghisi (Universidade do Vale do Itajaí)  Caderno de Programação | 61 .

 Roberto Marques (Universidade Regional do Cariri)  Avaliação da rede protetiva às mulheres vítimas de violências na Comarca de Viçosa . Ciência e Tec. Telma Low Silva (Grupo de Pesquisa em Gênero e Masculinidades)  A violência contra a mulher no Sudeste Goiano .MG Daniela Leandro Rezende (Universidade Federal de Minas Gerais).2004 a 2010 Eliane Martins de Freitas (Universidade Federal de Goiás)  O “bico’’ no primeiro atendimento prestado às vítimas de violência de gênero em uma Delegacia Legal de Campos dos Goytacazes Mariana Lima Winter (Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro)  Um campo minado de (des)informações: os desafios para visibilizar feminicídios no Brasil Izabel Solyszko Gomes (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Acesso e apropriação de políticas públicas de gênero Centro-Sul Cearense: observações preliminares Glauberto da Silva Quirino (Universidade Regional do Cariri). de Pernambuco). Iara Maria de Araújo (Universidade Regional do Cariri). Maria Ilidiana Diniz (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  62 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Luciana Vieira Rubim Andrade (Universidade Federal de Viçosa)  Desafios à implementação de políticas públicas para as mulheres em situação de violência Fernanda Marques de Queiroz (Universidade do Estado do Rio Grande do Norte). limites e possibilidades do enfrentamento da violência contra as mulheres no município de Recife/Pernambuco Danielly Spósito Pessoa de Melo (Instituto Federal de Educação.Violência contra a mulher: o perfil e o relato dos parceiros no inquérito policial Anne Caroline Luz Grüdtner da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina)  — 17/09 .Terça-feira — Avanços. Jorge Lyra (Universidade Federal de Pernambuco).

Centro de Referência Especializado em Assistência Social à Mulher . 2010-2012 Luciana Silveira (Universidade Federal do Espírito Santo)  Grupos reflexivos como medida judicial para homens autores de violência contra a mulher Paula Licursi Prates (Faculdade de Saúde Pública).Quinta-feira — Atendimento a homens autores de violência contra a mulher: lacunas.CREAS-Mulher: um avanço no combate à violência de gênero em Mossoró/RN Marwyla Gomes de Lima (Universidade do Estado do Rio Grande do Norte)  Políticas Públicas de Enfrentamento a Violência Contra à Mulher: interpretações e implicações das PP’s de Assistência Social e de Gênero nos serviços de atendimento a mulher vítima de violência Gisele Filippo Valverde (Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro)  Políticas e programas para igualdade de gênero em Moçambique Lúcia Helena Barbosa Guerra (Universidade Federal de Pernambuco)  — 19/09 . Leandro Feitosa Andrade (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Fórum de homens capixabas pelo fim da violência contra as mulheres João José Barbosa Sana (Universidade Federal do Espírito Santo)  Caderno de Programação | 63 . desafios e perspectivas Anderson Eduardo Carvalho de Oliveira (Faculdade de Tecnologia e Ciência de Salvador )  Estruturas masculinas da violência social: análise do discurso em grupos de homens que cumprem medida judicial por violência doméstica Adilson Schultz (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais)  O enfrentamento à violência contra a mulher: discutindo a pena privativa de liberdade para os autores da violência Renata Gomes da Costa (Universidade Estadual do Ceará)  A Delegacia de Atendimento e Proteção à Pessoa Idosa de Vitória (ES) e o enfrentamento da violência contra mulheres idosas.

 Juiana Gonçalves Melo (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  O processo de construção de si na narrativa de homens autores de agressões nos contextos da violência de gênero Ricardo Bortoli (Universidade Federal do Paraná)  A vitimização de mulheres idosas por agressão física no Brasil Jackeline Aparecida Ferreira Romio (Universidade Estadual de Campinas).Quando o amor pode matar: um panorama sobre a questão da violência doméstica na DEAM (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) em Natal-RN Mariana de Azevedo Silva. Vânia Morales Sierra (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  64 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Sexta-feira — A construção de políticas públicas em saúde para a atenção à mulher em situação de violência no Paraná Terezinha Maria Mafioletti (Rede Feminista de Direitos Sexuais e Reprodutivos-PR). Emerson Luiz Peres (Secretaria de Estado da Saúde do Paraná)  A Psicologia Feminista. Carolina Alondra Guidotti Gonzalez (Universidade Estadual de Campinas)  — 20/09 . Leandro Fernandes Valente (Universidade Estadual do Ceará)  Desafios da interseccionalidade no combate à violência doméstica: para uma abordagem interseccional situada das queixas e ações institucionais Cecília MacDowell dos Santos (University of San Francisco)  Entre a Fé e o Direito: um estudo sobre a violência doméstica contra mulheres protestantes de São Gonçalo Viviana Assumpção Melchiades de Oliveira (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). as mulheres de Canoas e o CRM Patrícia Esber: práticas emancipatórias na luta contra a violência de gênero Marília Saldanha (Centro de Referência para Mulheres Vítimas de Violência)  A violência contra a mulher em Fortaleza: quatro anos de OBSERVEM Hayeska Costa Barroso (Universidade Estadual do Ceará). Brenna Moreira Feitosa (Universidade Estadual do Ceará).

Térreo. Bl. Carla de Castro Gomes (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Políticas locais de enfrentamento à violência contra mulheres: avanços e desafios Eliane Barbosa da Conceição (Centro de Estudo em Administração Pública e Governo da Fundação Getúlio Vargas)  Projeto Casa das Mulheres: a experiência de enfrentamento da violência contra a mulher no âmbito de uma rede não especializada Ana Pereira dos Santos (Universidade Federal de Viçosa)  Serviço de Prevenção à Violência Doméstica na Polícia Militar de Minas Gerais: práticas. As crianças como atores sociais: por que interessam as questões de gênero? Coordenação: Manuela Ferreira (Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação .Violência consentida pelo Estado Alda Britto da Motta (Universidade Federal da Bahia)  Interpretações e formas de aplicação da Lei Maria da Penha: uma abordagem a partir de instituições e serviços de cidades da Região Metropolitana do Rio de Janeiro Paulo Victor Leite Lopes (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . B. desafios e aprendizados Silvia Adriana Silva (Policia Militar de Minas Gerais). Marília Pinto de Carvalho (Faculdade de Educação da USP) ▶Local: Sala 311. Sônia Gomes Oliveira Ambrósio (Faculdade de Minas)  010. Elaine Neiva Braz (Polícia Militar de Minas Gerais).Quinta-feira — “É que eu nunca dou pro pai ler”: a problematização de identidades de gênero por crianças nas interações familiares Cristiane Maria Schnack (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  Caderno de Programação | 65 .Universidade do Porto).

Homens-pais: o que as crianças têm a dizer sobre eles? Catharina da Cunha Silveira (Universidade Federal do Rio Grande do Sul).Sexta-feira — A “palavra” aos jovens: o abandono escolar e a construção social da masculinidade Maria Manuela Ribeiro Carrito (Universidade do Porto)  Configurações de “ofício de aluno”: análise preliminar Fábio Hoffmann Pereira (Universidade de São Paulo)  Porque os meninos abandonam a escola nos anos iniciais: articulações de gênero e raça na educação básica em Cachoeira (BA) Beatriz Giugliani (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)  66 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Mara Coelho de Souza Lago (Universidade Federal de Santa Catarina)  — 20/09 . gênero e dinâmica sucessória na agricultura familiar Valmir Luiz Stropasolas (Universidade Federal de Santa Catarina)  Infância generificada: expectativas de gênero negociadas por conselheiro tutelar e crianças vítimas de abuso sexual na reconstrução da narrativa do abuso Mariléia Sell (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  As meninas e as novas experiências de feminilidade por meio de jogos e brincadeiras na educação infantil Tânia Mara Cruz (Universidade do Sul de Santa Catarina). Marcelo Salvador Martins (Universidade do Sul de Santa Catarina). Sandra dos Santos Andrade (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Crianças. Tamires Ceolin (Universidade do Sul de Santa Catarina)  Representações sobre o feminino e o masculino em brincadeiras na Educação Infantil Ericka Marcelle Barbosa de Oliveira (Universidade Federal de Alagoas)  Ser criança e ser menina no cotidiano de um bairro praiano em Florianópolis Zuleica Pretto (Universidade Federal de Santa Catarina).

Segunda-feira — “Ratoeira bem cantada” e Cantigas de Amigo: possíveis diálogos que atravessaram o tempo Sumaya Machado Lima (Casa de Criação Cinema e Artes Ltda . Jane Felipe de Souza (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Relações de gênero como possibilidade e como limite de ação social num contexto de educação infantil Márcia Buss-Simão (Universidade Federal de Santa Catarina)  Relações de gênero: educação e infância Anelice Maria Banhara Figueiredo (Faculdade Empresarial de Chapecó).Olhares de meninas e meninos: os bastidores de uma pesquisa com crianças na família e na escola Adriano Souza Senkevics (Universidade de São Paulo)  Com que roupa eu vou? Embelezamento e consumo na composição dos uniformes escolares infantis Dinah Quesada Beck (Fundação Universidade Federal do Rio Grande). As investigações sobre a Antiguidade e o Medievo e os desafios atuais dos Estudos de Gênero. Marcelo Pereira Lima (Universidade Federal da Bahia) ▶ Local: Sala Goiabeira. 1º Andar. Centro de Cultura e Eventos Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Aline Fátima Banhara (Secretaria da Saúde de São José)  Crianças e sexualidades em um contexto escolar Tacinara Nogueira de Queiroz (Universidade Federal de Pernambuco)  011. História das Mulheres e dos Estudos Feministas Coordenação: Andréia Cristina Lopes Frazão da Silva (Universidade Federal do Rio de Janeiro).RJ)  A mulher da cantiga de amor e as expectativas de cortesia na Península Ibérica medieval Darcy Anderson Daltio (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística)  Caderno de Programação | 67 .

Terça-feira — Beatas e irmãs terceiras processadas pela Inquisição de Lisboa: análise de dois processos do século XVIII William de Souza Martins (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Gênero e santidade: reflexões a partir das tradições relacionadas à Santa Engracia de Braga Andréia Cristina Lopes Frazão da Silva (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  O Gênero de Maria: considerações sobre os atributos de gênero na Legenda Aurea Carolina Coelho Fortes (Universidade Gama Filho). comunicação e gênero das atenienses Maria Angélica Rodrigues de Souza (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  — 17/09 . Masculino/Feminino: corpo.) Marta Mega de Andrade (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  O vestuário de Eléctra e as marcas de status social. gênero. maternidade e o leite mariano como elemento de cura Guilherme Antunes Junior (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  A sexualidade feminina no mundo romano: entre os discursos normativo e as imagens cotidianas Marina Regis Cavicchioli (Universidade Federal da Bahia)  Ritual das Anthesterias: um ensaio sobre a arqueologia de gênero Maria Regina Candido (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Homem/Mulher. Marcia Teixeira Cavalcanti (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Diálogos e possibilidades de estudos sobre a representação do feminino na perspectiva da literatura hagiográfica André Candido da Silva (Universidade Federal da Grande Dourados)  68 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .A violência contra a mulher nas Cantigas de Santa Maria Bernardo Monteiro de Castro (Universidade Federal de Minas Gerais)  As Cantigas de Santa Maria de Alfonso X: gênero. sexo e poder no contexto ateniense (secs V e IV a.C.

João I na criação dos infantes da Ínclita Geração (Portugal – século XV) Mariana Bonat Trevisan (Universidade Federal Fluminense)  — 19/09 .A condição de trabalho da mulher em ofícios na urbanidade da Idade Média e da mulher catadora de materiais recicláveis na cidade de Fortaleza no século XXI Maria Valdicélia Cavalcante Lopes (Universidade do Vale do Acaraú)  Clara de Assis e sua importância para os movimentos femininos da Idade Média Cibele Carvalho (Governo do Estado do Paraná). ser pai: a exemplaridade de D.Quinta-feira — Sexualidade e pecados contra a natureza: a condenação da sodomia nas Ordenações Afonsinas Giovanna Aparecida Schittini dos Santos (Universidade Federal de Goiás)  A política sexual na Idade Média Cláudia Costa Brochado (Universidade de Brasília)  Carta de guia de casados: construções de gênero em um manual seiscentista para noivos Cássio Bruno de Araujo Rocha (Universidade Federal de Minas Gerais)  As otobiografias na voz feminina em canções medievais Carolina Cerqueira Lima Dittrich (Universidade Federal de Santa Catarina)  Catarina de Siena: mística e intercessora pela unidade da Igreja Católica durante o Grande Cisma – 1347-1380 Maria Cecilia Barreto Amorim Pilla (Pontifícia Universidade Católica do Paraná)  Caderno de Programação | 69 . Roseli Pádua Angeloni (Centro Universitário Campus de Andrade)  Do silêncio à palavra: o discurso de Santa Clara de Assis Edinha Maria de Jesus (Universidade Federal de Sergipe)  Gênero e história das mulheres na historiografia portuguesa relativa aos estudos do medievo Miriam Cabral Coser (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro)  Ser rei.

Sexta-feira — Diotima de Mantinéia e a Erosofia: uma concepção feminina do amor Clara Britto da Rocha Acker (Universidade de Brasília)  Estudos de gênero no Egito helenístico: desafios das cartas demóticas Thais Rocha da Silva (Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas)  Medeia em Roma Elisana de Carli (Universidade Federal de Santa Catarina)  Moiras. sob a ótica da categoria gênero Maria Valdiza Rogério da Silva (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Quem pode acusar? Sujeitos jurídicos. século XIII Marcelo Pereira Lima (Universidade Federal da Bahia)  Representações de mulheres e homens nos atos inquisitoriais contra os devotos e devotas de Santa Guglielma Andréa Reis Ferreira Torres (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Si alguna muier matar su fiio: as penalidades previstas no Fuero Juzgo (Séc. Amazonas: as mulheres da primeira modernidade sob o véu clássico Silvia Liebel (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Quem achará a mulher virtuosa na Antiguidade judaica? Abrindo possibilidades de leitura no livro de Rute Alessandra Serra Viegas (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Sobre a natureza da debilidade feminina em A República e As Leis Thaisa Marilia Coelho Tiba (Universidade de Brasília)  70 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . gênero e adultério na Legislação Afonsina. século XIII.As presenças masculina e feminina nos processos judiciais da comuna de Perúgia. Erínias. XIII) Rosiane Graça Rigas Martins (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  — 20/09 .

1º Andar.)  O movimento de mulheres em São Gonçalo e a luta pelo reconhecimento e garantia de direitos Gabrielle Gomes Ferreira (Universidade Federal Fluminense)  Participação. As lutas das mulheres pela ampliação da cidadania Coordenação: Maria Herminia Di Liscia (Universidad Nacional de La Pampa). A. entro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . El efecto de la incorporación de la agenda de género en los partidos políticos de Nicaragua entre 2007 .Segunda-feira — Cidadania feminina: o difícil começo da igualdade Izaura Rufino Fischer (Fundação Joaquim Nabuco)  Entre o discurso e a prática.2011 Humberto Mario Meza (Universidade Estadual de Campinas)  La lucha para hacer valer el derecho de las mujeres indígenas mexicanas a una vida libre de violencia Gloria Angélica Carmona de Alva (Coordinación Interregional Feminista Rural Comaletzin.012. Os movimentos sociais como espaço de conflito e de construção de novas relações de gênero Rebeca Raso Prazeres (Universidade de Santiago de Compostela)  Márgenes en redefinición. Bl. Nathália Diórgenes Ferreira Lima (Universidade Federal de Pernambuco)  Cidadania liberal e patriarcal: repensando a participação política das mulheres negras Maísa Maria Vale (Universidade Federal da Bahia)  Caderno de Programação | 71 . Departamento de Antropologia. Marlene Teixeira Rodrigues (Universidade de Brasília) ▶ Local: Sala 110. C. B. gênero e política na III Conferência de Políticas Públicas para Mulheres em Pernambuco Shirley de Lima Samico (Universidade Federal de Pernambuco).

O Projeto de Lei Complementar 122 e as lésbicas em Goiás Daniela Maroja Ribeiro (Universidade Federal de Goiás)  Trajetórias e participação política de mulheres parlamentares no Oeste de Santa Catarina Rosana Maria Badalotti (Universidade Comunitária da Região de Chapecó). Mayor autonomía o retorno al hogar Nora Goren (Universidad Nacional Arturo Jauretche)  Transversalidade nas políticas públicas de gênero: desafios para a emancipação feminina e superação da pobreza Fernando Oliveira Piedade (Universidade de Santa Cruz do Sul)  Bainas da festa do Bonfim em Salvador: gastronomia e cidadania Zelia Jesus de Lima (Pontifícia Universidade Católica São Paulo)  “Catadoras” e “cuidadoras”: o protagonismo feminino na transformação das relações de opressão no âmbito da gestão dos resíduos sólidos Marcio Henrique Pereira Ponzialacqua (Universidade de São Paulo)  72 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Érica Carolina da Silva Gomes (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Mulheres e direitos: o debate em torno da emancipação feminina no Recife (1870-1920) Alcileide Cabral do Nascimento (Universidade Federal Rural de Pernambuco)  Tensões e desafios do feminino nos consagrados espaços masculinos Maria Elena Bernardes (Universidade Estadual de Campinas)  — 17/09 . para e pelas mulheres: o Comitê de Cidadania como locus de igualdade e democracia Daniela Auad (Universidade Estadual de Campinas). Myriam Aldana Vargas (Universidade Comunitária Regional de Chapecó)  Formação política das.Terça-feira — Los umbrales del heteropatriarcado: el campo estatal como espacio donde instalar las reivindicaciones feministas Claudia Anzorena (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas)  La Asignación Universal por hijo. Mônica Cristina Gazziero (Rede Feminina de Combate ao Câncer).

o trabalho remunerado e o não remunerado Samira do Prado Silva (Universidade Estadual de Londrina). Marcia Thereza Couto (Universidade de São Paulo)  Anonimozegratuitos: eugenia liberal e o direito de personalidade na doação anônima de sêmen Thiago Oliveira da Silva Novaes (Universidade de Brasília)  Aborto e novas tecnologias reprodutivas: a mulher como sujeito de direito Bruna Potechi (Universidade Federal de São Carlos)  Caderno de Programação | 73 . As novas tecnologias da reprodução humana. Camila Vitule Brito de Souza (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo). Marlene Tamanini (Universidade Federal do Paraná) ▶ Local: Auditório do Centro de Ciências da Saúde. B.Université Lumière Lyon 2).Sexta-feira — Entre gametas e provetas: mãe é uma só? Lídia Marcelle Arnaud Aires (Universidade Federal de Sergipe)  Uso de tecnologias de reprodução assistida por mulheres solteiras: reflexões sobre família e gênero Carla Cristina Lima de Almeida (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro). Térreo.As mulheres usuárias da assistência social. Silvana Aparecida Mariano (Universidade Estadual de Londrina)  Mulheres na pesca artesanal: lutando por previdência e saúde Hulda Helena Coraciara Stadtler (Universidade Federal Rural de Pernambuco)  013. Carla Valesini Gegembauer (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Em busca de uma “boa pegada”: maternidade lésbica e uso de bancos de sêmen Rosana Machin (Universidade Federal de São Paulo). Centro de Ciências da Saúde (CCS) Horário: 14h às 17h30 — 20/09 . regional e transnacional: Um novo desafio de gênero? Coordenação: Laurence Tain (Centre Max Weber . Bl. seu cenário nacional.

 Manuella Ribeiro Barbosa Lira (Universidade Federal da Paraíba). Luciana Barcellos Teixeira (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Novas tecnologias reprodutivas e medicalização do corpo feminino Maria Patrícia Mesquita Pereira (Universidade Federal da Paraíba). Francisca Orisvânia Barreto (Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Social do Ceará).Segunda-feira — A implementação de Políticas Públicas de Gênero e Raça a partir do II Plano Estadual de Políticas para Mulheres da Bahia e a política de avaliação dessas políticas Anísia Gonçalves Dias Neta (Universidade Federal da Bahia)  A participação de mulheres como critério de avaliação dos projetos do Programa de Aquisição de Alimentos Helena Selma Azevedo (Universidade Federal do Ceará). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Avaliação de Políticas Públicas: fundamentos. metodologias e experiências com foco em gênero e raça/etnia Coordenação: Alcides Fernando Gussi (Universidade Federal do Ceará). Ana Claudia Farranha (Universidade de Brasília) ▶ Local: Sala 301. Maria Janilma Pereira Nogueira (Universidade Federal da Paraíba)  Mercado reprodutivo. produções tecnológicas e biomédicas e seus efeitos prescritivos nas práticas de filiação Marlene Tamanini (Universidade Federal do Paraná)  014. B. Térreo. Maria Neila Ferreira dos Santos (Universidade Federal do Ceará)  74 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Bl.Ocorrência de gestações após a soropositividade para o HIV e fatores associados em mulheres no Sul do Brasil Fernanda Maria da Rocha (Escola de Saúde Pública).

 Eline Almeida Santos (Prefeitura Municipal de Indiaroba). Adriane Roso (Universidade Federal de Santa Maria)  Gênero. Aline Soares Alves (Universidade Federal do Ceará)  Indicadores de gênero na esfera municipal de governo: os desafios para sua elaboração. Ronaldo Baltar (Universidade Estadual de Londrina)  — 17/09 . direitos humanos e políticas públicas: breves apontamentos Phelipe Bezerra Braga (Universidade Federal do Ceará). utilização e regularidade Cláudia Siqueira Baltar (Universidade Estadual de Londrina). University of London)  Gênero. feminismos e Frankenstein: um experimento político pouco ortodoxo Marianna Leite (Birkbeck College.Avaliando a equidade: anotações para uma metodologia em construção Ana Claudia Farranha (Universidade de Brasilia)  Centro de Referência e Promoção da Cidadania LGBT da capital (Rio de Janeiro/ RJ): caracterizando o perfil do homofóbico Isabela Scheufler Pereira (Universidade Estadual do Rio Janeiro)  Democratização das relações sociais e discriminação de gênero no trabalho bancário Keila Sousa dos Santos Monteiro (Universidade Federal de Sergipe)  Gestão de Políticas Públicas em Gênero e Raça: a transversalidade em curso Maria Celeste Landerdahl (Universidade Federal de São Paulo). raça e diversidade na escola: a auto-afirmação da identidade Renata Maria de Almeida Sampaio (Universidade Federal de Sergipe).Terça-feira — Intersetorialidade na política de gênero: possibilidade real Rosália de Oliveira Lemos (Universidade Federal Fluminense). Rosemeri Melo e Souza (Universidade Federal de Sergipe)  Feministas. Nivia Valença Barros (Universidade Federal Fluminense)  Caderno de Programação | 75 .

 Elisa Girotti Celmer (Universidade Federal do Rio Grande)  76 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Tacinara Nogueira de Queiroz (Universidade Federal de Pernambuco)  Escolarização da sexualidade e políticas públicas: mapeamento e análise de teses e dissertações em Goiás Aline da Silva Nicolino (Universidade Federal de Goiás)  Itinerários terapêuticos de usuários com tuberculose: uma perspectiva de gênero Amanda Silva de Oliveira Pinheiro (Universidade Federal Fluminense). Diogo Sousa Magalhães (Universidade Federal do Rio Grande). Solange Rocha (Universidade Federal de Pernambuco)  A utilização de rodas de conversa como metodologia que possibilita o diálogo Alessandra Aniceto Ferreira de Figueirêdo (Universidade Federal de Pernambuco). Cape Town e Maputo Isabel Maria Alçada Padez Cortesão Casimiro (Universidade Eduardo Mondlane). Maria Cristina Giorgi (Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca)  Notas sobre a participação das mulheres nas instâncias de deliberação do Programa Territórios da Cidadania em Rondônia Lilian Reichert Coelho (Universidade Federal de Rondônia)  Política pública no interior do Brasil Tatiana Sangalli (Prefeitura Municipal de São Gabriel do Oeste)  Políticas públicas e acesso aos serviços de saúde por pessoas que vivem com HIV/ AIDS em hospitais do Recife.Manifestações de racismo em relações de gênero: um estudo de caso Maria Vitória Silva Paiva (Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca). Marcos Paulo Fonseca Corvino (Universidade Federal Fluminense)  Projeto Empoderando Mulheres: uma iniciativa de enfrentamento à violência de gênero Cíntia Serpa da Rosa (Universidade Federal do Rio Grande).

015. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 .Quinta-feira — Abordaje etnográfico de la experiencia de mujeres que optan por el aborto con medicamentos Raquel Irene Drovetta (Instituto Interdisciplinario de Estudios de Género). Luz Díaz (Universidade Nacional de Córdoba)  Aborto induzido e seletivo: o que pensam os representantes do biopoder? Iria Raquel Borges Wiese (Universidade Federal da Paraíba). discursos sobre identidad. cuerpo y sexualidad en lesbianas que han abortado Jessica Raquel Pérez Andrade (Pontificia Universidad Católica del Perú)  O aborto nos editoriais da Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia Silvana Maria Pereira (Universidade Federal de Santa Catarina). Avanços e desafios da investigação sobre o Aborto no Brasil e na América Latina Coordenação: Greice Maria de Souza Menezes (Instituto de Saúde Coletiva. Rozeli Maria Porto (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) ▶ Local: Sala 312. Universidade Federal da Bahia). Emilse Ivanna Cuello (Universidade Nacional de Córdoba). B. Elís Amanda Atanázio Silva (Universidade Federal da Paraíba)  Aborto induzido entre mulheres vivendo e não vivendo com HIV Flávia Bulegon Pilecco (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Aborto sob a perspectiva de mulheres indígenas em situação de prostituição numa comunidade no município de Baia da Traição – PB Valéria Dantas de Araújo (Universidade Federal da Paraíba). 1º Andar. Joana Maria Pedro (Universidade Federal de Santa Catarina)  Caderno de Programação | 77 . Bl. Lorena Lúcia Cardoso Monteiro (Universidade Federal da Paraíba)  La heternormatividad en el cuerpo de las mujeres. Ana Alayde Werba Saldanha Pichelli (Universidade Federal da Paraíba).

O impacto da ilegalidade do aborto na formação médica e na saúde das mulheres: reflexões a partir de um estudo etnográfico Sonia Nussenzweig Hotimsky (Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo)  Perfil epidemiológico das mulheres que sofrem abortamento em uma maternidade do Agreste Alagoano Nirliane Ribeiro Barbosa (Universidade Federal de Alagoas)  Serviço Social e saúde reprodutiva da mulher pobre da Baixada Fluminense .Sexta-feira — A honra e a vida: legislação e debates jurídicos sobre aborto e infanticídio no início da República no Brasil (1890-1940) Isabel Cristina Hentz (Prefeitura de Florianópolis. para ele. e quem vive sou eu”: a participação masculina no processo decisório pelo aborto provocado Paloma Silva Silveira (Instituto de Saúde Coletiva da Universidade Federal da Bahia)  — 20/09 . indiciamento de milhares de mulheres pela prática de aborto Marcia Maria Rodrigues Rangel (Universidade Federal da Grande Dourados)  Eu aborto. Prefeitura de São José)  Aborto na mídia: uma análise de ideologia Lis Carolinne Lemos (Universidade Federal de Pernambuco)  Aborto: caso emblemático da Clínica Neide Motta em Campo Grande -MS. Estrategias de movilización para la reforma legal del aborto en América Latina Alba Ruibal (Flacso e Instituto Universitario Europeo)  78 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . classe e raça implicadas na opção pelo abortamento na contemporaneidade Nathalie da Cunha Braga Ribeiro (Escola Nacional de Saúde Pública . somos todas clandestinas: a ilicitude do aborto em debate Nathália Diórgenes Ferreira Lima (Universidade Federal de Pernambuco)  Feminismo frente a fundamentalismos. mas a marca quem viveu.Fundação Oswaldo Cruz)  “Então. tipo resolveu o problema. tu abortas.RJ: questões de gênero.

 Marylucia Mesquita Palmeira (Universidade de Brasília)  O movimento feminista e a conquista de direitos: políticas públicas de saúde sobre o aborto no Brasil Daniele de Andrade Ferrazza (Universidade Estadual Paulista)  Organizações não-governamentais e as mobilizações em torno da legalização do aborto no Brasil Ivan Augusto Baraldi (Universidade de Coimbra)  Relação do movimento feminista e Estado no debate sobre a legalização do aborto entre 2004 e 2010 Thays de Souza Nogueira (Secretaria de Políticas para as Mulheres)  Socorro Rosa. 2º Andar.A errância de gênero e a incomensurabilidade das contra-identidades Coordenação: Hilan Bensusan (Universidade de Brasília).Quinta-feira — Babel Queer em Istma Perra: a incomensurabilidade das identidades em Tehuantepec Hilan Bensusan (Universidade de Brasília)  Caderno de Programação | 79 .O Conjunto CFESS-CRESS (Conselhos Federal e Regionais de Serviço Social) e seu posicionamento favorável à legalização do aborto Maurílio Castro de Matos (Conselho Federal de Serviço Social). Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Babel Queer . Maria Elisa dos Santos Braga (Conselho Federal de Serviço Social). Bl. mujeres que abortan con Misoprostol acompañadas por feministas: ¿Qué leyes instalan estas prácticas? Ruth Zurbriggen (Instituto Superior de Formación Docente N° 12)  016. A. Lena Tatiana Dias Tosta (Universidade de Brasília) ▶ Local: Sala 236.

suas resistências. Clase y Sexualidad) Adriana Aguilar Flores (Escuela Nacional de Antropología e Historia)  Experiências na desconstrução e reconstrução de gênero em nossa sociedade.Etnografía sobre relaciones homoeróticas femeninas en el Istmo de Tehuantepec. Lesbianas. Machorras. Oaxaca: Nguiu´.Sexta-feira — A Ethernidade de Luís: uma blasfêmia contra a morte Felipe Areda (Universidade de Brasília)  Amor com a cidade e pornografia para fora das quatro paredes Juliana Leal Dorneles (Pesquisadora Independente)  Conhecimento e configurações subjetivas: o vazio e o descontínuo como aportes para problematizar matrizes identitárias Mériti de Souza (Universidade Federal de Santa Catarina)  Corpos. imagens intencionalmente criadas e suas relações com o “olhar do outro”.Márcia Rocha (nome social) (Associação Brasileira de Transgêneros)  Muxhes juchitecos: identidades y sexualidades disidentes Sami Tapio Tenoch Laaksonen (Centro de Investigaciones y Estudios Superiores)  Sobre a errância e o efeminismo em campo Luanna Mirella de Souza Barbosa (Universidad de Guadalajara)  Expressões transgêneras: pessoas. apoios e confusões Marcos Cesar Fazzini da Rocha . falas e resistências Geraldo Eustáquio de Souza (Universidade Federal do Paraná)  Representações dos destinos das personagens homossexuais na literatura brasileira do final do século XIX Carlos Eduardo de Oliveira Bezerra (Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro)  — 20/09 . espaços e suas relações nos trabalhos de Absalon e Natália Coutinho Natália Godinho Coutinho (Universidade Estadual de Campinas)  80 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Machiculeas y …(Generación. lugares.

ciborgues mundanos Francine Natasha Alves de Oliveira (Universidade Federal de São João Del-Rei)  017. gêneros e sexualidades Coordenação: Fátima Lima (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Térreo. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . corpos. Tatiana Lionço (Centro Universitário de Brasília) ▶ Local: Auditório do CSE. Bl. Marcella Beraldo de Oliveira (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Travestis promissores.Performances pós-humanas: cartografias das identidades de gênero em horizonte simétrico Marcos de Jesus Oliveira (Instituto de Pesquisa e Educação em Direitos Humanos)  Profanações do orgasmo: a pós-pornografia como máquina de guerra anti-heterocapitalista Arthur Grimm Cabral (Universidade Federal de Santa Catarina)  Notas sobre práticas machistas vivenciadas por mulheres masculinizadas em relações homoafetivas Graciela Nieves Pellegrino Fernandez (Universidade do Estado da Bahia)  Quando o queer encontra o cínico: ou sobre o ensaio de uma vida vivível Jamil Cabral Sierra (Universidade Federal do Paraná). Maria Rita de Assis César (Universidade Federal do Paraná)  Transfobia no Encontro Nacional Universitário em Defesa da Diversidade Sexual (ENUDS): tensões enfrentadas na construção de um sujeito político no contexto de militância estudantil Jéssica Lopes Fachinetto (Universidade Federal de Juiz de Fora). A. Biotecnologias.Segunda-feira — (Des)patologização: possibilidades nas experiências trans no SUS Ana Valéria Salza de Vasconcelos (Universidade Federal de Pernambuco)  Caderno de Programação | 81 .

 Elisa Beatriz Alvares Oliveira (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Sampaio (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) A produção e o compartilhamento de saberes farmacopornopolíticos por pessoas em processo de transexualização em redes de conhecimento abertas Luiz Claudio Kleaim (Instituto Ensinar Brasil). transexual) na era farmacopornográfica Elias Ferreira Veras (Universidade Federal de Santa Catarina)  Reflexões acerca da transexualidade: Mabel e o trânsito dos corpos Amanda Duarte Moura (Centro de Referência de Mulheres da Maré .Receita para se tornar um “transexual verdadeiro”: trajetórias de socialização e (des)construção de identidades no Processo Transexualizador do SUS Rodrigo Borba (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  ‘’Manda quem pode: obedece quem tem juízo. práticas de si e a produção do cuidado em saúde: as transmasculinidades e os processos de hormonização Fátima Lima (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  82 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Carminha Rosa). Sérgio Rodrigo da Silva Ferreira (Universidade Federal do Espírito Santo)  Masculinidade feminina e trans homens: desafios e impasses por vidas não-fascistas Beatriz de Almeida Neves (Colégio Estadual André Maurois)  Regulação médica sobre as modificações corporais do sexo: para quem? Tatiana Lionço (Centro Universitário de Brasília)  O “Y” em questão: as transmasculinidades brasileiras Simone Nunes Ávila (Universidade Federal de Santa Catarina) Biotecnologias.’’ Um estudo de caso sobre a subordinação do Ministério da Saúde ao Conselho Federal de Medicina na revisão da Portaria do Processo Transexualizador Flavia do Bonsucesso Teixeira (Universidade Federal de Uberlândia)  O “fenômeno” Roberta Close ou o corpo trans (travesti. Suelen S.

la transexualidad y la transgeneridad en Argentina Anahí Farji Neer (Universidad de Buenos Aires)  Medicalización y heterosexualidad. prazeres e poder em instituições femininas do sistema penitenciário no Estado do Rio de Janeiro Vanessa Marinho Pereira (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Qual o lugar da “proteção” na intersexualidade? Anacely Guimarães Costa (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Sequências reveladas: a fotografia e as tensões do gênero Gilson Goulart Carrijo (Universidade Federal de Uberlândia)  Fritz Kahn e alguns discursos sobre amor e sexo na história da educação sexual brasileira Fabiana Aparecida de Carvalho (Universidade Estadual de Maringá)  Quem é a mulher que aborta? Um estudo feminista Ana Beraldo de Carvalho (Universidade Federal de Minas Gerais)  Caderno de Programação | 83 .Terça-feira — Algumas considerações sobre biopolíticas e alteridade de gênero Priscila Fazio Rabelo (Universidade Federal de São Paulo)  Fabricando corporalidades generificadas: um estudo sobre usos e apropriações de tecnologias de intervenção estética no corpo Silvia Naidin (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  La biotecnología en el debate público. percepciones políticas en torno al género y la reproducción humana desde la medicina Ana Mines Cuenya (Universidad de Buenos Aires)  Pesquisa-intervenção em psicologia com adolescentes negras sobre saúde sexual e reprodutiva Ivany Pinto Nascimento (Universidade Federal do Pará).— 17/09 . Adelma do Socorro Gonçalves Pimentel (Universidade Federal do Pará). género y derechos en el marco de las transformaciones de la regulación estatal del travestismo. Maria Luzia Miranda Álvares (Universidade Federal do Pará)  Corpos. Cuerpo.

Bl. Zahidé Lupinacci Muzart (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Sala Machado de Assis. outros discursos Rosa Cristina Hood Gautério (Universidade Federal de Santa Catarina)  Arquitetura do arco-íris: uma leitura de vida Salete Rosa Pezzi dos Santos (Universidade de Caxias do Sul)  Como uma rainha: uma leitura feminista do amor em Rosa Montero Clarice Costa Pinheiro (Universidade Federal da Bahia)  84 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . B.Segunda-feira — A paranóia das palavras: gênero. 4º Andar. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . literatura. identidade María Antonia Miranda González (Universidade Federal da Bahia). Nancy Rita Ferreira Vieira (Universidade Federal da Bahia)  A mulher em tempo das frutas: gênero e representação Ilmar Rodrigues Fernandes (Universidade Estadual de Montes Claros)  “Factos e cousas” nas crônicas da revista mato-grossense “A Violeta” Laís Dias Souza da Costa (Universidade Federal de Mato Grosso)  “Celeste”: sexualidade feminina e matrimônio na literatura e na história do Oitocentos Ludmila de Souza Maia (Universidade Estadual de Campinas)  Anna Ribeiro de Góes Bittencourt: a atuação marcante de uma escritora oitocentista Maria Inês de Moraes Marreco (Universidade Federal de Minas Gerais)  Carmen Dolores e a luta pelos direitos da mulher Risolete Maria Hellmann (Universidade Federal de Santa Catarina)  Outras vozes. Configurações literárias do feminismo Coordenação: Constância Lima Duarte (Universidade Federal de Minas Gerais).018. nº 407.

Walkyrias. e Corinne. de Madame de Staël Flora Morena Maria Martini de Araujo (Universidade Federal do Paraná)  Trajetórias feministas: Teresa Margarida da Silva e Orta e Maria Teresa Horta Maria da Conceição C. Karla Galvão Adrião (Universidade Federal de Pernambuco)  Para além de Sophie: a construção do modelo feminino nas obras Les conversations d´Emilie.Terça-feira — Feminismos e femininos na literatura autoria feminina negra Ana Rita Santiago (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)  Feministas. antifeministas. de Madame d´Épinay.E por falar em gênero: alegoria em corpos (des)construídos por Paula Glenadel e Angélica Freitas Maximiliano Gomes Torres (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  — 17/09 . As escritoras brasileiras da década de 30 e o feminismo Giulia Manera (Université Paris Ouest Nanterre La Défense)  Humor e paródia: possibilidade de subversão do universo feminino Cecil Jeanine Albert Zinani (Universidade de Caxias do Sul)  La crítica feminista de la opresión dictatorial y la opresión patriarcal en las escritoras latinoamericanas Pilar Iglesias Aparicio (Universidad de Málaga)  Os lugares do feminino e do feminismo em Anaïs Nin Maria Eugenia Paiva Beça (Universidade Federal de Pernambuco). Medeiros Gonçalves Matos Flores (Universidade Potiguar)  Tres cuentos feministas escritos por mujeres pakistaníes María Josefina Clavo Sebastián (Universidad de La Rioja)  Um novo olhar sobre a mulher: a construção performativa do gênero em obras de Sue Monk Kidd e Lygia Bojunga Juliane Camila Chatagnier (Universidade Estadual Paulista)  Caderno de Programação | 85 .

 Margareth da Luz Coelho (Diretoria de Análises de Políticas Públicas da FGV)  Os modos de ver. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . tratar e consumir a beleza feminina na juventude Selma Peleias Felerico Garrini (Universidade Presbeteriana Mackenzie)  Relações de gênero e consumo: problematizando práticas e significados do feminino nos corpos Tiana Brum de Jesus (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul).Segunda-feira — A “materialização” da beleza: campo semântico e consumo Solange Riva Mezabarba (Senai Cetiqt). Viviane Kraieski de Assunção (Free University of Amsterdam) ▶ Local: Sala 308. B. Denise Castilhos de Araujo (Universidade Feevale)  Gênero e consumo: discursos de feminino e masculino na coluna “Para ele ler” da revista Nova/Cosmopolitan (2006-2007) Jamaira Jurich Pillati (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  86 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Patricia Teresinha Scherer (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  Gênero e consumo no mercado de moda plus-size Marcella Uceda Betti (Universidade de São Paulo)  A mulher dos anos 80 nos editoriais de moda da revista Elle Camila Marquetti Stefanelo (Universidade Feevale). Guilherme Gomes Ferreira (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). Bl. Consumo e Gênero: Problematizando discursos e práticas Coordenação: Maria Elisabeth Goidanich (Universidade Federal de Santa Catarina).“Una frase propia”: relecturas de la emancipación feminista en Virginia Woolf Carmen Rivera Parra (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  019. Térreo.

Terça-feira — Amor de mãe em embalagem tetra pak? Danielle Neugebauer Wille (Universidade Federal de Pelotas). eis uma questão que envolve homens e mulheres: reflexões para os estudos de gênero e consumo Adilson Claudio Muzi (Universidade Tecnológica Federal Do Paraná). Raquel da Veiga Pacheco (Universidade do Estado de Santa Catarina)  — 17/09 . Cristina Monteggia Varela (Universidade do Estado de Santa Catarina). Laura Susana Duque Arrazola (Unversidade Federal Rural de Pernambuco)  O marketing da mulher consumidora de bebidas alcoólicas e suas consequências André Luiz Cavalcanti Cabral (Universidade Federal da Paraíba).Consumidores/as na frente da TV: gênero e sexualidade na propaganda belensense Robson Cardoso de Oliveira (Universidade Federal do Pará)  Imagens de consumo e consumo de imagens: sujeitos. Renata Menasche (Universidade Federal de Pelotas)  As cozinheiras que transformaram o mocotó em um símbolo Beatrice Corrêa de Oliveira Gonçalves (Universidade Federal de Santa Catarina)  Consumo de agroalimentos industrializados: mudanças no cotidiano das mulheres rurais? Maria Zênia Tavares da Silva (Universidade Federal Rural de Pernambuco). identidades e subjetividades associados à publicidade GLS Cristhian Caje (Universidade Federal de Santa Catarina)  Chupa que é de uva: subjetividades instituídas com o uso de produtos eróticos Anelise Montanes Alcantara (Universidade Federal do Paraná)  Reflexões sobre os processos de educação sexual infantil e as influências das mídias Sonia Maria Martins de Melo (Universidade do Estado de Santa Catarina). Nanci Caderno Programação de | 87 . Filipe Lins dos Santos (Universidade Federal da Paraíba)  As diferentes práticas de consumo entre meninas e meninos no Semiárido Nordestino Jéssica Karoline Rodrigues da Silva (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Consumir ou não consumir.

autoestima e mobilidade social: discursos na mídia sobre a mulher da “nova classe C” Renata Guedes Mourão Macedo (Universidade de São Paulo)  A doutrina do consumo: a linguagem publicitária nas revistas femininas no início do século XX Monike Meurer (Instituto de Arquitetura. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Bl. 1º Andar. desafios e possibilidades sobre os processos (re)produtivos Coordenação: Claudia Lee Williams Fonseca (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). B. Juracy Filgueiras Toneli (Universidade Federal de Santa Catarina)  Adoção unilateral e homossexualidade em questão Alessandra de Andrade Rinaldi (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  Algunas propuestas teóricas y políticas para relacionar las categorías de paternidad. Jorge Lyra (Universidade Federal de Pernambuco) ▶ Local: Sala 314. Moda e Design)  Imagens e representações de masculinidades nas telenovelas Edyr Batista de Oliveira Júnior (Universidade Federal do Pará)  “O noivo é só um detalhe”: gênero e consumo na produção de casamento Letícia Prezzi Fernandes (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  020.Quinta-feira — Abandono afetivo e produção de paternidade Lisandra Espíndula Moreira (Universidade Federal de Santa Catarina). salud y mortalidad Juan-Guillermo Figueroa-Perea (Colégio de México)  88 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Stancki da Luz (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  Consumo. Controvérsias do óbvio: impasses.

 Camila Vitule Brito de Souza (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo). Rosana Machin (Universidade Federal de São Paulo)  Dupla maternidade: conexões entre Antropologia e Direito Anna Carolina Horstmann Amorim (Universidade Federal de Santa Catarina). Jorge Lyra (Universidade Federal de Pernambuco)  Pai e acompanhante de parto: perspectivas dos homens sobre o processo reprodutivo e a assistência obstétrica Ana Carolina Arruda Franzon (Universidade de São Paulo)  — 20/09 .Sexta-feira — Fecundidade insatisfeita por falta de filhos no Brasil: uma análise de gênero Angelita Alves de Carvalho (Universidade Federal de Minas Gerais)  Mãe: a invenção da história Mariana Sbaraini Cordeiro (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  Mulheres jovens e gravidez: um contínuo em suas trajetórias sexuais Ana Cecília Nascimento Cuentro (Universidade Federal de Pernambuco)  Caderno de Programação | 89 .As perspectivas masculinas sobre o aborto: impasses e controvérsias Martha Ramírez-Gálvez (Universidade Estadual de Londrina)  Controvérsias em torno das leis e das políticas de reconhecimento de paternidade Sabrina Deise Finamori (Universidade Estadual de Campinas)  Da gravidez de “alto risco” às “maternidades de risco”: regulações sanitárias a mulheres de camadas populares em Recife Alfonsina Faya (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Desejo de filhos entre casais do mesmo sexo: discursos sobre valores e práticas envolvendo novas tecnologias reprodutivas e adoção Marcia Thereza Couto (Universidade de São Paulo). Melissa Barbieri de Oliveira (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Mais do mesmo?: Imagens cristalizadas de paternidade na literatura acadêmica Symone Karla de Ataide Gondim (Universidade Federal de Pernambuco).

Corpos Femininos: (en)gendrando sentidos Coordenação: Eliane Terezinha do Amaral Campello (Universidade Católica de Pelotas). a heroína épica de Soror Maria de Mesquita Pimental (1581-1661) Fabio Mario da Silva (Universidade de São Paulo)  Sou culpada pelo meu corpo! Sou? Rafaela Bento de Oliveira (Universidade Federal de Rondônia)  90 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Departamento de Psicologia. nº 6A. C. Temis Gomes Parente (Universidade Federal do Tocantins) 021. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 .Segunda-feira — “Ela merece”: o corpo de atletas femininas na visão da mídia Renata Kabke Pinheiro (Universidade Federal de Pelotas)  “Tu acendes a chama / do meu corpo”: o vigor erótico-ecológico na poesia de Maria Teresa Horta Angélica Maria Santos Soares (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  A Virgem Maria. Bl.O “Bicho-Mãe” no ciberespaço: gênero e maternidade no Blog Mamíferas Clarissa Sousa de Carvalho (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  O “instinto materno”: uma discussão acerca da apropriação do estado no “desejo” de amamentar Jaqueline Medeiros Silva Calafate (Universidade Federal do Tocantins). Renata Kabke Pinheiro (Universidade Federal de Pelotas) Debatedores/as: Sessão 1: Leila Assumpção Harris (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) Sessão 2: Ivia Iracema Duarte Alves (Universidade Federal da Bahia) Sessão 3: Aracy Ernst Pereira (Universidade Católica de Pelotas) Sessão 4: Carmen Regina Bauer Diniz (Universidade Federal de Pelotas) ▶ Local: Sala Multiuso Profª Carolina Martuscelli Bori.

Lolitas. Wretched Black: abject female subjects in contemporary Colombian media discourse Isis Giraldo (Université de Lausanne)  — 17/09 . Fisher (Guerreiras Project)  Expressões de gênero: a resignificação do feminismo nos processos criativos de performers.Terça-feira — Os modos de subjetivação corporal feminino Carolina Bithencourt Rubin (Universidade do Sul de Santa Catarina)  A naturalização da violência contra a mulher em revistas voltadas para o público masculino Sandra Elena Sposito (Universidade Estadual Paulista). feminismo e pós-modernidade Bruno Ferrari (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Flores do Caribe? A resignificação do corpo da mulher na literatura caribenha contemporânea de autoria feminina Leila Assumpção Harris (Universidade do Estado do Rio de janeiro)  Freakish Fat. Marcela Pastana (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho)  Corpos que circulam. ativistas e artistas teatrais latino-americanas na atualidade Stela Regina Fischer (Universidade de São Paulo)  Novas odisseias: épico. maids e kagedols: representações do corpo feminino na cultura pop japonesa Otavia Alves Cé (Universidade Católica de Pelotas)  Body Projects Caitlin D. habitus que (re)produzem: modelos estéticos femininos em Vogue (Paris/Brasil) Daniela Novelli (Universidade Federal de Santa Catarina)  Imagem(ns) da mulher na publicidade: gestos de interpretação a partir da Análise de Discurso Marchiori Quadrado de Quevedo (Universidade Católica de Pelotas)  Caderno Programação de | 91 . Ana Cláudia Bortolozzi Maia (Universidade Estadual Paulista).

Representação de mulheres através de imagens Ivia Iracema Duarte Alves (Universidade Federal da Bahia)  O corpo feminino em Salvador. no século XX. a partir das relações de gênero. mulheres de rua: corpo e identidade feminina na obra “O buraco na parede” (1995) de Rubem Fonseca Emilia Rafaelly Soares Silva (Universidade Estadual do Piauí)  92 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . geracionais e étnicas Andréa da Rocha Rodrigues (Universidade Estadual de Feira de Santana)  Impressões do corpo feminino: reitificação e representação da mulher na imprensa Dulce Helena Mazer (Universidade Estadual de Londrina)  O corpo grávido: gravidez na adolescência e as dimensões simbólicas corporais Dayse Amâncio dos Santos (Universidade Federal de Pernambuco)  A mãe sagrada e a mulher que aborta: o corpo feminino em questão Renata Martins de Freitas (Escola Nacional de Saúde Pública)  O corpo feminino juvenil nas revistas Capricho e Atrevida Camila Maria Torres Medeiros (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  — 19/09 . sexualidade e raça Daniela Amaral Silva Freitas (Universidade Federal de Minas Gerais)  Esculpindo a “nova mulher”: a representação do feminino no Estado Novo Marina Mazze Cerchiaro (Universidade de São Paulo)  Amabelle Désir: o corpo da protagonista como corpo da nação em The Farming of Bones de Edwidge Danticat Priscilla da Silva Figueiredo (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Mulheres de casa.Quinta-feira — Aparência e essência:o duplo no conto Ele Me Bebeu Patrícia Lopes da Silva (Universidade Estadual de Montes Claros)  Chica da Silva em um Brasil Setecentista: o corpo em atravessamentos de gênero.

Sexta-feira — (Re)Vestibilidades de gênero: a construção de corpos generificados pela indústria do vestuário (Brasil. 1995-2011) Carolina Job Di Laccio (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Corpo espartilhado e corpo libertado: os debates sobre a abolição do espartilho no New York Times durante a década de 1890 Anna Cláudia Bueno Fernandes (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  O corpo feminino na série de TV Girls Daniela Vieira Palazzo (Universidade Católica de Pelotas)  Ninguém nasce bela.abra passagem: por uma possibilidade de leitura das experiências lesbianas a partir do romance “Pecados Safados” Kyara Maria de Almeida Vieira (Universidade Federal de Pernambuco). Patrícia Barbosa da Silva (Universidade Federal da Paraíba)  “Tek! Tek!” .O corpo feminino transexual Talmo Rangel Canella Filho (Universidade Salgado de Oliveira)  As (de)formações do corpo e da alma femininos: um espelho de amizade nas obras de Cintia Moscovich. Maria Patrícia Mesquita Pereira (Universidade Federal da Paraíba). minhas regras: o discurso de mulheres integrantes da Marcha das Vadias Luisa Klug Guedes (Universidade Católica de Pelotas). Aracy Ernst Pereira (Universidade Católica de Pelotas)  — 20/09 . torna-se bela Miss Brasil: beleza e gênero José Ricardo Ferraz (Universidade Estado Rio de Janeiro)  Caderno Programação de | 93 . Paulo Roberto Souto Maior Júnior (Universidade Federal de Pernambuco)  Meu corpo. Duas Iguais (2004) e Mi. amiga Chantal (1991) Selene de Souza Dias (Colégio Anglo-Brasileiro)  O corpo feminino no discurso midiático: a construção social da beleza Manuella Ribeiro Barbosa Lira (Universidade Federal da Paraíba).

 Eliane Terezinha do Amaral Campello (Universidade Católica de Pelotas)  A História da Arte e as representações das mulheres: imagens que nos falam Carmen Regina Bauer Diniz (Universidade Federal de Pelotas)  Mona Lisa transfigurada: a objetificação do corpo na sociedade de consumo Maria Regina Johann (Universidade Regional do Noroeste Estado do Rio Grande do Sul). Iara Beleli (Universidade Estadual de Campinas) ▶ Local: Auditório Guarapuvu. prazeres e afetos na Web Coordenação: Débora Krischke Leitão (Universidade Federal de Santa Maria). velhos conceitos em “Mulheres Cabides” de Letícia Barreto Rita de Lima Nóbrega (Universidade Católica de Pelotas). Maria Simone Vione Schwengber (Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul)  O ideal Barbie: submissão e mutilação Maria de Lourdes Borges (Universidade Federal de Santa Catarina)  Arquétipos femininos revisitados pelas artistas contemporâneas Nadia da Cruz Senna (Universidade Federal de Pelotas)  022.com: a economia dos afetos e tensões das conjugalidades contemporâneas em um site que vende traição sigilosa Larissa Pelucio (Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho). Corpos.Segunda-feira — Infidelidades. Centro de Cultura e Eventos Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Mariana Cervi Marques Fernandes (Universidade Estadual Paulista)  Pedagogias da sexualidade feminina: os conselhos do amigo macho Samilo Takara (Universidade Estadual de Maringá)  94 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Representações contemporâneas do corpo feminino Aline Marielle Silva (Universidade Estadual de Montes Claros)  Um novo corpo.

corporeidades e agência Keith Diego Kurashige (Universidade Federal de Santa Catarina)  Retratos de Dorian Gray: corpos que importam e anticorpos em um site de relacionamento gay Luiz Felipe Zago (Universidade Feral do Rio Grande do Sul)  A dispersão dos significados sobre a Parada Gay na Internet Juliana Depiné Alves Guimarães (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Prazeres tarifados: territórios. Luana Carolina Braz de Lima (Universidade Federal do Ceará) Sexo virtual e masculinidades refletidas pelas webcams do CAM4 Rafael Araújo Saldanha (Universidade Federal de Santa Catarina)  Sexo.Terça-feira — O gênero da classe C: uma análise de práticas de ajuda mútua online Lara Roberta Rodrigues Facioli (Universidade Federal de São Carlos)  Etnografia em salas de bate-papo: um debate metodológico do campo de pesquisa Luís Antonio Bitante Fernandes (Universidade Federal do Mato Grosso)  Fortalecimento do masculino e redes de sociabilidade nos usos terapêuticos das mídias digitais Juliana do Prado (Universidade Federal de São Carlos)  Caderno de Programação | 95 .Discursos online sobre BDSM e configurações identitárias na Blogosfera Marcelle Jacinto da Silva (Universidade Federal do Ceará). marcadores raciais/étnicos e as mídias digitais: subjetividades. códigos e desejo nas práticas de prostituição masculina Daniel Kerry dos Santos (Universidade Federal de Santa Catarina)  — 17/09 . Antonio Cristian Saraiva Paiva (Universidade Federal do Ceará). afetos e swing: notas sobre um estudo etnográfico no Sexlog Edson Vasconcelos (Universidade Federal da Paraíba)  Desejos homoeróticos.

Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Térreo. Da teoria à representação: (re)pensando a escrita de autoria feminina na América Latina Coordenação: Jacicarla Souza da Silva (Universidade Estadual de Londrina).Luxo. cultura e política econômica digital Louise Scoz Pasteur de Faria (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  “Descanse em paz. B.Segunda-feira — Carta de uma Infanta: gênero e poder nas Independências latino-americanas Cláudia Heloisa Impellizieri Luna Ferreira da Silva (Universidade de São Paulo)  Recordações de uma vida feliz: Marianne North e a representação vitoriana da figura feminina no Brasil e no Chile Ivania Pocinho Motta (Universidade de São Paulo)  96 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Nildicéia Aparecida Rocha (Universidade Estadual Paulista) ▶ Local: Sala 309. Bl. velhos poderes: geração. meu anjo”: as práticas do luto na rede social do Orkut no Brasil (2004-2011) Julia Massucheti Tomasi (Universidade Federal de Santa Catarina)  023. riqueza e sedução: uma etnografia sobre a sociabilidade e uso da fotografia na formação da identidade travesti em João Pessoa Luzicleide Sousa de Lima (Universidade Federal da Paraíba)  Masculinidade na rede Jair de Souza Ramos (Universidade Federal Fluminense)  Novos saberes. gênero e poder nas dinâmicas familiares do Morro da Cruz Lucia Murt Scalco (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Webcelebridades: indivíduo.

A recepção crítica de Julia Lopes de Almeida no início da República Ligia Cristina Machado (Universidade Estadual de Campinas)  Literatura e História: o romance de autoria feminina e as questões da nação no século XIX-XX Márcia Maria da Silva Barreiros (Universidade Estadual de Feira de Santana)  Diálogos possíveis entre Clarice Lispector e Alejandra Pizarnik Nildicéia Aparecida Rocha (Universidade Estadual Paulista)  Espaço e identidade: representações do feminino em Clarice Lispector Tayza Codina de Souza (Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho”)  Los recuerdos del porvenir: identidades femininas e estereótipos Aline Dalpiaz Troian (Universidade de Caxias do Sul)  Identidade feminina em El retorno de Eva. de Susana Gertopan Alexandra Santos Pinheiro (Universidade Federal da Grande Dourados)  A representação de personagens femininas nos contos de Salma Ferraz Karen Cristina de Medeiros (Universidade Estadual de Maringá)  Relações de gênero nos contos infantojuvenis de Marina Colasanti Livia Maria Rosa Soares (Universidade Estadual do Piauí)  — 17/09 . Michelle Vasconcelos Oliveira do Nascimento (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Caderno de Programação | 97 . de Cecília Meireles Roberta Donega Silva (Universidade Estadual Paulista)  O olhar: porta para o paraíso ou para o abismo! Suilei Monteiro Giavara (Universidade Estadual Paulista).Terça-feira — Solidão e melancolia na poesia feminina brasileira Adrienne Kátia Savazoni Morelato (Universidade Estadual Paulista)  A construção do feminino no poema “Lamento da noiva do soldado”.

Rousseff e a significação da falta Edilene Gasparini Fernandes (Faculdade de Tecnologia do Estado de São Paulo)  Espaços de representação e pedagogia de gênero na revista paranaense o Olho da Rua Beatriz Leticia Rocha Horst (Universidade Estadual do Centro-Oeste)  A atuação feminina no cenário intelectual Latino-Americano: considerações sobre o conceito de “(In)Visible College” Jacicarla Souza da Silva (Universidade Estadual de Londrina)  024. de Patrícia Melo Ariela Fernandes Sales (Universidade Federal da Paraíba)  Quem não se torna sujeito. Bl. Rosa (Universidade Feredal da Bahia). Das epistemologias às performances. Rodrigo Saballa de Carvalho (Universidade Federal da Fronteira Sul)  98 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . sonoridades e linguagens diversas: gênero. raçaetnia e sexualidade Coordenação: Laila Andresa C.Segunda-feira — (Des)Ligando o celular: músicas e discursos constituindo feminilidades contemporâneas Juliana Ribeiro de Vargas (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Taise Cristiane Rodrigues   Obsessão e descompasso em Valsa Negra. 1º Andar. Liv Sovik (Universidade Federal do Rio de Janeiro) ▶ Local: Sala 315. Suely Leite (Universidade Estadual de Londrina). sujeita-se Marcelle Ferreira Leal (Universidade Estadual do Rio de Janeiro)  O discurso feminino de D. B.Liricidade na prosa: contos de Olga Savary e Florbela Espanca Raquel Teixeira Otsuka (Universidade Estadual de Londrina).

gênero e idade/geração na comunidade itapuãzeira Harue Tanaka Sorrentino (Universidade Federal da Paraíba)  Trajetórias de cantoras indígenas em Manaus (AM) Deise Lucy Oliveira Montardo (Universidade Federal do Amazonas)  Raça. clase y género como forma de resistencia María Rocío Cobo Piñero (Universidade Federal do Espírito Santo)  Música. corpo e nação aos olhos do público.Terça-feira — Baque de moça. o som visceral dos tambores de saia Claudia dos Santos Góes (Universidade Nova de Lisboa)  Caderno de Programação | 99 . gênero. Uma análise discursiva das letras de Funk Eveline Rosa Peres (Universidade Católica de Pelotas)  De Camelia La Tejana a La Reina del Cartel. Carmen Miranda e as distintas recepções brasileira e norte-americana de suas atuações no cinema hollywoodiano Fernando de Figueiredo Balieiro (Universidade Federal de São Carlos)  — 17/09 .A resposta feminista de Nara Costa às representações sexistas da mulher na cena musical do Arrocha Flávia Cachineski Diniz (Universidade Federal da Bahia)  Representações de gênero. do México à Colômbia: Reformulações e representações de gênero nos Corridos Mexicanos Patricia Schone Vergara (University of Maryland)  El blues femenino: intersección de raza. performance. sexualidade e cultura no Bloco Afro Ilú Obá De Min: algumas notas etnográficas Valéria Alves de Souza (Universidade de São Paulo)  A mulata e o malandro no samba carioca do início do século XX: um exame das relações de gênero no teatro musicado Rodrigo Cantos Savelli Gomes (Secretaria de Educação Prefeitura Municipal de Florianópolis)  Performance.

Mãe Monstra. é tudo somente sexo e amizade”: cantoras brasileiras como mediadoras de relações afetivossexuais entre homens gays Rafael da Silva Noleto (Universidade de São Paulo)  Safada. rogai por nós: sexualidades queer e presença religiosa no projeto messiânico da Era “Born This Way”. lésbica e calada: a censura das canções de Safo de Lesbos e a negação do corpo na música pura Pedro Amorim de Oliveira Filho (Universidade Federal da Bahia)  Donas em pedaços Clélia F P Queiroz / Lela Queiroz (Universidade Federal da Bahia)  Novas compositoras baianas Carla Patrícia Santana (Universidade do Estado da Bahia)  Narrativas da aparência: a materialização do gênero no design de moda Caroline Barreto de Lima (Universidade Federal da Bahia). Leandro Soares da Silva (Universidade Federal de Minas Gerais)  Feminaria Musical: grupo de pesquisa e experimentos sonoros Laila Andresa C.. Eric Hora Fontes Pereira (Universidade Federal da Bahia).. Iva Rothe-Neves (Universidade Federal do Pará)  “. Ana Lucia Gondim Bastos (Sedes Sapientiae). Rosa (Universidade Feredal da Bahia). de Lady Gaga Murilo Silva de Araújo (Universidade Federal de Viçosa)  Quando a linguagem coloca em ação o que nomeia: música e violência no caso da banda New Hit Clebemilton Gomes do Nascimento (Universidade do Estado da Bahia)  Dizaparecida Valéria Cristina Marques (Universidade Federal do Pará). Laurisabel Maria de Ana da Silva (Universidade Federal da Bahia)  100 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

1º Andar.025. Debatendo gênero e sexualidades: entre margens e reconhecimentos Coordenação: Anna Paula Vencato (Universidade Paulista).. Centro de Cultura e Eventos Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . maridos e companheiras de travestis Marília dos Santos Amaral (Universidade Federal de Santa Catarina)  Gênero e homossexualidade masculina em baterias de Escolas de Samba cariocas Lucas Ferreira Bilate (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  A importância de ser “másculo”: subjetividades gays e dominação masculina Rafael Morello Fernandes (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  “Dark Room. as “uniões homoafetivas” e a política feminista Roberto Efrem Filho (Universidade Estadual de Campinas)  Afetos e diferenças: revelação da homossexualidade e manutenção de vínculos familiares Flavio Luiz Tarnovski (Universidade Federal de Mato Grosso). gênero e desejo na experiência de T-lovers. Paula Sandrine Machado (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) Debatedores/as: Sessão 1: Regina Facchini (Universidade Estadual de Campinas) Sessão 2: Camilo Braz (Universidade Federal de Goiás) Sessão 3: Jorge Leite Júnior (Universidade Federal de São Carlos) Sessão 4: Shirley Acioly Monteiro de Lima (Universidade Federal de São Paulo) ▶ Local: Sala Pitangueira. Brasil Camilo Braz (Universidade Federal de Goiás)  Caderno de Programação | 101 . gênero e sexualidade na perspectiva de mulheres que se relacionam com “crossdressers” Anna Paula Vencato (Universidade Paulista)  Sexualidade. Alessandra Caroline Ghiorzi (Universidade Federal de Mato Grosso)  Conjugalidade.Segunda-feira — Sobre regalos da natureza: Paixão Luz.cadê?!” Reflexões sobre a (ausência de) “pegação” em boates GLS de Goiânia. cuidado..

 Bruna Andrade Irineu (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  102 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Terça-feira — Intersexo e (in)visibilidade: cidadania e saúde na busca do Registro Geral de Identificação (RG) Shirley Acioly Monteiro de Lima (Universidade Federal de São Paulo)  Problematizando a atuação da Psicologia na retificação de registro civil de transexuais e travestis: a possibilidade de construção de novos caminhos Rossana Bogorny Heinze Schmidt (Universidade Federal do Rio Grande do Sul).Entre silêncios: um estudo das experiências de assumir-se entre jovens homossexuais Thiago Barcelos Soliva (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Joana do Prado Puglia (Universidade de Santa Cruz do Sul)  Da biolegitimidade à tecnologia de governo: a construção da população homoafetiva Lucas Riboli Besen (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Políticas públicas para a população LGBT no Brasil: notas sobre controle social a partir da análise da gestão 2011-2013 do Conselho Nacional dos Direitos LGBT Bruna Andrade Irineu (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  As diferentes percepções acerca da erradicação da homofobia no Brasil Lorena Lima de Moraes (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Construindo sujeitos possíveis: apontamentos sobre a inserção das travestis no campo político André Luiz Zanão Tosta (Universidade Federal do Espírito Santo)  Políticas públicas para população LGBT e seus impactos na conjuntura internacional: “para inglês ver”? Mariana Meriqui Rodrigues (Universidade Federal do Tocantins). Nathalia Ferreira Gonçales (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Rodrigo Coêlho de Farias (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Homoafetividades femininas em Blumenau: cartografias possíveis Carla Fernanda da Silva (Universidade Federal do Paraná)  — 17/09 .

Quinta-feira — Saindo do armário: a assexualidade na perspectiva da AVEN – Asexual Visibility and Education Network Elisabete Regina Baptista de Oliveira (Universidade de São Paulo)  Biopolítica e pornografia não convencional: sobre regulações de corpo e sexualidade na cena “bizarra” Leonel Cardoso dos Santos (Universidade Federal de Minas Gerais)  Do sadomasoquismo erótico ao BDSM: discursos de legitimação. coroa e rainha: gênero no espelho das drag queens Joseylson Fagner dos Santos (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  (In)Visibilidade como expressão de reconhecimento: uma análise da abordagem da diversidade sexual em telenovelas brasileiras Igor Bergamo Anjos Gomes (Universidade Federal do Maranhão)  Luta por reconhecimento: a orientação sexual como um direito da personalidade Luiz Geraldo do Carmo Gomes (Centro Universitário Cesumar)  Feminismos em marcha e subjetivações vadias Danielle Santos de Miranda (Universidade Federal do Pará)  Caderno de Programação | 103 . adequação e subversão do sexo através do queer porn Haline Santiago Thaumaturgo (Faculdades Integradas Hélio Alonso)  Intersexualidade e abjeção Filipe de Campos Garbelotto (Universidade Federal da Bahia)  Cara. direitos sexuais e convenções sociais sobre gênero e sexualidade no contexto brasileiro pós-redemocratização Regina Facchini (Universidade Estadual de Campinas). Sarah Rossetti Machado (Universidade Estadual de Campinas)  O corpo transgênero: desconforto.Nem “cabra-macho”. nem “paraíba masculina”: discutindo travestilidade e regionalidade em perspectiva interseccional Juciana de Oliveira Sampaio (Universidade Federal do Maranhão)  — 19/09 .

Bl. B. Thiago Fernando Santanna e Silva (Universidade Federal de Goiás) ▶ Local: Sala 313. Desafios Atuais dos Ecofeminismos: aproximações entre o sexismo e o especismo Coordenação: Patrícia Lessa (Universidade Estadual de Maringá).Sexta-feira — Mediações e contratempos no “fazer-se mulher” na experiência transexual Maycon Lopes (Universidade Federal da Bahia)  Processo de feminilização e a busca pela “beleza” Marina Cápua Nunes (Universidade Federal de Juiz de Fora)  (In)visibilidades desejadas: os usos do stealth por transexuais e suas implicações políticas Renata Garcia Lopez Perone (Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo)  Transhomens no ciberespaço João Walter Nery (Faculdade de Psicologia). 1º Andar. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 104 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .— 20/09 . Eduardo Meinberg de Albuquerque Maranhão Filho (Universidade de São Paulo)  Transmasculinidades: entre corpos e desejos Rafaela Vasconcelos Freitas (Universidade Federal de Minas Gerais)  Corpos em fluxo: notas etnográficas sobre gênero e trânsitos entre travestis no Litoral Norte da Paraíba Verônica Alcântara Guerra (Universidade Federal da Paraíba)  Raça. corpos e o racismo na prostituição viril Elcio Nogueira dos Santos (Faculdade Método São Paulo)  Trânsitos religiosos de transhomens no Facebook Eduardo Meinberg de Albuquerque Maranhão Filho (Universidade de São Paulo)  026.

tenha fé nas mulheres!” O feminismo vegano e a crítica ao mercado de carnes e corpos Patrícia Lessa (Universidade Federal Fluminense)  Caderno de Programação | 105 . Alinne de Lima Bonetti (Universidade Federal da Bahia)  O gênero como categoria analítica para pensar questões de natureza da ciência. Loreley Gomes Garcia (Universidade Federal da Paraiba)  Francés Lappé: uma ecofeminista? Renan Ritzmann de Oliveira (Universidade Federal de Santa Catarina)  Mas como toda opressão está conectada? (uma história sobre especismo. gênero e sexualidade entre feministas jovens Íris Nery do Carmo (Universidade Federal da Bahia). Dolores Cristina Gomes Galindo (Universidade Federal do Mato Gross)  Violência e vulnerabilidade: conexões empíricas e conceituais entre mulheres e animais Daniela Rosendo (Universidade da Região de Joinville)  Especismo.Segunda-feira — “Fiz do meu corpo a revolução”: espécie. feminismo e movimentos sociais no Brasil Lorena Lúcia Cardoso Monteiro (Universidade Federal da Paraíba). meio ambiente e tecnologia Adalberto Ferdnando Inocêncio (Universidade Estadual de Londrina)  Veganismo. sexismo e racismo na mídia Sarah Toso Mendes (Escola Particular Chave do Futuro).— 16/09 . e sexismo) Tatiana Nascimento dos Santos (Universidade Federal de Santa Catarina)  Quem toca? O que é tocado? Notas sobre a poética cruel e multiespécie de Berna Reale Danielle Milioli (Universidade Federal de Mato Grosso). racismo. Patrícia Lessa (Universidade Federal Fluminense)  “Coma arroz.

agricultoras/es familiares) Coordenação: Maria do Rosário de Fátima Andrade Leitão (Univesidade Federal Rural de Pernambuco). trabalho. Maria Helena Santana Cruz (Universidade Federal de Sergipe) 106 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . quilombolas. educação e comunidades tradicionais (pescadoras/es. as mulheres e o turismo na cidade de Luiz Alves/Goiás (2012-2013) Thiago Fernando Santanna e Silva (Universidade Federal de Goiás)  027. especialmente na Índia Natalia Fernanda Ramos de Oliveira (Instituto Paranaense de Ensino). indígenas.Terça-feira — Corpos generificados: os artefatos culturais e os discursos produzidos sobre gênero Michele Ziegler de Mattos (Universidade Federal de Pelotas)  Crítica ao conceito de feminilidade atrelado à produção mercadológica de beleza visando abordar a ecologia em estudos feministas Sara Lucia Orlato Selem (Universidade Estadual de Maringá)  Uma abordagem ecofeminista para a sustentabilidade Mario Sergio Cunha Alencastro (Centro Universitário Internacional)  As relações entre masculinidade e a alimentação. Eduardo Simões Flório de Oliveira (Universidade Estadual de Maringá)  A zoofilia é especista ou tolerável? Wesley Felipe de Oliveira (Universidade Federal de Santa Catarina)  Entre a Égua de Mikolka e a Vênus Hottentot: relações de gênero e espécie nas criações sociais da vida e da morte Daniel de Almeida Pinto Kirjner (Universidade de Brasília)  Mulheres e animais: banidos da racionalidade ocidental? Ângela Raquel Godoi da Silva (Faculdade de Jandaia do Sul)  Representações de gênero às margens do Araguaia: o rio. Desafios Atuais dos Feminismos sobre gênero.— 17/09 .

RN Arkeley Xênia Souza da Silva (Faculdade Câmara Cascudo). Lore Fortes (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  As questões de gênero em projetos de manejo de recursos pesqueiros na Reserva de Desenvolvimento Sustentavel Mamirauá Edna Ferreira Alencar (Universidade Federal do Pará)  Cultivando novas relações de gênero: homens e mulheres nas atividades de maricultura em Florianópolis/SC Márcia Regina Calderipe Farias Rufino (Universidade Federal de Santa Catarina)  Dificuldades para a concessão judicial da aposentadoria rural às pescadoras artesanais do Sul do Brasil: um enfoque sobre o papel das mulheres na jurisprudência do Tribunal Regional da 4ª Região Vera Lucia da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina). Maria do Rosário de Fátima Andrade Leitão (Univesidade Federal Rural de Pernambuco)  Caderno de Programação | 107 .Segunda-feira — A mulher pescadora artesanal do Nordeste do Brasil: relação com o ambiente natural pesqueiro Ligia Albuquerque de Melo (Fundação Joaquim Nabuco)  As condições de saúde e trabalho das marisqueiras na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Ponta do Tubarão – Macau . Maria do Rosário de Fátima Andrade Leitão (Univesidade Federal Rural de Pernambuco)  Estovar e entralhar: pescadoras. 2° Andar. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Bl. Adriana Cláudia Câmara da Silva (Universidade Federal de Campina Grande). A. a prática da captura e a luta por reconhecimento no Amazonas Sara Moreira Soares (Universidade Federal do Amazonas)  Gênero e cidadania Claudia Maria de Lima (Universidade Federal Rural de Pernambuco).Local: Mini-auditório CCN (Ciências Contábeis).

em Campo Formoso.OMIR Carla Onofre Ramalho (Universidade Federal de Roraima)  Discurso e imaginário: as concepções de mulheres e homens quilombolas acerca do papel do extensionista rural na comunidade Lages dos Negros. Tatiana Walter (Universidade Federal do Rio Grande)  O progresso tá chegando: estudo da relação entre mulheres pescadoras e a vivência do espaço em transformação pela urbanização acelerada Winifred Knox (Universidade Federal do Espirito Santo)  Justiça tardia é falha: gênero e justiça na visão de magistradas do Poder Judiciário de Cuiabá-MT Suze Silva Oliveira (Universidade Federal de Mato Grosso)  — 17/09 . Bahia Maria das Graças Ataide de Almeida (Universidade Federal Rural de Pernambuco)  108 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Terça-feira — A dificuldade do feminismo para explicar o lugar da mulher nas lutas indígenas: o caso dos movimentos indígenas na Colômbia Mauricio Caviedes Pinilla (Universidad Nacional de Colombia)  Género y bilingüismo: las identidades de género y etnolingüística en las trayectorias de formación universitaria de profesoras indígenas María Del Pilar Miguez Fernández (Universidade Federal de Santa Catarina)  Jokanas Akâiés: experiências de gênero.Mulheres na atividade pesqueira do camarão-rosa no estuário da Lagoa dos Patos/ RS: modo de vida. Lúcia de Fátima Socoowski de Anello (Universidade Federal do Rio Grande). renda e condições laborais Luceni Hellebrandt (Universidade Federal de Santa Catarina). autogestão e segurança alimentar com mulheres pataxó Paulo de Tássio Borges da Silva (Universidade Federal de Sergipe)  Saberes e práticas de saúde reprodutiva Pankararu: articulações no atual cenário obstétrico brasileiro Andrea Cadena Giberti (Universidade de São Paulo)  Unidas para a luta: a Organização das Mulheres Indígenas de Roraima .

 Maria Helena Santana Cruz (Universidade Federal de Sergipe)  Mulheres como agentes de transformação socioambiental: relatos de um projeto em gênero e educação socioambiental em São Paulo Andrea Gomes Santiago Tomita (Faculdade Messiânica)  Caderno de Programação | 109 . Maria Helena Santana Cruz (Universidade Federal de Sergipe)  As facilidades e barreiras percebidas por mulheres que almejam ascensão de carreira no setor do agronegócio Debora Cristina Genaro (Universidade Presbiteriana Mackenzie)  As mulheres sua participação processo desenvolvimento socioambiental e sua relação com a educação nos assentamentos de reforma agrária na região de Sorocaba Amanda Cristina Lino (Universidade Federal de São Carlos)  Diferenças de gênero no trabalho médico em saúde pública em Aracaju/ Sergipe/Brasil Karina Santana Cruz (Associação Brasileira de Odontologia). Maria Simone Vione Schwengber (Universidade Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul)  — 19/09 .Quinta-feira — A emergência (inter)relacional de gênero no trabalho do ensino superior sob a visão pragmática e discursiva da sociedade contemporânea Suzana Mary de Andrade Nunes (Universidade Federal de Sergipe). Mato Grosso Sonia Regina Lourenço (Universidade Federal de Mato Grosso)  Mulheres a(es)quecidas: o quilombo de Jacarequara Sandra Maria Job (Universidade Federal do Pará)  Mulheres especiais com necessidades especiais: lutas e conquistas Vanda Maria Campos Salmeron Dantas (Universidade Tiradentes)  Programa Mulheres Mil: histórias de vida Fernanda de Magalhães Trindade (Universidade Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul). alteridades e equidade de gênero em comunidades quilombolas de Chapada dos Guimarães.Identidades.

Gênero.Sexta-feira — Gênero e pesca: o Conselho Pastoral da Pesca (CPP) Gilmar Soares Furtado (Universidade Federal do Ceará). educação. Sara Moreira Soares (Universidade Federal do Amazonas)  A luta por reconhecimento dos saberes das mulheres: nos espaços economicos solidários Simone Silva Alves (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  110 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Maria do Rosário de Fátima Andrade Leitão (Univesidade Federal Rural de Pernambuco)  No “Tempo dos Antigos”: a criação das unidades de conservação ambiental e a pesca da tainha a partir do olhar das mulheres pescadoras da Ilha do Mel\PR Simone Frigo (Universidade Federal de Santa Catarina). Daniela Ripoll (Universidade Luterana do Brasil)  — 20/09 . dos Santos (Universidade Federal do Tocantins)  “Entrando de sola e salto”: analisando características relacionadas à liderança feminina na revista Melhor: gestão de pessoas Márcia Cristiane de Abreu (Universidade Luterana do Brasil). Aracaju/SE Anabela Mauricio de Santana (Universidade Federal de Sergipe)  O Parfor como um espaço carregado de sentidos e significados para mulheres do Curso de Pedagogia da UFT/Arraias . Patricia Martins (Universidade Federal de Santa Catarina)  O lugar da pesca de camarão em Parintins: as camaroeiras e o Seguro Defeso Antonia Mara Raposo Diogenes (Universidade Federal do Amazonas).TO Maria Santana F. Como enfrentar o culto à velocidade e à virilidade irresponsável no Brasil? Carla Rezende Gomes (Universidade Federal de Sergipe)  Representações de gênero sobre o trabalho. trânsito e mídia. a qualificação e as novas competências no COE – Comando de Operações Especiais da PM/SE Susana Rezende Lima (Universidade Federal de Sergipe)  Mulheres mantenedoras de família: um estudo realizado no Bairro Japãozinho.

 Marcela Valença (Faculdade Estácio do Recife). Ponta da Ilha/Jurujuba. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 Caderno de Programação | 111 . Sergipe. Renata Maria de Almeida Sampaio (Universidade Federal de Sergipe). Brasil Eline Almeida Santos (Prefeitura Municipal de Indiaroba). Luciara Duarte Figueira (Trans For Mar Consultoria Ltda)  O mar é masculino? O trabalho das mulheres na maricultura. Niterói/RJ Patricia de Araujo Silva (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  O mito do trabalho invisível e estratégias de sobrevivência das pescadoras em Nossa Senhora do Socorro. Desafios do feminismo frente à aplicação da Lei Maria da Penha e à diversidade dos grupos de mulheres no país Coordenação: Tânia Mara Campos de Almeida (Universidade de Brasília). Patricia de Araujo Silva (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  Género. Wânia Pasinato (Universidade de São Paulo) ▶ Local: Sala 312. Rosemeri Melo e Souza (Universidade Federal de Sergipe)  Qual é o elo mais frágil da cadeia produtiva do pescado? Uma análise sobre o processo de expulsão das mulheres que atuam na pesca artesanal na região metropolitana de Recife/PE Tatiana Walter (Universidade Federal do Rio Grande). B. Bl. vejez y Políticas Públicas: el caso de organizaciones funcionales de adultos mayores en contextos rurales en Chile Gloria Beatriz Zavala Villalón (Universidad de Chile)  Impressões sobre ser mulher num ambiente profissional predominante masculino Sandra Maria Roque de Oliveira (Universidade Federal de Santa Catarina)  028. 1º Andar.O lugar que ocupam as mulheres na cadeia produtiva da pesca no Norte Fluminense Maria Odete da Rosa Pereira (Trans For Mar Consultoria Ltda).

Segunda-feira — Lei Maria da Penha: novos desafios para sua aplicação Carmen Hein de Campos (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  A aplicação da Lei Maria da Penha às situações de violência contra a mulher no Distrito Federal Raquel Guimaraes Silva (Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios)  A lei nas entrelinhas: a Lei Maria da Penha e o trabalho policial nas delegacias de defesa da mulher na cidade de São Paulo Beatriz Accioly Lins de Almeida (Universidade de São Paulo)  A trajetória das queixas de violência conjugal nas DEAMs do Estado do Rio de Janeiro Cláudia Valéria Abdala Lamoglia (Centro Universitário Geraldo Di Biase)  Olhares sobre a violência de gênero e as mulheres do tráfico Fernanda Pereira Luz (Universidade Federal Fluminense)  Rotas femininas e a aplicabilidade da Lei Maria da Penha no município de Juazeiro/BA Jayce Layana Lopes Callou (Faculdade Metropolitana de Camaçari)  Universalidade possível ou reducionismo excludente? Entre a Lei Maria da Penha e o desenrolo Marisa Antunes Santiago (Universidad Malága). Hebe Signorini Gonçalves (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Vozes veladas: discursos de mulheres em situação de violência conjugal e de funcionários de uma Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) Marilu Monteiro (Universidade do Planalto Catarinense)  Monitoramento eletrônico de sentenciados em Minas Gerais: liberdade vigiada e oportunidade de ressocialização em casos de violencia doméstica contra a mulher Welliton Caixeta Maciel (Universidade de Brasília)  112 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .— 16/09 .

Lei Maria da Penha e Bioética Intercultural Feminista Arneide Bandeira Cemin (Universidade Federal de Rondônia)  Gênero. Taine Alexandra Mendonça Teixeira (Universidade Federal do Amazonas)  A institucionalidade das mulheres indígenas no Brasil: participação política e violência Márcia Maria Gramkow (Cooperação Técnica Alemã). Miriam Pillar Grossi (Universidade Federal de Santa Catarina)  Roda de conversa entre mulheres: denúncias sobre a inaplicabilidade da Lei Maria da Penha em Salvador/BA e a descrença na justiça Márcia Santana Tavares (Universidade Federal da Bahia)  Os desafios da Lei Maria da Penha frente à violência doméstica e familiar contra mulheres negras no Brasil Tânia Mara Campos de Almeida (Universidade de Brasília)  Caderno de Programação | 113 . Adriano Henrique Nuernberg (Universidade Federal de Santa Catarina).— 17/09 .Terça-feira — A quem. deficiência e cuidado: desafios do feminismo frente à aplicação da Lei Maria da Penha nos casos de violência contra mulheres com deficiência em Belo Horizonte Anahi Guedes de Mello (Universidade Federal de Santa Catarina). Léia Bezerra do Vale (Fundação Nacional do Índio)  Violências contra a mulher indígena. para quem e em quais condições? Tensões sobre a aplicação da Lei Maria da Penha nos jornais impressos brasileiros Rayza Sarmento de Sousa (Universidade Federal de Minas Gerais)  Avanços e desafios da Lei Maria da Penha na garantia dos direitos das mulheres no RS Patricia Krieger Grossi (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  Agentes de Segurança pública e usuárias: percepções acerca da violência de gênero e o atendimento prestado em delegacias de polícia Vanuza Mesquita Sangama (Universidade Federal do Amazonas).

táticas políticas Márcia dos Santos Macêdo (Universidade Federal da Bahia)  A organização das mulheres das Reservas Mamirauá e Amanã: processos políticos. 2º Andar. Suzy Luna Nobre Gonçalves Ferreira (Universidade Federal de Pernambuco)  Políticas Públicas e empoderamento de mulheres no Brasil: condições. Projetos. Bl. Celma Fernanda Tavares de Almeida e Silva (Universidade Federal de Pernambuco). Políticas. Experiências Diversas Coordenação: Andrea Cornwall (University of Sussex). Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Desafios para o Empoderamento de Mulheres na Perspectiva Feminista: Pesquisas.Quinta-feira — Empoderando mulheres pela posse de terras urbanas: os vários lados da regularização fundiária no Recife Alexandre Zarias (Fundação Joaquim Nabuco). Cecilia Maria Bacellar Sardenberg (Universidade Federal da Bahia) ▶ Local: Sala 202. A. estratégias. subjetividades e cidadania: estratégias políticas feministas Maria de Lourdes Novaes Schefler (Universidade Federal da Bahia)  Mulheres no Movimento dos Atingidos pela Barragem de Fumaça. deslocamentos sociais e empoderamento Marília de Jesus da Silva e Sousa (Universidade Federal do Amazonas)  Comércio informal e empoderamento feminino: o caso das rabidantes cabo-verdianas Tatiana Raquel Reis Silva (Universidade Estadual do Maranhão)  Gênero. MG: possibilidades e desafios para seu empoderamento Aline Guizardi Delesposte (Universidade Federal de Santa Catarina).029. Aline Guizardi Delesposte (Universidade Federal de Viçosa)  114 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

Amherst)  Legislativos municipais e ação política das vereadoras: construção de um projeto de igualdade de gênero? Maria Mary Ferreira (Universidade Federal do Maranhão)  Na trilha dos sujeitos mulheres: pornografia feminista. estado progressista. e empresas com “consciência social” Millie Thayer (University of Massachusetts. Cecilia Maria Bacellar Sardenberg (Universidade Federal da Bahia)  Nunca é tarde para se empoderar Eulália Lima Azevedo (Universidade Salvador Laureate Universities)  O dinheiro em poder delas: a prática do xitique na cidade de Maputo Catarina Cortesão Casimiro Nascimento Trindade (Universidade Estadual de Campinas)  Mujeres cooperativistas: una experiencia de empoderamiento a través de la economía solidaria en la Cooperativa UNDECO en Morelos.Sexta-feira — Dar à luz na sombra: condições atuais e possibilidades futuras para o exercício da maternidade por mulheres em situação de prisão Ana Gabriela Mendes Braga (Universidade do Estado de São Paulo).Mulheres agricultoras: experiências de empoderamento na Bahia Ana Elizabeth Souza Silveira de Siqueira (Universidade Federal da Bahia). Bruna Angotti (Universidade Braz Cubas)  O empoderamento das mulheres na visão de gestores baianos Ana Alice Alcantara Costa (Universidade Federal da Bahia)  A sustentabilidade dos movimentos feministas: entre doadores partidos. México Alma Rosa Mora Pizano (Universidad Autónoma Chapingo)  — 20/09 . endereçamento fílmico e empoderamento de mulheres na trama do sexo Fernanda Capibaribe Leite (Universidade Federal de Pernambuco)  Caderno de Programação | 115 .

1º Andar.Segunda-feira — Desenvolvimento regional. Ana Beatriz Villar (Universidad Nacional de Lanus)  030. Desenvolvimento local. desenvolvimento regional e o direito das mulheres: um quebra-cabeça da descentralização Coordenação: Cynthia Mara Miranda (Universidade Federal do Tocantins). governança descentralizada e políticas públicas para as mulheres no Amazonas Milena Fernandes Barroso (Universidade Federal do Amazonas)  116 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Bl. cidadania e “inclusão social” no Peru: uma análise intersecional de turnos discursivos Tara Patricia Cookson (University of Cambridge)  Visibilizando a mulher no espaço público: a presença das mulheres nas universidades Regis Glauciane Santos de Souza (Universidade Federal da Bahia). Denyse Côté (Université du Québec en Outaouais) ▶ Local: Sala 314.Reconstituindo histórias sobre o feminismo brasileiro na esfera de governo: um olhar sobre as décadas de 1970 e 1980 Adelaide Suely de Oliveira (Universidade Federal de Pernambuco). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Jorge Lyra (Universidade Federal de Pernambuco)  Mulheres. Cecilia Maria Bacellar Sardenberg (Universidade Federal da Bahia)  Why Keep Trying? Exploring feminist entanglements with development Elisa Martínez (University of Massachusetts)  Sobre el deseo en la militancia: cuerpo y emociones en una organización piquetera Cecilia Espinosa (Universidad de Buenos Aires). B.

 Nivia Valença Barros (Universidade Federal Fluminense).” Notas sobre relações de gênero e movimentos sociais no estado do Tocantins Gleys Ially Ramos dos Santos (Universidade Federal de Goiás)  A economia criativa com perspectiva de gênero: um estudo de caso sobre o artesanato como alternativa de renda para a mulher Daniela Possebon (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  — 17/09 . Maria Teresa Lisboa Nobre Pereira (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Caderno de Programação | 117 . trabalhadora e infratora: aspectos de uma trajetória de vida em Nazaré. Vivian Karina Zeidemann (Center of International Forestry Research)  Olhares sobre o desenvolvimento regional a partir da atuação dos movimentos de mulheres nos espaços de governança descentralizada no Tocantins Cynthia Mara Miranda (Universidade Federal do Tocantins)  “Aqui deveria ser chamado assim: mulheres que plantam. mulheres que não colhem.010/2009 na vida de mulheres pobres na cidade de Niterói/RJ Maria Izabel Valença Barros (Universidade Federal Fluminense).Los derechos de las mujeres contra el enfoque de genero? La participación feminista a la descentralización en Québec Denyse Côté (Université du Québec en Outaouais)  A emergência de microempreendimentos de mulheres rurais na Amazônia brasileira Denyse Maria Gomes Mello (University of Florida).Terça-feira — Gênero. recôncavo baiano Lucas Santos Aguiar (Universidade do Estado da Bahia)  Mulheres de Areia Branca: um estudo sobre o cuidado com a saúde e processos de urbanização em Aracaju Virginia Caroliny Silva Alexandre (Universidade Federal de Sergipe). pobreza e questões da adoção: os impactos sociais da Lei 12. Rita de Cássia Santos Freitas (Universidade de Coimbra)  Mulher.

2º Andar. Bl. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 .Relações de gênero. Rossana Rocha Reis (Universidade de São Paulo) ▶ Local: Sala 10. Idilva Maria Pires Germano (Universidade Federal do Ceará)  Migrantes centroamericanas en tránsito por México: un caso extremo de violencia de género Jorge Morett Sánchez (Universidad Autónoma Chapingo)  118 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Maria da Luz Alves Ferreira (Universidade Estadual de Montes Claros)  031. identidade e desenvolvimento regional: atuações das quebradeiras de coco no Tocantins Iara Carolina Lima Gonçalves (Universidade Federal do Tocantins)  Delegacia especializada em crimes contra a mulher: uma análise do atendimento às mulheres em situação de violência no município de Parintins Dielle Cristina Marques de Souza (Universidade Federal do Amazonas)  Metamorfose de Eva: percursos de vida e acesso de mulheres à gestão superior nas universidades públicas brasileiras Ana Paula Távora da Silva (Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias)  Mulheres no mercado de trabalho: precarização e avanços Maria do Carmo dos Santos Carvalho (Universidade Estadual de Montes Claros). sexualidade e outros marcadores sociais das diferenças Coordenação: Richard Miskolci (Universidade Federal de São Carlos). C.Quinta-feira — Dispositivo da sexualidade e saúde para transgêneros nas trilhas de Fortaleza Juliana Vieira Sampaio (Universidade Federal do Ceará). Direitos Humanos: desafios contemporâneos envolvendo gênero. Departamento de História.

migrantes e criminosas: as fronteiras entre a migração e o tráfico de pessoas Ariana Bazzano de Oliveira (Universidade Estadual de Campinas)  Perspectivas das mulheres e mudanças na Teoria do Direito Cynthia Semíramis Machado Vianna (Universidade Federal de Minas Gerais)  Os impactos das políticas nacionais e internacional de combate ao terrorismo na proteção dos Direitos Humanos relacionados a gênero Saionara Santana Reis (Universidade de Brasília)  Em busca de identidade: uma análise sobre o Movimento LGBT no Brasil e suas políticas identitárias Sérgio Lima dos Santos (Universidade Federal de Sergipe)  — 20/09 . Pâmela Cardozo Soares (Universidade Federal do Ceará)  Putas. Érika Cecília Soares Oliveira (Universidade Estadual Paulista)  Caderno de Programação | 119 .O estupro como arma de guerra Ana Taisa da Silva Falcão (Instituto de Aplicação Fernando Rodrigues da Silveira)  Travestis e transexuais: reconhecimento de direitos e efetivação de políticas Heloísa Helena de Farias Rosa (Núcleo de Antropologia do Direito)  Travestis e cárcere: o trabalho desenvolvido pela ONG Igualdade no Presídio Central de Porto Alegre Felipe Lazzari da Silveira (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  Ser travesti e nordestina: labirintos de dupla abjeção Francisco das Chagas Alexandre Nunes de Sousa (Universidade Federal do Ceará). inventa um ponto”: experiência-ações alternativas com a temática da diversidade sexual Késia dos Anjos Rocha (Serviço Social do Comércio).Sexta-feira — Direitos Humanos no Deuteronômio? Desafios éticos de uma interpretação bíblica subalterna Fernando Candido da Silva (Universidade Estadual Paulista)  “Quem reconstrói um conto.

1º Andar. Tanimara Elias Santos (Universidade Complutense de Madrid)  Mulheres boazinhas vão para o céu. as más para qualquer lugar! Feminismos. feminismo e outras marcas na construção de sujeitos e direitos no âmbito da AMB Jussara Carneiro Costa (Universidade Federal da Bahia)  Os interditos sociais como sustentação às violações dos direitos humanos da população LGBT no Brasil Márcia Roberta Cavalcanti da Silva (Universidade Federal de Pernambuco)  032. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 120 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . B.Ser idoso: modelo de velhice tornado direito humano universal Glaucia da Silva Destro de Oliveira (Universidade Estadual de Campinas)  Percursos da deficiência intelectual: entre diagnósticos e direitos Pedro Lopes (Universidade de São Paulo)  Os direitos humanos chegam ao “interior”? Percursos e deslizamentos de verdades sobre direitos sexuais e direitos humanos em uma cidade “pequena” Eliana Teresinha Quartiero (Universidade do Estado de Santa Catarina)  O feminismo negro como estratégia de reconhecimento e (re)distribuição Allyne Andrade e Silva (Universidade de São Paulo)  O Caso Alyne: dívida pendente no acesso e assistência à saúde da mulher negra Ingrid Viana Leão (Universidade de São Paulo). Bl. sexualidade. Diversidade e desafios do feminismo no Brasil e na América Latina Coordenação: Jules Falquet (Universidade Paris Diderot). discursos e direitos humanos para (algumas) mulheres Janaina de Souza Bujes (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Gênero. Renata Gonçalves (Universidade Federal de São Paulo) ▶ Local: Sala 315.

— 19/09 . Rosa Ynés Curiel Pichardo (Universidad Nacional de Colombia)  Feminismo em movimento: a ofensiva contra a mercantilização do corpo e da vida das mulheres Renata Faleiros Camargo Moreno (Universidade Federal do ABC)  — 20/09 .Quinta-feira — Breves apontamentos sobre as mulheres negras na formação social brasileira Daniele Cordeiro Motta (Universidade Estadual de Campinas)  Feminismo nas margens: olhar sobre as práticas de um feminismo camponês Larissa Viegas de Mello Freitas (Universidade Federal de Santa Catarina)  De antigas e novas loucas: Madres e Mães de Maio contra a violência de Estado Renata Gonçalves (Universidade Federal de São Paulo)  Conscientização contra a opressão de gênero: mulheres populares e os desafios nas margens do sistema-mundo moderno/colonial Liliam Litsuko Huzioka (Centro Universitário Curitiba)  Contra la heteronormatividad.Sexta-feira — Feminismos descoloniais e direitos das mulheres na América Latina: apontamentos epistemológicos Ana Laura Silva Vilela (Universidade Federal da Paraíba). Emerson Erivan de Araújo Ramos (Universidade Federal da Paraíba)  Caderno de Programação | 121 . Potencia Tortillera: la construcción de la memoria como estrategia política del movimiento lésbico María Constanza Diaz (Universidad de Buenos Aires)  Apontamentos sobre sexualidade e a consubstancialidade das relações de poder Rafael Dias Toitio (Universidade Estadual de Campinas)  Feminismo autonomo latinoamericano y del Caribe. imbricación de las relaciones de poder de sexo-clase-raza y decolonialidad Jules Falquet (Universidade Paris Diderot).

feminismo latino-americano e religião: Críticas e diálogos possíveis Ofir Maryuri Mora Grisales (Universidade Metodista de São Paulo)  A construção da categoria “mulheres latino-americanas” na imprensa feminista francesa nos anos 1970 Maira Luisa Gonçalves de Abreu (Universidade Estadual de Campinas)  Desvendando sentidos e usos para a perspectiva de interseccionalidade nas políticas públicas brasileiras Marília Sorrini Peres Ortiz (Fundação Getúlio Vargas)  50 anos de feminismo: 1965-2015 Eva Alterman Blay (Universidade de São Paulo)  Feminismos e autodeterminação de prostitutas: diferentes percepções acerca da prestação de serviços sexuais Fabiana Rodrigues de Sousa (Universidade Federal de São Carlos)  Após a presidenta: as mulheres na política institucional brasileira Maíra Kubík Taveira Mano (Universidade Estadual de Campinas)  Transversalidade de gênero no Brasil e os atores da Coalizão Nacional Daniele Lopes Wohnlich (Universidade de Lausanne)  Entre mulheres nômades: reflexões sobre o “sujeito feminista” e o diálogo entre diferentes na Marcha das Vadias – DF Leila Saads Pereira Martins (Universidade de Brasília).A rua é das vadias? Repensando a Marcha das Vadias no Cariri-CE e seus rebatimentos para o feminismo contemporâneo Suamy Rafaely Soares (Fundação de Ensino Superior de Cajazeiras)  Perspectiva descolonial. Líbia Rany Oliveira Nascimento (Universidade de Brasília)  Novos sujeitos do feminismo? O que diz a experiência em Goiás Eliane Gonçalves (Universidade Federal de Goiás)  122 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) Horário: 14h às 17h30 — 17/09 . Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 Caderno de Programação | 123 . B. 1º Andar. Diversidade e gênero nas relações de ensino em Língua Portuguesa e Literatura Coordenação: Luciene Fontão (Secretaria de Educação de Florianópolis). Marcia Bianchi (Secretaria Estadual de Educação de Santa Catarina) ▶ Local: Sala 109.033. Dos discursos invasores à violência de gênero Coordenação: Ivonete Pereira (Universidade Estadual do Oeste do Paraná). Os personagens dos contos clássicos infantis inspiram ou expiram? Cynthia Valente (Universidade Federal de Santa Catarina)  Por um olhar estrangeiro na Literatura Juvenil Fernanda Müller (Universidade Federal de Santa Catarina)  Do currículo à linguagem: os desafios no espaço escolar Nívia Xavier Correia Nóbrega (Colégio e Curso Excelência)  034.Terça-feira — Resumo de Janéti Marcia Bianchi (Secretaria Estadual de Educação de Santa Catarina)  A temática da homossexualidade na literatura infantil brasileira: lendo Georgina Martins Eliane Santana Dias Debus (Universidade Federal de Santa Catarina)  As personagens femininas nas obras de Mia Couto Gisele Krama (Diário Catarinense)  Maravilhas infernais e dormências centenárias. Mara Rubia Sant Anna (Universidade do Estado de Santa Catarina) ▶ Local: Sala 316. Bl.

Josenilda Maria Maués da Silva (Universidade Federal do Pará)  A música sertaneja como pedagogia de gênero: entre o romantismo e a misoginia Anette Lobato Maia (Universidade de Brasília)  124 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Quinta-feira — Das fronteiras do silêncio à visibilidade: violência contra mulheres Ivonete Pereira (Universidade Estadual do Oeste do Paraná). Schreiner (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Masculinidades de homens agressores: uma análise a partir da categoria gênero Maria Cecilia Olivio (Universidade Federal de Santa Catarina).— 19/09 . processos de subjetivação e constituição do sujeito feminino Ericka Evelyn Pereira Ferreira Fonseca (Universidade Federal de Sergipe)  Violências difusas e questões de gênero: relações e desafios Eduardo Nunes Jacondino (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Do privado ao público: as narrativas dos conflitos amorosos e a Lei Maria da Penha Janaina Sampaio Zaranza (Universidade Federal do Ceará)  Lei Maria da Penha: análise de papéis sociais masculinos e femininos em processos criminais de violência contra mulheres Ângela Fernanda Santiago Pinheiro (Universidade Estadual de Montes Claros)  Políticas públicas de combate à violência doméstica: trabalhando dois polos Jacqueline Mary Soares de Oliveira (Universidade Federal da Bahia). Davi F. Ciência e Tecnologia do Pará). Márcia Santana Tavares (Universidade Federal da Bahia)  Entre Aracne e Atena: professoras em situação de violência doméstica Samai Serique dos Santos (Instituto Federal de Educação. Sandra Lourenço de Andrade Fortuna (Universidade Estadual de Londrina)  Os precedentes internacionais de proteção à mulher para a criação da Lei Maria da Penha Stela Cunha Velter (Universidade Federal de Mato Grosso)  A Violência conjugal contra as mulheres: representações sociais de gênero.

especulações conceituais e históricas Mara Rubia Sant Anna (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Formas de desrespeito na representação latino-americana de Hollywood.Sexta-feira — Entre liberdade e moda.— 20/09 . aparência e performances de masculinidades na década de 1940 Renato Riffel (Universidade do Vale do Itajaí)  Memória de mulheres na luta: uma análise da trajetória das militantes políticas contra a ditadura no Paraná Carla Cristina Nacke Conradi (Universidade Federal do Paraná)  “Você que é um ser humano superior e evoluído tem que adestrar o seu homem”: textos culturais e as relações de gênero Cláudia Maria Ribeiro (Universidade Federal de Lavras). Silmara Aparecida dos Santos (Universidade Federal de Lavras)  Glamourização do estupro: representações das violências de gênero nas imagens publicitárias Júlia Simões Zamboni (Universidade de Brasília)   Discursos sobre a violência em relações afetivas e sexuais heteronormativas e produção do gênero in “Jornal Pequeno” Mayana Hellen Nunes da Silva (Universidade Federal do Maranhão)  Caderno de Programação | 125 . através de Carmen Miranda (1940-1945) Káritha Bernardo de Macedo (Universidade do Estado de Santa Catarina)  A satisfação dos prazeres femininos e a dominação masculina: uma genealogia da ética do Kama-sutras Felipe Salvador Weissheimer (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Love is and the air: comerciais de desodorantes masculinos promovendo a ideia de um domínio natural do homem sobre a mulher Rochelle Cristina dos Santos (Faculdade de Tecnologia Senac)  Narrativas em tensão: dezoito dias de revoltas no Egito pelo ciberespaço Fernanda Ozório da Conceição (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Sedução em cena: mídia.

Segunda-feira — “A nossa história vai virar um filme”: cinema e relações de gênero no Erem Coronel João Francisco (São Vicente Férrer/PE) Dayvison Leandro dos Santos (Escola Coronel João Francisco)  A educação feminina de elite na perspectiva da obra “Alma: Educação Feminina” de Coelho Neto no início da República Brasileira Tatiane da Silva Sales (Universidade Federal do Pará)  Educação em sala de aula sob o viés de gênero Iracilda Pimentel Carvalho (Universidade de Brasília)  Narrativas e construção de si nos meios populares: mulheres e educação formal Zaine Simas Mattos (Universidade Federal de Juiz de Fora)  “Vai começar uma escola para rapazes”: a chegada dos primeiros meninos nas Escolas Católicas Femininas de Pernambuco (1970) Maria Helena Câmara Lira (Universidade Federal Rural de Pernambuco)  O que os livros didáticos falam sobre as mulheres? Considerações sobre livros didáticos de História e a história das mulheres Helaine Pereira de Souza (Secretaria de Educação do Estado da Bahia)  Trajetórias de resistências e de conquistas: um estudo sobre as trajetórias de escolarização de mulheres afrodescendentes no pós abolição Virginia Ferreira Boff (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  126 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . M Zarbato (Centro Universitário Municipal de São José). 2º Andar. Lucinéia Scremin Martins (Universidade Federal de Goiás) ▶ Local: Auditório do CCJ. F. Relações de gênero e memórias: narrativas.035. Bl. Educação. Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . experiências e diálogos educativos Coordenação: Jaqueline Ap.

Sensibilidades infantes e dispositivos escolares no cenário Paraibano (1930/1950): uma questão de gênero? Valdirene Pereira de Sousa (Universidade Federal de Santa Catarina)  A escola enquanto tempo e espaço de mulheres: reflexões sobre saberes femininos Mbyá Suzana Cavalheiro de Jesus (Universidade Federal de Santa Catarina)  Elas na Polianteia: os discursos sobre a educação feminina na “Polianteia comemorativa da inauguração das aulas para o sexo feminino do Imperial Liceu de Artes e Ofícios” Francismara de Oliveira Lelis (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  — 17/09 . memória e cultura escolar: a implantação do primeiro grupo escolar de Presidente Prudente/SP (1925-1938) Jorge Luís Mazzeo Mariano (Universidade Estadual Paulista)  O gênero e a história em sala de aula: fazendo pesquisa na Educação de Jovens e Adultos de Florianópolis Maria Cristina de Oliveira Athayde (Prefeitura Municipal de Florianópolis)  A relação entre universidade e Educação Básica na formação de professores: o PIBID e as relações de gênero Joselito Manoel de Jesus (Universidade do Estado da Bahia). memórias e representações Milena Aragão (Universidade Federal de Sergipe)  A pedagogia do salto alto: histórias de professoras transexuais e travestis na educação brasileira Marina Reidel (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Gênero e sexualidade na formação docente continuada e nos espaços escolares: uma análise do Curso GDE na UFMA Sirlene Mota Pinheiro da Silva (Universidade de São Paulo)  Mulheres. Ana Lúcia Gomes da Silva (Universidade do Estado da Bahia)  Caderno de Programação | 127 .Terça-feira — A escrita da mulher negra catando e escrevendo palavras Neidjane Goncalves dos Santos (Centro Federal de Educação Tecnologica Celso Suckow da Fonseca)  A mulher-professora na docência infantil: história.

 Cristhianny Bento Barreiro (Instituto Federal Sul-Rio-grandense)  Relações de gênero no processo de escolarização de mulheres em assentamentos da Reforma Agrária Elisangela Santos de Amorim (Universidade Federal de Santa Catarina). Joana Maria Pedro (Universidade Federal de Santa Catarina)  Relatos de Juventudes: memórias femininas em Minas Gerais .décadas de 1940-1970 Carla Valéria Vieira Linhares Maia (Universidade Federal de Minas Gerais)  — 19/09 .Quinta-feira — Estudos de gênero e livros didáticos de história para o Ensino Médio Ana Maria Marques (Universidade Federal de Mato Grosso)  A produção de material didático em gênero e diversidade: construindo conhecimento junto aos professores/as do município de Catalão (GO) Juliana de Jesus Santos (Universidade Federal de Goiás)  A representação do feminino nos manuais de História: um olhar sobre a Idade Média Carlos Norberto Berger (União Dinâmica de Faculdades Cataratas)  História da educação: relações de gênero no Curso de Pedagogia da Unioeste (1970-1990) Antonia Marlene Vilaca Telles (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Revolvendo discursos: a construção das identidades de gênero no contexto de um curso de Pedagogia a distância Carolina Faria Alvarenga (Universidade Federal de Lavras).Reaprender a aprender: um olhar sobre as expectativas de mulheres no retorno aos bancos escolares Beatriz Helena Viana Castro (Instituto Federal Sul-Rio-grandense). Evandro de Andrade Furtado (Universidade Federal de Lavras). Lívia Monique de Castro Faria (Universidade Federal de Lavras)  Mulheres policiais: a formação das primeiras alunas da Academia da Polícia Civil de Santa Catarina (1967-1977) Maria Aparecida Casagrande (Universidade do Extremo Sul Catarinense)  128 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

ensino de língua estrangeira e formação de professores Andréa Machado de Almeida Mattos (Universidade Federal de Minas Gerais)  Graduação após os 40: mulheres possíveis Benícia Oliveira da Silva (Universidade Federal do Rio Grande)  Imagens narrativas de mulher produzidas por sujeitos praticantes do IFES Gabriela Freire Oliveira (Universidade Federal do Espírito Santo)  — 20/09 .PB Ana Rita Barbosa (Universidade Federal de Campina Grande)  Caderno de Programação | 129 .Gênero e sexualidade: olhares no Ensino Médio Paulo Cesar Soares de Oliveira (Centro de Educação Profissional Sebastião de Siqueira)  Discutindo relações de gênero na licenciatura: letramento crítico. José Valmi Oliveira Torres (Secretaria de Educação do Estado da Paraíba)  Concepções de gênero e crenças religiosas de professoras do Ensino Fundamental I Ana Maria Capitanio (Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo)  Construindo espaços: histórias de vida de mulheres e suas trajetórias na EJA (Educação de Jovens e Adultos) no munícipio de Barra de Santana .Sexta-feira — A presença de estudantes negras na UFSC no contexto das ações afirmativas Joana Celia dos Passos (Universidade do Sul de Santa Catarina)  Alinhavando gênero e construindo histórias: a docência no PROEJA Edson Carpes Camargo (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  A presença feminina na educação de adultos em Januária (MG) na segunda metade do século XX Leila de Souza Almeida (Universidade Estadual de Montes Claros)  As relações de gênero na escola politécnica de Campina Grande nas décadas de 1960 e 1970 Valeska Vasconcelos Correia (Universidade Federal de Campina Grande).

universitária? Só pode querer ser professora! Leina Cláudia Viana Jucá (Universidade de São Paulo)  Mulheres negras e educação: memórias.Los estudios de género en la Universidad Autónoma Chapingo. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . juventudes e homossexualidades: extratos da sociabilidade de jovens gays em escolas públicas de Fortaleza Alexandre Martins Joca (Universidade Federal do Ceará)  Espacios. Proceso de construcción de un espacio académico María Guadalupe Mora Pizano (Universidad Autónoma Chapingo)  Mulher. gênero e juventudes Coordenação: Cristianne Maria Famer Rocha (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). B. histórias e proposições pedagógicas antirracistas Ivan Costa Lima (Universidade Federal do Pará)  Mulheres migrantes: trajetória até serem professoras Lori Hack de Jesus (Universidade Federal de Mato Grosso). reconocimiento identitario y juventud LGBT en Montevideo Paribanú Freitas (Universidad de La República)  Educação. pobre. pertenencias y escenas de intimidad pública. 2º Andar. Regulaciones sexo genéricas en la experiencia estudiantil universitaria Rafael Blanco (Universidad de Buenos Aires)  Homofobia mascarada: reflexões sobre discursos discentes Fernanda Battagli Kropeniscki (Universidade Federal de Santa Maria)  130 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Bl. Educação. sexualidade.Quinta-feira — Ciudadanía. Maria Lúcia Rodrigues Müller (Universidade Federal de Mato Grosso)  036. Jeane Félix (Ministério da Saúde) ▶ Local: Sala 334.

Análise dos discursos contra a violência heterossexista produzidos por adolescentes brasileiras/os no marco do Projeto Papo Sério Arianna Sala (Universidade Federal de Santa Catarina).Maré Viviane Carmen da Conceição Santos (Associação Luta pela Paz)  Educação. poder e empowerment Willian Lazaretti da Conceição (Universidade Estadual de Campinas)  Curso sobre gênero e sexualidade: uma experiência multidisciplinar na Associação Luta pela Paz . Meiri Aparecida Gurgel de Campos Miranda (Universidade Federal do ABC)  Prevenção da violência nas relações afetivo-sexuais e promoção da saúde na adolescência Joannie dos Santos Fachinelli Soares (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Miriam Pillar Grossi (Universidade Federal de Santa Catarina)  — 20/09 .Livro didático e diversidades: quem são representados? Liliene Maria Novaes Pereira da Silva (Universidade Federal Fluminense)  O trabalho da Diretoria de Ensino na promoção da educação sexual das escolas públicas da região de Mogi das Cruzes (SP) Márcia Cunha dos Santos (Universidade Federal do ABC). Fabrício Caderno de Programação | 131 . gênero e sexualidades: (des)construindo a formação profissional Cristiane Gonçalves da Silva (Universidade Federal de São Paulo). na escola e na vida Cleide Pereira Oliveira (Universidade do Estado da Bahia)  “Somos iguais nas diferenças sexuais”. Producción de subjetividades sexuales en Colombia Angélica María Gómez Medina (Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales)  Sexualidade em casa. Marta Julia Marques Lopes (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Servicios amigables para atención en salud sexual y reproductiva a jóvenes.Sexta-feira — “Isso é trabalho de mulher?” Disputas entre as demandas de gênero e geração na profissionalização da juventude ciborgue Shirlei Rezende Sales (Universidade Federal de Minas Gerais)  Adolescente em privação de liberdade: gênero.

 Eliane Portes Vargas (Fundação Oswaldo Cruz)  O banheiro da escola: as contradições de ambientes de proibições. Relações de Gênero e Sexualidades: desafios contemporâneos Coordenação: Guita Grin Debert (Universidade Estadual de Campinas). Alessandro Garcia Paulino (Universidade Federal de Lavras)  O exorcismo dos picumãs.Gobetti Leonardi (Universidade Federal de São Paulo). Envelhecimentos. Júlio Assis Simões (Universidade de São Paulo) ▶ Local: Auditório do NETI – Núcleo de Estudos da Terceira Idade (ao lado do Teatro da UFSC) Horário: 14h às 17h30 132 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . sexualidade e DST: perspectivas para o campo do ensino de Ciências Roberta Ribeiro de Cicco (Fundação Oswaldo Cruz). experiências e descobertas Alex Ribeiro Nunes (Universidade Federal de Lavras). Nathalia Sato Campana (Universidade Federal de São Paulo)  Estudo investigativo da disciplina Educação para Sexualidade em escolas de Rede Municipal de Jequié/Ba Suse Mayre Martins Moreira Azevedo (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia)  Gênero. ou como escola e equipamentos de saúde educam e curam desmontando nossos corpos Gustavo Artur Monzeli (Universidade Federal do Espírito Santo)  Política de saúde do homem na atenção básica: discutindo a situação do adolescente em conflito com a lei Marianna Barbosa Almeida (Universidade Federal de Pernambuco)  Propostas educativas e materiais didáticos sobre sexualidade e direitos (não) reprodutivos de jovens produzidas por ONGs Taluana Laiz Martins Torres (Universidade Estadual Paulista). Maria de Fátima Salum Moreira (Universidade Estadual Paulista)  037.

homossexualidades e memória: notas de campo no Pantanal Sul-matogrossense Guilherme Rodrigues Passamani (Universidade Estadual de Campinas)  HIV. saberes médicos e envelhecimento nas narrativas de homens homossexuais Marcio Zamboni (Universidade de São Paulo)  Patologização das travestilidades: entre a doença nos manuais e a saúde no cotidiano travesti Vanessa Sander Serra e Meira (Universidade Estadual de Campinas)  Gênero. Rachel Aisengart Menezes (Instituto de Estudos em Saúde Coletiva)  De obstáculos e conquistas: homossexualidade masculina e transformação social no Brasil contemporâneo Gustavo Santa Roza Saggese (Universidade de São Paulo)  Homossexualidade e envelhecimento: as trajetórias da vida de homens gays de camadas médias no Rio de Janeiro Murilo Peixoto da Mota (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Um olhar sobre concepções de juventude e maturidade na literatura de autoajuda Talita Pereira de Castro (Universidade Estadual de Campinas)  Velhice. sexualidade e juventude: sobre produção da diferença e mudança social em sociabilidades de adolescentes homossexuais no espaço urbano Marcelo de Paula Pereira Perilo (Universidade Estadual de Campinas)  Travestis e envelhecimento: pensando em identidades e curso de vida no contexto da cidade de Marília-SP Thiago Teixeira Sabatine (Universidade de São Paulo)  Composições além da música: Chiquinha Gonzaga e o amante adotado Rafael do Nascimento Cesar (Universidade Estadual de Campinas)  Caderno de Programação | 133 .Segunda-feira — Sexualidade e cuidados paliativos: produção de sentido na busca da “boa morte” Maria Luiza Heilborn (Universidade do Estado do Rio de Janeiro).— 16/09 .

conversas e cartilhas: reflexões sobre vizinhança.Terça-feira — Avós jovens: estratégias intergeracionais e maternidade adolescente Russell Parry Scott (Universidade Federal de Pernambuco). A experiência do envelhecer em meio a novos discursos e imagens do envelhecimento Paola Gambarotto (Universidade Estadual de Campinas)  A meia-idade e o sexo como qualidade de vida Lucas Tramontano (Instituto de Medicina Social). Rosilene Dias Montenegro (Universidade Federal de Campina Grande)  134 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Jane Araujo Russo (Instituto de Medicina Social)  Regimes de visibilidade. mudança social e convenções sobre sexualidade e envelhecimento: um estudo entre mulheres que mantêm relações homossexuais em Buenos Aires Andrea Lacombe (Universidade Estadual de Campinas)  O panorama heteronormativo sobre a velhice e a literatura que entrelaça homossexualidade. Paulo Roberto Souto Maior Júnior (Universidade Federal de Pernambuco). transgêneros e envelhecimento Carlos Eduardo Henning (Universidade Estadual de Campinas)  “Questão de tempo”: as ideias de velhice pela revista Junior Fabio Ronaldo da Silva (Universidade Federal de Pernambuco). família e saúde a partir dos encontros de um grupo de idosos Monalisa Dias de Siqueira (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Apontamentos preliminares da pesquisa “Entre muros e trajetórias de envelhecimento: as tias de ‘idade’ e as tias ‘de cadeia’ na Penitenciária Feminina de Sant’Ana” Natalia Negretti (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Retratos da solidão na velhice: sofrimentos e sensibilidades femininas de artistas populares Raphael Bispo (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  A idade que chega. Dayse Amâncio dos Santos (Universidade Federal de Pernambuco)  Entre bingos.— 17/09 . gênero. bissexualidade.

Segunda-feira — Educação do corpo e Jiu-Jítsu: jogos de gênero no tatame Larissa Limírio de Oliveira (Universidade Federal de Goiás)  Representações de feminilidade no boxe para mulheres Vera Fernandes (Universidade Federal de Juiz de Fora).Bergson. Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Ludmila Mourão (Universidade Federal de Juiz de Fora). Wagner Xavier de Camargo (Núcleo de Antropologia Visual e Estudos da Imagem) ▶ Local: Sala 109. Esporte e gênero: textualidades literárias e cinematográficas Coordenação: Christian Muleka Mwewa (Universidade do Sul de Santa Catrina). Ludmila Mourão (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Decires testimoniales sobre experiencias políticas de mujeres. Tayane Mockdece Rihan (Universidade Federal de Juiz de Fora)  De lobinha a pioneira: cartografias de linhas e conceitos que produzem subjetividades de mulheres no escotismo Aldenise Cordeiro Santos (Secretaria de Estado da Educação). Dinamara Garcia Feldens (Universidades Tiradentes)  Caderno de Programação | 135 . Halbwachs e o estudo do envelhecimento Thiago Cesário da Hora (Universidade Estadual de Campinas)  038. Reflexiones teóricas a propósito del texto “Djamila Boupacha o Proceso a la tortura” de Simone de Beauvoir y Gisèle Halimi Fabiana Grasselli (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Tecnológic)  Rompendo com o gênero? Convite para pensar a infância a partir da cultura visual Cláudia Xavier Correa (Faculdade Metodista Granbery).

Departamento de Antropologia. 1º Andar. entro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Estéticas Queer e suas contribuições aos desafios feministas Coordenação: Fernando Silva Teixeira Filho (Universidade Estadual Paulista).Quinta-feira — A questão do feminino e o cinema brasileiro Aline Ariana Alcântara Anacleto (Universidade Estadual Paulista Júlio Mesquita Filho).O esporte de um gênero: um estudo sobre as brigas de galos como prática de sociabilidades masculinas Misael Costa Corrêa (Universidade Federal de Santa Catarina)  Relato de experiência gênero e homofobia na prática das lutas na educação física escolar Letícia Rocha Moreira (Universidade Federal de Juiz de Fora)   039. Fernando Silva Teixeira Filho (Universidade Estadual Paulista)  A “neca” como dispositivo social na representação do falo Moisés de Figueiredo Guimarães (Universidad de Jaén)  Articulações pós-identitárias e pós-gênero: possibilidades e limites de contestação das normas de gênero e sexualidade Gabriela Garcia Sevilla (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Fernando Seffner (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Cartografias bicha Jésio Zamboni (Universidade Federal do Espírito Santo)  Corta. Bl. Marcelo Santana Ferreira (Universidade Federal Fluminense) ▶ Local: Sala 110. B. retalha e examina: montando uma desconfiança sobre os assassinatos motivados pela sexualidade Beatriz Adura Martins (Universidade Federal Fluminense)  136 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

cartazes e medos Luan Carpes Barros Cassal (Prefeitura Municipal de Itaboraí .Enfrentamento à homofobia: notas sobre tiros. 1º Andar. Estudos de linguagem e mídias e a antropologia da saúde: uma proposta de diálogo interdisciplinar para pesquisas de saúde e gênero Coordenação: Ana Cristina Ostermann (Universidade do Vale do Rio dos Sinos). Marianne Christina Campos Machado (Universidade Estadual do Maranhão)  Sexy work? Para uma cartografia queer do precário Nicolas Wasser (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  040. Dolores Cristina Gomes Galindo (Universidade Federal do Mato Grosso)  “Cambio de roles” na prática do Tango Queer: novas feminilidades e masculinidades em questão? Érica Renata de Souza (Universidade Federal de Minas Gerais).RJ)  Homens trans? Estética e transgressões dos gêneros e sexos Viviane Tchalian (Universidade Federal do Mato Grosso). Sofia Gonçalves Repolês (Universidade Federal de Minas Gerais)  — 20/09 . lâmpadas.Sexta-feira — Sexualidade humana: uma discussão sob a visão queer Rosangela de Araujo Lima (Centro Universitário de João Pessoa)  Carmilla de Sheridan Le Fanu: uma narrativa homoerótica à frente de seu tempo Kátia Marlowa Bianchi Ferreira Pessoa (Universidade do Planalto Catarinense)  A Dama encantadora do Beco: performance. Lilian Krakowski Chazan (Instituto de Medicina Social da UERJ) ▶ Local: Sala 316. B. Bl. corpo e subversão Fábio de Sousa Fernandes (Universidade Federal da Bahia)  A questão da masculinidade na literatura maranhense Maria das Dores Cardoso Frazão (Universidade Federal do Maranhão). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 Caderno de Programação | 137 .

 Carolina Duarte de Souza (Faculdade Três de Maio).Segunda-feira — A representação do HIV/AIDS no cinema moçambicano: uma reflexão antropológica Esmael Alves de Oliveira (Universidade Federal de Santa Catarina)  A “cura” pela fala? O que se diz sobre os transtornos alimentares e os efeitos desses discursos Marisol Marini (Universidade de São Paulo)  Das verdades na mídia jornalística sobre o aborto e a vida vinculadas à anencefalia e às tecnologias reprodutivas: o governo do viver/morrer Neila Seliane Pereira Witt (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). gênero e imagem do corpo: impasses argumentativos nos editoriais da revista Men´s Health Fabio de Carvalho Messa (Universidade Federal do Paraná)  — 17/09 . Nadia Geisa Silveira de Souza (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Notas jornalísticas sobre a violência contra mulheres: discurso. Rita de Cássia Maciazeki Gomes (Faculdade Três de Maio)  Gênero e moralidade: a questão do risco no julgamento profissional Débora Arruda Campos de Andrade Lima (Universidade Federal da Paraíba).Terça-feira — Cáncer de cuello uterino: una enfermedad de mujeres con perspectiva de género. Reflexiones para el trabajo en salud pública Claudia Margarita Cortés García (Universidad Nacional de Colombia)  Entre a casa e o trabalho: gênero e comunicação em agentes comunitári@s de saúde Lissandra Baggio (Sociedade Educacional de Três de Maio).— 16/09 . Ednalva Maciel Neves (Universidade Federal da Paraíba)  Óbvia ou ausente? Uma reflexão sobre o espaço para tópicos relacionados à sexualidade nas consultas entre oncologistas e mulheres com câncer de mama 138 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . retrato e desfecho Danielle Leal Sampaio (Universidade Federal do Pará)  Saúde.

A.Juliana Silva (Universidade do Vale do Rio dos Sinos). Lea Maria Leme Strini Velho (Universidade Estadual de Campinas)  Quem decide (ou não) pela camisinha? A abordagem da prevenção de DSTs em ligações para o Disque Saúde Tatiane Rosa Carvalho (Universidade do Vale do Rio dos Sinos). Minéia Frezza (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  Um olhar sobre a menopausa: estudo comparativo entre dois centros de saúde no Brasil Maria Conceição da Costa (Universidade Estadual de Campinas). Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Graciela de Souza Oliver (Universidade Federal do ABC)  Trabalhadoras da Ciência Silvia Cristina Yannoulas (Universidade de Brasília)  Caderno de Programação | 139 . Carla Giovana Cabral (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) ▶ Local: Sala 201. Ana Cristina Ostermann (Universidade do Vale do Rio dos Sinos).Quinta-feira — A divulgação científica como domesticação dos saberes em um jornal do ABC Paulista Clara Guimarães (Universidade Federal do ABC). Estudos Feministas da Ciência e da tecnologia: vozes interdisciplinares Coordenação: Ângela Maria Freire de Lima e Souza (Universidade Federal da Bahia). Joseane de Souza (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  Percepções femininas sobre a menopausa: estudo etnográfico no ambulatório de menopausa do CAISM/UNICAMP Rebeca Buzzo Feltrin (Universidade Estadual de Campinas). Bl. 2º Andar. Rebeca Buzzo Feltrin (Universidade Estadual de Campinas)  041.

BA: rede sem cabeça. singular Márcia Barbosa de Menezes (Universidade Federal da Bahia). Ângela Maria Freire de Lima e Souza (Universidade Federal da Bahia)  Mapeamento nacional de publicações do campo interdisciplinar gênero. comunicante.Matemática: substantivo feminino. Científico e Tecnológico)  Mulheres e pesquisa na área das ciências exatas na Universidade Federal da Bahia uma análise preliminar Leopoldina Cachoeira Menezes (Universidade Federal da Bahia)  Gênero. com ênfase na produção do conhecimento das mulheres Mara Cristina Salles Correia (Universidade de Brasília). política e ciência: perspectivas teóricas nos estudos feministas sobre a ciência Caterina Rea (Universidade Federal Santa Catarina)  O contexto epistemológico da preservação da informação. mulheres e feminismos no Brasil: uma avaliação do Programa Mulher e Ciência Maria Lucia de Santana Braga (Conselho Nacional de Desenv. Tarcisio Zandonade (Universidade de Brasília)  Liga Brasileira de Lésbicas . pulsante. toda pensante!? Zuleide Paiva da Silva (Universidade Federal da Bahia)  Direitos Sexuais e narrativas biográficas de engajamento Bruno Dallacort Zilli (Centro Latino-Americano em Sexualidade e Direitos Humanos)  — 20/09 . ciência e tecnologia: resultados preliminares Carla Giovana Cabral (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Pesquisas sobre gênero.Sexta-feira — Determinismo e sexismo: representações de docentes de Biologia do Ensino Médio sobre diferenças entre homens e mulheres Francisco Leal de Andrade (Universidade Federal de Sergipe)  140 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

cientista. Rafael de Brito Dias (Universidade Estadual de Campinas)  Tensões entre a informática como disciplina e as práticas do computar: empecilhos e desafios para se ampliar a participação de minorias Luiz Ernesto Merkle (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  Um olhar sobre o prêmio Construindo a Igualdade de Gênero Betina Stefanello Lima (Universidade Estadual de Campinas).. esposa.El conocimiento científico-técnico en la escuela secundaria: apuntes para una formación más igualitaria Cecilia Ortmann (Universidad de Buenos Aires)  Estudos de gênero. Maria Conceição da Costa (Universidade Estadual de Campinas) Práticas de campo . Maria Conceição da Costa (Universidade Estadual de Campinas)  A performatividade de gênero nos processos enunciativos de construção da identidade: os paradigmas sócio-comportamentais em Mulher de 30 Deise Leite Bittencourt Friedrich (Centro Universitário Ritter dos Reis)  História. Fabiane Ferreira da Silva (Universidade Federal do Pampa)  Caderno de Programação | 141 . memória e relações de gênero nas “janelas” de Mabel Velloso Rita de Cassia Costa Moreira (Universidade Federal da Bahia)  Conciliando identidades: mulher.. Lais Silveira Fraga (Universidade Estadual de Campinas).Relatos de mulheres cientistas em suas expedições científicas pelo Brasil (1933-1968) Mariana Moraes de Oliveira Sombrio (Universidade Estadual de Campinas)  Primeiras aproximações entre feminismo e tecnologia social Bruna Mendes de Vasconcellos (Universidade Estadual de Campinas). mãe. ciência e tecnologia desde a perspectiva dos estudos sociais da ciência e da tecnologia Lea Maria Leme Strini Velho (Universidade Estadual de Campinas).

Aportes a la despatriarcalización de la política Luciano Fabbri (Facultad de Ciencias Sociales)  Feminismos negros no Brasil e Estados Unidos .responsabilidades éticas na pesquisa acadêmica Juliana Gonçalves Caceres (Universidade Federal da Bahia)  Gênero. Bl. Flávia de Mattos Motta (Universidade do Estado de Santa Catarina) ▶ Local: Sala 211. deficiência e cuidado: uma reflexão urgente na pesquisa e na prática Luciana Steffen (Escola Superior de Teologia)  142 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .042. Ética e política na pesquisa feminista Coordenação: Rosana Medeiros de Oliveira (Universidade de Brasília). A. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 20/09 . Pensamientos a partir del diálogo con una mujer trans Nayla Vacarezza (Universidad de Buenos Aires)  Producción de narrativas de mujeres feministas. 2º Andar.Sexta-feira — PesquisarCom: desafios de pesquisar com outros Marcia Moraes (Universidade Federal Fluminense)  Espiral hermenêutico: uma proposta dialógica para a construção de conhecimento nos estudos de gênero Aline Accorssi (Centro Universitário La Salle Canoas)  A experiência da intersubjetividade na pesquisa feminista com docentes de teologia: perspectivas metodológicas Neiva Furlin (Universidade Federal do Paraná)  La performatividad de la entrevista de investigación.

Quinta-feira — A fertilidade me sufoca!: creche e feminismo uma articulação urgente! Adriana Alves da Silva (Universidade Estadual de Campinas)  Direito à creche: um estudo das lutas das mulheres operárias no município de Santo André Reny Scifoni Schifino (Prefeitura Municipal de Santo André)  A política de creches do PAC-2 e o cuidado: análise na perspectiva da indivisibilidade e interdependência de direitos Mariana Mazzini Marcondes (Ministério do Planejamento)  A formação do compromisso ético e moral dos educadores infantis no combate às múltiplas expressões da violência Deise Goçalves Nunes (Universidade Federal Fluminense). Anna Beatriz Tostes Linhares (Universidade Federal Fluminense). 1º Andar. B. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . impasses e constrangimentos no processo de educar e cuidar Maurício Roberto da Silva (Universidade Estadual de Campinas). Feminismo e Creche: desafios atuais para uma educação descolonizadora Coordenação: Ana Lucia Goulart de Faria (Universidade Estadual de Campinas). Daniela Finco (Universidade Federal de São Paulo) ▶ Local: Sala 322. Marizete Provin Bilibio (Centro de Educação Infantil Municipal Pedro Simon)  Os direitos das crianças no centro da luta por creches Elina Elias de Macedo (Universidade Estadual de Campinas)  Concepções e práticas sobre a infância em instituições de educação infantil no município de Chapecó (SC) Daniane Fatima Quadrado Caminero (Universidade Comunitária da Região de Chapecó). Bl.043. Yvone Costa de Souza (Creche da Fundaçâo Osvaldo Cruz)  As jornadas de trabalho e o tempo “livre” das professoras-mães na Educação Infantil: dilemas. Rosana Maria Badalotti (Universidade Comunitária da Região de Chapecó)  Caderno de Programação | 143 .

Sexta-feira — A atuação do agente auxiliar de creche: uma reflexão sob a ótica de gênero Monica Aparecida Del Rio Benevenuto (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  A produção científica sobre o brincar entre meninos e meninas na Educação Infantil: Rompendo fronteiras de gênero Heliany Pereira dos Santos (Universidade Federal de Goiás)  Educação para as sexualidades: sentindo e movimentando o próprio corpo para novas descobertas e possibilidades de ação docente Vanderlei Barbosa (Universidade Federal de Lavras). Carolina Faria Alvarenga (Universidade Federal de Lavras)  A generificação da docência na Educação Infantil: problematizando discursos presentes em livros de formação de professores Rodrigo Saballa de Carvalho (Universidade Federal da Fronteira Sul).MS sobre a atuação de homens professores com crianças de Educação Infantil e anos iniciais do Ensino Fundamental Josiane Peres Gonçalves (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). Anderleia Sotoriva Damke (Universidade Federal do Mato Grosso do Sul) 144 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Helena Altmann (Universidade Estadual de Campinas)  O escondido e o desenhado nos bastidores da Educação Infantil Elisangela Alves de Araujo (Universidade de São Paulo)  Representações sociais da comunidade escolar de Naviraí . Sandra Bataglin Dallacosta (Universidade Federal de Santa Catarina)  — 20/09 .Mulheres camponesas: na dinâmica da vida social do campo Maria Helena Romani Mosquen (Univ. Juliana Ribeiro de Vargas (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Homens na Educação Infantil: análise de iniciativas de equidade de gênero no trabalho docente Mariana Kubilius Monteiro (Universidade Estadual de Campinas). Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul).

A retificação do registro civil como meio de conquista da cidadania para travestis e transexuais Luisa Helena Stern Lentz (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Max Weber. Lutas. conquistas. Luma Nogueira de Andrade (10ª Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação) Debatedores/as: Sessão 1: Felipe Flites Moreira (Universidade Federal de Minas Gerais) Sessão 2: Marcio Sales Saraiva (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) ▶ Local: Sala 323. 1º Andar. Bl. Tipo Ideal e o Universo T (Transexuais e Travestis) Marcio Sales Saraiva (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Borrando fronteiras? Intersecções de gênero e sexualidade em campos teórico-políticos sob disputa Natalia Silveira de Carvalho (Universidade Federal da Bahia)  Os homens transexuais brasileiros e o discurso pela (des)patologização da transexualidade André Lucas Guerreiro Oliveira (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Caderno de Programação | 145 . Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . B. avanços e retrocessos de direitos de transgêneros Giowana Cambrone Araujo (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Direito à Identidade: Viva seu nome.Quinta-feira — Feminismo e identidade de gênero: elementos para a construção da teoria transfeminista Jaqueline Gomes de Jesus (Universidade de Brasília)  Da constituição de um campo: transfeminismos como corrente feminista Hailey Alves Pedro da Silva (Universidade Nove de Julho)  Direitos trans à luz de princípios constitucionais.044. Feminismo Transgênero ou Transfeminismo Coordenação: Jaqueline Gomes de Jesus (Universidade de Brasília).

significados sociais e o lusco-fusco do cárcere Guilherme Gomes Ferreira (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). corpo. Beatriz Gershenson Aguinsky (Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul). algunos apuntes sobre su (in)tensa relación Julieta Vartabedian (Universidad de Barcelona)  — 20/09 . e o (ab)uso de substâncias Viviane V. Marcelli Cipriani Rodrigues (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  Del activismo queer a las travestilidades.Sexta-feira — Navalha na Carne: o não reconhecimento da transexualidade e suas consequências Hugo Felipe Quintela (Universidade Federal do Espírito Santo)  Não-vidência e transsexualidade: questões transversais Felipe Flites Moreira (Universidade Federal de Minas Gerais)  Sujeitos em transcurso: análise do discurso de transexuais Mônica Ferreira Cassana (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Psychanalyse. e a (inter)disciplina dos estudos da mulher Catherine MacGillivray (University of Northern Iowa)  Transexualidades: corpos em crise Liliana Graciete Fonseca Rodrigues (Universidade do Porto).É a natureza quem decide? Reflexões trans* sobre gênero. Conceição Nogueira (Universidade do Porto)  Transgressoras das categorias de gênero: uma análise do discurso de Trans em Pelotas Daniel Luís Moura Vergara (Universidade Federal de Pelotas)  Atenção à saúde da pessoa transexual: horizontes do processo transexualizador no Estado do Rio de Janeiro Mably Jane Trindade Tenenblat (Universidade de Estado do Rio de Janeiro)  146 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . transfeminismo. (Douglas Takeshi Simakawa) (Universidade Federal da Bahia)  A prisão sobre o corpo travesti: gênero.

Bl..Quinta-feira — A prostituição de mulheres em casas noturnas do interior de São Paulo Domila do Prado Pazzini (Universidade Federal de São Carlos)  A prostituição feminina e o movimento de prostitutas na Paraíba Danielle Marinho Brasil (Associação de Prostitutas da Paraíba)  Artimanhas e desejos: um recorte sobre a prostituição no litoral norte paraibano Lívia Freire da Silva (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Mulheres da “Zona Grande”: negociando identidade. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Ana Carolina dos Santos Rateke (Centro Universitário Estácio de Sá de Santa Catarina).. trabalho e território Juliana Gonzaga Jayme (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais).Grupo de reorientação profissional com profissionais do sexo Rafaela Langaro Figueiró (Instituto Catarinense de Terapia Cognitiva). Alessandra Sampaio Chacham (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais)  Memórias de afeto e conflitos: histórias e identidades das prostitutas no Parque da Luz Mayra Mayumi Suzuki da Cruz (Universidade Federal de São Paulo)  Caderno de Programação | 147 . Eliane Aparecida Abreu Silveira (Centro Universitario Estacio de Sá de Santa Catarina)  “Ser diferente e chegar à maturidade (. Feminismo.“É a dor da beleza”: as travestis e suas corajosas estilísticas da existência Marlyson Junio Alvarenga Pereira (Universidade Federal de Lavras)  Atavessando barreiras . 2º Andar. Sexualidade e Mercados de Sexo Coordenação: Ana Paula da Silva (Universidade Federal de Viçosa).)”: experiências de envelhecimento e travestilidade Fábio Henrique Lopes (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  045. Thaddeus Gregory Blanchette (Universidade Federal do Rio de Janeiro) ▶ Local: Sala 325. B.

As meninas do Granada e os feminismos: influência da controvérsia feminista em torno da pornografia nos discursos produzdios em um espaço de prostituição em Fortaleza.Sexta-feira — “Tudo é permitido.Um breve olhar etnográfico do emponderamento feminino e das convenções de mercado em um clube de swing Raphael Moraes da Silveira (Universidade Federal de Goiás)  Blanco o negro..” . travas ou veados? Negociando classificações nas ruas de prostituição de Campos dos Goytacazes (RJ) Rafael França Gonçalves dos Santos (Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro)  Para além do feminino-masculino. La polarización como obstáculo a la comprensión de la complejidad en el debate sobre prostitución Santiago Morcillo (Universidad de Buenos Aires)  El mercado erótico sexual: ¿un marco analítico pertinente para pensar los intercambios erótico afectivos en las uniones interraciales? Mara Viveros Vigoya (Universidad Nacional de Colombia)  O desejo do outro como mercado: um estudo sobre gênero e trabalho numa casa de swing em Pernambuco Gessika Cecilia Carvalho da Silva (Universidade Federal da Paraíba). Edson Vasconcelos (Universidade Federal da Paraíba)  148 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . a (des)construção do gênero na prática sexual de garotos de programa em Fortaleza Vinício Brígido Santiago Abreu (Universidade Federal do Ceará)  “Casas de ‘mulherio’”: histórias e vivências sobre a prostituição em Candeias/BA/ Brasil (1960/1980) Daniela Nunes do Nascimento (Universidade Federal da Bahia)  Prostitutas entendidas: um estudo sobre profissionais do sexo lésbicas Danieli Machado Bezerra (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  — 20/09 . Ceará Ana Paula Luna Sales (École des Hautes Études en Sciences Sociales)  Monas..

Marilda Ionta (Universidade Federal de Viçosa) ▶ Local: Sala 301.Quinta-feira — A diversidade de gênero e o avesso dos contos de fadas no cinema: reflexões contemporâneas Renata Santos Maia (Universidade Estadual de Montes Claros)  Caderno de Programação | 149 . B. criminalização e exclusão Mariana Luciano Afonso (Universidade Federal de São Carlos). Estado do Ceará. Térreo. e sua interface com a exploração sexual de crianças e adolescentes e com o tráfico de pessoas Fernanda Maria Vieira Ribeiro (Universidade Federal de Pernambuco)   Uma perspectiva complexa sobre o enfrentamento ao tráfico de mulheres para fins de exploração sexual em Sevilla Waldimeiry Correa da Silva (Universidade Tiradentes)  046. feminismos e prostitutas no marco do setor social do resgate no Brasil Andreia Skackauskas (Universidade Estadual de Campinas)  Prostituição como fator de feminização do tráfico de pessoas: debates e embates feministas na elaboração das normas relacionadas Michelle Barbosa Agnoleti (Universidade Federal da Paraíba)  Prostituição: uma história de invisibilidade. Rosemeire Aparecida Scopinho (Universidade Federal de São Carlos)  Turismo sexual na cidade de Fortaleza. Feminismos e Subjetividades: abordagens contemporâneas Coordenação: Luzia Margareth Rago (Universidade Estadual de Campinas). Bl. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 .O papel da criminalização da migração das profissionais do sexo Monique Ximenes Lopes de Medeiros (Faculdade Maurício de Nassau)  Pastoral.

do Correio Braziliense: uma leitura híbrida de representação na criação artística e audiovisual Sandra de Souza Machado (Correio Braziliense)  Louise Bourgeois: recuperação e diferenciação das imagens do feminino Gabriela de Laurentiis (Universidade Estadual de Campinas)  A potência da amizade feminina em Que tan lejos Maria Celia Orlato Selem (Universidade Estadual de Campinas)  Construindo uma “História do Possível”: relatos de uma experiência historiográfica feminista Susane Rodrigues de Oliveira (Universidade de Brasília)  Em nome de Deus. Mariane da Silva Pisani (Universidade de São Paulo)  — 20/09 . feminismos e debates sobre gênero no Blog da Igualdade.Sexta-feira — Ficha rosa: questionando uma identidade Anna Paula Moreira de Araújo (Universidade Estadual Paulista) 150 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . sob a ordem do Pai: corpos e poderes em movimento Maria Elizabeth Ribeiro Carneiro (Universidade Federal de Uberlândia)  El oficio de la modista.A escrita de si na arte sequencial de Marjane Satrapi Marilda Ionta (Universidade Federal de Viçosa)  A experiência de parto entre mulheres que participaram de um grupo de discussão pela humanização do parto e do nascimento: possibilidades de cuidado de si e prática de liberdade Laís Oliveira Rodrigues (Universidade Federal de Pernambuco)  Artes. subjetivación que impacta la feminidad y el consumo Ana Lucia Mesa Franco (Universidad Nacional)  Existências singulares: futebolistas em uma carreira menor Luciano Jahnecka (Universidade Federal de Santa Catarina). Caroline Soares de Almeida (Universidade Federal de Santa Catarina).

Feminist Cultural Studies of Technoscience: A Distinctive Contribution to Gender.suicidegirls. de Thrity Umrigar Luiz Manoel da Silva Oliveira (Universidade Federal de São João del-Rei)  048. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 Caderno de Programação | 151 .com Josiane Vian Domingues (Universidade Federal do Rio Grande)  O hábito não faz a monja: as aventuras de Catalina de Erauso Diva do Couto Gontijo Muniz (Universidade de Brasília)  “E minha filha está solteira. B. 3º Andar. Departamento de Literatura Estrangeiras. Joan Haran (Cardiff University) ▶ Local: Sala 309. ela agora está lá na sala com esse tal de Roque Enrow!”: As mulheres na invenção do rock brasileiro Ana Carolina Arruda de Toledo Murgel (Universidade Estadual de Campinas)  Revistas femininas no Brasil: um desafio para autonomia das mulheres Alice Mitika Koshiyama (Universidade de São Paulo)  Subjetividades femininas em autobiografias: histórias para a história Maria Lúcia Porto Silva Nogueira (Universidade de São Paulo)  Os papéis de gênero e suas implicações nas trajetórias das protagonistas de A Doçura do Mundo e A Distância EntreNós. Doutor. Bl.Glamour e sexo: a prática sexual feminina em revista Klebia Seliane Pereira De Souza (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Intervenções estético-urbanas: novas políticas dos feminismos latino-americanos Júlia Glaciela da Silva Oliveira (Universidade Estadual de Campinas)  A crítica cultural feminista e os muitos rostos de Cindy Sherman Luzia Margareth Rago (Universidade Estadual de Campinas)  Modos de produzir corpos femininos erotizados no www. Science and Social Justice Coordenação: Ildney Cavalcanti (Universidade Federal de Alagoas).

em diálogos interdisciplinares sobre maternidade e tecnologias reprodutivas Amanda Priscila Santos Prado (Universidade Federal de Alagoas) Obras de ficção científica como perspectivas entre as ciências e as artes: possíveis construções colaborativas para o processo de ensino-aprendizagem em ciências Lucia de La Rocque (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  A tecnologia do gênero no conto “Congenital Agenesis of Gender Ideation by K.Terça-feira — Estudos culturais feministas da tecnociência: Imaginativos. She and It de Marge Piercy Elton Luiz Aliandro Furlanetto (Universidade de São Paulo)  Histórias de gênero e de ciência na ficção e na teoria: utopias. de Raphael Carter. intergeracionais e interdisciplinares Joan Haran (Cardiff University)  Encarnando una ciencia cuidadosa: un análisis etnográfico de las prácticas comunicativas de una cintífica trans en los medios online Tania Pérez Bustos (Pontificia Universidad Javeriana)  Questões do corpo em “El Piel que Habito” (A Pele que Habito). Gabriella Patricia dos Santos Lins (Universidade Federal de Alagoas)  Representações da ciência no final do século 20: visões da tecnologia nas obras Woman on the Edge of Time e He.— 17/09 . internacionais. de Almodóvar: gênero e tecnologia como máscara Izabel de Fátima de Oliveira Brandão (Universidade Federal de Alagoas)  “What women like and what men seek”: gender polarization in (pseudo) scientific discourses Leonardo da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina)  Meio dia em Proudmoore – construções de modos de vida não-heteronormativos e não-misóginos em jogos digitais Lucas Aguiar Goulart (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Woman on the edge of time.N Sirsi and Sandra Botkin” 1998. distopias e ficção científica de autoria feminina Ildney Cavalcanti (Universidade Federal de Alagoas)  152 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . de Marge Piercy.

049. 3º Andar. Pilar Uriarte (Universidad de la República) ▶ Local: Sala 309. Fluxos transnacionais: estudos de gênero e feminismos Coordenação: Miriam Steffen Vieira (Universidade do Vale do Rio dos Sinos). Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . B. Departamento de Literatura Estrangeiras.Segunda-feira — O feminismo negro de Paulina Chiziane Salma Ferraz de Azevedo de Oliveira (Universidade Federal de Santa Catarina)  Violência contra as mulheres no Brasil e em Cabo Verde: uma abordagem comparativa Miriam Steffen Vieira (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  A “Transversalidade” brasileira: uma construção própria que vai além das influências internacionais Sofia Reinach (Centro de Estudos de Administração Pública e Governo da FGV)  “M t’studa p’m k ter vida k nha mãe tem”.Género e Educação: para uma agenda endógena de pesquisa nos estudos de género em Cabo Verde Maria Celeste Monteiro Fortes (Universidade Nova de Lisboa)  Gênero e desenvolvimento na perspectiva do Banco Mundial: a instrumentalização das mulheres para a realização da agenda neoliberal Dillyane de Sousa Ribeiro (Universidad Nacional de Colombia)  Estudos de gênero e história ambiental Luciana Rosar Fornazari Klanovicz (Universidade Estadual do Centro Oeste)  Monoculturas modernas no sul do Brasil e o emprego de mulheres Jo Klanovicz (Universidade Estadual do Centro Oeste)  Caderno de Programação | 153 . Bl.

Pensando as possibilidades e potencialidades de atuação feminina no campo Livia Tavares Mendes Froes (Universidade Federal Fluminense)  Percepções de assentados e assentadas acerca de assimetrias de gênero Ana Paula Leivar Brancaleoni (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita). Roberta Kelly de Sousa Ramos (Universidade Federal de Campina Grande)  O Kochkäse como produto do saber tradicional feminino e seu inventário como Patrimônio Cultural Imaterial do Vale do Itajaí/SC Marilda Checcucci Gonçalves da Silva (Universidade Regional de Blumenau)  Para além da casa e da roça .050.Segunda-feira — Mulheres Monteiro: protagonistas de histórias e trabalhos às margens dos rios do Marajó Sammy Silva Sales (Universidade Federal do Pará)  Do trabalho doméstico não remunerado ao trabalho remunerado: apontamentos acerca da visibilidade do trabalho feminino em contextos de cooperativismo rural descentralizado ou virtual Giovana Ilka Jacinto Salvaro (Universidade do Extremo Sul Catarinense). 1º Andar. 154 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Hélène Guetat Bernard (Ecole Nationale de Formation Agronomique de Toulouse) ▶ Local: Sala Laranjeira. Gênero e Agricultura Familiar no Contexto de Territorialidades Rurais Coordenação: Gema Galgani Silveira Leite Esmeraldo (Universidade Federal do Ceará). Dimas de Oliveira Estevam (Universidade do Extremo Sul Catarinense)  Mulheres cultivadoras de juta e malva na região do baixo Amazonas Sandra Helena da Silva (Universidade Federal do Amazonas)  Trajetórias e desafios de agricultoras familiares nas feiras agroecológicas do semiárido paraibano Sandra Raquew dos Santos Azevêdo (Universidade Federal da Paraíba). Centro de Cultura e Eventos Horário: 14h às 17h30 — 16/09 .

 Jordana Alves Pieper (Universidade Federal de Pelotas). Ciências e Letras de Ribeirão Preto)  Queijo Serrano dos Campos de Cima da Serra: produto e relações de gênero em trajetórias de mudança Fabiana Thomé da Cruz (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Maria Neila Ferreira dos Santos (Universidade Federal do Ceará)  Agrocombustíveis a partir da perspectiva de gênero: a produção de oleaginosas no cotidiano da mulher Haudrey Germiniani Calvelli (Universidade Federal de Viçosa)  Caderno de Programação | 155 . fome e mulheres rurais Maria Ignez Silveira Paulilo (Universidade Federal de Santa Catarina)  O Movimento de Mulheres Camponesas de Santa Catarina e sua identidade (eco) feminista Valdete Boni (Universidade Federal de Santa Catarina)  Agroecologia e gênero: questões para reflexão na construção de políticas públicas Maria de Lourdes Vicente da Silva (Universidade Federal do Ceará)  A mulher rural e a produção agroecológica: uma experiência de ATER no Território da Cidadania Vales do Curu e Aracatiaçu/CE.Terça-feira — FAO. Francisca Cristina Nascimento (Centro de Estudos do Trabalho e de Assessoria ao Trabalhador). Suyane de Lima Reis Fernandes (Centro de Estudos do Trabalho e de Assessoria ao Trabalhador). José Marcelino de Rezende Pinto (Faculdade de Filosofia. Renata Menasche (Universidade Federal de Pelotas)  Gênero e relações de poder no turismo rural: tudo combinado Raquel Lunardi (Instituto Federal Farroupilha)  Mulheres pescadoras e permanência da pesca artesanal: dinâmica da acumulação do capital ou resistência? Maria de Fatima Massena de Melo (Universidade Federal de Pernambuco)  — 17/09 .Fabiana Cristina Severi (Universidade de São Paulo).

 Karla Karolline de Jesus Abrantes (Universidade Federal do Ceará)  Olhares para o engajamento político e para as relações das mulheres com a terra: apontamentos sobre os processos de emancipação no contexto rural Maria Luiza Duarte Azevedo Barbosa (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  — 19/09 .Quinta-feira — A discussão de gênero em meio as políticas públicas para a juventude rural no Brasil Sérgio Botton Barcellos (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  Ecomoda e mulheres de comunidades rurais Neide Köhler Schulte (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Em busca de novos horizontes: migração e ensino superior nos projetos de jovens de origem rural Nadir Zago (Universidade Comunitária da Região de Chapecó)  Os desafios do acesso à Previdência Social e as trabalhadoras rurais da Comunidade Bom Jesus. Assentamento Maceio.Mulheres em contextos rurais: experiências e teorias Siomara Aparecida Marques (Universidade Federal da Fronteira Sul)  Gênero. Gema Galgani Silveira Leite Esmeraldo (Universidade Federal do Ceará)  Experiências agroecológicas das mulheres da comunidade Bom Jesus. Itapipoca . documentação e interseccionalidade em contextos rurais Rebeca Ramany Santos Nascimento (Universidade Federal de Pernambuco). Itapipoca-CE. Vanessa Souza Eletherio de Oliveira (Universidade Federal de Pernambuco)  Tecendo sonhos no contexto de territorialidades rurais: o caso das mulheres rendeiras do assentamento Maceió – Itapipoca/CE Debir Soares Gomes (Universidade Federal do Ceará). Brasil: território que se re/constrói cotidianamente Andréa Machado Camurça (Universidade Federal do Ceará).CE Kélia da Silva Aires (Universidade Federal do Ceará)  156 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Assentamento Maceió.

Nunes (Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Santa Catarina). Larissa Sapiensa (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária). Gema Galgani Silveira Leite Esmeraldo (Universidade Federal do Ceará)  A política de crédito rural e a autonomia econômica das mulheres: um estudo de caso do Pronaf-Mulher Alexandra Filipak (Universidade Estadual Paulista . Trícia Andrade Cardoso (Universidade Federal de Santa Maria)  Caderno de Programação | 157 .Do quintal ao território: o protagonismo das mulheres rurais nas práticas agroecológicas e na construção das novas territorialidades Karla Karolline de Jesus Abrantes (Universidade Federal do Ceará). Andréa Machado Camurça (Universidade Federal do Ceará). Roseli Alves dos Santos (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Uma análise do trabalho da mulher rural através da perspectiva da multifuncionalidade agrícola Karolyna Marin Herrera (Universidade Federal de Santa Catarina)  — 20/09 .Sexta-feira — A trajetória das trabalhadoras rurais de Santa Catarina Maria Albina M.Câmpus de Marília). Agnes M. Sany Spínola Aleixo (Ministério do Desenvolvimento Social)  Agricultura familiar e desenvolvimento local: papel das mulheres na implementação de políticas públicas de redução da pobreza Fernando Burgos (Fundação Getúlio Vargas)  Soberania Alimentar e a resistência das mulheres camponesas Érica Ramos Andrade (Universidade de Brasília)  A divisão sexual do trabalho na agricultura familiar Aline Motter Schmitz (Universidade Estadual do Oeste do Paraná). Schipanski Weiwanko (Federação dos Trabalhadores de Santa Catarina)  As trabalhadoras rurais brasileiras como sujeitos sociais e políticos Juliana Franchi da Silva (Universidade Federal de Santa Maria).

B. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 .”: a negociação do estatuto epistêmico dos estudos sobre gênero nas comunidades científicas contemporâneas Maria do Mar Pereira (University of Leeds: Centre Interdisciplinary Gender Studies)  158 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Thamirys Souza e Silva (Universidade Federal do Amazonas)  Qualidade de vida nas lideranças do Projeto de Mulheres Agentes Sócio-Ambientais de Parelheiros Juliana Santos Graciani (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  051. 1º Andar. família e participação política Rita de Cássia Maciazeki Gomes (Faculdade Três de Maio). discursos e práticas científicas Coordenação: Maria Helena de Paula Frota (Universidade Estadual do Ceará). Etyanne Uhlmann de Lima (Universidade Federal do Amazonas).Gênero e produção de subjetividade: um estudo com mulheres participantes do movimento de trabalhadoras rurais e sua relação com as dimensões de saúde.. Ivana Leila Carvalho Fernandes (Universidade Federal do Ceará)  O papel da mulher agricultora familiar na preservação da paisagem rural Claudia Cambruzzi (Instituto Federal Catarinense)  Organização sociopolítica do trabalho das mulheres ribeirinhas no Grande Lago de Manacapuru/AM: contribuições para a melhoria socioeconômica familiar e comunitária Debora Cristina Bandeira Rodrigues (Universidade Federal do Amazonas). trabalho. Gênero e ciências: trajetórias.Segunda-feira— “A pesquisa feminista é pertinente. Vivian Matias dos Santos (Universidade Federal de Pernambuco) ▶ Local: Sala 322. Bl.. Lilian Ester Winter (Sociedade Educacional de Três de Maio). Lissandra Baggio (Sociedade Educacional de Três de Maio)  Mulheres camponesas: construindo espaços plurais a partir das experiências cotidianas Diana Mendes Cajado (Universidade Federal do Ceará). mas.

 Lucas Roecker Lazarin (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  A produção científica sobre envelhecimento e sexualidade na base de dados do portal da Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) Talita Meireles Flores (Universidade Federal do Mato Grosso do Sul). ciência e a construção da diferença sexual no discurso médico no Rio Grande do Sul do início do século XX Nathália Boni Cadore (Secretaria da Educação do Estado do Rio Grande do Sul)  Ciência é para meninas e meninos: inserindo a discussão de gênero na escola por meio de um grupo de pesquisa Paloma Nascimento dos Santos (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  “Distúrbios do Instinto Sexual” . de 1992 a 2008 André Iribure Rodrigues (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Circe Jandrey (Universidade Federal do Rio Grande do Sul Como chegar). tensões e possibilidades Mariana Borelli Rodrigues (Universidade Federal de Pernambuco)  O estado da arte dos estudos das homossexualidades nos Programas de Pós-Graduação em Comunicação.Mapeando a produção sobre gênero e sexualidades na ANPEd Márcia Ondina Vieira Ferreira (Universidade Federal de Pelotas). Maria Cecília Madruga Monteiro (Secretaria da Educação do Rio Grande do Sul)  A psicologia acadêmica e os estudos feministas no Recife: interfaces. Márcia Cristiane Völz Klumb (Universidade Federal de Pelotas). Lina Maria Brandão de Aras (Universidade Federal da Bahia)  Serviço Social e Gênero: algumas considerações sobre a formação profissional Rita de Lourdes de Lima (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Caderno de Programação | 159 . Lesbianidade e Transgêneros Sabrina Guerra Guimarães (Universidade Federal da Bahia).A Medicina Legal define a Homossexualidade. Zaira de Andrade Lopes (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul)  A biologia e as diferenças de gênero na revista Mente&Cérebro Jonathan Henriques do Amaral (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Luis Henrique Sacchi-Santos (King’s College London)  A histeria e o amor mórbido: gênero.

laboratórios e fazeres científicos na Terra da Luz Vivian Matias dos Santos (Universidade Federal de Pernambuco)  O processo de invisibilização das mulheres na informática e na produção tecnológica a partir do exemplo das ENIAC Girls Fabiane Alves de Lima (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). Luiz Ernesto Merkle (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  “Aquilo sim que era mulher”: o samba e a formação imaginária da mulher Tássia Gimenes Alves (Universidade Federal Fluminense)  052. feminilidade. políticas e poéticas Coordenação: Debora Breder Barreto (Universidade Federal de Minas Gerais). Marcos Aurélio da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Auditório da Reitoria Horário: 14h às 17h30 160 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Gênero e Cinema: entre narrativas. raça e docência na USP: repensando a tradição das Arcadas Viviane Angélica Silva (Universidade de São Paulo)  Tornar-se mulher: a Escola Superior de Ciências Domésticas.— 17/09 . doutrina e representações de gênero Fábio Luiz Rigueira Simão (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Sobre mulheres.Terça-feira — Mulheres cientistas imigrantes: entre o androcentrismo e racismo acadêmico Thais França (Instituto Universitário de Lisboa)  Carlotta Joaquina Maury e o serviço geológico e mineralógico do Brasil Diogo Jorge de Melo (Universidade Estadual de Campinas)  Gênero e trajetória científica: as atividades da cientista Marta Vannucci no Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (1946-1969) Alex Gonçalves Varela (Museu de Astronomia e Ciências Afins)  Pioneiras no campo da medicina: trajetórias nas interseções Luzinete Simões Minella (Universidade Federal de Santa Catarina)  Gênero.

— 16/09 . Guaraci da Silva Lopes Martins (Universidade Estadual do Paraná)  Falemos com Almodóvar Érica Quinaglia Silva (Universidade de Brasília)  Gênero e cinema: reflexões sobre “A vereadora antropófaga”. Cascaes (Universidade Tecnológica Federal do Paraná).Segunda-feira — A linguagem cinematográfica e a normatização da sexualidade: dialogando com A Pele que Habito de Pedro Almodóvar Tânia Rosa F. Juliana Gonzaga Jayme (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais)  Corpo e emoções. Alex Ribeiro Nunes (Universidade Federal de Lavras). Marina Aparecida Marques Castanheira (Universidade Federal de Lavras)  A representação da mulher no cenário rural do cinema brasileiro contemporâneo Gabriela Justine Augusto da Silva (Universidade Anhebi-Morumbi)  Meninas-Mulheres: identidade de gênero e exploração sexual comercial de crianças e adolescentes no cinema brasileiro contemporâneo Antonio Marcio da Silva (University of Kent)  Caderno de Programação | 161 . gênero e deficiência: olhares sobre Tiresia Luiz Gustavo Pereira de Souza Correia (Universidade Federal de Sergipe)  Performances de gênero na ficção: O transexual de Almodóvar Rafael Chaves Vasconcelos Barreto (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro)  Gênero e cinema: da produção de subjetividades e performatividades à política e poética das imagens no documentário “Kátia” Marcelo Faria Dos Anjos (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Gênero e cinema nas lentes de Tomboy Alessandro Garcia Paulino (Universidade Federal de Lavras). de Pedro Almodóvar Paloma Coelho (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais).

façanha de uma obra cinematográfica que reflete as questões sociais. gênero e sexualidade no cinema paraibano (1981-1986) Laércio Teodoro da Silva (Instituto Pessoense de Educação Integrada)  Festivais.Terça-feira — Cinema Queer: o que é isso.— 17/09 . grupos indígenas e mulheres no cinema brasileiro contemporâneo (1991 a 2010) Paula Alves de Almeida (Instituto de Cultura e Cidadania Femina). Identidade e criação Vivian Marina Redi Pontin (Universidade de Campinas)  Sara Gómez. cinema e políticas de representação: das movimentações LGBT às políticas de vida no contemporâneo Marcos Aurélio da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina)  Transgressão no cinema japonês: o corpo violado como manifesto Marcia Casturino (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Corpos em movimento. Ana Paula Alves Ribeiro (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Luis Felipe Kojima Hirano (Universidade de São Paulo)  162 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Quinta-feira — Espaços e representações de negros. culturais e de gênero no imaginário cubano Pedro Javier Gómez Jaime (Universidade Federal da Bahia)  Como produzir uma linda mulher? O cinema e as redes de saberes sobre gênero na formação de professores Simone Gomes da Costa (Universidade Estadual do Rio de Janeiro)  — 19/09 . companheir@s? Tatiana Brandão de Araujo (Universidade Federal de Santa Catarina)  Construindo experiências “Para Poucos”: produções do gênero e da sexualidade Sandra Maria Nascimento Sousa (Universidade Federal do Maranhão)  Da estética do privado à estática da sexualidade: Super 8.

Cleuza Maria Soares (Universidade Federal de Santa Catarina)  Estética de si no cinema de Naomi Kawase Daiany Ferreira Dantas (Universidade Federal de Pernambuco)  Representação da mulher.“Mães de santo. memória e estética cinematográfica em Agnès Varda Alessandra Santos da Graça (Universidade Federal de Sergipe). Guilherme Crespo Gomes dos Santos (Universidade de Brasilia)  Caderno Programação de | 163 . mães de tantos”: o feminino negro e o sagrado no cinema brasileiro Conceição de Maria Ferreira Silva (Ceiça Ferreira) (Universidade de Brasília)  E o feitiço se volta a favor da feiticeira: personagens femininas na versão fílmica da lenda africana Kirikú e a feiticeira Maria Cristina Martins (Universidade Federal de Uberlândia)  Mulheres indígenas zapatistas como personagens no cinema latino-americano Juliano Gonçalves da Silva (Universidade Federal Fluminense)  Mulheres Imigrantes Latinas: atravessando fronteiras no cinema.Sexta-feira — Fotografia de homem. narrativa e (des)construção do modelo de gênero feminino no filme Vida Maria Maria José do Nascimento (Pontifícia Universidade Católica de Goiás)  — 20/09 . Jucimara Araujo Cavalcante Souza (Universidade Federal de Sergipe) Moolaadé: a quem e como falam as mulheres? Claudia Santos Mayer (Universidade Federal de Santa Catarina)  Experiência. fotografia de mulher: uma análise dos filmes Elvis & Madona e Plan B Marina Cavalcanti Tedesco (Universidade Federal Fluminense)  O Homem da Casa: um estudo sobre masculinidades e colonialismo a partir do filme “Gran Torino” Johnatan Razen Ferreira Guimarães (Universidade de Brasília).

La figura del macho latinoamericano en el filme argentino Martín Fierro de Leopoldo Torre Nilson (1968) Santiago Luis Navone (Universidad Nacional de Mar del Plata)  “O Vingador do Futuro” e as mudanças na apresentação da violência feminina no cinema contemporâneo Cristian Carla Bernava (Universidade de São Paulo)  Mulheres na estrada: a trajetória das heroínas do Road Movies Marcio Markendorf (Universidade Federal de Santa Catarina)  Embates entre censura e exibição: o corpo feminino no cinema hollywoodiano da década de 1950 Marta Friederichs (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  As Melhores Coisas do Mundo. 1º Andar.Segunda-feira — A condição feminina no ambiente policial: considerações sobre o trabalho feminino na polícia militar Francisco Malta de Oliveira (Universidade Estadual de Montes Claros). Antes que o Mundo Acabe: olhares cinematográficos sobre relações de gênero e uma determinada juventude urbana Marta Campos de Quadros (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Discurso de Gênero em Comedias Românticas Hollywoodianas – Aconteceu Aquela Noite e A Proposta Litiane Barbosa Macedo (Universidade Federal de Santa Catarina)  053. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Rosemeri Moreira (Universidade Estadual do Centro-Oeste) ▶ Local: Sala 323. Gênero e diversidade nas instituições armadas Coordenação: Andréa Mazurok Schactae (Universidade Estadual de Ponta Grossa / Faculdade I. Maria da Luz Alves Ferreira (Universidade Estadual de Montes Claros)  164 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Bl. Itararé). B.

 Marcelli Cipriani Rodrigues (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  UPP é coisa de veadinho: a feminização da segurança pública Vinicius Esperança Lopes (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  Formação de Oficiais na Polícia Militar da Paraíba e violência simbólica: uma análise de gênero Mônica Luiz Rodrigues (Universidade Federal da Paraíba). Anita Leocádia Pereira Dos Santos (Universidade Federal da Paraíba)  Caderno de Programação | 165 . Guilherme Gomes Ferreira (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). Maria Eulina Pessoa de Carvalho (Universidade Federal da Paraíba)  “A gente não é mulher. alcances e limites Beatriz Gershenson Aguinsky (Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul). a gente é FEM”: questões entre o gênero e a farda de mulheres policiais militares Anelise Fróes da Silva (Governo do Rio de Janeiro)  Mulheres policiais nas relações EUA-Brasil: a viagem da Comandante Hilda Macedo Rosemeri Moreira (Universidade Estadual do Centro-Oeste)  Deleg@s da Polícia Federal: masculinidades e diferenças Maria Natalia Silveira (Universidade Federal de São Carlos)  Polícia: substantivo com atributos exclusivamente masculinos? Maria Paula Macedo Motta Capparelli (Universidade Católica de Brasília)  — 17/09 .Terça-feira — A carteira de nome social para travestis e transexuais no Rio Grande do Sul: entre polêmicas.Competências de soldado: representações e auto-representações de gênero de alunas e alunos do Curso de Formação de Soldados da Polícia Militar da Paraíba Iris Oliveira do Nascimento (Polícia Militar da Paraíba).

“Mulheres Guerreiras”: gênero e ideal de feminilidade na biografia da cubana Célia Sánchez Andréa Mazurok Schactae (Universidade Estadual de Ponta Grossa / Faculdade I. 2º Andar. A. Itararé)  Engendrando sentidos em corpos femininos: o caso da vigilância patrimonial privada Maria Fernanda Diogo (Faculdade Municipal de Palhoça)  Sujeito militar flexionado no feminino e no masculino Carla Christina Passos (Universidade Federal da Bahia)  O direito e a dissolução da identidade de gênero: biotecnologias e autonomia para uma indefinição Laís Godoi Lopes (Universidade Federal de Minas Gerais)  054. Bl.Quinta-feira — A construção da figura feminina no cinema iraniano Kelen Pessuto (Universidade de São Paulo)  Orientalismo e ocidentalismo: revisitando Persépolis Luana Hordones Chaves (Universidade Federal de Minas Gerais)  Diálogos interculturais no cinema de Fatih Akin Nadia de Matos Barros (Universidade de São Paulo)  O Alcorão e a questão de gênero Vera Irene Jurkevics (Universidade Tuiuti do Paraná)  166 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Gênero e Islã: repensando feminismos Coordenação: Francirosy Campos Barbosa Ferreira (Universidade de São Paulo). Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Sônia Cristina Hamid (Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas) ▶ Local: Sala 213.

Sexta-feira — O reassentamento de palestinos no Brasil: discursos orientalistas de gênero Sônia Cristina Hamid (Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas)  Gênero e etinia: configurações do cotidiano da comunidade Árabe-Mulçumana em Florianópolis Claudia Voigt Espinola (Universidade Federal de Santa Catarina)  As mulheres nos conflitos Árabe-Israelenses: as invasões israelenses do Líbano (1978-90) Ramez Philippe Maalouf (Universidade de São Paulo)  Gênero e estado: o genderframing de movimentos de mulheres nos Emirados Árabes Unidos Vânia Carvalho Pinto (Universidade de Brasília)  Caderno de Programação | 167 . Síria Gisele Fonseca Chagas (Universidade Federal Fluminense)  — 20/09 . feminismos e imagens de mulheres iranianas em questão Izis Morais Lopes dos Reis (Universidade de Brasília)  O Gênero do trabalho de campo: memórias femininas de um campo masculino na Turquia contemporânea Giselle Guilhon Antunes Camargo (Universidade Federal do Pará)  Mulheres muçulmanas como líderes religiosas: notas sobre uma halaqa (círculo religioso) feminina em Damasco.Dança do ventre e Islã: uma proposta contrahegemônica Roberta da Rocha Salgueiro (Universidade de Brasília)  ‘aadi: intimidade sexual nos territórios ocupados da Palestina Daniele Abilas Prates (Universidade Federal Fluminense)  As “Mulheres-bomba” da Palestina: qual a verdadeira questão? Cristiana Kaipper Dias (Universidade Regional da Bahia)  Realizar pesquisas e negociar afetos: antropologia.

Moema de Castro Guedes (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) ▶ Local: Mini-auditório CAD (Administração). Sala 117. Gênero e mercado de trabalho: avanços e desafios Coordenação: Glaucia Marcondes (Universidade Estadual de Campinas).Experiências e estratégias em torno da violência contra a mulher em Marrocos Rebecca de Faria Slenes (Universidade Estadual de Campinas)  Feminismo islâmico: uma proposta em construção Cila Lima (Valdecila Cruz Lima) (Universidade de São Paulo)  Feminino sagrado. profano e científico: impasses nas intervenções genitais femininas Claudia Fioretti Bongianino (Universidade Federal do Rio de Janeiro).Segunda-feira — A inserção produtiva dos pais de famílias biparentais e monoparentais femininas com filhos pequenos – uma análise comparativa dos desafios para compatibilizar trabalho e vida familiar Andréa de Sousa Gama (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Decifrando a divisão do trabalho doméstico nas unidades familiares do Balneário de Ingleses: cotidiano e relações de gênero Marisa Sirlei Albrecht (Universidade Federal de Santa Catarina)  168 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Denise Ferreira da Costa Cruz (Universidade de Brasília)  “O Jardim Perfumado”: orientalismo romântico e afeto na construção identitária entre muçulmanas convertidas da Mesquita da Luz Liza Dumovich (Universidade Candido Mendes)  O relacionamento amoroso entre brasileiras e muçulmanos estrangeiros Flavia Andrea Pasqualin (Universidade de São Paulo)  Sobre “pérolas”: gênero e religião islâmica Patricia Borges da Silveira Bezerra (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  055. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . 1° Andar. Bloco D.

Desigualdades de gênero no mercado de trabalho: mudanças da última década Moema de Castro Guedes (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  Fatores de influência na ascensão profissional de mulheres a cargos-chave em organizações brasileiras Gislaine Teles Rodrigues Potta (Faculdade Dom Bosco)  Políticas Nacionais de Igualdade de Gênero no Trabalho: considerações sobre Brasil e Portugal Kamila Cristina da Silva Teixeira (Universidade Federal Fluminense)  Divisão sexual do trabalho doméstico: um estudo com docentes da escola pública de Curitiba Adriano de Oliveira (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). trabalho e identidade Julice Salvagni (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Invasão de território? Impactos da inserção de mulheres em ocupações consideradas masculinas: frentistas e policiais femininas de Montes Claros – MG Maria da Luz Alves Ferreira (Universidade Estadual de Montes Claros)  Participação da mulher em cargos de gestão no mercado hoteleiro no contexto contemporâneo. Nanci Stancki da Luz (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  O desenvolvimento tecnológico e seus impactos na divisão sexual do trabalho João Bosco Laudares (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais)  Gênero e mercado de trabalho: trânsitos entre masculino e feminino nos espaços público e privado Diego Paz (Universidade Federal de Pernambuco). Thiago Coatti (Universidade Federal de Pernambuco)  — 17/09 .Terça-feira — As mulheres na aviação brasileira Claudia Musa Fay (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). Joseana Maria Saraiva (Universidade Federal Rural de Pernambuco)  Caderno de Programação | 169 . Geneci Guimarães de Oliveira (Pontifícia Universidade Católica Rio Grande do Sul)  As caminhoneiras: uma carona nas discussões de gênero.

Performances de gênero no setor de Tecnologia da Informação: estratégias de mulheres em um universo de trabalho dominado por homens Bárbara Geraldo de Castro (Universidade Estadual de Campinas)  Entre covas e recicláveis: o trabalho informal e não organizado das mulheres na cidade de Marília/SP Fabiana Sanches Grecco (Universidade Estadual Paulista)  Do Mundo Acadêmico para o Mercado de Trabalho: motivações e escolhas profissionais das mulheres e a perpetuação da segmentação ocupacional Cândida Margarida Oliveira Matos (Universidade Tiradentes)  Lugar de mulher é na redação . Daniela Isabel Kuhn (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). gênero e precariedade num contexto de desenvolvimento regional Francisco Eduardo Beckenkamp Vargas (Universidade Federal de Pelotas)  170 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Quinta-feira — A precariedade do trabalho de mulheres provedoras e agentes comunitárias de saúde na Amazônia Paraense Lana Claudia Macedo da Silva (Universidade Federal do Pará)  Comparação de rendimentos entre mulheres que trabalham no comércio na fronteira entre as cidades gêmeas de Corumbá (Brasil) e Puerto Quijarro e Puerto Suarez (Bolívia) Dirce Sizuko Soken (Universidade de São Paulo)  Mercado de trabalho. Nanci Stancki da Luz (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  — 19/09 .O jornalismo performático e o destaque alcançado por repórteres mulheres Natália Costa Queiroz (Universidade Federal de Santa Catarina)  Gênero e trabalho docente na Universidade Federal de Sergipe: qualificação e produtividade Silmere Alves Santos (Faculdade Jose Augusto Vieira)  Idosas e idosos no mercado de trabalho brasileiro: uma reflexão necessária no cenário atual Marcio Rogerio Kurz (Universidade Tecnológica Federal do Paraná).

gênero e organizações empresariais Rutineia de Oliveira Carvalho (Universidade Federal do Amazonas)  — 20/09 . clase y raza en los servicios estéticos y corporales Luz Gabriela Arango (Universidade Estadual de Campinas)  Mulheres empreendedoras: o caso do Programa Empreendedor Individual no Agreste Pernambucano.Sexta-feira — As negras que conheci: uma análise sobre o cotidiano das trabalhadoras domésticas negras da cidade de Cruz das Almas – BA Jamile Campos da Cruz (Escola Estadual Juracy Magalhães Junior)  Escolarização e inserção no mercado de trabalho das mulheres jovens: diminuição ou persistência das desigualdades regionais? Glaucia Marcondes (Universidade Estadual de Campinas)  Género. Maria Regina de Avila Moreira (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Cultura.Mujeres periodistas. Juliana Nunes Pereira (Instituto Nacional do Seguro Social)  Caderno de Programação | 171 . Gabriela Peixoto Vieira Silva (Universidade Federal de Goiás). Producción. rutinas de trabajo y desigualdad Florencia Rovetto (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas)  Por trás do balcão: um estudo sobre as condições de vida e trabalho de mulheres comerciárias em Goiânia Rosana Soares Campos (Universidade Federal de Santa Maria). Samara Domingas Xavier (Universidade Federal de Goiás)  Educação profissional técnica e escolarização feminina: entre o silêncio e a interdição Maria José de Resende Ferreira (Instituto Federal do Espírito Santo)  Correlacionando gênero e mercado trabalho no Serviço Social: uma análise em torno das contradições de gênero na inserção das/dos profissionais nos processos de trabalho Lidiane Cavalcante Tiburtino (Universidade Federal do Rio Grande do Norte).

Gênero e práticas corporais e esportivas Coordenação: Miriam (Meryl) Adelman (Universidade Federal do Paraná).Trabalho doméstico pago: desafios e perspectivas em relação aos direitos das trabalhadoras Virginia Paes Coelho (Universidade Federal Fluminense)  A mulher negra no mercado de trabalho Marlene Almeida de Ataide (Universidade de Santo Amaro)  Mulheres operárias e as representações do materno nas notícias dos periódicos da Metalúrgica Duque .Segunda-feira — A constituição do menino-aluno esportista em um currículo escolar Cristina d’Ávila Reis (Universidade Federal de Minas Gerais)  As mulheres como condição de possibilidade para o desenvolvimento do campo da Educação Física no Rio Grande do Sul Vanessa Bellani Lyra (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Térreo. Bl.Joinville/SC (2000-2010) Eleni Lechinski (Universidade do Estado de Santa Catarina )  Patroas e empregadas em Campos dos Goytacazes: uma relação delicada Marusa Bocafoli da Silva (Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro)  Relações de Gênero na Construção Civil em uma localidade do interior do Rio Grande do Sul Daniela Romcy (Universidade Federal de Santa Maria)  “Pereirão. B. seu marido de aluguel”: sobre a representação midiática da mulher no mercado de trabalho contemporâneo Welkson Pires da Silva (Universidade Federal de Pernambuco)  056. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Janice Zarpellon Mazo (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  172 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Silvana Vilodre Goellner (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) ▶ Local: Sala 302.

vivências corporais e ritos de passagem: construindo feminilidades e masculinidades na contemporaneidade João Paulo Fernandes Soares (Universidade Federal de Juiz de Fora). meninos e futebol.Terça-feira — A dança de “Catadoras de si”: a quem pertence os corpos das mulheres? Daniela Isabel Kuhn (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). quem brinca disso na escola? Ileana Wenetz (Universidade Federal de Santa Catarina)  Relações de gênero e futsal praticado por meninas na escola Pamela Siqueira Joras (Universidade Federal de Santa Maria)  Saberes docentes e atravessamentos de gênero na educação física escolar Ayra Lovisi Oliveira (Universidade Federal de Juiz de Fora). Fábio Machado Pinto (Universidade Federal de Santa Catarina)  Gênero. Nanci Stancki da Luz (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  Caderno de Programação | 173 .As práticas esportivas e as problematizações de gênero e sexualidade no contexto escolar Thaís Rodrigues de Almeida (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Gênero e práticas esportivas na universidade Tania Maria Cordeiro de Azevedo (Universidade Federal Fluminense). Luana das Graças Pinto Procópio (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Um olhar sobre enunciações de meninas que estão inseridas em uma escolinha de iniciação ao futebol na cidade de Pelotas/RS Mahinã Leston Araujo (Universidade Federal do Rio Grande)  — 17/09 . Rosana Pena de Sá (Universidade Estadual do Rio de Janeiro)  A homofobia no curso de formação de professores de Educação Física: uma análise preliminar Letícia Virginia de Bona Muñoz (Universidade Federal de Santa Catarina). Ludmila Mourão (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Meninas.

masculinidades.As mulheres e o “carrinho”: gênero e corporalidade entre as skatistas Giancarlo Marques Carraro Machado (Universidade de São Paulo) Corpo. Maria do Carmo Oliveira Saraiva (Universidade Federal de Santa Catarina)  Tem mulher na roda? Perspectivas feministas sobre relações de gênero e feminilidade na capoeira Paula Natanny Rocha Bezerra (Universidade Federal de Pernambuco)  174 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Alexandre Fernandez Vaz (Universidade Federal de Santa Catarina)  Gênero e relações afetivo-conjugais – uma análise a partir do ballet clássico e da dança contemporânea Marília Vilela Alencastro Veiga (Universidade de Brasília)  Homens. Olhares sobre o envelhecimento Aline da Silva Pinto (Universidade FEEVALE)  Corpos femininos em debate: (re)pensando as representações de gênero na ginástica rítmica Patricia Luiza Bremer Boaventura (Universidade Federal de Santa Catarina). Miriam (Meryl) Adelman (Universidade Federal do Paraná)  O espetáculo em cena: feminilidades e masculinidades no Caminho da Seda – Raça Cia de Dança de São Paulo Marília del Ponte de Assis (Universidade Nove de Julho). gênero e dança: representações de gênero em uma cena contemporânea Tatiana Araújo Berghauser (Universidade Federal do Paraná)  Cartografias da dança corpo/gênero na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil Rogério Machado Rosa (Universidade Federal de Santa Catarina). corpos e sujeitos: uma etnografia dos rodeios campeiros no Paraná Leandro de Mello Lechakoski (Universidade Federal do Paraná). Emerson Martins (Universidade Federal de Santa Catarina)  Corpos dançantes: meninas. mulheres ou senhoras.

— 19/09 . Gustavo da Silva Freitas (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Raquel da Silveira (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  O espaço da mulher Kaingáng no futebol Jeniffer Caroline da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina). Bianca Miarka (Universidade de São Paulo)  Esporte e Mulher em Goiás (1930/1945) Pollyana Nascimento de Paula (Universidade Federal de Goiás)  Judô feminino brasileiro da oficialização ao ouro olímpico: narrativas de uma treinadora Gabriela Conceição de Souza (Universidade Gama Filho).Quinta-feira — A relação masculino-feminino no universo da prática do rugby em Goiânia Ananda Alves de Azevêdo (Universidade Federal de Goiás)  As origens do judô feminino no Japão: um conflito entre a novidade e as tradições Juliana Bastos Marques (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro). Ludmila Mourão (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Masculinidades e voleibol: discursos de atletas profissionais em Minas Gerais Leonardo Turchi Pacheco (Universidade Federal de Alfenas)  Mulheres e esporte: handebol em foco Suélen de Souza Andres (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Mulheres e futebol: um olhar para as torcedoras do Sport Club São Paulo Daiane Grillo Martins (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Ana Lúcia Vulfe Nötzold (Universidade Federal de Santa Catarina)  Poderosas do Foz: trajetórias de mulheres que praticam futebol Mariane da Silva Pisani (Universidade de São Paulo)  “Boas de Bola”: um estudo sobre ser jogadora de futebol no Esporte Clube Radar durante a década de 1980 Caroline Soares de Almeida (Universidade Federal de Santa Catarina)  Caderno de Programação | 175 .

Sexta-feira — Arte do futebol na produção e visibilidade de corpos masculinos Thiago Perez Jorge (Universidade Federal de Santa Catarina)  Futebol feminino: proibido para quem? Uma análise de duas reportagens sobre o futebol praticado por mulheres no período anterior a sua regulamentação como esporte Giovana Capucim e Silva (Universidade de São Paulo)  Heteronormatividade no esporte: doping e controle de feminilidade Viviane Teixeira Silveira (Universidade Federal de Santa Catarina). Cleiton Machado Maia (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  Sobre as possibilidades de se pensar a prática da Ginástica Rítmica por meninos Johanna Coelho von Mühlen (Universidade Federal do Rio Grande do Sul ESEF)  176 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Alexandre Fernandez Vaz (Universidade Federal de Santa Catarina)  Homofobia.— 20/09 . masculinidade e esporte: o caso Michael Gustavo Andrada Bandeira (Universidade federal do Rio Grande do Sul)  Mulheres atletas de futebol: representações de gênero do Jornal Zero Hora ao longo da Copa do Mundo de futebol feminino André Luiz dos Santos Silva (Universidade Feevale)  Mulheres no octógono: representações midiáticas do discurso da heteronormatividade Carla Lisboa Grespan (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  O gênero feminino nas pesquisas em Educação Física: temas. corpo e homossexualidade no UFC Felipe Magalhaes Lins Alves (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro). tendências e perspectivas Leiriane Viveiros Gregório (Universidade de Brasília). Ingrid Dittrich Wiggers (Universidade de Brasília)  Para além de Dogtown: o skate feminino nos Estados Unidos durante a segunda metade da década de 1960 Leonardo Brandão (Universidade Regional de Blumenau)  Quantos lados pode ter um octógono?: Gênero.

 Maria de Lourdes Lima Zanatta (Universidade do Vale do Itajaí)  As implicações de gênero no processo de remanejamento populacional da Usina Hidrelétrica de Mauá na região dos Campos Gerais/PR Rafael Garcia Carmona (Universidade Estadual de Ponta Grossa). 3º Andar. Bl.057. Temis Gomes Parente (Universidade Federal do Tocantins) ▶ Local: Sala 311.Terça-feira — A natureza como espaço de construção da subjetividade: uma visão de gênero Olaya Fernández Guerrero (Universidad Nacional de Educación a Distancia)  As escravas de Belo Monte: apontamentos sobre a cobertura da imprensa acerca do tráfico de pessoas na região de Altamira-PA Ângela Camana (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Débora Gallas Steigleder (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  As percepções socioambientais de meninos e meninas do Programa de Formação e Assessoria em cidadania Infanto Juvenil: o Caderno Cidadania na era digital Caroline Vieira Ruschel (Universidade do Vale do Itajaí). B. Edina Schimanski (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  As vozes femininas e os conflitos ambientais em torno da expansão do monocultivo de eucalipto no Rio Grande do Sul Patrícia Binkowski (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Gênero e Questões Ambientais Coordenação: Marcos Fábio Freire Montysuma (Universidade Federal de Santa Catarina). em seu espaço de trabalho Paulo Cesar Vieira Archanjo (Universidade Federal do Amazonas)  Caderno de Programação | 177 . Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 17/09 . Fabiana Stringini Severo (Universidade Federal de Santa Catarina)  Gênero e (in)sustentabilidade de mulheres nos reassentamentos rurais da Usina Hidrelétrica de Estreito – Tocantins Temis Gomes Parente (Universidade Federal do Tocantins)  Leitura Psicossocial das Mulheres da Associação dos Catadores de Lixo de Parintins-ASCALPIN.

Wanda Deifelt (Luther College) ▶ Local: Sala 329. B. 2º Andar.TO Aline Tavares de Sousa (Universidade Federal do Tocantins).a legitimação da violência de gênero a partir de interpretações de narrativas bíblicas Valquiria Eloisa dos Santos (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  Desconstruindo Amélias: musicoterapia com mulheres em situação de violência doméstica sob a ótica da teologia feminista Daniéli Busanello Krob (Faculdades EST)  178 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Quinta-feira — A (des)construção do feminismo no discurso católico no início do século XX Simone da Silva Costa (Universidade Federal de Pernambuco)  Às Madalenas. Temis Gomes Parente (Universidade Federal do Tocantins)  058.Gênero e subjetividade orientando os sujeitos em suas práticas de manejo dos recursos ambientais Marcos Fábio Freire Montysuma (Universidade Federal de Santa Catarina)  Questão socioambiental e relações sociais de gênero: impactos socioambientais nos assentamentos precários no município de Palmares – Mata Sul de Pernambuco Carlos Wendell Pedrosa dos Santos (Universidade Católica de Pernambuco). deslocamentos e construção de identidades Coordenação: Lori Altmann (Universidade Federal de Pelotas). Eline Alves Silva de Santana (Faculdade Frassinetti do Recife)  Mulheres da terra. as pedras . Gênero e Religião: Espaços. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . mulheres da ecologia: saberes e práticas nas pastorais católicas Elton Laurindo da Costa (Universidade Federal de Santa Catarina)  Questões ambientais e gênero nas atividades de mulheres com o Capim Dourado na Região do Jalapão . Bl.

 Maria Inacia D´Avila Neto (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  A relação com um sagrado feminino e a essência do ethos do povo brasileiro Reinaldo da Silva Júnior (Universidade Federal de Juiz de Fora)  A vida é Queer. Portugal. identidades e poder no cotidiano do clero católico de Marília-SP Vanessa de Faria Berto (Universidade Estadual Paulista)  Mulheres pentecostais em movimentos sociais .e sindicatos rurais na zona da mata de Pernambuco Maria de Fátima Paz Alves (Universidade Federal de Pernambuco)  Idolatria.de luta pela terra e de mulheres .Sexta-feira — A diáspora negra: como as mulheres recriaram através da religião a África “imaginada” no Brasil de todos os santos Claudio de São Thiago Cavas (Universidade Federal do Rio de Janeiro). dulia e hiperdulia na inculturação: territórios conquistados. a Escola é? Simone Silva Dorneles (Conselho Municipal de Educação de Porto Alegre)  Caderno Programação de | 179 . século XVII Georgina Silva dos Santos (Universidade Federal Fluminense)  Irmão sol.Domesticação e empoderamento: a ética pentecostal no limiar das discussões de gênero Fernanda Lemos (Universidade Federal da Paraíba)  Evangélicos e o uso político do sexo no processo eleitoral de 2010 Sandra Duarte de Souza (Universidade Metodista de São Paulo)  Hibridismo religioso no Espaço Conventual. corpos cicatrizados e o feminino no Corpo Místico de Cristo Augusto Marcos Fagundes Oliveira (Universidade Federal de Santa Catarina)  De mulher do mundo a mulher de Deus: considerações sobre conversão pentecostal e conflito de gênero entre as esferas privada e pública Réia Sílvia Gonçalves Pereira (Universidade Federal do Espírito Santo)  — 20/09 . irmão lua: gênero.

Valeska Zanello (Universidade de Brasilia) ▶ Local: Sala 325. 2º Andar.Segunda-feira — Depressão no feminino Vanilda Maria de Oliveira (Universidade de Brasília)  180 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Espaços e deslocamentos: o protagonismo feminino nos relatos jesuíticos das reduções de índios na província paraguaia Isackson Luiz Cavilha Mendes (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Ìgbàsílé para a superação das cadeias religiosas: um desafio ao feminismo Lilian Conceição da Silva Pessoa de Lira (Escola Superior de Teologia). Bl. Gênero e Saúde Mental Coordenação: Ana Paula Müller de Andrade (Universidade Federal do Pampa).AL Amanda Patrícia Santos Lorena de Menezes (Universidade Federal de Pernambuco)  Jornal Folha do Norte do Paraná: representações da mulher na imprensa católica Cristina Satie de Oliveira Pataro (Universidade Estadual do Paraná)  059. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . B. Cledes Markus (ISAEC-DAI-COMIN/ Faculdades EST)  Relações de gênero no Terreiro de Mãe Dulce Silvia Maria Silva Barbosa (Universidade Federal da Bahia)  Sob o Manto Azul de Nossa Senhora do Rosário: mulheres e relações de gênero na Congada de Catalão (GO) Marise Vicente de Paula (Universidade Estadual de Goiás)  Sexualidade feminina no terreiro de candomblé Hùnkpàmé Alairá Izó em Maceió . Roberto Ervino Zwetsch (Escola Superior de Teologia)  Mulheres indígenas: lideranças religiosas Renate Gierus (ISAEC-DAI-COMIN).

Depressão e doença dos nervos: como sujeitos em vulnerabilidade social de algumas comunidades em Florianópolis se relacionam com transtornos mentais Livia Espíndola Monte (Universidade Federal de Santa Catarina). Angela Pereira Figueiredo (Universidade Federal de Santa Catarina).Terça-feira — A loucura feminina e as relações de poder: representações na literatura brasileira Aline Cunha de Andrade Silva (Universidade Federal da Paraíba)  Caderno de Programação | 181 . Yuri Eller Verzola (Universidade Federal de Santa Catarina)  Diversidade sexual e saúde mental: um estudo comparativo em políticas públicas e direitos sexuais Marco José de Oliveira Duarte (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Entre tutela e cuidado: o que escapa quando corpos-homens-loucos se misturam na cidade? Stelamaris Glück Tinoco (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). “loucura” e parricídio Maria Patricia Corrêa Ferreira (Universidade Federal do Pará)  Prevalência de transtornos mentais comuns entre trabalhadoras rurais assentadas Maria da Graça Silveira Gomes da Costa (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  — 17/09 . caso Colombia Andrea Lissett Pérez (Universidade Federal de Santa Catarina)  Gênero. Fernando Seffner (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Gênero e cidadania: a experiência em Saúde Mental do grupo Marias Solidárias na cidade de Manaus-AM Rosangela Miranda Aufiero (Secretaria de Saúde do Estado do Amazonas)  Remédio para que ou para quem? Relações de gênero e uso de ansiolíticos na Estratégia Saúde da Família Ionara Vieira Moura Rabelo (Universidade Federal de Goiás)  Género y suicidio: un análisis antropológico en población campesina.

 Mayk Diego Gomes da Gloria (Prefeitura Municipal de Aparecida de Goiânia)  A revolta como patologia: a representação da insanidade da mulher em O Limiar de Susan Glaspell Lucianne Christina Fasolo Normândia Moreira (Universidade Federal do Paraná)  182 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Ivia Maksud (Universidade Federal Fluminese)  Reflexões sobre gênero e saúde mental de mulheres usuárias de drogas Cristina Vianna Moreira dos Santos (Universidade Paulista). Mériti de Souza (Universidade Federal de Santa Catarina)  Pensando gênero no consultório na rua: relato de experiência em Setting não Convencional Mayk Diego Gomes da Gloria (Prefeitura Municipal de Aparecida de Goiânia). sexualidade e construção do sofrimento: algumas leituras a partir da psicanálise e da cultura Juçara Clemens (Universidade Federal de Santa Catarina). Cristina Vianna Moreira dos Santos (Universidade Paulista)  Gênero e saúde mental: apontamentos sobre empoderamento feminino nas relações entre mulheres profissionais de saúde e usuários do hospital psiquiátrico em Maceió-AL Jarissa Porto dos Santos (Universidade Federal da Paraíba).Loucura e gênero em hospício é Deus de Maura Lopes Cançado Vânia Romão de Souza (Universidade de Brasília)  Depressão em professoras da rede pública de Santa Maria/RS: questões de gênero e saúde mental na interface do trabalho Priscila dos Santos Peixoto (Universidade Federal de Santa Maria)  Feminino. Ednalva Maciel Neves (Universidade Federal da Paraíba)  Os papéis sexuais e sua interface com os estilos defensivos em pacientes com transtorno depressivo maior Bárbara Pereira Terres (Universidade Católica de Pelotas)  Relações conflituosas: trajetórias do uso de ansiolíticos e antidepressivos entre mulheres jovens Annabelle de Fátima Pereira Modesto (Universidade Federal Fluminense).

Mobilização LGBT e justiça penal no Brasil e na Argentina Horacio Federico Sívori (Instituto de Medicina Social / Universidade do Estado do Rio)  Caderno de Programação | 183 . Miriam Pillar Grossi (Universidade Federal de Santa Catarina)  Controvérsias relacionadas à união estável entre pessoas do mesmo sexo Bianca de Azevedo Lima (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Homossexualidades nos discursos judiciais brasileiros: entre a democratização e a normalização da vida Thiago Coacci (Universidade Federal de Minas Gerais)  Homofobia uma forma particular da violência de gênero Rezende Bruno de Avelar (Universidade Federal de Goiás)  Juventude e homoafetividade: direitos sexuais são direitos humanos Sérgio Aboud (Universidade Federal Fluminense)  Produção de sentidos sobre a união estável entre pessoas do mesmo sexo na mídia impressa goiana Érika Maria Tavares Camargo (Pontifícia Universidade Católica de Goiás)  Motivo homofobia. B. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Bl. 2º Andar. Rosa Maria Rodrigues de Oliveira (Universidade Estadual de Campinas) ▶ Local: Sala 326.060. Cristina Scheibe Wolff (Universidade Federal de Santa Catarina).Segunda-feira — “Quando a preferência sexual não corresponde ao padrão social da heterossexualidade”: notas sobre a conjugalidade entre pessoas do mesmo sexo e a decisão do STF de maio de 2011 Claudia Regina Nichnig (Universidade Federal de Santa Catarina). Gênero e sexualidades: regulações estatais e judicialização de conflitos Coordenação: Paula Pinhal de Carlos (Centro Universitário La Salle).

Terça-feira — Aquí y allá: representaciones de la “democracia sexual latinoamericana” en la prensa española (2002-2012) Yira Carmiña Lazala-Silva Hernandez (Université Paris 8)  Mercado do sexo: uma contribuição da análise econômica do direito Fabiane Simioni (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  (Trans)formando o corpo: a rede de controle dos corpos transexuais no Brasil Juliana Ribeiro Alexandre (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  O modelo de feminino e os discursos do judiciário Lilhana Belardinelli (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Violência tem gênero? Crimes de estupro em inícios do século XX no Brasil Gleidiane de Sousa Ferreira (Universidade Federal de Santa Catarina)  “Feminização” da virgindade sob a ótica da Justiça (1960/1970) Gilmária Salviano Ramos (Universidade Federal de Santa Catarina)  “Perdidas e faladas”: relações sexo-afetivas de mulheres pobres em processos judiciais em jacobina – Bahia (1940-1970) Tania Mara Pereira Vasconcelos (Universidade Federal Fluminense)  061. consumo e espaço doméstico / Género. consumo y espacio doméstico Coordenação: Inés Pérez (Universidad Nacional de Mar del Plata). Gênero.Liberdade de orientação sexual ou normalização estatal da homossexualidade? As uniões homoafetivas no judiciário brasileiro Kátia Sento Sé Mello (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Marinês Ribeiro dos Santos (Universidade Tecnológica Federal do Paraná) 184 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Ana Carolina Lima dos Santos (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  — 17/09 .

argentina 1880-1940 Paula Caldo (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas)  En el país de las maravillas eléctricas: género. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Santa Barbara)  La promesa del American Way para América Latina: domesticidad. Argentina. 1940-1970) Inés Pérez (Universidad Nacional de Mar del Plata)  Hogares de ciudadanos libres: trayendo la revolución al campo a través de higiene y consumo en Bolivia en los años cincuenta del siglo XX Nicole Pacino (University of California. tecnología y consumo Sol Glik (Universidad Autónoma de Madrid)  Nos jardins da rainha: uma discussão sobre as atribuições femininas na decoração e organização dos interiores domésticos Lindsay Jemima Cresto (UniBrasil . comprar y cocinar.▶ Local: Sala 329.a representação feminina e sua influência no consumo dos objetos Teresa Maria Riccetti (Universidade Presbiteriana Mackenzie)  Leer. Marinês Ribeiro dos Santos (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  Caderno de Programação | 185 .Faculdades Integradas do Brasil)  O trabalho doméstico na Revista Claudia (1970-80) Soraia Carolina de Mello (Universidade Federal de Santa Catarina)  Representações de feminilidades nos discursos sobre consumo de tecnologias domésticas na revista Casa & Jardim (década de 1960) Ana Caroline de Bassi Padilha (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). Bl.Segunda-feira — Escribir el hogar: el presupuesto como práctica de la administración doméstica Paula Lucia Aguiar (Universidad de Buenos Aires)  Habitar doméstico . B. Una aproximación a los aportes de los recetarios de cocina en el proceso de construcción de las mujeres amas de casa y consumidoras. 2º Andar. consumo y trabajo doméstico (Mar del Plata.

Marinês Ribeiro dos Santos (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  De empregada a “empreguete”: a busca por visibilidade e reconhecimento no contexto transmídia de Cheias de Charme Iara Gomes de Moura (Universidade Federal Fluminense)  Las consumidoras de ausencias. Consumo cultural.Terça-feira — A dominação masculina no espaço doméstico: vivências de jovens mulheres de classe popular Lirian Sifuentes (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  A esfera doméstica da artesã: “Eu vou dar um talento nesse confinamento” Mara Salgado (Universidade Federal de Santa Catarina). Alicia Renee Tagliorette (Universidad Nacional de la Patagonia Austral). Alexandre Fernandez Vaz (Universidade Federal de Santa Catarina)  Consumo doméstico e marcas de gênero Laura Susana Duque Arrazola (Unversidade Federal Rural de Pernambuco). Maria Zênia Tavares da Silva (Universidade Federal Rural de Pernambuco)  Cultura material e representações de masculinidades: um estudo de caso em barbearias de Curitiba Vinícius Miranda de Morais (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). tiempo de placer y cultura de masas Carolina Spataro (Universidad de Buenos Aires)  Questionamentos sobre a oposição marcada pelo gênero entre produção e consumo na decoração de interiores domésticos: o trabalho de Georgia Hauner no Brasil dos anos 1960/70 Marinês Ribeiro dos Santos (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  186 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . entre la sumisión y la resistencia. vida cotidiana y nuevas configuraciones de género Malvina Silba (Universidad de Buenos Aires)  Mujeres. Patricia Elizabeth Sampaoli (Universidad Nacional de la Patagonia Austral)  Mujeres jóvenes y pobres.— 17/09 . Un estudio referido a las mujeres en el mundo rural de comienzos del siglo XX en el sur de la Patagonia Argentina y su relación con el consumo como modelo civilizatorio Ana María Ibarroule (Universidad Nacional de la Patagonia Austral).

Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 17/09 .062. Gênero. filantropia e assistência materno-infantil: uma análise da atuação das Damas de Assistência do Instituto de Proteção e Assistência à Infância do Rio de Janeiro Maria Martha de Luna Freire (Universidade Federal Fluminense)  Caderno de Programação | 187 . Andreza Rodrigues Nakano (Fundação Oswaldo Cruz). Bl. D. Rita de Cássia Santos Freitas (Universidade de Coimbra)  A proteção à infância nas páginas da Revista da Associação Piauiense de Medicina.1948 Livia Suelen Sousa Moraes (Universidade Federal do Piauí)  As questões de gênero e sexualidade no cuidado e assistência à sáude do homem Cláudia Regina Santos Ribeiro (Universidade Federal Fluminense)  Concepções de saúde e doença de homens rurais: o que os serviços podem aprender com isso? Andreia Burille (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Entre a afirmação da feminilidade. Maria Conceição da Costa (Universidade Estadual de Campinas)  Gênero e cultura material do parto e nascimento tecnológico no Brasil Claudia Bonan Jannotti (Fundação Oswaldo Cruz). 2º Andar. o dever moral e a responsabilidade pela saúde dos filhos: considerações contemporâneas dos estudos de gênero sobre amamentação Irene Rocha Kalil (Fundação Oswaldo Cruz). Maria Martha de Luna Freire (Universidade Federal Fluminense) ▶ Local: Mini-auditório do Departamento de Serviço Social. Katia Silveira da Silva (Fundação Oswaldo Cruz)  Gênero. Sala 217. 1939 . cuidados e assistência Coordenação: Ana Paula Vosne Martins (Universidade Federal do Paraná).Terça-feira — A invisibilidade dos homens na proteção social básica Daguimar de Oliveira Barbosa (Universidade Federal Fluminense).

Quinta-feira — La sección femenina de la falange e assistência social no primeiro franquismo Ismael Gonçalves Alves (Universidade Federal do Paraná)  Mulheres da legião negra: representações da enfermagem na revolução constitucionalista de 1932 Paulo Fernando de Souza Campos (Instituto Adventista de Ensino / Universidade de Santo Amaro)  Mulheres de elite e a primeira Conferência de Assistência Social à Lepra na Argentina Myriam Janet Sacchelli (Universidade Estadual de Ponta Grossa). Emerson Fernando Rasera (Universidade Federal de Uberlândia)  188 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . José Augusto Leandro (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Mulheres e reforma psiquiátrica: uma análise da participação das mulheres no desmonte da lógica manicomial Rachel Gouveia Passos (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Mulheres. maternidade e identidade de gênero Tânia Maria Gomes da Silva (Faculdade Metropolitana de Maringá)  O cotidiano das mulheres beneficiárias do PBF: uma análise do município de Niterói Patricia do Couto Siqueira (Universidade Federal Fluminense)  O Departamento Estadual da Criança (DECr) e as propostas de proteção à maternidade e a infância no Paraná (1947) Michele Tupich Barbosa (Universidade Federal do Paraná)  Algumas controvérsias em torno da rede cegonha Ana Cristina de Lima Pimentel (Universidade Estadual do Rio de Janeiro)  Sentidos sobre psicoterapia produzidos por gays e lésbicas a partir da experiência psicoterapêutica Guilherme Bessa Ferreira Pereira (Universidade Federal de Uberlândia).Informação e escolhas no parto: perspectivas das mulheres usuárias do SUS e da Saúde Suplementar Bianca Alves de Oliveira Zorzam (Universidade de São Paulo)  Seguridade social: representações e reconhecimentos dos papéis de gênero Luciana Rosa Campos (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  — 19/09 .

Sexta-feira — Psicólogas sem fronteiras: gênero. Nanci Stancki da Luz (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  Caderno de Programação | 189 . Gênero. Mareli Eliane Graupe (Universidade do Planalto Catarinense) ▶ Local: Mini-auditório do Departamento de Economia e Relações Internacionais. Dagmar E. Estermann Meyer (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  063. diversidade e sexualidade no campo da educação Coordenação: Kathryn Jane Moeller (University of California). Paulo Sergio Rodrigues de Paula (Universidade Federal de Santa Catarina)  Quem cuida das mulheres mais velhas? Considerações sobre gênero.Segunda-feira — Armários do livro didático: discursos sobre gênero e sexualidade nas artes visuais Tauana Macedo de Britto Pereira e Parreiras (Colégio Monteiro Lobato)  As ciências exatas e engenharias são assuntos para mulheres? Uma reflexão sobre as relações de gênero na Universidade Tecnológica Federal do Paraná Jussara Marques de Medeiros Dias (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). 2° Andar. D. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . gerações e políticas sociais Josimara Aparecida Delgado (Universidade Federal da Bahia)  “Doenças de senhoras” e a assistência à saúde da mulher no interior da Bahia: Vitória da Conquista (1930-1950) Cleide de Lima Chaves (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia)  “Mãe que é mãe precisa cuidar dos filhos”: pedagogias da maternidade no âmbito da política Primeira Infância Melhor/RS Carin Klein (Prefeitura Municipal de Canoas). Mara Coelho de Souza Lago (Universidade Federal de Santa Catarina). Bl. Sala 216.— 20/09 . voluntariado e humanitarismo Camila Gastelumendi Gonçalves (Universidade Federal de Santa Catarina).

pedagogias críticas e livros didáticos no contexto brasileiro: como estão sendo tratadas as mulheres? Miriam Lucia dos Santos Jorge (Universidade Federal de Minas Gerais)  Os silenciamentos e as invisibilidades das relações de gênero nas aulas de matemática Lindamir Salete Casagrande (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  Performateando sexualidades. Nanci Stancki da Luz (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  190 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . gênero e sexualidade: uma análise pós-estruturalista na formação do(a) pedagogo(a) Lilian Moreira Cruz (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia)  Educação sexual e Ensino Médio Técnico: Abordagens da educação sexual no Ensino Médio Técnico Kaciane Daniella de Almeida (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). géneros.Terça-feira — Corpo.Identidades de género y la matemática escolar: estudiantes mujeres en la Ciudad de México Claudia Rodrigues Munõs (Centro de Investigación y de Estudios Avanzados del Instituto Politécnico Nacional)  Língua estrangeira. feminismos y espacios pedagógicos Eva Victoria Fridman (Instituto Superior de Formación Docente N° 12)  Problematizando representacões de gênero em um livro didático de matemática Kátia Costa dos Santos (Instituto Federal de Minas Gerais)  Tópicos de gênero: reflexões e práticas em Psicologia Escolar/Educacional Carolina Duarte de Souza (Faculdade Três de Maio)  “O que os outros irão pensar?”: discussões docentes sobre gênero e profissionalização Osmar Arruda Garcia (Universidade de São Paulo)  Investimento no “Girl Effect”: perspectivas críticas sobre o investimento empresarial na Educação de Mulheres Jovens Kathryn Jane Moeller (University of California)  — 17/09 . gênero e sexualidade em discussão num Curso de Pedagogia a Distância Filipe Gabriel Ribeiro França (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Corpo.

Escola. Andrêsa Helena de Lima (Universidade Federal de Lavras). gênero e diferença: saberes e poderes nos discursos docentes Andréa Costa da Silva (Universidade da Força Aérea). homofobia e sexismo: discursos e alinhamentos na formação de professores Francisco Diemerson de Sousa Pereira (Faculdade Pio Décimo)  Gênero e sexualidade na formação docente: o que revelam os discursos? Walkíria de Jesus França Martins (Universidade Federal do Maranhão)  Inflexões de aprendizagem em gênero Leandro Veloso (Universidade Federal de Lavras)  Mediação da literatura escolar sobre sexualidade. Maria do Carmo Oliveira Saraiva (Universidade Federal de Santa Catarina)  Caderno Programação de | 191 . Marlene Neves Strey (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  Releituras sobre gênero e diversidade sexual na educação profissional: questões para a formação docente Alexandre Gomes Soares (Universidade Federal de Minas Gerais)  Sexualidade e gênero na construção das subjetividades: um olhar sobre a Educação Infantil Kátia Batista Martins (Universidade Federal de Lavras). Vera Helena Ferraz de Siqueira (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Orientação sexual e sexualidade nos Parâmetros Curriculares Nacionais: e a escola com isso? Yáskara Arrial Palma (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). Luciene Aparecida Silva (Universidade Federal de Lavras)  — 19/09 .Quinta-feira — As diretrizes nacionais da educação em direitos humanos e a diversidade sexual José Baptista de Mello Neto (Universidade Federal da Paraíba)  Deslocando a “disciplina” da educação física a partir da teoria queer Julia Mara Pegoraro Silvestrin (Universidade Federal de Santa Catarina).

direitos e educação: promovendo equidade de gênero através da dança na escola Vanessa do Nascimento Fonseca (Instituto Promundo)  Escolarização da sexualidade e políticas públicas: ações educativas nas Secretarias de Educação e Saúde de Goiânia/GO Lara Wanderley Araujo (Universidade Federal de Goiás). Ângela Maria Freire de Lima e Souza (Universidade Federal da Bahia)  192 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Sueli Aparecida Itman Monteiro (Universidade Estadual Paulista)  Diálogos para o enfrentamento ao sexismo. Claudiene Santos (Universidade Federal de Sergipe)  Na creche e na pré-escola: práticas pedagógicas diante de manifestações da sexualidade infantil Amanaiara Conceição de Santana Miranda (Universidade Federal da Bahia).A questão da diversidade sexual na escola: relações possíveis entre tempo de docência e formação docente Hamilton Édio dos Santos Vieira (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho). Roberto Carlos da Silva Borges (Centro Federal de Educação Tecnológica Celso S. da Fonseca)  Masculinidades performáticas e vivência escolar: construção das hierarquias em meio às sociabilidades homossexuais Amilton Gustavo da Silva Passos (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Patrícia Fernandes de Oliveira (Universidade Federal de Goiás)  Gênero. racismo e homofobia na escola – uma construção coletiva de políticas públicas de educação na Bahia Amélia Tereza Santa Rosa Maraux (Universidade do Estado da Bahia). Aline da Silva Nicolino (Universidade Federal de Goiás). raça e educação: o caso das travestis negras Patricia Gabrielle Rodrigues (Centro Federal de Educação Tecnológica Celso S. Ana Lúcia Gomes da Silva (Universidade do Estado da Bahia). Kelly Cristina Ferreira da Costa (Secretaria da Educação do Estado da Bahia)  Educação em sexualidade na escola: entre a normalização e a perspectiva dos direitos humanos Rosilene Souza Gomes (Universidade Estadual do Rio de Janeiro)  Corpo. da Fonseca).

diversidade e sexualidades: formação continuada de professor@s Mareli Eliane Graupe (Universidade do Planalto Catarinense)  Caderno de Programação | 193 . classe e nacionalidade Carolina Carvalho Arruda (University of Lausanne)  Canetas coloridas ou mini-skates? Coisas de meninas e coisas de meninos na escola Luciano Ferreira da Silva (Colégio Dom Feliciano)  Como se aprende a ser menina na escola? Brigitte Ursula Stach Haertel (Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo)  Gênero e diversidade na escola: impactos e mudanças na prática docente Vera Simone Schaefer Kalsing (Universidade Federal de Lavras)  Gênero e sexualidade: como trabalhar na escola? Cláudia Denis Alves da Paz (Universidade de Brasília)  Menino brinca de boneca? Investigando as representações de futuros/as professores/ as de Ciências e Biologia sobre as relações entre os gêneros Sandro Prado Santos (Faculdade de Ciências Integradas do Pontal)  Os temas transversais e o papel do professor na abordagem do gênero e da sexualidade Pascoalina Bailon de Oliveira Saleh (Universidade Estadual de Ponta Grossa).Sexta-feira — As aspirações profissionais dos(as) adolescentes na Suíça: no cruzamento entre gênero. Cloris Porto Torquato (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Portal para Equidade de Gênero nas Escolas: avaliando uma experiência de formação docente a distância Danielle Lopes Bittencourt (Instituto Promundo)  Problematizando gênero e sexualidade com docentes dos anos iniciais de ensino Mariani Guedes Santiago (Universidade Federal de Santa Maria)  Gênero.— 20/09 .

Clóvis Beviláqua Wilton C. Silva (Universidade Estadual Paulista)  Anita Garibaldi. Gênero. Pedro de Castro Tedesco (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  Revisões da identidade do gaúcho brasileiro em Anahy de las Misiones: A história de uma gaúcha Maria Teresa Collares (Instituto Federal de Santa Catarina)  O movimento bandeirante e as relações de gênero no contexto social brasileiro no século XX Samara dos Santos Carvalho (Universidade Estadual Paulista)  Museu Treze de Maio: um espaço de memória e identidade negra em Santa Maria/RS Lucinéia Inês Weber (Universidade Federal de Santa Maria)  194 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Adolfo Pizzinato (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). persona/personagem. mulher-heroína: estudo sobre sua representação histórica Tatiana Czornabay Manica (Universidade do Sul de Santa Catarina)  As mulheres paraguaias na linha de frente do antilopizmo: o uso do feminino na continuidade do conflito entre a Tríplice Aliança e o Paraguai Vívian Zamboni (Universidade Federal de Santa Maria)  Entre a arte e a contravenção: protagonismo feminino em movimentos de ocupação visual em Porto Alegre Cristiano Hamann (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul).Fundação de Amparo à Pesquisa Universitária (FAPEU) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . L. memória.Segunda-feira — Amélia Que Era Mulher De Verdade: a memória de Amélia Carolina de Freitas Beviláqua em biografias do marido.064. narrativas e espaços de memória Coordenação: Andrea Norma Andújar (Instituto Interdisciplinario de Estudios de Género). Janine Gomes da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Sala 2 .

imaginário e territorialidade na Salvador da primeira república Paloma Vanderlei da Silva (Secretaria de Educação do Estado da Bahia). memórias de lutas Martha Susana Diaz (Universidade Federal da Bahia)  Mulheres do século XX: memórias e significados de sua inserção no mercado formal de trabalho Maris Stela da Luz Stelmachuk (Universidade do Contestado)  Tempo de viver e de colher: da colônia para a cidade Gladis Hoerlle (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  “Volto para o tempo que é meu”: um estudo etnográfico sobre masculinidade.Terça-feira — “Ganhadeiras”: memórias. memória e trabalho na região pampeana sul-rio-grandense Liza Bilhalva Martins da Silva (Universidade Federal de Pelotas)  Caderno Programação de | 195 . Alvaiza Conceição Cerqueira da Cruz (Universidade Federal da Bahia)  As Periquitas: torcida feminina do Riograndense Futebol Clube de Santa Maria-RS Trícia Andrade Cardoso (Universidade Federal de Santa Maria). Juliana Franchi da Silva (Universidade Federal de Santa Maria)  Cotidiano e espaços de memória: mulheres operárias na cidade-fábrica de Rio Tinto (Paraíba.Não “pare de tomar a pílula”: memórias sobre a contracepção medicalizada em Fortaleza – Ceará (1960-1970) Valderiza Almeida Menezes (Associação dos Amigos do Museu do Ceará)  Mulheres e os jazes: olhares e inserções Laurisabel Maria de Ana da Silva (Universidade Federal da Bahia)  Taxinomias explícitas reproduzidas pelas instituições escolares sobre sexualidades não-heteronormativas Fabiana Aguiar de Castro Sena (Prefeitura Municipal de Marília)  — 17/09 . 1958-1980) Letícia de Carvalho Santos (Universidade Federal de Pernambuco)  Memórias de mulheres.

estrategias y prácticas significantes Bárbara Soledad Bilbao (Universidad Nacional de Quilmes)  Gênero. identidade e território Vandreza Amante Gabriel (Universidade Regional de Blumenau)  Mulheres na política: histórias de percursos e de práticas Maria Luzia Miranda Álvares (Universidade Federal do Pará). Adelma do Socorro Gonçalves Pimentel (Universidade Federal do Pará)  — 19/09 . Testimonios de sobrevivientes del Holocausto avecindados en Chile desde una perspectiva de Género Ximena Vanessa Goecke Saavedra (Universidad de Chile)  196 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . silenciamento e trauma em Um Defeito de Cor Maria Alciene Neves (Universidade Federal de Alagoas)  Mulher Mbyá-Guarani: alimentação.Quinta-feira — (Re)construindo laços de parentesco: questões de gênero nas imagens do passado que envolvem aos “netos recuperados” em Argentina Jimena Maria Massa (Universidade Federal de Santa Catarina)  A contribuição da memória da personagem feminina para a percepção das relações de gênero na Ditadura Militar brasileira Manuela Matté (Universidade de Caxias do Sul).“Riozinho de sangue”: Memória. memória e espaços de memória: as ditaduras militares (Brasil e Paraguai) Janine Gomes da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina)  Memorias trasplantadas. Salete Rosa Pezzi dos Santos (Universidade de Caxias do Sul)  Cadê Thereza? Ensaio sociológico e histórico sobre a trajetória artística e política de Thereza Santos Flavia Mateus Rios (Universidade de São Paulo)  Construindo uma memória militante: mulheres que lutaram contra a ditadura civil-militar brasileira (1964-1985) Raquel Caminha Rocha (Universidade Federal do Ceará)  Feminismo y resistencia en los años 80 en la Argentina: continuidades en las alianzas.

memória e emoção no exílio tropical: o caso extremo de Stefan e Lotte Zweig Maria das Graças de Santana Salgado (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  Memória. Argentina Andrea Norma Andújar (Instituto Interdisciplinario de Estudios de Género)  — 20/09 . história e literatura na obra da escritora negra Conceição Evaristo Bárbara Araújo Machado (Universidade Federal Fluminense)  Narrativas de uma memória: Guido Alcalá e a literatura como reflexão Lorena Zomer (Universidade Federal de Santa Catarina)  Respresentações mnemotécnicas do espaço feminino nos poemas dos becos de Goiás e estórias mais de Cora Coralina Cristiane Viana da Silva (Universidade Estadual do Piauí)  Tecelãs da existência: um ensaio acerca da liberdade Ida Mara Freire (Universidade Federal de Santa Catarina)  Caderno Programação de | 197 . gênero e política Lívia de Barros Salgado (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  Terrorismo de estado en Uruguay: el relato de sus víctimas y la custodia de sus testimonios María Laura Bermúdez Gallinal (Universidad de la República)  Tradiciones subterráneas: de las Madres de Plaza de Mayo a las piqueteras.Sexta-feira — A memória coletiva e individual na obra de escritoras contemporâneas negras brasileiras Maria José Somerlate Barbosa (University of Iowa)  Carolina Maria de Jesus: enunciação coletiva e escrita de si Fernanda Rodrigues de Miranda (Universidade de São Paulo)  Em Busca de um Eu Esquecido em Imperatriz no fim do Mundo. de Ivanir Calado Camila Marcelina Pasqual (Faculdade Educacional da Lapa)  Gênero.Sofrimento. Salta.

movimentos sociais e migrações: homens e mulheres em contextos rurais Coordenação: Elisete Schwade (Universidade Federal do Rio Grande do Norte). Isaura Isabel Conte (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  198 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Bl. Mara Coelho de Souza Lago (Universidade Federal de Santa Catarina)  As representações sociais das mulheres do Movimento das Mulheres Camponesas sobre as desigualdades sociais e as diversidades socioculturais Monica Maria Tourinho Oldiges (Universidade Comunitária da Região de Chapecó)  Movimentos sociais e a violência contra a mulher do campo: (in)certezas de uma trajetória Fabricia Santina de Oliveira Carissimi (Universidade Federal da Grande Dourados)  Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra: “movimento da vida” na perspectiva de gênero Marisa de Fátima Lomba de Farias (Universidade Federal da Grande Dourados)  O Movimento de Mulheres Camponesas em Santa Catarina e a luta pela transformação sociocultural Catiane Cinelli (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 .Representações de gênero e de violência na narrativa literária regional Flavi Ferreira Lisboa Filho (Universidade Federal de Santa Maria). Ellen Fensterseifer Woortmann (Universidade de Brasília) ▶ Local: Sala 006.Segunda-feira — A subalternidade da discussão de gênero interseccionada a de raça/etnia nos trabalhos acadêmicos sobre o MST Pedro Rosas Magrini (Universidade Federal de Santa Catarina). Cristiane Saldanha Garcia (Universidade Federal do Pampa)  O perfil da mulher portuguesa na telenovela brasileira Elaine Javorski (Universidade de Coimbra)  065. Luzinete Simões Minella (Universidade Federal de Santa Catarina). B. Gênero. Térreo.

A caminhada de organização do Movimento de Mulheres Camponesas do Brasil na luta em defesa da vida Teresa Almeida Cruz (Universidade Federal do Acre)  Masculinidade sertaneja contestada: desenvolvimento. Renata Menasche (Universidade Federal de Pelotas)  O traballho de homens e mulheres assentados pela reforma agrária: o caso de Jóia/RS Naira Leticia Giongo Mendes Pinheiro (Universidade Reg. Elisangela Santos de Amorim (Universidade Federal de Santa Catarina)  Mulheres de fronteiras: migrações. gênero. gênero e novos movimentos contestatórios no Vale do São Francisco Paula da Luz Galrão (Universidade Federal da Bahia)  — 17/09 . memória e gênero Losandro Antonio Tedeschi (Universidade Federal da Grande Dourados)  Morte. Rebeca Ramany Santos Nascimento (Universidade Federal de Pernambuco). juventude e migrações no sertão de Pernambuco Vanessa Souza Eletherio De Oliveira (Universidade Federal de Pernambuco).Terça-feira — A participação feminina na agricultura agroecológica: um estudo de caso Adilson Tadeu Basquerote Silva (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Gênero e migrações de mulheres-professoras em assentamentos da Reforma Agrária Jose Fernando Manzke (Universidade Federal de Santa Catarina). Rosineide de Lourdes Meira Cordeiro (Universidade Federal de Pernambuco)  O viés enviesado: a migração rural feminina a partir do olhar masculino Rodrigo Kummer (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Trabalho de homem. identidade étnica e processos associativos em São Braz. trabalho de mulher: olhares sobre a organização do lote a partir da produção Carmen Janaina Batista Machado (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Bahia Suzana Moura Maia (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)  Caderno de Programação | 199 . do Noroeste do Est. do Rio Grande do Sul)  Papéis de gênero.

Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . mediante a ausência de políticas públicas Edileusa da Silva (Universidade Federal de Uberlândia)  Apertando aqui e ali: as estratégias mobilizadas por mulheres chefes família Aline Tosta dos Santos (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Desafios às propostas de sustentabilidade afirmadoras dos direitos humanos Lília Guimarães Pougy (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Direito à assistência social e o viés de gênero Dayse de Paula Marques da Silva (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Feminização da pobreza em tempos de crise capitalista e assistencialização da questão social Roberta Menezes Sousa (Universidade Federal de Pernambuco)  Políticas sociais e relações de gênero no Brasil Priscila Pavan Detoni (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Relações de gênero e direitos humanos: uma abordagem sócio-histórica Rosana Mirales (Universidade Estadual do Oeste do Paraná). Gisele Kava (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Relaciones de clase y género en la intervención del Trabajo Social Martha Edith Valdevenito (Universidad Nacional de La Plata). políticas públicas e Serviço Social Coordenação: Cássia Maria Carloto (Universidade Estadual de Londrina).Quinta-feira — A sobrecarga de trabalho feminino. Gênero. Teresa Kleba Lisboa (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Auditório do CSE. A.066. Paola Alejandra Morales (Universidad Nacional del Comahue)  Transversalidade de gênero e organismos governamentais de políticas para as mulheres: possibilidades e desafios à atuação das/dos Assistentes Sociais Lourdes de Maria Leitão Nunes Rocha (Universidade Federal do Maranhão)  200 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Andréia de Fátima Guimarães (Universidade Estadual do Oeste do Paraná). Térreo. Bl.

Catarina)  Desafios ao protagonismo feminino para a geração de renda em Laguna-SC: gênero. bolsa família e Serviço Social Patricia da Costa Oliveira (Universidade do Sul de Santa Catarina). S. de Janeiro/Prof. Christian Muleka Mwewa (Universidade do Sul de Santa Catrina)  O Programa Mulheres Construindo Autonomia na Construção Civil no balanço entre a Agenda de Gênero e a Agenda Neoliberal Talita Santos De Oliveira (Universidade de Brasília)  Relações de gênero no campo: a superação dos papéis tradicionais como desafio à proteção social básica Mailiz Garibotti Lusa (Universidade Federal de Alagoas)  Sexualidade e ruptura de vínculos familiares: o Serviço Social na atenção às mulheres em situação de violência Thatiane Coghi Ladeira (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Caderno Programação de | 201 .Gênero e pobreza: aspectos heterogêneos e múltiplas dimensões Teresa Kleba Lisboa (Universidade Federal de Santa Catarina)  — 20/09 .Sexta-feira — Acolhimento Institucional de Crianças e Adolescentes: uma leitura na perspectiva de gênero Maria Ignez Costa Moreira (Pontíficia Universidade Católica de Minas Gerais)  Análise do alcance das políticas para as mulheres sob a ótica do acesso à habitação na atualidade Estela Martini Willeman (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro). gestão e gênero Rosana de Carvalho Martinelli Freitas (Univ. Juliana Rosa Pimentel (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Assistindo as famílias operárias mineiras do Complexo Carbonífero do Sul de Santa Catarina: a Igreja Católica legitimando as desigualdade de gênero Giani Rabelo (Universidade do Extremo Sul Catarinense)  Programa Bolsa Família. do R. Fed. Univ. Vis. Fed.

B. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Gênero. 2º Andar. Federal da Bahia)  Mulheres negras em Cuba: representações sociais em tempos de crise (1990-2012) Giselle Cristina dos Anjos Santos (Universidade Federal da Bahia)  202 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Sonia Maria Giacomini (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro) ▶ Local: Sala 333.Tráfico de mulheres no Ceará: o que o Serviço Social tem a ver com isso? Tatiana Raulino de Sousa (Universidade Estadual do Ceará)  Trajetórias de vidas das mulheres mediadas pela divisão sexual do trabalho no território da Casa Verde/SP Mirela Ferraz (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  067.Segunda-feira — Deusa sem templo: a construção do corpo exótico de Saartjie Baartman em Vénus Noire Marjorie Nogueira Chaves (Universidade de Brasília)  A trajetória dos LGBTs negros em revista: um breve estudo sobre as publicações Revista Estudos Feministas e Revista Gênero Joilson Santana Marques Junior (Secr. de Estado de Assistência Social / Centro de Ref. Bl.LGBT)  Já Tive Mulheres de Todas as Cores: representações da mulata e da negra nas canções de Martinho da Vila Edelu Kawahala (Universidade Federal de Santa Catarina)  Mãe Hilda Jitolu: memórias de uma líder espiritual do Curuzu Valéria Catarina dos Santos Lima (Centro de Estudos Afro Orientais/Univ. raça e corporalidade Coordenação: Angela Figueiredo (Universidade Federal da Bahia).

corpos (e) objetos: uma análise sobre o feminino no mercado de produtos eróticos Lorena Mochel Reis (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Miss Mulata e o imaginário social.Terça-feira — Parto “natural humanizado”: a experiência de mulheres de camadas populares em uma casa de parto. Arroio Grande (1969-1999) Beatriz Floôr Quadrado (Universidade Federal do Pampa)  Moças e misses.Na contra mão do cânone: “Poemas da negra” de Mário de Andrade Angela Teodoro Grillo (Universidade de São Paulo)  Ordem hetero e modos de racialização na TV Escola Rosana Medeiros de Oliveira (Universidade de Brasília)  Pedagogias culturais da corporalidade negra em revista Delton Aparecido Felipe (Universidade Estadual de Maringá). bonecas e deusas: raça. gênero e os sentidos históricos dos concursos de beleza negra Giovana Xavier da Conceição Nascimento (Universidade Federal Fluminense)  Caderno de Programação | 203 . Fabiane Freire França (Universidade Estadual de Maringá)  A feminilidade performada na revista Jornal das Moças (1960) Caetana de Andrade Martins Pereira (Universidade de Brasília)  — 17/09 . rainhas. no Rio de Janeiro Olivia Nogueira Hirsch (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Afirmação da negritude ou interesse de classe? Uma etnografia do Instituto Beleza Natural em Salvador Cintia Tâmara Pinto da Cruz (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)  Cia de Dança Afro Euwá-Dandaras: um estudo sobre a corporeidade de jovens negras através da dança afro Eveline Pena da Silva (Universidade Federal de Santa Maria)  Entre boutiques.

Quinta-feira — Bater falando e bater batendo: as performatividades da violência familiar “inter-racial” Rocío Alonso Lorenzo (Universidade de São Paulo)  Compreensão gestáltica de adolescentes negras que sofrem violência de gênero e que engravidam precocemente em um contexto de saúde Rogério Tavares da Cruz (Universidade Federal do Pará). José de Souza Herdy)  Narrativas sobre travestis en prensa digital argentina (2004/2009) Laura Zambrini (Universidad de Buenos Aires)  O estudo da violência de gênero e sua intersecção com raça e classe social Ana Paula de Santana Correia (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  O legado da sexualidade estigmatizada Murilo Pinto Silva Santos (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)  Tramas e dramas da cor: mulheres negras. nossa gente”: a construção de corporalidades e belezas em concursos femininos diversos Aureliano Lopes da Silva Junior (Instituto de Medicina Social/Univ.“Em desfile nossa terra. relacionamentos afetivos e familiares e violência doméstica Bruna Cristina Jaquetto Pereira (Universidade de Brasília)  204 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Adelma do Socorro Gonçalves Pimentel (Universidade Federal do Pará)  Desejo não tem nome de mulher Juliana Dourado Bueno (Universidade Federal de São Carlos)  Gênero e raça no trafico de mulheres Ebe Campinha dos Santos (Universidade do Grande Rio Prof. do Estado Rio de Janeiro)  Pré-natal e direitos reprodutivos: dinâmicas e experiências de gestantes negras Kauara Rodrigues Dias Ferreira (Universidade de Brasília)  O declínio da Mulher e a ascensão da Pós-Mulher Fabio Lopes Alves (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  — 19/09 .

— 20/09 . 2º Andar. na zona norte de Porto Alegre Laís Góis Soares (Centro Universitário Metodista IPA)  Refletindo sobre um modelo de masculinidade hegemônica: meninos negros e pobres na educação de jovens e adultos Rosemeire dos Santos Brito (Universidade Estadual do Centro-Oeste)  068. Rosamaria Carneiro (Universidade de Brasília) ▶ Local: Sala 330. Saúde e experiências geracionais Coordenação: João Batista de Menezes Bittencourt (Universidade Federal de Alagoas). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 Caderno de Programação | 205 . B.Sexta-feira — A construção da identidade da prostituta negra através dos processos perversos divulgados pela sociedade Alyne Isabelle Ferreira Nunes (Universidade Federal de Pernambuco)  As masculinidades de homens negros gays em Salvador da Bahia John Andrew Mundell (Universidade Federal da Bahia)  Convenções e invenções da virilidade masculina entre internos em um Centro de Detenção em Londrina-PR Felipe André Padilha (Universidade Federal de São Carlos)  Corpos de Luxo: prostituição e raça no Rio de Janeiro Bruno Costa Larrubia (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Narrativas em preto e branco: uma etnografia sobre as noções de raça e gênero Cassiana Rodrigues Alves Silva (Universidade Federal de São Carlos)  O trabalho da babá: trajetórias corporais entre o afeto. Gênero. o objeto e o abjeto Nanah Sanches Vieira (Universidade de Brasília)  Pensando as categorias de gênero e raça no universo tradicionalista: um ensaio etnográfico no Centro de Tradição Gaúcha Tiarayu. Bl.

— 16/09 . gênero e experiências geracionais Leila Sollberger Jeolás (Universidade Estadual de Londrina)  Homens jovens.Segunda-feira — A constituição histórica da gravidez na adolescência como um problema social Vanessa Araújo Correia (Universidade de São Paulo)  O câncer de mama feminino e o princípio da integralidade no SUS: possibilidades de atuação do Assistente Social Andreia Martins da Costa (Universidade Federal Fluminense)  Representações sociais de mulheres de três gerações sobre práticas de amamentação Michelle Araújo Moreira (Universidade Estadual de Santa Cruz)  Corporeidade. Marina de Oliveira Cardoso (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)  Envelhecimento.Terça-feira — Correndo risco: “rachas” de carro e de moto. gênero e sexualidade: a percepção de um grupo de idosos do ambulatório do Hospital do Amparo Feminino de 1912 Ana Cleia Gonçalves de Aguiar (Universidade do Estado do Rio De Janeiro)  — 17/09 . Túlio Romério Lopes Quirino (Universidade Federal de Pernambuco)  206 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . masculinidades e práticas cotidianas de cuidados com a saúde Michael Machado (Universidade Federal de Pernambuco). gênero. Karla Galvão Adrião (Universidade Federal de Pernambuco)  Relações de Gênero e implicações nas práticas de saúde sexual e reprodutiva para a(o)s adolescentes Patrícia Figueiredo Marques (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia). Benedito Medrado (Universidade Federal de Pernambuco). saúde eenvelhecimento no Brasil contemporâneo Adriano Rosa da Silva (Universidade Gama Filho)  Por autonomia e liberdade! Os/as profissionais de saúde e os direitos sexuais e reprodutivos de jovens rurais Débora Cavalcanti dos Santos (Universidade Federal de Pernambuco).

Bl. Saúde e Família: negociações com práticas e saberes biomédicos Coordenação: Carlos Guilherme Octaviano do Valle (Universidade Federal do Rio Grande do Norte). Marlene Neves Strey (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  As diferenças geracionais e a influência das amigas travestis e gays no processo de hormonização das transexuais em Maceió-AL Anne Rafaele Telmira Santos (Universidade Federal de Minas Gerais)  “Isso é coisa de mulher. decidindo e contestando: gênero. Térreo. Gênero. B.Segunda-feira — Cuidando.Política de saúde para os homens e os discursos masculinos Kelly Cristina Kohn (Pontifícia Universidade do Rio Grande do Sul). não é nenhum transtorno”: uma investigação sobre as relações de gênero e imagem corporal em práticas de promoção da sáude Tatiana Souza de Camargo (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  Elementos exclusores e transformadores da vivência de “outra” paternidade segundo Agentes Comunitários de Saúde pais Fernando Henrique Ferreira (Universidade Federal de São Carlos)  069. saúde e família em torno do HIV/AIDS Carlos Guilherme Octaviano do Valle (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Caderno de Programação | 207 . Waleska de Araújo Aureliano (Museu Nacional/ Universidade Federal do Rio de Janeiro) Debatedores/as: Sessão 3: Carmen Susana Tornquist (Universidade do Estado de Santa Catarina) ▶ Local: Auditório do Centro de Ciências da Saúde. Centro de Ciências da Saúde (CCS) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 .

Terça-feira— A imagem do avesso: três experiências sobre câncer de mama. fotografia e medicina Waleska de Araújo Aureliano (Museu Nacional/Universidade Federal do Rio de Janeiro)  O grupo como dispositivo de cuidado a mulheres acometidas por câncer ginecológico Keila de Moraes Carnavalli (Instituto Nacional de Câncer). maternidade e experiência terapêutica: a trajetória social das “mães-acompanhantes” de crianças com câncer em Natal-RN Jociara Alves Nóbrega (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Mulheres e uma sala de espera: reflexão acerca do discurso feminino sobre uma doença de longa duração Wilka Barbosa dos Santos (Universidade Federal da Paraíba)  Saber reprodutivo e risco genético: o lugar das mulheres na comunidade da Spoan Neide Mayumi Osada (Universidade Estadual de Campinas)  — 17/09 .Políticas de saúde e os desafios para a distribuição igualitária dos papéis entre homem e mulher no interior da família Claudia Mara Pedrosa (Ministério da Saúde)  Famílias monoparentais femininas e apoio nos cuidados em saúde Carmen Rosario Ortiz Gutierrez Gelinski (Universidade Federal de Santa Catarina)  Rupturas e inovações semióticas diante de uma pessoa intersexual: significados emergentes da interação profissionais de saúde. Antonio Cristian Saraiva Paiva (Universidade Federal do Ceará)  208 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Rosilene Souza Gomes (Universidade Estadual do Rio de Janeiro)  Adversidades e recursos pessoais apresentados por mulheres que vivem e convivem com o HIV no enfrentamento da soropositividade Renata Orlandi (Universidade Federal da Fronteira Sul)  Percepções e sentidos do corpo e da sexualidade entre mulheres vivendo com HIV: um estudo a partir de trajetórias de vida Kelma Lima Cardoso Leite (Faculdade Católica do Ceará). família e criança Ana Karina Figueira Canguçú Campinho (Universidade Federal da Bahia)  Família.

 Marcia Thereza Couto (Universidade de São Paulo). Renato Macedo Filho (Faculdade dos Guararapes)  A ROPA em questão: opção pelos laços biológicos e legalização do vínculo filial entre casais de lésbicas Camila Vitule Brito de Souza (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo). SC. Benedito Medrado (Universidade Federal de Pernambuco). espaços e práticas de resistência Túlio Romério Lopes Quirino (Universidade Federal de Pernambuco). Brasil) Maria Fernada Salvadori Pereira (Universidade Federal de Santa Catarina)  Caderno de Programação | 209 .Quinta-feira — “Mulher tem prazo de validade”: análise da Política Nacional de Atenção Integral em Reprodução Humana Assistida Fabiane Alves Regino (Fundação Oswaldo Cruz).“O que é saúde? O que é ser homem?”: Um estudo de um serviço público de atenção à saúde dos homens Noemi Jéssica Macedo Santos Noca (Faculdades Integradas da Vitória de Santo Antão)  A produção de cuidados à saúde dos homens sob a ótica de gênero: jogos de poder. Rosana Machin (Universidade Federal de São Paulo)  Dos trayectorias reproductivas y el significado ambiguo de la noción de “naturaleza” Carolina Castellitti (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Percepções de vulnerabilidade e interdições na gravidez entre moradoras da Costa da Lagoa (Florianópolis. gênero e sexualidade em uma APAE do interior de São Paulo Julian Simões Cruz de Oliveira (Universidade Estadual de Campinas)  — 19/09 . Michael Machado (Universidade Federal de Pernambuco)  Gênero e saúde mental: sofrimento psíquico e padrões de gênero entre homens e mulheres de uma clínica-dia Fernando José Ciello (Universidade Federal do Paraná)  Sobre “deficiência intelectual”.

partos e natureza(s): reflexões em torno do “parto natural” Heloisa Regina Souza (Universidade Federal de Santa Catarina)  070. Gênero. Camila Pimentel Lopes de Melo (Universidade Federal de Pernambuco)  Sobre mulheres. Bl.Quinta-feira — A produção dos discursos de gênero no Tribunal do Júri: uma análise dos julgamentos de homicídios entre homens e mulheres em Porto Alegre/RS Rochele Fellini Fachinetto (Grupo de Pesquisa Violência e Cidadania)  A Ala GBT do Presídio Central de Porto Alegre Rosimeri Aquino da Silva (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Fernando Seffner (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Além da “mentira”: discursos e práticas sexuais num Instituto Religioso Marcos Alfonso Spiess (Universidade Federal de Santa Catarina)  210 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . é redonda!” Gravidez e sexualidade: “não-diálogo” entre médicos e gestantes em uma maternidade pública em Salvador-BA Jéssica Ferreira (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  A “violência obstétrica” e as disputas em torno dos direitos sexuais e reprodutivos Mariana Marques Pulhez (Universidade Estadual de Campinas)  Relatos da Partolândia: as narrativas em primeira pessoa e os novos sentidos possíveis para o parto Elaine Müller (Universidade Federal de Pernambuco). Raquel Wiggers (Universidade Federtal do Amazonas) ▶ Local: Sala 308.“Se vira! Você não é quadrada. B. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Térreo. sexualidade e violência: práticas indizíveis e sexualidades ininteligíveis Coordenação: Laura Lowenkron (Universidade Estadual de Campinas).

 Ana Cristina Nassif Soares (Universidade Estadual Paulista)  Caderno Programação de | 211 . gênero e representações sociais: uma reflexão necessária Solange Bassetto de Freitas (Universidade Estadual Paulista).Os crimes passionais em Salvador (1940-1980) Antonio Carlos Lima da Conceição (Universidade Federal da Bahia)  O discurso em pauta: sexualidades em processo penal Patricia Rosalba Salvador Moura Costa (Instituto Federal de Sergipe)  Presídios de Mulheres: um lugar para pensar sexualidades e subversões Camila Diane Silva (Universidade Federal de Santa Catarina)  Ser e não ser: as identidades de gênero e a disputa da legitimidade do discurso jurídico Rachel Macedo Rocha (Ordem dos Advogados do Brasil)  — 20/09 .Fragmentos de uma vida inaceitável nas páginas policiais de um jornal catarinense Igor Henrique Lopes de Queiroz (Universidade Federal de Santa Catarina)  Desvendando o mercado do sexo: trajetória de vida dos “garotos de programa” da cidade de Salvador João Diogenes Ferreira dos Santos (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia)  La tortura sexual y la salud mental en Chile bajo Pinochet Brandi Townsend (University of Maryland)  Metendo a colher .Sexta-feira — A cruzada antipedofilia e a criminalização das fantasias sexuais Laura Lowenkron (Universidade Estadual de Campinas)  A interface entre a violência sexual contra crianças e adolescentes e a violência de gênero: notas críticas acerca do cenário do município de Porto Alegre Monique Soares Vieira (Pontifícia Universidade do Rio Grande do Sul)  Abuso sexual de vulneráveis: a importância do princípio protetivo da infância e da adolescência Keila Deslandes (Universidade Federal de Ouro Preto)  Autores de violência sexual contra crianças e adolescentes.

Aportes Feministas Coordenação: Elixabete Imaz (Universidad del País Vasco).Corpo acossado: uma análise acerca da violência policial contra travestis Tuanny Soeiro Sousa (Universidade Federal do Maranhão)  Mulher vítima de violência: desbravando as razões da culpa feminina Jocelaine Espindola da Silva Arruda (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). Susana Rostagnol (Universidad de la República) ▶ Local: Auditório Prof. Natã Souza Lima (Universidade Federal do Amazonas)  071. Dr. Paulo Fernando de Araujo Lago (Auditório do CFH). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 .Quinta-feira — Uma etnografia entrecruzada entre Brasil. Térreo. Isabelle Brambilla Honorato (Universidade Federal do Amazonas). B. tabus e direitos da infância Consuelena Lopes Leitão (Universidade Federal do Amazonas)  “E sua mãe também”: notas sobre recorrência de abuso sexual entre diferentes gerações da mesma família Raquel Wiggers (Universidade Federtal do Amazonas). Nanci Stancki da Luz (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  Mulheres e práticas violentas: silêncio e desvelamentos Claudia Priori (Universidade Estadual do Paraná)  Travestis exploradas sexualmente: necessidades de políticas de enfrentamento Alan de Loiola Alves (Universidade Nove de Julho)  Violência sexual contra crianças e adolescentes: controvérsias. Peru e Ecuador: nas raias de outros/novos sentidos da reprodução e de maternidade Rosamaria Carneiro (Universidade de Brasília)  212 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Género. sexualidades y reproducción en la América Latina contemporánea. Bl.

processos e debates atuais nos movimentos pela humanização do parto no Brasil Helena Fialho de Carvalho Torres (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Linea aborto informacion segura 945-411-951: estrategia de la línea telefónica peruana para romper con el circuito clandestino de información sobre aborto María de Fátima Valdivia del Rio (Colectiva por la Libre Información para las Mujeres)  Caderno Programação de | 213 .Sexta-feira — Cuerpos de mujeres en procesos de parto: situación en el Uruguay y perspectivas de recuperación autonómica Natalia Magnone Alemán (Universidad de la República)  De quem é o parto? Atores. Rossana Bogorny Heinze Schmidt (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  — 20/09 . moralidades e concepções de sexo/gênero na luta dos atingidos pela hanseníase Glaucia Cristina Maricato Moreto (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  La fluidez de los géneros y sexualidades como instrumentos de transgresión social en la literatura latinoamericana Ronald Gobbi Simoes (Purdue University)  Falando com os dedos e escutando com os olhos Joana do Prado Puglia (Universidade de Santa Cruz do Sul).O sexo rebelde dos inconsequentes: descompassos entre pregações malthusianas e práticas sociais populares Carmen Susana Tornquist (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Riscos e Incertezas: um estudo sobre a gestão da contracepção a partir da perspectiva relacional e de gênero Cristiane da Silva Cabral (Universidade Estadual de Campinas)  Nosso corpo nos pertence? Vida reprodutiva de mulheres empregadas domésticas de Chapecó/SC Debora Diana da Rosa (Universidade Federal de Santa Catarina)  “Filhos separados das mães”: estratégias de legitimação.

Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Tecnologia e Saberes Populares Coordenação: Edla Eggert (Universidade do Vale do Rio dos Sinos).O direito ao aborto como direito humano: descompasso entre as recomendações internacionais e os cenários jurídicos nacionais Maria Aparecida Azevedo Abreu (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  La experiencia de abortar con misoprostol: narraciones en primera persona María Trpin (Instituto Superior de Formación Docente N° 12)  072. Cíntia Andréa Dornelles Teixeira (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  Oficinas coletivas sobre o trabalho: desvelando e construindo valores e saberes no trabalho associado Maria Clara Bueno Fischer (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Carla Melissa Barbosa (Secretaria da Educação do Rio Grande do Sul)  214 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . técnica.Segunda-feira — (Re)invenção de pedagogias e o ensino de artesanato em grupos de mulheres no Brasil e na Argentina Aline Lemos da Cunha (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  A prática das parteiras e o universo multifacetado da maternidade Claudete Camargo Pereira Basaglia (Universidade Estadual Paulista)  “Só podia ser mulher”: a questão das relações de gênero no trânsito Marta Lorentz (Sociedade Educacional Três de Maio) Arte. B. Marilia Gomes de Carvalho (Universidade Tecnológica Federal do Paraná) ▶ Local: Sala 332. 2º Andar. processo e conhecimento: a inventabilidade pedagógica de mulheres na tecelagem manual Amanda Motta Angelo Castro (Universidade do Vale do Rio dos Sinos). Bl. Gênero.

a preparação das carnes e as relações de gênero nas Folias de Reis em Urucuia. MG Luzimar Paulo Pereira (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Mutirão Rede Mulher: informação. formação e cidadania . Daniella Bittencourt Gayoso (Instituto Nômades).Parteiras tradicionais de Pernambuco: saberes. los ciudadanos y las representaciones populares de la violencia de género Alice Driver (Universidad Nacional Autónoma de México)  — 17/09 .Sergipe Joana D`Arc Costa (Universidade Tiradentes)  Gênero. escolarização e mercado de trabalho Ivna de Oliveira Nunes (Universidade Federal do Ceará)  Entre a casa e a rua: tentativas de resistência à dominação masculina Hosana Suelen Justino Rodrigues (Universidade Federal de Campina Grande)  Experiências do TpM Radiando diante do fenômeno da violência contra as mulheres em Tangará da Serra/MT Marinês da Rosa (Universidade do Estado de Mato Grosso).Projeto “As Mulheres dão as Cartas” Sandra Di Croce Patricio (Secretaria de Estado da Mulher do Distrito Federal)  El vocero de El PM: Juárez.Terça-feira — A medicina popular praticada por mulheres em âmbito doméstico: a tradição do uso das ervas medicinais em Vitória da Conquista Bahia de 1950 até a atualidade Ana Claudia Rocha Tomagnini Igurrola (Universida de Salamanca)  Mercado de trabalho e qualificação para a mulher de baixa renda em Propriá . Helen Vanessa Oliveira Ritt Zanchin (Universidade do Estado de Mato Grosso)  Caderno de Programação | 215 . práticas e políticas Júlia Morim de Melo (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional). Elaine Müller (Universidade Federal de Pernambuco)  Sangue e água: a matança do gado.

Brasil Benhur Pinós da Costa (Universidade Federal de Santa Maria). 2º Andar. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . B. Bl. Susana Maria Veleda da Silva (Universidade Federal do Rio Grande) ▶ Local: Sala 332.Quinta-feira — Da esquina ao cinemão: uma etnografia da sociabilidade do michê no centro histórico de Fortaleza Maria Lourdes dos Santos (Coordenação de Políticas sobre Drogas da PMF). violência e a vivência travesti na cidade de Ponta Grossa – Paraná – Brasil Vinicius Cabral (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  216 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Paraná Marcia Tobias Carneiro (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Mulher brasileira em discussão no YouTube: representações sociais e imigração entre Brasil e Portugal Luciane do Rocio Moura Martins (Universidade Estadual Ponta Grossa)  Pelos Olhos Dela: as relações entre espaço. Martha Helena Teixeira de Souza (Universidade Federal de São Paulo)  Geografia do Atendimento de Saúde e Vivência Trans: considerações a partir da vivência interdita em Ponta Grossa . Geografias. gêneros e sexualidades Coordenação: Joseli Maria Silva (Universidade Estadual de Ponta Grossa). Antonio Cristian Saraiva Paiva (Universidade Federal do Ceará)  Espacialidades LGBT´s no interior do Rio Grande do Sul.A identidade feminina ambígua em corpos e discursos: o pathos narrativo das funkeiras Isabela Zumba Mascarenhas Senra (Universidade Federal de Pernambuco)  Sexualidade feminina: a mulher por ela mesma no funk carioca Juliana da Silva Bragança (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  073.

espaço escolar e preconceito em Ponta Grossa . Joseli Maria Silva (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  — 20/09 . Gonzalo Federico Zubia (Universidad Nacional de Quilmes)  Do pecado à santidade: espacialidades e maternagens em vivências cotidianas de mulheres prostitutas na cidade de Ponta Grossa – Paraná Juliana Przybysz (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Relações entre homossexualidade.Perturbando los órdenes de la modernidad: espacialidades y corporalidades desde los bordes Andrea Noelia López (Universidad Nacional de Quilmes).Sexta-feira — A escolha profissional e as relações de gênero: percepções de jovens estudantes Andressa Cristiane Colvara Almeida (Universidade Federal do Rio Grande)  A participação feminina nos Ternos de Congo: a Festa de Nossa Senhora do Rosário em Catalão (GO) Marli José Tavares Netto (Universidade Federal de Goiás)  Contribución a la producción de un espacio con equidad de género. el caso de la elección federal en México 2012 María Verónica Ibarra García (Universidad Nacional Autónoma de México)  El proceso de la construcción de un espacio libre de violencia para las mujeres. el caso del Estado de México. William Hanke (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Território descontínuo paradoxal e prostituição na vivência travesti do Sul do Brasil Marcio Jose Ornat (Universidade Estadual de Ponta Grossa). Andressa Cerqueira Carvalhais (Universidade Estadual de Ponta Grossa).2012 Angélica Lucía Damián Bernal (Universidad Nacional Autónoma de México)  Gênero e prática científica: uma análise da produção acadêmica da Geografia brasileira a partir dos periódicos on-line Tamires Regina Aguiar de Oliveira Cesar (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Caderno Programação de | 217 .Brasil Adelaine Ellis Carbonar dos Santos (Universidade Estadual de Ponta Grossa). 2008.

Geografia. gênero. Fernando Bertani Gomes (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  “Cenas Loucas”: as assemblages da violência de jovens do sexo masculino com envolvimento com as drogas na cidade de Ponta Grossa – PR Fernando Bertani Gomes (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  074. masculinidades e espacialidades vivenciadas por adolescentes do sexo masculino em Ponta Grossa. Raquel de Barros Pinto Miguel (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Sala Hassis.Segunda-feira — As bandeirantes da saúde: uma proposta feminina para a saúde pública em São Paulo (1920-1930) Tânia Soares da Silva (Prefeitura de São Paulo)  218 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Térreo. Imagens. nº 005. práticas socioculturais e imigrantes e descendentes de japoneses na cidade de Ponta Grossa – PR Caio Shigueharu Kataoka (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Participação de mulheres na dinâmica eleitoral da região sul do Brasil Alides Baptista Chimin Junior (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Uma reflexão geográfica sobre cartografia social e o movimento feminista Talita Cabral Machado (Universidade Federal de Goiás)  Uso de crack. trabalho e vida cotidiana: algumas reflexões sobre as trabalhadoras da educação em Goiás Carmem Lúcia Costa (Universidade Federal de Goiás)  Papéis de gênero. Bl. B. Paraná Heder Leandro Rocha (Universidade Estadual de Ponta Grossa). representações e gênero Coordenação: Maria Izilda Santos de Matos (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo).

Carlos Lucilia de Sa Alencastro (Universidade Tuiuti do Paraná). representação e identidade Edinéia Pereira da Silva Betta (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Mulher Nação: imagens e representações Ines Manoel Minardi (Universidade Presbiteriana Mackenzie)  — 17/09 . Juracy Filgueiras Toneli (Universidade Federal de Santa Catarina)  Cidade e mulheres: configurações de gêneros na cidade de Boa Vista na década de 1990 Raimunda Gomes da Silva (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Curar. Frederico de Mello Brandão Tavares (Universidade Federal de Ouro Preto)  Caderno Programação de | 219 . doenças e morte nos discursos médicos e jurídicos nos bairros operários de São Paulo. Pedro Vilarinho Castelo Branco (Universidade Federal do Piauí)  Entre imagens e memórias do Centro da Cidade do Salvador: as assimetrias de gênero no uso espaço urbano Claudia Andrade Vieira (Universidade do Estado da Bahia)  Entre tensões e internações: a culpabilização da maternagem nas representações de crimes. poder.Biotecnologias e a produção da mulher criminosa Flávia Fernandes de Carvalhaes (Universidade Federal de Santa Catarina). prevenir e tonificar: representações masculinas em reclames piauienses Bárbara Silva Nunes (Universidade Federal do Piauí). 1925-1940 Sandra Regina Colucci (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Imagens da maternidade no mundo contemporâneo Mirtes de Moraes (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Imagens de professoras e alunas nas escolas elementares frequentadas por italianas e ítalo-descendentes nos anos iniciais do século XX Eliane Mimesse (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Indumentária “típica” da mulher gaúcha: imagem.Terça-feira — A Melindrosa e o Almofadinha: representações de gênero nos desenhos de J.

género y generaciones en la Argentina de los 60´ Isabella Cosse (Universidad de Buenos Aires)  — 19/09 . 60 e 70 Raquel de Barros Pinto Miguel (Universitè Paris Diderot / Paris 7)  Da virilidade à abjeção: o corpo do homem fumante em imagens Camilo Darsie de Souza (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Maureen Schaefer França (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  De filha do barro à filha de Zeus: representações do feminismo através dos tempos a partir de um olhar às histórias da Mulher Maravilha Iuri Andréas Reblin (Faculdades EST)  De Saias na Guerra .Analisando representações de gênero no gibi Turma da Mônica Jovem Bruna Batista Abreu (Universidade Federal de Santa Catarina)  As representações de gênero nos rótulos litográficos de Cachaça do Paraná Alan Ricardo Witikoski (Universidade Tecnológica Federal do Paraná).Quinta-feira — Brasileiras e francesas: lugares de gênero na publicidade das revistas Capricho (Brasil) e Marie-Claire (França).Carlos e de Alceu Penna Thais Mannala (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). décadas de 1950. Marilda Lopes Pinheiro Queluz (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  Os diferentes “sonhos” femininos: as fotomontagens de Grete Stern e as fantasias de capa na revista Idilio Francielly Rocha Dossin (Universidade Federal de Santa Catarina)  Representações femininas nos quadrinhos de aventura das décadas de 1930 a 1950 Natania Aparecida da Silva Nogueira (Universidade Salgado de Oliveira)  “Ese monstruito”: Mafalda. Luiz Felipe Zago (Universidade Feral do Rio Grande do Sul)  220 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Representações do feminino nas charges de Belmonte (1939-45) Vinícius Liebel (Universidade de São Paulo)  Melindrosas e Garotas: representações de feminilidades nos traços de J.

Garotas propaganda nos primórdios da tv: transformações e permanências Maria Elisa Vercesi de Albuquerque (Universidade Presbiteriana Mackenzie). Karina Janz Woitowicz (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Representações do feminino na obra de Charles Le Brun: fisiognomonia. sexualidade e deficiência. Rosana Schwartz (Universidade Presbiteriana Mackenzie)  Ilustrando masculinidades através de imagens do mundo da moda: entre machismo e a construção da elegância Douglas Josiel Voks (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Mujeres argentinas al volante: representaciones de género.Sexta-feira — Direitos humanos. Adriano Henrique Nuernberg (Universidade Federal de Santa Catarina)  Caderno de Programação | 221 . publicidades y consumos asociados al automóvil a lo largo del Siglo XX Carla Muriel del Cueto (Universidad Nacional de General Sarmiento)  Representações de gênero na mídia: um estudo sobre a imagem de homens e mulheres em jornais e revistas segmentadas Paula Melani Rocha (Universidade Estadual de Ponta Grossa). emoções e sensibilidades Maria Izilda Santos de Matos (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Revistas e jornais católicos paraenses no início do século XX: imagens sobre o feminino Liliane do Socorro Cavalcante Goudinho (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Uma breve história daquilo que não se vê: as lingeries e as funções sociais femininas Gisele Bischoff Gellacic (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Visibilidades inventadas: hierarquias no corpo feminino e a produção de padrões de beleza e fealdade em Fortaleza (1900-1940) Luciana Andrade de Almeida (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  — 20/09 . corpo. Um olhar sobre a trajetória da personagem Luciana da telenovela Viver a Vida Melina de la Barrera Ayres (Universidade Federal de Santa Catarina). luta e trabalho: a “Veuve Clicquot Ponsardin” Arlete Assumpcao Monteiro (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  A mocinha em cadeira de rodas: mulher.

Trajetória. Representaciones de la prostitución e imaginarios sociosexuales Carolina Justo von Lurzer (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas)  Uma análise de identidades de gênero em diferentes mídias e a semiótica da vulnerabilidade Viviane Maria Heberle (Universidade Federal de Santa Catarina)  Velhas histórias. Imaginários. na coroa dum lírio: “Jóia do tempo”: Erico Verissimo .Da tela à sala de aula: leituras (não mais) subterrâneas Jair Zandoná (Universidade Federal de Santa Catarina)  Filme de mulher liberada? Corta! Uma história de cinema e censura Ana Maria Veiga (Universidade Federal de Santa Catarina)  Gota de orvalho. constatações e contestações: re(a) presentações Coordenação: Pedro Carlos Louzada da Fonseca (Universidade Federal de Goiás). obra e questões de gênero Elaine Rosa de Souza (Grupo Educacional CPV)  Imagens e intertextualidade em The L Word Adriana Agostini (Universidade Federal de Minas Gerais)  Las dos Fridas: a obra de Frida Kahlo como espaço de reflexão sobre a imagem e a constituição de subjetividade humana Aurélia Regina de Souza Honorato (Universidade do Sul de Santa Catarina)  O Sexo do Egito: Cleópatra e a feminização do Oriente na pintura francesa da segunda metade do século XIX Gregory da Silva Balthazar (Universidade Federal do Paraná)  Pedagogía moral de la televisión. novas leituras: a Bela do século XXI Alvanita Almeida Santos (Universidade Federal da Bahia)  075. Tânia Regina Oliveira Ramos (Universidade Federal de Santa Catarina) 222 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

violência e poder na obra de Herta Müller Rosvitha Friesen Blume (Universidade Federal de Santa Catarina)  Florbela-Flaubert (bovarismo. na América Portuguesa: estratégias de conversão Fernanda Cristina da Encarnação dos Santos (Universidade Federal de Santa Catarina)  Caderno de Programação | 223 . ascetismo e misoginia Pedro Carlos Louzada da Fonseca (Universidade Federal de Goiás)  Misoginia nas narrativas bíblicas paulinas: o exemplo da primeira epístola a Timóteo Edilson Alves de Souza (Universidade Estadual de Goiás). nº 006. Térreo. erotismo e transgressão) Susan Aparecida de Oliveira (Universidade Federal de Santa Catarina)  O feminino e a subjetividade masculina: figuras de mulheres em Heranças.▶ Local: Sala Carlos Drummond de Andrade. de Caldre e Fião Tanira Rodrigues Soares (Centro Universitário La Salle)  As mulheres como “intermediárias transacionais” nos discursos dos Jesuítas. Bl. Vanessa Gomes Franca (Universidade Federal de Goiás)  O desejo e a voz: as antologias de contos eróticos escritos por mulheres Luciana Borges (Universidade Federal de Goiás)  Imagens femininas e erotismo na lírica trovadoresca galego-portuguesa Márcia Maria de Melo Araújo (Universidade Federal de Goiás)  Entre falas e sonhos: sexualidade. B.Segunda-feira — Escrita literária feminina: territórios e empoderamento Alamir Aquino Corrêa (Universidade Estadual de Londrina). Regina Helena Machado Aquino Corrêa (Universidade Estadual de Londrina)  A toalete feminina em Tertuliano: teologização. de Silviano Santiago Claudia Renata Duarte (Universidade Federal de Santa Catarina)  A representação da mulher sul-rio-grandense em A Divina Pastora. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 .

. Tânia Regina Oliveira Ramos (Universidade Federal de Santa Catarina)  Era uma vez o diabo.mulheres ensaiando novos papéis sociais Helena Heloisa Fava Tornquist (Universidade Federal de Santa Catarina)  Roberto Piva e a poético-política como plano de fuga da civilização Evandro de Sousa (Universidade Federal de Santa Catarina)  Sabinas. Gizelle Kaminski Corso (Instituto Federal de Santa Catarina)..— 17/09 . estética e deslocamentos na auto-representação Valeria Rosito (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  224 | F a z e n d o G ê n e r o 10 ... diz a lenda que mulheres que saem com padres viram mula-sem-cabeça. Lucrécias e Tarpéias: o ritual do casamento ressignificado Luiza Andrade Wiggers (Universidade Federal de Santa Catarina)  Autoria feminina negra e a (im)possibilidade de representação do amor romântico Fernanda Felisberto da Silva (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  Muchachas y madrecitas de un suburbio porteño: a representação da figura feminina na poesia de Evaristo Carriego (1883-1912) Gabriela Cassilda Hardtke Böhm (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  “Vestida de azul e branco..” a normalista não mais está: a representação da professora no romance brasileiro Joyce Luciane correia Muzi (Universidade Estadual de Maringá)  Carolina Maria de Jesus: Imaginação..Terça-feira — “As Brasileiras”: que mulheres são essas? Dilma Beatriz Rocha Juliano (Universidade do Sul de Santa Catarina)  “A Mulher do Padre”. Josiele Kaminski Corso Ozelame (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Feminino e Masculino na obra literária de Mário Lago Getúlio Nascentes da Cunha (Universidade Federal de Goiás)  Entre a crítica e a criação.

076. territórrialidade e homossexualidade: a busca da cidadania e as estratégias para afirmação da homossexualidade no Rio de Janeiro Fabio Pessanha Bila (Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro). Kyara Maria de Almeida Vieira (Universidade Federal de Pernambuco)  Perspectivas para a proteção internacional de minorias sexuais e de gênero: dos Princípios de Yogyakarta ao Direito dos Refugiados Daniel Paulo Caye (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Caderno de Programação | 225 . Fabio Ronaldo da Silva (Universidade Federal de Pernambuco). 2º Andar. Valquiria Michela John (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Sexualidade. Bl.Quinta-feira — Estudos sobre masculinidades na mídia: uma lacuna nas pesquisas da área da Comunicação no Brasil Felipe da Costa (Universidade Federal de Santa Catarina). Sarah Schulman (City University of New York/College of Staten Island) ▶ Local: Sala 211. Tarcisio Dunga Pinhiero (Universidade Estadual de Santa Cruz)  American way of life: a influência do movimento gay dos EUA no Brasil através do Lampião da Esquina Paulo Roberto Souto Maior Júnior (Universidade Federal de Pernambuco). In Dreams Begin Responsibilities: The Consequences of Gay Rights Without Social Justice in the Transnational Sphere Coordenação: Felipe Bruno Martins Fernandes (Universidade Federal de Santa Catarina). escola e surdez: processos de escolarização de surdos homossexuais Fabrício Santos Dias de Abreu (Universidade de Brasília). Daniele Nunes Henrique Silva (Universidade de Brasília)  Reiterações e transgressões à heteronormatividade na Escola Yara de Paula Picchetti (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Fernando Seffner (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Corpo. A.

2º Andar. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . B. Bl. gênero e feminismos Coordenação: Mônica Prates Conrado (Universidade Federal do Pará).Quinta-feira — Mulheres jovens e suas experimentações em fazer política Celecina de Maria Veras Sales (Universidade Federal do Ceará)  À flor da pele: a juventude negra feminina na agenda política de juventude no século XXI Juliano Gonçalves Pereira (Centro Federal de Educação Tecnológica do Rio de Janeiro)  Cuando se trata de hablar de maternidad. paternidad y sexualidad juvenil: reflexiones teórico-metodológicas sobre el abordaje etnográfico de la implementación de una política de inclusión social Ana Cecilia Gaitan (Universidad de Buenos Aires)  Juventude indígena: A Festa da Moça em um mundo de transformação Eneida Corrêa de Assis (Universidade Federal do Pará).Bye Bye Brazil – histórias e narrativas de brasileiros LGBT refugiados em Nova Iorque/EUA Osvaldo Francisco Ribas Lobos Fernandez (Universidade do Estado da Bahia)  Reflexões sobre a saúde da população LGBT no Brasil na era da neoliberalização dos serviços Maria Clara de Oliveira Figueiredo (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  O desafio da intersetorialidade no campo das políticas públicas voltadas para a diversidade de gênero Marcia Cristina Brasil Santos (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  077. Nilda Stecanela (Universidade de Caxias do Sul) ▶ Local: Sala 206. Juventudes. Weleda de Fátima Freitas (Universidade Federal do Pará)  226 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

 Danielly Spósito Pessoa de Melo (Instituto Federal de Educaçao. ser pai. Luciana Cristina de Campos Barbosa (Universidade Federal de São Carlos)  Caderno de Programação | 227 .Marcha das Vadias na Paraíba: sonoridades. ser jovem: relações de gênero e os desafios da vida cotidiana no interior da CEU Sueli Salva (Universidade Federal de Santa Maria)  Juventude. de Pernambuco)  Ser mãe. aprendizagens culturais e violência de gênero Pedro Maria da Cunha Moura Ferreira (Universidade de Lisboa). Nilda Stecanela (Universidade de Caxias do Sul)  Meninas e meninos adolescentes construindo sentidos para o ciúme em suas relações afetivo-sexuais: violência disfarçada de amor!? Telma Low Silva (Grupo de Pesquisa em Gênero e Masculinidades). e linguagens Raquel Costa Goldfarb (Universidade Federal de Santa Catarina). sexualidade e sociabilidade: uma análise sobre a iniciação sexual de jovens na cidade de Belém do Pará Julia Glaciele dos Santos Souza (Universidade Federal do Pará)  — 20/09 . Ciência e Tec. Luzinete Simões Minella (Universidade Federal de Santa Catarina). Benedito Medrado (Universidade Federal de Pernambuco). performances. Sanmarie Rigaud Dos Santos (Universidade Federal do Pará)  Juventude. Mara Coelho de Souza Lago (Universidade Federal de Santa Catarina)  A marcha das vadias realizada em Belém do Pará na visão das jovens feministas beleneses Maria de Nazaré de Oliveira Rebelo (Escola Superior Madre Celeste).Sexta-feira — Nas ruas da rede: discursos e estratégias feministas na era digital Bruna Provazi Barreiros (Universidade Federal do ABC)  @feminismo – Ativismo feminista nas redes sociais da Internet Juliana Spagnol Sechinato (Universidade Federal de São Carlos).

Bl. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 228 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Yonissa Marmitt Wadi (Universidade Estadual do Oeste do Paraná) ▶ Local: Sala 334. La relación entre el género y el campo de lo ‘psi’: un desafío para la teoría y la práctica feminista Coordenação: Teresa Ordorika Sacristán (Universidad Nacional Autónoma de México). Daniel Fernando Bovolenta Ovigli (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho)  Sonhos roubados: juventude e relações de gênero Rodrigo Crivelaro (Universidade de São Paulo)  A bordo: mulheres mercantes do Brasil Geisa Costa Coelho (Universidade Federal do Pará)  078. Orlandil de Lima Moreira (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  As sutilezas de gênero: a arte no enfrentamento das desigualdades Mônica Rodrigues Costa (Universidade Federal de Pernambuco)  Jovens universitários em Belém: algumas histórias sobre iniciação sexual Ramon Pereira dos Reis (Universidade de São Paulo)  Pensando a construção de estigmas sexuais na escola a partir da articulação entre Gênero-Sexo e Raça Lilian Silva de Sales (Universidade Federal do Pará)  Conformação ou mudança? Um estudo sobre as jovens no ensino técnico Adriana Cruz da Silva (Instituto Federal de São de Paulo). B. 2º Andar. Franciele da Silva Santos (Universidade Estadual da Paraíba).Nos “bastidores” da pesquisa: sociabilidades e práticas de intimidade de juventudes amazônicas Mônica Prates Conrado (Universidade Federal do Pará)  Juventude e movimento feminista em João Pessoa/PB Idalina Maria Freitas Lima Santiago (Universidade Estadual da Paraíba).

 Carlos Eduardo Bao (Universidade Federal de Santa Catarina)  Una mirada de género al discurso “psi”: el trastorno negativista desafiante y la patologización de la rebeldía de las adolecentes Teresa Ordorika Sacristán (Universidad Nacional Autónoma de México)  Um pênis fora do lugar: em defesa da fantástica igualdade dos sexos Martha Narvaz (Universidade Estadual do Rio Grande do Sul)  Transplantados cardíacos y sua re-inserção social.Terça-feira — Perspectivas Feministas .panorama de sua inserção e papel na psicologia clínica brasileira Claudia de Oliveira Alves (Universidade de Brasília). Glaucia Ribeiro Starling Diniz (Universidade de Brasília)  Caderno de Programação | 229 .— 16/09 . Marlene Neves Strey (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  — 17/09 .Segunda-feira — Mixturas que sanan: reflexiones en torno a un modelo de atención a mujeres indígenas que han sufrido violencia de género Martha Patricia Castañeda Salgado (Universidade Nacional Autónoma de México)  Conjugando gênero e loucura: as experiências de homens e mulheres no cotidiano asilar do Hospital-Colônia Adauto Botelho/PR (1954-1960) Attiliana De Bona Casagrande (Universidade Federal de Santa Catarina). Há diferenças de gênero? Lore Fortes (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Para poder testemunhar a loucura: relações de gênero em depoimentos nos processos civis de interdição Abigail Duarte Petrini (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Vivências da maternidade ao longo do ciclo vital Fabiana Verza (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). Cristiane dos Santos Schleiniger (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul).

assassinas e revistas eróticas. memoria y silencio en “Las cautivas” Lucía Isabel Muñoz (Facultad de Humanidades). especulações sobre a sexualidade de Bispo do Rosário Viviane Trindade Borges (Universidade do Estado de Santa Catarina)  “Eu sou uma nega preta e crioula”: gênero e identidade na obra de Stela do Patrocínio Telma Beiser de Melo Zara (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Literatura e loucura em Hospício é Deus de Maura Lopes Cançado Solange Cordeiro (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  “Não queria saber de vida torta.Gênero: o que esta palavra significa no campo brasileiro da História da Loucura e da Psiquiatria? Yonissa Marmitt Wadi (Universidade Estadual do Oeste do Paraná)  Algunas consecuencias anatómicas de la diferenciación psíquica entre los sexos Abib Federico Orlando (Universidad Nacional de Rosario)  Exumando um arquivo: divas de cinema. vida certa”: construção de si e processo de subjetivação de Dona Farailda – uma mulher do sertão baiano Vânia Nara Pereira Vasconcelos (Universidade Federal Fluminense)  079. Silvia Mabel Novoa Zieseniss (Universidad Nacional del Nordeste) ▶ Local: Sala 003. Bl. Térreo. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 17/09 . B. Elsa Beatriz Grillo (Universidad Nacional del Nordeste)  230 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Las luchas por la inclusión e integración de las mujeres en la región latinoamericana Coordenação: Claudia Fernanda Gil Lozano (Diputada Nacion Argentina (MC)).Terça-feira — Feminismo de Estado e direitos políticos das mulheres: Argentina e Brasil Patrícia Duarte Rangel (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Mandato. pedi a Deus toda vida.

A. LGBTT e escolas Coordenação: Anderson Ferrari (Colégio de Aplicação João XXIII / Universidade Federal Juiz de Fora). Marcio Rodrigo Vale Caetano (Universidade Federal do Rio Grande) ▶ Local: Sala 241.Quinta-feira — “Dentro da condição dele”: das tramas pedagógicas para o corpo (in)viável na Educação Física escolar Priscila Gomes Dornelles (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  “Eclipse de uma paixão”: Rimbaud e o Ensino Médio George Luiz França (Universidade Federal de Santa Catarina)  A diversidade sexual e de gênero na escrita-narrativa de estudantes de Pedagogia em diários de bordo Roney Polato de Castro (Universidade Federal de Juiz de Fora). Marcia de Paula Leite (Universidade Estadual de Campinas)  ¿Mujeres en política? El caso de las diputadas en la provincia del Chaco Silvia Mabel Novoa Zieseniss (Universidad Nacional del Nordeste)  La mujer y el campo intelectual en obras de la literatura del Siglo XIX en Argentina Aldo Oscar Valesini. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 .Tudo muda. 2º Andar. Maia Lucía Bradford (Universidad Nacional del Nordeste)  080. nada muda. Bl. As implicações do uso das tecnologias de informação sobre o trabalho das mulheres no setor eletroeletrônico Pilar Carvalho Guimarães (Universidade Federal de São Carlos). Filipe Gabriel Ribeiro França (Universidade Federal de Juiz de Fora)  A heteronormatividade no ambiente escolar Isabella Tymburibá Elian (Universidade do Estado de Minas Gerais)  Caderno de Programação | 231 .

.Diversidade e alteridade: o lugar que os segmentos LGBTTTI ocupam no currículo da disciplina de Ensino Religioso nas escolas estaduais e municipais de Recife-PE Aurenéa Maria de Oliveira (Universidade Federal de Pernambuco)  Diversidade ou identidades LGBT? Jogos político-pedagógicos na formação continuada de professores/as Claudia Penalvo (Universidade Federal do Rio Grande).Sexta-feira — A produção acadêmica sobre a homossexualidade e a identidade docente Patrícia Daniela Maciel (Universidade Federal de Pelotas)  As produções brasileiras sobre masculinidade(s) publicadas na ANPEd (2000-2012) Amélia Teresinha Brum da Cunha (Universidade Federal de Pelotas)  Com vocês. Emanuele Delgado Olivera (Universidade Federal do Rio Grande)  Escola. José Guilherme de Oliveira Freitas (Universidade Federal do Rio de Janeiro). homofobia: escrevendo uma nova história. Suzy Brasil! Ou será Professor Marcelo?: narrativas e identidades em cena Leandro da Silva Gomes Cristóvão (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Gênero e homoafetividade nos discursos sobre sexualidade em espaço escolar Celso Kraemer (Universidade Regional de Blumenau)  232 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . homossexualidade. Esxs jóvenes que no van a la escuela Jesica Baez (Universidad de Buenos Aires)  — 20/09 .. Mônica Pereira dos Santos (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Formação docente: desenvolvendo e analisando ações educativas para o combate ao sexismo e homofobia nas escolas Marcos Lopes de Souza (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia)  Gênero e diversidade sexual: considerações críticas sobre políticas públicas educacionais e o enfrentamento à homofobia nas escolas José Zuchiwschi (Universidade de Brasilia)  No hay.

Gênero e Intersecções Institucionais Coordenação: Carmen Rosa Caldas-Coulthard (Universidade Federal de Santa Catarina). Hugo Souza Garcia Ramos (Universidade Federal do Espírito Santo).Gênero e sexualidade na educação: uma proposta de formação continuada para os/ as professores/as de Juiz de Fora Thomaz Spartacus Martins Fonseca (Universidade do Estado de Minas Gerais)  Homofobia na escola: análise das narrativas do Livro de Ocorrência Escolar Keith Daiani da Silva Braga (Universidade Estadual Paulista).Segunda-feira — Educação inclusiva e identidades docentes: uma análise de discurso crítica José Ribamar Lopes Batista Júnior (Universidade de Brasília). Roney Polato de Castro (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Tessituras do preconceito: pesquisas quantitativas sobre homofobia e diversidade sexual na escola Jonas Alves da Silva Junior (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  081. Denise Tamaê Borges Sato (Universidade de Brasília)  Caderno de Programação | 233 . Linguagem. Lucia Freitas (Universidade Estadual de Goiás) ▶ Local: Sala 205. Arilda Ines Miranda Ribeiro (Universidade Estadual Paulista)  Narrativas curriculares do jornal “A Tribuna” sobre diversidade sexual e direitos humanos no ano de 2011 Alexsandro Rodrigues (Universidade Federal do Espírito Santo). Mateus Dias Pedrini (Universidade Federal do Espírito Santo)  O corpo travesti e suas marcas no currículo escolar Aline Ferraz da Silva (Universidade Federal de Pelotas)  Tecendo teias de significados através de memórias das relações de gênero e sexualidades Jairo Barduni Filho (Universidade Federal de Juiz de Fora). 2º Andar. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Bloco B.

1996-2004) Estefania Martynowskyj (Universidad Nacional de Mar del Plata)  O discurso jurídico e a invisibilidade das desigualdades de gênero Marisse Costa de Queiroz (Pontifícia Universidade Católica do Paraná)  Análise do discurso jurídico sobre a violência contra a mulher: recepção da Lei Maria da Penha Kélvia Cristina de Menezes Arrais (Universidade Estadual do Ceará)  Prática jurídica do juizado de violência doméstica e familiar: um estudo discursivo Tatiana Rosa Nogueira Dias (Universidade de Brasília) — 17/09 . “El caso del loco de la ruta” (Argentina.Gênero social e a interpretação simultânea da Língua Portuguesa para a Língua de Sinais Brasileira Silvana Nicoloso (Universidade Federal de Santa Catarina)  Revista Nova Escola: práticas de silenciamento das vozes da professora Carmen Brunelli de Moura (Universidade Potiguar)  O lugar da diferença: nuances essencialistas na reafirmação das diferenças de gênero e sexualidade em publicações de divulgação científica Juliana Loureiro de Oliveira (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Movimentos discursivos de apagamento de agressões físicas contra mulheres: a recontextualização e a construção da “história oficial” em interrogatórios policiais de uma Delegacia da Mulher Débora Marques (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro). Liliana Cabral Bastos (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Narrativas de Mulheres e Direito Renata do Vale Elias (Universidade de São Paulo) Un análisis crítico de las noticias sobre violencia de género en la prensa.Terça-feira — As performances discursivo-identitárias de mulheres negras em uma comunidade para negros na Orkut Glenda Cristina Valim de Melo (Universidade de Franca)  234 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

Evelyn Goyannes Dill Orrico (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro)  Masculinidades queer virtuais: performatividade de gênero e multimodalidade no website de relacionamentos Badoo. masculino e heterossexual nas revistas pornográficas brasileiras dos anos 1970 Renata Rodrigues Brandão (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  As concepções de linguagem das Blogueiras Feministas: repensando práticas linguageiras Karla Fernanda Fonseca Corrêa Avanço (Universidade Federal de Goiás)  Jornalismo esportivo e invisibilidade feminina: análise da cobertura dos jogos olímpicos de 2012 realizada pelo jornalismo impresso brasileiro Valquiria Michela John (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  O discurso homossexual no Brasil da afirmação: entre a norma e a resistência Atilio Butturi Junior  (Universidade Federal da Fronteira Sul)  O papel do discurso jornalístico na construção da rede de sentidos sobre o aborto no Brasil no ano de 1980 Carmen Lucia Ribeiro Pereira (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro).com Fabio Santiago Nascimento (Universidade Federal de Santa Catarina).A construção de identidades sexuais para além do feminino. não é eu ESTOU”: estratégias discursivas usadas por ativistas LGBT bissexuais para performar a bissexualidade e combater discriminações Elizabeth Sara Lewis (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  “Príncipe ou Cinderela?”: fabricando identidades “(a)normais” no sujeito homoerótico Clodoaldo Ferreira Fernandes (Universidade Estadual de Goiás). Ariovaldo Lopes Pereira (Universidade Estadual de Goiás)  “Sarado real dotado com local”: língua. desejo e performance no cruising online Gleiton Matheus Bonfante (Universidade Federal do Rio de Janeiro) Caderno de Programação | 235 . Débora de Carvalho Figueiredo (Universidade Federal de Santa Catarina)  “Eu SOU bissexual.

abordajes y debates Coordenação: Graciela B. Argentina Laurana Malacalza (Defensoria del Pueblo Provincia de Buenos Aires)  Algunos aspectos psicológicos de la violencia en la pareja Adriana Rodriguez Duran (Universidad Nacional de La Plata)  Memoria y esclavitud en parable of the sower de octavia butler Cecilia Chiacchio (Universidad Nacional de la Plata)  Violencia institucional y narraciones silenciadas en el encierro Irma Cecilia Colanzi (Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais)  Abuso sexual infantil e escola: enfrentamento e intervenções pedagógicas Márcio de Oliveira (Universidade Estadual de Maringá). Los rostros de la violencia. niveles. Stela Nazareth Meneghel (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  236 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . María Luisa Femenías (Universidad Nacional de La Plata/ Universidad de Buenos Aires) ▶ Local: Sala 209. Bosch (Ciclo Básico Común . Ariane Camila Tagliacolo Miranda (Universidade Estadual de Maringá)  Entre infrações penais e desvios morais: violências institucionais e simbólicas no universo de uma instituição prisional em Natal/RN Heloisa Helena Fonseca do Nascimento (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Femicídios: narrativas de crimes de gênero Roger Flores Ceccon (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). B.Universidad de Buenos Aires). 2º Andar. As. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 .082. Lilian Zielke Hesler (Universidade Federal do Rio Grande do Sul).Quinta-feira — “La culpa no es tuya”: acerca de las concepciones de la violencia de género en las definiciones de políticas públicas provinciales . Bl.Bs.

meandros etílicos e vias de fato: retratos da violência contra a mulher no campo Alexandra Lopes da Costa (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) Femicídios: situações limite decorrentes da violência de gênero Stela Nazareth Meneghel (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Laços maternos/laços de opressão: casos de dor e violências contra mães Luciana Cristina Teixeira de Souza (Universidade do Estado da Bahia)  Violência de gênero e o público jovem: as repercussões do caso Eloá nas revistas Capricho.Os sentidos de ser homem em contextos de violência Isabela Venturoza de Oliveira (Universidade de São Paulo)  Violência contra as mulheres adolescentes e políticas públicas: uma discussão necessária Aylla Milanez Pereira (Cunhã Coletivo Feminista)  Violência doméstica entre o público e o privado: as vozes da violência Marli de Araújo Santos (Universidade Federal de Alagoas)  — 20/09 . Nivia Valença Barros (Universidade Federal Fluminense)  Parâmetros e paradoxos de relações violentas Glaucia Ribeiro Starling Diniz (Universidade de Brasília)  Processos de subjetivação de professores/as da rede de Santa Catarina: entre as violências do percurso e a experiência do cuidado de si Gisely Pereira Botega (Universidade Federal de Santa Catarina)  Caderno de Programação | 237 . Gloss e Atrevida Jacqueline Isaac Machado Brigagâo (Universidade do Estado de São Paulo).Sexta-feira — Dominação masculina. Roselane Gonçalves (Universidade do Estado de São Paulo)  Violência intrafamiliar contra crianças e adolescentes e as questões de gênero no município de Niterói/RJ – 2003/2008 Joice da Silva Brum (Universidade Federal Fluminense).

 Gláucia de Oliveira Assis (Universidade do Estado de Santa Catariana)  Família. condição feminina e imigração Giralda Seyferth (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Homens e mulheres “afastados” pelo corte de cana: uma análise das famílias camponesas no sertão da Paraíba Renata Bezerra Milanês (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  Movimentos migratórios internos e as velhas ou novas questões de gênero: o trabalho reprodutivo como atividade ocupacional Guélmer Júnior Almeida de Faria (Universidade Estadual de Montes Claros)  238 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . autonomia e alteridade das mulheres que permanecem na origem Sueli Siqueira (Universidade Vale do Rio Doce). Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Bl.Quinta-feira — A mobilidade internacional feminina entre os estudantes do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal do Rio de Janeiro Isabela Cabral Félix de Sousa (Fundação Oswaldo Cruz)  Emigração: empoderamento. 2º Andar. Migrações e Feminismos: Nexos e Obstáculos Coordenação: Maria Catarina Zanini (Universidade Federal de Santa Maria).Representações de masculinidades e a relação com a violência na escola pública de Ensino Médio Maria Aparecida Souza Couto (Universidade Federal de Sergipe)  Violência sexual contra crianças e adolescentes: concepções de profissionais da educação e formação continuada na área da prevenção Renata Maria Coimbra Libório (Universidade Estadual Paulista)  083. Miriam de Oliveira Santos (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) ▶ Local: Sala 248. A.

Mulheres camponesas também têm poder de decisão? Fernanda Simonetti (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). mas não fato Maria Catarina Zanini (Universidade Federal de Santa Maria)  Caderno de Programação | 239 . Bolsa Família e migração: a realidade de Caxias do Sul Vania Beatriz Merlotti Herédia (Universidade de Caxias do Sul). antes e depois da Espanha Renata da Silva Nobrega (Universidade Estadual de Campinas)  A difícil decisão do retorno. Renata Menasche (Universidade Federal de Pelotas)  Mulheres imigrantes em um contexto patriarcal: analisando alguns casos Miriam de Oliveira Santos (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  Mulheres migrantes e mercado de trabalho Maria Clara Mocellin (Universidade de Santa Maria)  Mulheres. casamento e dinheiro. Bruna Pandolfi (Universidade de Caxias do Sul)  A construção da identidade de gênero entre as mulheres muçulmandas de Foz do Iguaçu/Ciudad del Este Aline Maria Thomé Arruda (Universidade de Brasília)  — 20/09 .Sexta-feira — “Ainda existe amor pra você?” Amor. Trabalhadoras domésticas bolivianas e peruanas na Espanha em tempos de crise econômica Larissa Viana Barbosa (Université Paris 8)  A construção da identidade da mulher imigrante brasileira em Portugal: a atuação de organizações que defendem os direitos de migrantes Jéssica de Cássia Rossi (Universidade Estadual Paulista)  As meninas do pequi fora do sertão: imigrantes goianas em Lisboa Juliana dos Santos Pereira  (Universidade de Lisboa)  Brasileiras na Itália: quando o jus sanguinis é direito.

Cristina Scheibe Wolff (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Sala 243.Quinta-feira — 1964: Memórias de dor persistentes Elianara Corcini Lima (Centro Universitário La Salle).Lucí. uma mulher (des)estruturada: rearticulações nas relações familiares e de gênero na trajetória de vida de uma e/imigrante valadarense retornada dos Estados Unidos Elton Francisco (Universidade Federal Santa Catarina). Aline Accorssi (Centro Universitário La Salle)  La revancha patriarcal: las violaciones como método represivo. Mendoza (1974-1980) Alejandra Ciriza (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas). Militância e vida cotidiana: os anos 60 e 70 no Cone Sul Coordenação: Alejandra Oberti (Universidad de Buenos Aires). Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Bl. 2º Andar. Experiências de vida no sul do Brasil Lorena Salete Barbosa (Universidade Federal de Santa Maria)  Perseguição relacionada ao gênero e a definição de refugiado Thais Lara Marcozo Severo (Universidade de São Paulo)  084. Eunice Sueli Nodari (Universidade Federal de Santa Catarina)  Maria: migração internacional de empregadas domésticas brasileiras Marcelo José Oliveira (Universidade Federal de Viçosa)  Mulheres brasileiras na Itália: algumas trajetórias Eloisa Rosalen (Universidade Federal de Santa Catarina)  O homem haitiano enquanto imigrante. Laura Rodríguez Agüero (Universidad Nacional de La Plata)  240 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . A.

años 70) Alejandra Oberti (Universidad de Buenos Aires)  Caderno Programação de | 241 . família.Madre Maurina e das Freiras Francesas: experiências de vida religiosa durante as ditaduras militares no Brasil e Argentina Caroline Jaques Cubas (Universidade Federal de Santa Catarina)  Militâncias políticas. partido: o caso do Araguaia Deusa Maria de Sousa (Universidade Federal do Piauí)  Mulheres em notícia? Problemáticas feministas nas páginas do jornal “A Classe Operária” – 1967-1975 Débora Strieder Kreuz (Universidade Federal de Pelotas)  Subjetividad descentrada: las mujeres y la militancia en la izquierda revolucionaria (Argentina. 1960-1973) Claudia Andrea Bacci (Universidad de Buenos Aires)  Militância. afetos clandestinos Danielle Tega (Universidade Estadual de Campinas)  Moral e comportamento a serviço da ditadura militar – uma leitura dos escritos da Escola Superior de Guerra Ana Rita Fonteles Duarte (Universidade Federal do Ceará)  O discurso da revista “Rainha” sobre família durante a Ditadura Civil-Militar Julia do Carmo da Silva (Universidade Federal de Santa Maria)  O golpe de 1964 e a atuação da Campanha da Mulher pela Democracia (CAMDE) em Santa Catarina Michel Goulart da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina)  O Marcha e a violência nas ditaduras do Brasil e Uruguai (1968-1974) Mirian Alves do Nascimento (Universidade Federal de Santa Catarina)  O feminismo em páginas alternativas Thiago do Vale Pereira Livramento (Universidade Federal de Santa Catarina)  — 20/09 .Sexta-feira — Cuerpos liberados y política revolucionaria (Argentina.

Uma leitura das discussões brasileiras e uruguaias sobre os direitos políticos das mulheres Maria Laura Osta Vazquez (Universidade Federal de Santa Catarina)  “As filhas de Eva querem votar”: a luta em prol do sufrágio feminino no Brasil Mônica Karawejczyk (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  “La profesión decente”.Segunda-feira — Os paradoxos da cidadania universal.Therezinha Godoy Zerbini e Carmen Lara Castro: As “burguesas” que foram à luta Tamy Amorim da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina)  Um breve histórico do movimento feminista no Brasil e a luta contra a violência de gênero Margarita Danielle Ramos (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais)  Uma voz feminina no movimento estudantil de Criciúma Marli Paulina Vitali (Universidade do Extremo Sul Catarinense)  Vidas precarias. El magisterio en la Argentina: 1900-1940 Flavia Fiorucci (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas)  El Almanaque de la Madre de Familia: un análisis de la familia y sus representaciones sociales y de género (1923-1973) Linara Bessega Segalin (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  242 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Mariela Peller (Universidad de Buenos Aires)  085. Mujeres y Derechos. B. La cotidianidad de la violencia en la militancia en el prt-erp en la argentina de los setenta. Sincronías y asincronías en Iberoamérica (1910-1975) Coordenação: Adriana María Valobra (Universidad Nacional de La Plata). Carolina Biernat (Universidad Nacional de Quilmes) ▶ Local: Sala 311. Departamento de Literatura Estrangeiras. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Bl. 3º Andar.

Os limites da cooperação entre grupos feministas e a diplomacia Teresa Cristina de Novaes Marques (Universidade de Brasília)  Políticas y prácticas: madres solteras durante el período peronista (1945-1955) Maria Teresa Acosta (Universidad Nacional de Quilmes)  Participación de la mujer en la vida pública: el Seminario Nacional de 1960. Bl. María José Magliano (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas) ▶ Local: Sala 245. Argentina Adriana María Valobra (Universidad Nacional de La Plata)  Acuerdos internacionales y planificación sanitaria materno infantil en la Argentina de los sesenta Carolina Biernat (Universidad Nacional de Quilmes). A. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Interrelaciones entre géneros y migraciones Coordenação: Ana Mallimaci Barral (Universidad de Buenos Aires). Karina Ramacciotti (Universidad de Buenos aires)  Cárcel de mujeres: monjas y presas políticas en los años setenta Débora D´Antonio (Universidad de Buenos Aires)  Entre la injuria y la revolución: emergencia.Quinta-feira — Code generated at the main author’s registration 6788190: Mujeres y hombres en el retorno a Ecuador desde España. plenitud y ocaso del frente de liberación homosexual en la Argentina (1967-1976) Patricio Simonetto (Universidad Nacional de Quilmes)  086. Estrategias económicas. 2º Andar. Mujeres y varones migrantes. socio-familiares y afectivas Dallemagne Gregory (Universidad Autónoma de Madrid)  Migrantes centroamericanas en méxico: entre el retorno y la sobrevivencia Estrella Vega Mirna Yazmin (Universidad Nacional Autónoma de México)  Caderno de Programação | 243 .

solidaridad y cuidado en las migraciones transnacionales María del Rocío Pérez Gañán (Universidad de Cantabria). Huellas olvidadas de experiencia. Canadá Rodrigo Fessel Sega (Universidade Federal de São Carlos)  — 20/09 .Mujeres y hombres en el retorno a Ecuador desde España. socio-familiares y afectivas Cristina Vega (Faculdade Latino Americana de Ciências Sociais). Estrategias económicas. María Victoria (Universidad Nacional de Córdoba)  Las abuelas de la migración. organización obrera y solidaridad política de mujeres trabajadoras en el Conurbano Sur Florencia Partenio (Universidad de Buenos Aires)  244 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Sexta-feira — Desarmar la casa del amo con la nacionalidad del amo: italianidad. Dallemagne Gregory (Universidad Autónoma de Madrid)  Formas de movilidad femenina. salud reproductiva e interculturalidad: el caso de las mujeres migrantes sudamericanas en la ciudad de Córdoba Lila Aizenberg (Centro de Investigaciones y Estudio Cultura y Sociedad)  Seletividade migratória e relações de gênero: brasileiras e brasileiros qualificados em Toronto. Denise Zenklusen (Universidad Nacional de Córdoba). Andrea Augusta Neira Molina (Universidad Católica de Lovaina)  Migración. Rosana Baeninger (Universidade Estadual de Campinas)  Mujeres en la migración: estrategias de supervivencia de migrantes bolivianas y peruanas en Argentina María José Magliano (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas). Ana Mallimaci Barral (Universidad de Buenos Aires)  Migração feminina: um debate teórico e metodológico acerca dos estudos de gênero Roberta Guimarães Peres (Universidade Estadual de Campinas). El caso de mujeres migrantes ecuatorianas en Buenos Aires.

Mónica Graciela Zoppi Fontana (Universidade Estadual de Campinas) ▶ Local: Sala 246. Bl.Quinta-feira — O riso feminista na imprensa alternativa (1970-1980) Cintia Lima Crescêncio (Universidade Federal de Santa Catarina)  A constituição do sujeito político lésbica nas Marchas Lésbica e na Jornada Lésbica Feminista no Rio Grande do Sul Roselaine Dias da Silva (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Mulheres negras: de Palmares às escolas de samba Mariana Jafet Cestari (Universidade Estadual de Campinas)  Caderno Programação de | 245 . Juan Carlos Sabogal Carmona (Universidad Nacional de Córdoba)  Identidade de gênero. Javier Andres Paez (Universidad Nacional de Córdoba)  Violência de gênero contra mulheres imigrantes Roberta de Alencar Rodrigues (Centro Universitário Facvest)  087.Eles vão. subjetividade e migração internacional Aparecida Amorim (Universidade Estadual Paulista)  Las potencialidades de una doble alteridad. elas ficam: as mulheres nas narrativas de Orlanda Amarilis Tiago Ribeiro dos Santos (Universidade Federal de Santa Catarina)  Género y políticas de “migración forzada”: dinámicas de articulación reciente en el contexto regional Janneth Karime Clavijo Padilla (Universidad Nacional de Córdoba). géneros disidentes y patologización de la diferencia María Fernanda Stang (Universidad Nacional de Córdoba). 2º Andar. Mulheres em discurso: processos de subjetivação e práticas de resistência Coordenação: Marie-Anne Paveau (Université de Paris 13 Nord). Migración. A. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 .

Corpo. RS Moacir Lopes de Camargos (Universidade Federal do Pampa)  Poder e resistência nos processos de subjetivação das “mulheres transfeministas”: sobre o papel da crítica da noção de gênero nos “transfeminismos” Jefferson Voss (Universidade Estadual de Campinas)  Pornô para elas: modos de funcionamento do discurso pornográfico feminista Luana Ferreira de Souza (Universidade Estadual de Campinas)  Entre ditos e não-ditos.Sexta-feira — O imaginário social “Mulher Brasileira” em Portugal: uma análise da construção de saberes. memoria y resistencia Monica Vasconcellos Cruvinel (Universidade Estadual de Campinas)  Mulheres palestinas: entre o silêncio e o grito Maria Aparecida Nasser de Melo (Universidade Estadual de Campinas) Memórias de mulheres batuvanas Ana Josefina Ferrari (Universidade Estadual de Campinas)  O silêncio no discurso das ciências agrárias Valéria Cristina Costa (Universidade Estadual de Campinas)  246 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . A imagem da mulher brasileira no discurso do turismo Glória da Ressurreição Abreu França (Universidade Estadual de Campinas)  Marcha das Vadias.Sobre fronteiras: os corpos trans (in)visíveis na cidade de Bagé. sujeito e ideologia Tyara Veriato Chaves (Universidade Estadual de Campinas)  Corpo feminino no audiovisual contemporâneo: o corpo operário e o corpo suporte Nadia Regia Maffi Neckel (Universidade do Sul de Santa Catarina)  Sentidos sobre mulheres e cidade em séries televisivas Valquiria Botega de Lima (Universidade Estadual de Campinas)  — 20/09 . das relações de poder e dos modos de subjetivação Mariana Selister Gomes (Instituto Universitário de Lisboa)  Entre rejas y cadenas: mujer.

B. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 .No silêncio do dizer e da nomeação: fortaleza e constituição da resistência da mulher Xavante Águeda Aparecida da Cruz Borges (Universidade Federal de Mato Grosso)  Neusa Carson: memória e história da pesquisa no Sul Simone de Mello de Oliveira (Universidade Federal de Santa Maria). Bl. Verli Petri (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Violência contra a mulher e práticas de resistência: a questão da identificação ao discurso institucional Ana Paula Peron (Universidade Estadual de Campinas)  Adultério nos textos legais e a questão de gênero Helen Ulhôa Pimentel (Universidade Estadual de Montes Claros)  Modos de subjetivação do feminino no primeiro jornal dedicado as mulheres: o jornal das senhoras. Maria Aparecida Santana Camargo (Universidade de Cruz Alta)  Algumas reflexões sobre a ausência de mulheres afrodescendentes no Parlamento Nacional Liandra Lima Carvalho (Universidade Federal Fluminense)  Caderno Programação de | 247 .Segunda-feira — A interseccionalidade entre gênero e raça para a construção étnico-identitária das mulheres negras Mariane Camargo D’Oliveira (Universidade de Santa Cruz do Sul). Matilde Ribeiro (Faculdade Paulista de Serviço Social) ▶ Local: Sala 009. de 1852 Giovanna Gertrudes Benedetto Flores (Universidade do Sul de Santa Catarina)  088.Térreo. Mulheres negras e suas diversas formas de organização no Brasil Coordenação: Denise Maria Botelho (Universidade Federal Rural de Pernambuco).

Terça-feira — Manifestos de coletivos de mulheres negras brasileiras: uma discussão sobre etnicidade e gênero Fabiana Gonçalves Santos (Universidade Cândido Mendes)  Mulheres Negras do Rosário do Pelourinho: memória. ponto de encontro sobre as condições de vida das mulheres negras Emanuelle Freitas Goes (Odara Instituto da Mulher Negra)  Interseccionando gênero e raça: o sujeito político “mulheres negras” Ana Nery Correia Lima (Universidade Federal do Maranhão)  Sexismo e racismo: algumas considerações sobre o perfil identitário e o movimento das mulheres negras Maria Zelma de Araujo Madeira (Universidade Estadual do Ceará)  Mulheres do Congresso Nacional Africano na luta contra o apartheid nos anos 80s na África do Sul Natalia Cabanillas (Universidade de Brasília)  — 17/09 . identidade e poder Analia Santana (Universidade do Estado da Bahia)  Pela trajetória da memória ancestral: resistência pacífica e desobediência civil das mulheres negras de terreiro no enfrentamento ao racismo Ciani Sueli das Neves (Faculdade de Olinda)  Vestígios: a produção intelectual de Lélia Gonzalez na imprensa alternativa (1978 – 1985) Luana Diana dos Santos (Secretaria Estadual de Educação de Minas Gerais)  Guerreiras do RAP: a invisibilidade da mulher negra produtora de cultura Hip Hop do Distrito Federal e entorno Verônica Diano Braga (Universidade de Brasília)  As forras foram a desforra: as negras no estúdio de Militão Azevedo José Edsandro Dantas Gonsalo (Pontifícia Universidade Católica)  Trabalho doméstico: um debate sobre a história material de sua existência Bergman de Paula Pereira (Instituto Santanense de Ensino Superior)  248 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .As libertas e o trabalho doméstico em Desterro Daniela Fernanda Sbravati (Universidade Federal de Santa Catarina)  Intersecção.

em Fortaleza (CE) Juliana Frota da Justa Coelho (Instituto de Teologia Aplicada)  Caderno de Programação | 249 . horror e sexo em Porn of the dead Jorge Leite Júnior (Universidade Federal de São Carlos)  Let the punishment fit the viewer: uma maso-crítica dos filmes de Maria Beatty Ramayana Lira de Sousa (Universidade Federal de Santa Catarina). Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Ramayana Lira de Sousa (Universidade do Sul de Santa Catarina) ▶ Local: Sala 206. Bl.Segunda-feira — A pornografia é um morto-vivo? Humor. pornografias e feminismos Carolina Ribeiro Pátaro (Universidade Federal do Paraná)  — 17/09 . Olhares sobre as pornografias Coordenação: Mariana Baltar (Universidade Federal Fluminense).089. gênero e sexualidade em Alice no País das Maravilhas Edilson Brasil de Souza Júnior (Faculdade Nordeste)  A Trilogia do Pecado: o cinema pornô de Leila Lopes como fonte histórica de análise e representação Ébano Nunes de Góis Vieira Santana (Universidade do Estado de Santa Catarina)  A pornografia no gênero musical funk Edinéia Aparecida Chaves de Oliveira (Universidade do Sul de Santa Catarina)  Apimentando as análises – Entre narrativas. do fantástico ao pornô: reflexões sobre corpo. Alessandra Soares Brandão (Universidade do Sul de Santa Catarina)  Alice repartida em quatro ou Alice. B.Terça-feira — A produção de subjetividades toxicopornográficas no “cinemão” Majestick. 2º Andar.

minorias e políticas sexuais Larissa Costa Duarte (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Pornografia feministas Maria Eduarda Ramos (Universidade Federal de Santa Catarina). Fabiana Cardoso Malha Rodrigues (Universidade Federal de Minas Gerais) ▶ Local: Sala de Usos Múltiplos. e muito Erick Mendonça Dau (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  090. Os Direitos Humanos e os desafios atuais dos feminismos: as mulheres e a garantia de seus direitos Coordenação: Anna Marina Madureira de Pinho Barbará Pinheiro (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Erotismo. nº 16. Mara Coelho de Souza Lago (Universidade Federal de Santa Catarina)  Pornoideologia: me engana que eu gosto. pornografía y algo más en tiempos de dictadura Veronica Giordano (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas)  Indo à caça: caminhos pornôs na cidade de Goiânia Fernando Ribeiro Matos (Universidade Federal de Goiás)  O Pornogate de Ronald Reagan: pornografia.A revista do Homem (1975-1978). 1º Andar.Segunda-feira — A aplicação dos direitos humanos das mulheres: olhares voltados para a Argentina e o Brasil Lílian Lima Gonçalves dos Prazeres (Universidade Federal do Espírito Santo)  A importância dos tratados internacionais na consolidação dos direitos das mulheres no Brasil Priscila Vieira dos Santos (Instituto Federal do Maranhão)  250 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Departamento de Geociências. C. Bl.

Brasil Cláudio Claudino da Silva Filho (Universidade Federal de Santa Catarina). Daniela Auad (Universidade Estadual de Campinas)  Compreendendo o processo de identificação da violência conjugal no âmbito da Estratégia Saúde da Família Nadirlene Pereira Gomes (Universidade Federal da Bahia). Elisabeth Meloni Vieira (Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto)  Violência institucional e julgamento moral na assistência à mulher em situação de violência doméstica: representações sociais de profissionais de saúde em São Francisco do Conde. características y estado de los indicadores de género para medios de comunicación Ruth Ainhoa (Universidad de Málaga)  O direito à comunicação refletido a partir de pesquisa sobre a presença feminina em jornais. Nadirlene Pereira Gomes (Universidade Federal da Bahia).Os direitos reprodutivos e a sua negação como direitos humanos pela Igreja Católica Priscila Kikuchi Campanaro (Universidade Metodista de São Paulo)  Definición. condutas e encaminhamentos Mariana Hasse (Universidade de São Paulo). Normélia Maria Freire Diniz (Universidade Federal da Bahia)  A querelle des femmes em Portugal: os reflexos dos espelhos Luciana Eleonora de Freitas Calado Deplagne (Universidade Federal da Paraíba)  Caderno de Programação | 251 . Cláudio Claudino da Silva Filho (Universidade Federal de Santa Catarina)  Conjunto CFESS-CRESS (Conselhos Federal e Regionais de Serviço Social) e a defesa da livre expressão da sexualidade e livre expressão das identidades de gênero não hegemônicas Marylucia Mesquita Palmeira (Universidade de Brasília). Bahia. Maurílio Castro de Matos (Conselho Federal de Serviço Social)  Médicos. enfermeiros e a violência contra a mulher: conhecimentos. durante as eleições de 2010 Cláudia Regina Lahni (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Daniela Barsotti Santos (Universidade de São Paulo).

 Cristiane de Oliveira Vargas Silva (Residente de Serviço Social)  Os desafios dos Conselhos de Direitos da Mulher na luta pelo fim da violência de gênero Renata Lemos Coloneze (Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Duque de Caxias). Jane Felipe Beltrão (Universidade Federal do Pará)  Prostituição feminina no Brasil: da questão de “polícia” à conquista de direitos Tatiane Michele Melo de Lima (Prefeitura do Recife)  Mulher. Emmanuela Neves Gonsalves (Universidade Federal do Rio de Janeiro). trabalho e maternidade: análise do sexismo presente no Direito do Trabalho brasileiro como barreira à igualdade de gênero Regina Stela Corrêa Vieira (Universidade de São Paulo)  Lactantes e concursos públicos: exclusões e silenciamentos Luciana Santos Silva (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  O trabalho com mulheres soropositivas na perspectiva de gênero: um desafio para o Serviço Social Sônia Maria Araújo Figueiredo Almeida (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  Oficinas socioculturais: uma proposta dialógica para o enfrentamento à violência de gênero Higor Linhares de Souza (Universidade Gama Filho).— 17/09 . Carla do Nascimento Santos Morani (Universidade do Grande Rio)  252 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Terça-feira — As relações de gênero no Programa Nacional de Direitos Humanos: avanços e resistências André Luiz Faisting (Universidade Federal da Grande Dourados)  Constitucionalidade da Lei Maria da Penha: pensando mulher(es) e família(s) a partir do Supremo Tribunal Federal Mariah Torres Aleixo (Universidade Federal do Pará). Pamella Valadares Console Silva (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Roda de Conversa: uma experiência de intervenção no enfrentamento a violência de gênero Erika Fernanda Marins de Carvalho (Universidade Federal do Rio de Janeiro).

 Tayza Cristina Nogueira Rossini (Universidade Estadual de Maringá)  A terra arcaica: ânsias repreendidas Beatriz Pazini Ferreira (Universidade Estadual de Maringá)  A teoria queer posta em prática na literatura: o caso Esquizotrans Fabio Figueiredo Camargo (Universidade Federal de Uberlândia)  As faces de Alice: homoerotismo feminino na literatura portuguesa contemporâena Jorge Vicente Valentim (Universidade Federal de São Carlos)  Desafios. Algumas leituras de gênero e das identidades sexuais em textos da literatura e da cultura Coordenação: Fabio Figueiredo Camargo (Universidade Federal de Uberlândia). Outros paradigmas. de Maria Adelaide Amaral Marcela Gizeli Batalini (Universidade Estadual de Maringá).Quinta-feira — A construção da personagem feminina em Estrela nua (2003). nº 407. Bl. 4º Andar. Paulo César Souza García (Universidade do Estado da Bahia) ▶ Local: Sala Machado de Assis. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 .Voto feminino e feminismo: o sufrágio feminino em debate na Primeira República Lenina Vernucci da Silva (Universidade Estadual Paulista)  091. rumos e trajetórias da homocultura nos estudos literários Paulo César Souza García (Universidade do Estado da Bahia)  Elvis & Madona: errância de gênero ou identidade borrada Marcelo Spitzner (Universidade Federal de Santa Catarina)  Configurações queer em “Amar é Crime” de Marcelino Freire Olinson Coutinho Miranda (Universidade do Estado da Bahia)  Caderno Programação de | 253 . B.

homossexualidade e literatura: novas possibilidades de pensar um tema Viviane Caminhas Santana (Universidade Estadual de Montes Claros)  ¿Catalina Erauso era vasca? Representaciones identitarias e intersecciones entre género. de Adriana Lisboa Carlos Henrique Bento (Instituto Federal Minas Gerais)  Entre traços e traças: narrativas de desejos estranhos Ana Gabriela Pio Pereira (Universidade do Estado da Bahia)  Lesborgs. sexualidad y nación Amaia Alvarez Uria (Universidad del País Vasco)  092. Bl.— 20/09 . Transdroids e Interaliens: personagens ciência-ficcionais femininas além das Fembots Luana Barossi (Universidade de São Paulo)  Salvador Novo: radicalismo literário e sexual Helder Thiago Cordeiro Maia (Universidade Federal Fluminense)  Saindo do armário? Uma análise da produção discursiva sobre o grupo LGBT na mídia impressa em Goiás Lenise Santana Borges (Pontifícia Universidade Católica de Goiás). 2º Andar. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 254 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . representações sociais. Jurema Werneck (Criola) ▶ Local: Sala 209. Pensamento das mulheres negras na diáspora Coordenação: Cláudia Pons Cardoso (Universidade do Estado da Bahia).Sexta-feira — Mulheres à deriva em Sinfonia em Branco. B. Alice de Alencar Arraes Canuto (Pontifícia Universidade Católica de Goiás)  Subvertendo a performance: Mercúcio como símbolo de não-normatividade em Romeu e Julieta Renata Lucena Dalmaso (Universidade Federal de Santa Catarina)  Gênero.

” da poeta afro-americana June Jordan Gabriela Eltz Brum (Universidade Federal de Santa Catarina)  A escrita das irmãs/hermanas/sisters: notas preliminares acerca da obra não ficcional de autoras negras Alex Ratts (Universidade Federal de Goiás)  — 17/09 .— 16/09 . de Ana Maria Gonçalves Fernanda de Andrade (Universidade Estadual de Maringá)  Análise de discurso de mulheres negras e quilombolas sobre liberdade.Terça-feira — Da educação ao samba: uma breve biografia de Dona Uda Gonzaga Priscila Cristina Freitas (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Atualidade do conceito de interseccionalidade para a pesquisa e prática feminista no Brasil Cristiano Santos Rodrigues (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Caderno de Programação | 255 .Segunda-feira — “Blackness”: identidades. visibilidade. 2012) Raquel Souzas (Universidade Federal da Bahia)  “Chegou a Nega Gizza na parada”: um estudo sobre autoria. violência. racismo e discriminações no âmbito da conjugalidade (Bahia. racismo e masculinidades em bell hooks Alan Augusto Moraes Ribeiro (Universidade de São Paulo)  A voz silenciada da literatura brasileira Cláudia Fabiane da Costa Cambraia (Universidade Nova de Lisboa). Isabel Cruz Lousada (Universidade Nova de Lisboa)  O que é ser mulher: análise da poesia de Alzira Rufino e de Afua Cooper Sérgio Luz e Souza (Universidade Federal de Santa Catarina)  Por uma estética da resistência: a centralidade da escrava no romance Um Defeito de Cor. empoderamento Diony Maria Oliveira Soares (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Questões de raça e representação pictorial no ekphrástico livro “Who Look at Me.

filhos. 2º Andar.Quinta-feira — Ideas del norte.Feminismo negro no Brasil: a luta política como espaço de formulação de um pensamento social e político subalterno Ana Claudia Jaquetto Pereira (Universidade Estadual do Rio de Janeiro)  Mulheres Negras: ativismo e paradoxos na luta antirracista e antissexista na Bahia Silvana Santos Bispo (Secretaria da Educação do Estado da Bahia)  Testemunha esclarecida da própria história Fabiana Leonel de Castro (Secretaria de Educação do Estado da Bahia)  A construção da identidade feminista negra: experiências de mulheres negras brasileiras Cláudia Pons Cardoso (Universidade do Estado da Bahia)  Mulheres escravas. padrinhos e madrinhas: estratégias presentes na pia batismal. século XIX Marcia Cristina de Vasconcellos (Fundação Educacional Unificada Campograndense)  Os segredos de Virgínia: estudo de atitudes e relações raciais nos anos 1940-1950 Janaina Damaceno Gomes (Universidade de São Paulo)  Mulheres faladas e domésticas: a experiência de um clube social no sertão baiano (1970-1990) Aleí dos Santos Lima (Centro Educacional Objetivo)  093. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . Eliana de Souza Ávila (Universidade Federal de Santa Catarina) ▶ Local: Sala 247. A. cuerpos del sur: cruces y desvíos entre teorías y derivas de bailarinxs de tango queer Brunela Succi (Freie Universität Berlin)  256 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . litoral sul-fluminense. Perspectivas Queer em Debate Coordenação: Ana Cecília Acioli Lima (Universidade Federal de Alagoas). Bl.

 Luciana Leila Fontes Vieira (Universidade Federal de Pernambuco)  Gênero e sexualidade em movimento: uma proposta de estudo dos dizeres e das práticas das revistas TRIP e de TPM Felipe Viero Kolinski Machado (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  Movimentos Antimainstream e Ciberativismo Queer Máira de Souza Nunes (Universidade Tuiuti do Paraná)  Porque na boate pode: (des)construções de identidades sexuais em uma boate GLS de Curitiba. Paraná Alexandre Ambiel Barros Gil Duarte (Universidade Federal do Paraná)  Caderno Programação de | 257 . de Maya Angelou: uma interseção entre gênero.Sexta-feira — AIDS como doença moral: biopolítica e repatalogização das sexualidades dissidentes Jeffeson William Pereira (Universidade Federal do Amazonas)  Criticamente queer? Racionalidade científica e dissidência sexual em língua portuguesa Luciene Galvão Viana (Universidade Federal de Pernambuco). de Nick Krieger Adelaine LaGuardia (Universidade Federal de São João Del-Rei)  Abjeções ao sul: uma reflexão sobre os estudo queer no Brasil Fábio Feltrin de Souza (Universidade Federal da Fronteira Sul). Daniela Torres Barros (Universidade Federal de Pernambuco).Um jeito queer de (não)ser: a escrita autobiográfica em Nina here nor there. Fernando José Benetti (Universidade do Estado de Santa Catarina)  O potencial Queer das mulheres brancas da classe média – quando o normativo se torna rebelde Jimmy Turner (University of Hull)  A violência contra mulheres afroamericanas em I Know Why the Caged Bird Sings. etnia e classe social Raquel D’Elboux Couto Nunes (Universidade Federal de Alagoas)  Os Labirintos do Desejo: desenhando uma metodologia anarcoqueer Adriano de Leon (Universidade Federal da Paraíba)  — 20/09 .

Quando o corpo apaga as fronteiras: perspectivas queer na narrativa fílmica XXY Nicola Mira Gonzaga da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina)  Currículos e provocações queer Leonardo Ferreira Peixoto (Universidade do Estado do Amazonas)  094. experiências e militância Letícia Cardoso Barreto (Universidade Federal de Santa Catarina)  Entre encontros e desencontros: uma pesquisa feminista sobre metodologias participativas com grupos Karla Galvão Adrião (Universidade Federal de Pernambuco). Brasil Gabriela Andrea Díaz (Universidade Federal de Santa Catarina). Karla Galvão Adrião (Universidade Federal de Pernambuco) ▶ Local: Sala 330. Bl. B. Mayara Lacerda de Mello (Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira)  258 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Pesquisa-intervenção Feminista: perspectivas. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . desafios. 2º Andar.Quinta-feira — Dilemas e desafios da teoria da interseccionalidade para a pesquisa feminista Conceição Nogueira (Universidade do Porto)  O lócus enunciativo do sujeito subalterno: falar por ou falar com? Tayane Rogeria Lino (Universidade Federal de Minas Gerais)  Ações políticas e efeitos de subjetivação: experiências em pesquisa-intervenção com travestis em Florianópolis. interseções Coordenação: Claudia Mayorga (Universidade Federal de Minas Gerais). Juracy Filgueiras Toneli (Universidade Federal de Santa Catarina)  Pesquisando e intervindo na prostituição: reflexões sobre subjetividade.

 Dandara Maria Oniilari Ferreira da Silva (Universidade Federal de Pernambuco)  20/09 .Intervenção grupal com homens autores de violência contra as mulheres: podemos promover uma atuação político-feminista crítica neste campo? Adriano Beiras (Universidade Federal de Santa Catarina). Natália Cristina Cruz de Souza (Universidade Federal de Juiz de Fora)  A emergência da politização da intimidade na experiência de mulheres usuárias de drogas Isabela Saraiva de Queiroz (Universidade Federal de Minas Gerais)  Interseccionalidade em ação: o uso de álcool entre jovens quilombolas de Garanhuns/PE Roseane Amorim da Silva (Universidade Federal de Pernambuco). Cantera (Universidad Autónoma de Barcelona)  As intervenções com homens autores de violência ante a perspectiva de gênero e feminista: as experiências de Minas Gerais João Paulo Bernardes Gonçalves (Pontifícia Universidade Católica Minas Gerais)  Desafios metodológicos das periferias do gênero: uma mirada negra e feminista sobre a experiência de mulheres negras jovens participantes no Hip Hop e no Funk Larissa Amorim Borges (Universidade Federal de Minas Gerais)  O desafio de pesquisar: reflexões sobre metodologias e feminismo a partir de uma experiência de pesquisa Maria Natália Matias Rodrigues (Universidade Federal de Pernambuco).Sexta-feira Pesquisa-intervenção feminista: debatendo investigações científicas e práticas de intervenção comunitária de um núcleo de pesquisa em psicologia social Juliana Perucchi (Universidade Federal de Juiz de Fora). Jaileila de Araujo Menezes (Universidade Federal de Pernambuco)  Caderno de Programação | 259 . Bruno Coelho Brandão (Universidade Federal de Juiz de Fora). Jaileila de Araujo Menezes (Universidade Federal de Pernambuco)  Pesquisa de inspiração feminista: desafios ao campo-tema movimento hip hop Jaileila de Araujo Menezes (Universidade Federal de Pernambuco). Leonor M.

 Alexandre Henrique do Nascimento Freitas (Universidade Federal de Pernambuco). Érika Maria Tavares Camargo (Pontifícia Universidade Católica de Goiás)  Gênero. juventude e sexualidade: o “Grupo Muda” em ações de pesquisa-intervenção no trabalho com grupos Mayara Lacerda de Mello (Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira). Elismênnia Aparecida Oliveira (Universidade Federal de Goiás). Deisyanne Maria de Amorim Barros (Universidade Federal Rural de Pernambuco).PE (Brasil) Rocio del Pilar Bravo Shuña (Universidade Federal de Pernambuco). agenciamentos e sentidos: a experiência do Observatório da Violência Contra Mulheres no Amazonas Flavia Melo da Cunha (Universidade Federal do Amazonas)  As crianças. os/as adolescentes e suas mulheres: a experiência do Observatório da Família Itinerânte Raquel de Aragão Uchôa Fernandes (Universidade Federal Rural de Pernambuco). formação e ações: uma reflexão a partir dos discursos de universitárias/os em Goiás Alice de Alencar Arraes Canuto (Pontifícia Universidade Católica de Goiás). fazer-se menino: liberdade. Joanna Ferrão dos Santos (Universidade Federal de Pernambuco)  260 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Tassia Pacheco Batista (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Entre feminismos. gêneros e heteronormatividade na escola Amana Rocha Mattos (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Diego Carvalho de Oliveira Soares (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Lenise Santana Borges (Pontifícia Universidade Católica de Goiás)  Iniciação sexual: significados e interseções a partir das vozes dos/as adolescentes/ jovens da sub-região de Suape . Karla Galvão Adrião (Universidade Federal de Pernambuco)  Feminismos. Michelle Cristina Rufino Maciel (Universidade Federal Rural de Pernambuco)  Tramas e redes para mudar o mundo: uma estratégia de transmissão intergeracional do feminismo em Goiás Karina França Roriz Graciano (Pontifícia Universidade Católica de Goiás).Fazer-se menina.

cuidado e interesse: o papel da ajuda e o envolvimento entre dinheiro e intimidade no contexto das casas de alterne em Lisboa Lira Turrer Dolabella (Instituto Universitário de Lisboa)  Cidade-mulher: as representações da sexualidade nas canções da Bossa Nova André Rocha Leite Haudenschild (Universidade Federal de Santa Catarina)  Não me chamem de Ana. Rosineide de Lourdes Meira Cordeiro (Universidade Federal de Pernambuco)  Pagano: reflexiones sobre mercado y visibilidad gay en Valparaíso. articulaciones disidentes Coordenação: Ana Alcázar Campos (Universidad de Granada).Quinta-feira — Juventude.. Chile Rodrigo Azócar (Universidade Federal de Goiás)  Sexo. Ana Canen (Universidade Federal do Rio de Janeiro). sexualidades y fronteras.095. Carmen Gregorio Gil (Universidad de Granada) ▶ Local: Auditório Guarapuvu. Paulo Melgaço da Silva Júnior (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  “E no fim.uma análise das relações de sociabilidade juvenil e educação escolar na região metropolitana de Belém do Pará Paula Francinete Ramos (Universidade Federal do Pará)  Caderno de Programação | 261 . sexualidade e tecnologias de subjetivação Fernanda Sardelich Nascimento-Gomes (Universidade Federal de Pernambuco). Poder. uma grande brincadeira?” Narcisa Castilho Melo (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)  A gestão na diversidade: “Tribos Urbanas” e escola .. Centro de Cultura e Eventos Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . sou Mariano!: quando a luta pelos direitos de viver a sexualidade interroga a prática pedagógica escolar Ana Paula da Silva Santos (Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro).

 Carmen Gregorio Gil (Universidad de Granada)  096. profundos retrocessos Soraia da Rosa Mendes (Universidade Católica de Brasília)  Mulheres. cárcere e mortificação do self Elaine Cristina Pimentel Costa (Universidade Federal de Alagoas)  Para além da justiça penal: reflexões sobre um modelo de justiça para a violência de gênero a partir do caso “Campo do Algodoeiro”. distinções e negociações Fabíola Cordeiro Matheus dos Santos (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Mulheres que matam: algumas considerações sobre o caso Dorinha Duval Andrea Borelli (Universidade Cruzeiro do Sul)  Una mirada desde la etnografía feminista al Caribe hispanohablante Ana Alcázar Campos (Universidad de Granada). 2º Andar.Relações de solidariedade e afeto e gestão da vida cotidiana na prisão: hierarquias. Soraia da Rosa Mendes (Universidade Católica de Brasília) ▶ Local: Sala 211. B. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 .Segunda-feira — A necessária formação de gênero dos aplicadores do Direito para uma melhor eficácia da Lei Maria da Penha Mariana Fernandes Távora (Ministério Público do Distrito Federal e Territórios)  Aprisionando mulheres: uma análise da influência dos estereótipos de gênero na execução de políticas públicas para mulheres encarceradas Débora Cheskys (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  A reforma penal sob a perspectiva feminista: falaciosos avanços. Bl. Política Criminal e Feminismos Coordenação: Ela Wiecko Volkmer de Castilho (Universidade de Brasília). da Corte Interamericana de Direitos Humanos Monica Ovinski de Camargo (Universidade do Extremo Sul Catarinense)  262 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

Direitos Humanos e Gênero)  Interpretação da legislação infraconstitucional conforme a constituição vigente e a legalidade do aborto no Brasil Ana Carolina da Costa e Fonseca (Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre)  Lei Maria da Penha. João Victor Nery Fiocchi Rodrigues (Universidade de Brasília). feminismo e sistema de justiça criminal: uma abordagem teórica a partir das criminologias feministas Camilla de Magalhães Gomes (Universidade de Brasília)  Os limites do sistema internacional de direitos humanos no tratamento da violência contra a mulher Evandro Charles Piza Duarte (Universidade de Brasília).Terça-feira — Discursos judiciários sobre homicídios de mulheres em situação de violência doméstica e familiar: ambiguidades de um acionamento feminista do direito penal Sinara Gumieri Vieira (Instituto de Bioética. Luisa Teresa Hedler Ferreira (Universidade de Brasília)  Caderno de Programação | 263 .Tráfico de entorpecentes em unidades prisionais: a trama invisível de gênero que torna a mulher a destinatária por excelência desse tipo penal Alessandra Morato (Ministério Público do Distrito Federal e Territórios)  Políticas de enfrentamento: medidas protetivas e outros instrumentos processuais ligados ao combate da violência doméstica Polliana Cristina de Oliveira (Universidade de Brasília)  Avanços ou retrocessos? Considerações sobre a criminalização da violência de gênero operada pela Lei Maria da Penha André Luiz Pereira de Oliveira (Universidade de Brasília)  Estudo sobre redução de casos de violência doméstica e familiar contra a mulher na circunscrição judiciária do Paranoá/DF Fabiana Costa Oliveira Barreto (Ministério Público do Distrito Federal e Territórios)  Gênero e violência conjugal: olhares de um sistema de justiça especializado Nayara Teixeira Magalhães (Programa Nacional das Nações Unidas para o Desenvolvimento)  — 17/09 .

B. Políticas de Gênero na América Latina Coordenação: Jussara Reis Prá (Universidade Federal do Rio Grande do Sul).Pensando a historicidade do tráfico de pessoas Anamaria Marcon Venson (Universidade Federal de Santa Catarina). Ciência e Tecnologia)  Um olhar feminista sobre o encarceramento de mulheres por tráfico de drogas: política proibicionista e mercado de trabalho Luciana de Souza Ramos (Movimento dos Atingidos por Barragens)  097. Joana Maria Pedro (Universidade Federal de Santa Catarina)  Punir as mulheres: o impacto das políticas criminais sobre o encarceramento feminino Fernanda Emy Matsuda (Universidade de São Paulo)  Violência sexual na passagem do século XIX para o século XX Liana Machado Morelli (Universidade Federal de Santa Catarina)  Vó: cadê a minha mãe? A situação dos filhos de mulheres presas Amanda Daniele Silva (Universidade Estadual Paulista)  Sobre crimes e mulheres: contribuições da categoria gênero na compreensão do furto como dispositivo de controle e segregação social Valter Cardoso da Silva (Instituto Federal de Educação. 2º Andar. Ela Wiecko Volkmer de Castilho (Universidade de Brasília).Segunda-feira — O papel e o desenvolvimento dos mecanismos institucionais de mulheres na América Latina: uma quarta onda do feminismo em curso na região? Clarisse Goulart Paradis (Universidade Federal de Minas Gerais)  Políticas feministas e questões de gênero Jussara Reis Prá (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  264 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Maria Salet Ferreira Novellino (Escola Nacional de Ciências Estatísticas) ▶ Local: Sala 213. Bl.

 Maria do Socorro Ferreira Osterne (Universidade Estadual do Ceará). Helena Salgueiro Lermen (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Caderno Programação de | 265 . Mayra Rachel da Silva (Faculdades Cearenses)  Mulheres e políticas de saúde no sistema prisional do Rio Grande do Sul Luciana Oliveira de Jesus (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul).Terça-feira — “Violencia de género” x “violencia contra las mujeres”: lo nacional y lo internacional en la política española de cooperación al desarrollo con América Latina Marina Martins Gonzalez (Universidad Autónoma de Madrid)  Centros de Referência de atendimento às mulheres em situação de violência Maria Salet Ferreira Novellino (Escola Nacional de Ciências Estatísticas)  A atuação do Centro de Referência da Mulher de Limoeiro do Norte-CE no enfrentamento à violência contra a mulher Clara Maria Holanda Silveira (Universidade Estadual do Ceará).A dimensão de gênero nas políticas sociais do Brasil: notas introdutórias Francismeire Santos Ferreira (Universidade Federal da Bahia)  Pensando políticas educacionais de gênero e direitos das mulheres Fernanda Pivato Tussi (Coletivo Feminino Plural)  As políticas de gênero no Brasil e o enfrentamento da bancada religiosa no Poder Legislativo Elena de Oliveira Schuck (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  A jovem e a política: juventude e cultura política no processo diferencial de socialização de gênero Léa Epping (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Democracia: percepções de mulheres e homens sobre a condição feminina na participação política Terezinha Maria Woelffel Vergo (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  As mulheres eleitas nas eleições municipais de 2012 Eduardo Schindler (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  — 17/09 .

Segunda-feira — Os desafios da promoção da “autonomia econômica das mulheres” no Brasil: estratégias.O gênero da “nova cidadania”: o Programa Mulheres da Paz Carla de Castro Gomes (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Presença e ideias de gênero no contexto do orçamento participativo de Porto Alegre André Luis Borges Martins (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). B. Cuba) ▶ Local: Sala 003. María de los Ángeles Arias Guevara (Universidade do Holguín. discursos e práticas Débora de Fina Gonzalez (Universidade Estadual de Campinas)  Políticas públicas de gênero e empoderamento das mulheres de classe popular: a experiência do Programa Mulheres Mil no IF Baiano campus Valença-Ba Maria Asenate Conceição Franco (Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia Baiano)  Cambios en la participación de las mujeres en los programas sociales de la Provincia de Buenos Aires (Argentina) en la última década. Maria Susana Ortale (Facultad de Humanidades y Ciencias de la Educación)  E como anda a saúde reprodutiva das mulheres? O caso do Programa de Atenção Integral à Mulher em Campina Grande/PB Mary Help Ibiapina Alves (Universidade Estadual da Paraíba). Bl. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . Janaina Bordignon (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  Orçamentos sensíveis ao gênero e a garantia de direitos: uma análise da experiência equatoriana Sarah de Freitas Reis (Universidade de Brasília)  098. Su incidencia en las relaciones de género Amalia Eguía (Universidad Nacional de La Plata). Idalina Maria Freitas Lima Santiago (Universidade Estadual da Paraiba)  266 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Políticas Públicas de Gênero na América Latina: aproximações e desafios Coordenação: Janaína Xavier do Nascimento (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). Térreo.

tecnologia e políticas públicas: um diálogo possível? Melina Rombach (Fundação Getúlio Vargas)  Uma comunidade do Selo: experiências latino-americanas de políticas para as mulheres no mercado de trabalho Marina Brito Pinheiro (Universidade Federal de Minas Gerais). 2º Andar.Trabalho. Políticas Públicas e Ativismo em Gênero e Sexualidade . Glaucia Cristina Candian Fraccaro (Secretaria de Políticas para as Mulheres)  Conciliação entre família e trabalho no Brasil: soluções privadas para um conflito público Allane Magda Bezerra de Melo da Silveira (Universidade Federal de Pernambuco)  Presença feminina no horário gratuito de propaganda eleitoral: uma análise das candidatas à Deputação Federal em 2010/RS Marina dos Santos Landa (Universidade Federal de Pelotas)  099.Segunda-feira — As políticas públicas para mulheres em sua diversidade e os espaços de visibilidade das lésbicas Aline da Silva Piason (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). Bl.Liga Brasileira de Lésbicas em ações de extensão universitária Virginia De Santana Cordolino Nunes (Universidade Estadual da Bahia)  Caderno de Programação | 267 .possibilidades e limites Coordenação: Cynthia del Río Fortuna (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas). Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 . mulheres. Zulmira Newlands Borges (Universidade Federal de Santa Maria) ▶ Local: Sala 214. Marlene Neves Strey (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  Ativismo e lesbianidade: Nugsex-Diadorim/UNEB e a LBL . B.

legislación y prácticas: sexualidad femenina y control en la ciudad de Buenos Aires Cynthia del Río Fortuna (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas)  268 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Posibilidades y límites de la militancia feminista Marcela Alejandra País Andrade (Universidad de Buenos Aires)  Mulheres em situação de violência: resistências e enfrentamentos Iara Maria de Araújo (Universidade Regional do Cariri)  Políticas. Victoria Keller (Ministerio de Salud de la Nación)  Diferencialismo identitário e políticas públicas de educação e saúde: limites de uma inclusão segmentada Frederico Viana Machado (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  Travestis na velhice e políticas públicas Pedro Paulo Sammarco Antunes (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Diversidade sexual e educação Carla Adriana Menegotto (Universidade Federal do ABC).Identidades e (re)invenções da militância Daniel Boianovsky Kveller (Escola de Saúde Pública)  Política pública educacional no combate à homofobia: em foco o kit escola Cleudimar Rosa Alves (Universidade Federal de Goiás)  Políticas públicas de esporte e lazer: o gênero em questão Verônica Werle (Universidade Federal de Santa Catarina)  “A la vanguardia del mundo”: un análisis de las campañas por las leyes de matrimonio igualitario e identidad de género en Argentina Maria Soledad Cutuli (Universidad de Buenos Aires). Andrea Paula dos Santos (Universidade Federal do ABC)  — 17/09 .Terça-feira — La trata de mujeres con fines de explotación sexual.

Quinta-feira — Antifeminismo na luta pela emancipação das mulheres: o Femen Brazil revisita o essencialismo Júlia Francisca Gomes Simões Moita (Universidade Federal de Uberlândia)  Caderno de Programação | 269 . pesquisa e ativismo social: estratégias viabilizadoras para o empoderamento de mulheres Laura Ferreira Cortes (Universidade Federal de Santa Maria)  Entre prescrições e negociações: o feminino e o masculino em discursos e práticas do tradicionalismo gaúcho Gabriela Liedtke Becker (Universidade Federal do Paraná)  Políticas públicas e imagem da mulher na mídia: a articulação da Rede Mulher e Mídia Vera Fátima Gasparetto (Universidade Federal de Santa Catarina)  100. Por uma crítica epistemológica do gênero: usos normativos do gênero e teoria feminista Coordenação: Maria Eleonora Sanna (Centre National de la Recherche Scientifique). Rafaela Cyrino (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais) ▶ Local: Sala 239. Bl. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . 2º Andar. A.Las demandas del movimiento social de mujeres y el debate parlamentario en entre rios (1995-2005) Nora das Biaggio (Facultad de Trabajo Social)  Impactos da decisão do Caso Alyne no Comitê CEDAW: ampliação da proteção ao direito à saúde reprodutiva das mulheres e redução da mortalidade e morbidade maternas no Brasil Laura Davis Mattar (Associação Vaga Lume)  Fazendo gênero: análise de um projeto de intervenção com mulheres em situação de violência Thalita Rodrigues (Universidade Federal de Minas Gerais)  Ações de extensão.

Feminismos e pós-modernismo: desafios atuais Jhonatan Jeison de Miranda (Universidade Federal de Minas Gerais). Veronica Sofia Ficoseco (Universidad Nacional de La Plata)  Feminilidades e masculinidades desautorizadas Rita de Cássia Almeida Santos (Faculdade São Bento)  Entre o público e o privado: uma análise à luz da teoria feminista Michele Cristina de Assis Dutra (Universidade Federal de Minas Gerais)  Ainda somos as mesmas e vivemos como nossas mães? Angela Kalckmann Romanó Sartor (Universidade Estadual do Rio de Janeiro)  Repensando os entraves à participação política feminina com Pierre Bourdieu Antônia Eudivânia de Oliveira Silva (Universidade Federal da Paraíba)  — 20/09 . reinterpretações e resistencias Christine Verschuur (Graduate Institute of International and Developement Studies)  270 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Thalita Rodrigues (Universidade Federal de Minas Gerais)  Intelectualismo feminista e pós-feminista: a entrada das mulheres na ciência a partir dos estudos de gênero Juliana Rodrigues de Lima Lucena (Faculdade Líder)  A categorização do masculino e do feminino e a ideia de determinismo cultural: uma crítica epistemológica aos usos normativos do gênero Rafaela Cyrino (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais)  Compartir la experiencia: reflexiones en torno a los caminos teóricos del sentido común académico feminista Melina Gaona (Universidad Nacional de La Plata).Sexta-feira — Le discours catholique contemporain sur le genre dans les débats de bioéthique en France et Italie Maria Eleonora Sanna (Centre National de la Recherche Scientifique)  Feminismos e expertos gênero: tensões.

Nas “Ondas” da Universidade: estudos de gênero em questão? Raimunda Nonata da Silva Machado (Secretaria Municipal de Educação de São Luís). Vivências e relatos Lidia Maria Vianna Possas (Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho”)  Caderno de Programação | 271 . Lucimeiry Batista da Silva (Universidade Federal da Paraíba). 2º Andar.Sexta-feira — As discussões sobre gênero no final do século XX e seus impactos na Constituição de 1988 Adriana Vidal de Oliveira (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  As prefeitas paraibanas de 2013 a 2016 Glória Rabay (Universidade Federal da Paraíba). Rachel Soihet (Universidade Federal Fluminense) ▶ Local: Sala 223. experiências políticas e memórias dos feminismos latino americanos nas últimas décadas do século XX Coordenação: Lidia Maria Vianna Possas (Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho”). A. Bl. Francis Musa Boakari (Universidade Federal do Piauí)  “Quem são essas vadias?”: uma análise teórico-empírica sobre o sujeito político da Marcha das Vadias do Rio de Janeiro Janaina de Araujo Morais (Universidade Federal de Juiz de Fora)  Problemas epistemológicos: gênero e ciência cartesiana Fátima Cristina Vieira Perurena (Universidade Federal de Santa Maria)  O design de interface de jogos digitais e o uso da categoria de gênero: um encontro possível? Eliana Virgínia Vieira de Melo (Universidade Federal de Santa Catarina)  101. Maria Eulina Pessoa de Carvalho (Universidade Federal da Paraíba)  Feminismos e relatos de mulheres sobreviventes do drama argentino: do “Cordobazo” à cidade reprimida. Presenças públicas. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 20/09 .

Hebe Signorini Gonçalves (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Caracterização das vítimas de homofobia atendidas em clínica escola de psicologia Anna Paula Oliveira Silva (Universidade Estadual Paulista). 2º Andar.Segunda-feira — A prática da Psicologia na perspectiva dos Direitos Humanos Flávio Lopes Guilhon (Universidade Estadual do Rio de Janeiro)  A prática psi nos Centros de Referência de Atendimento à Mulher Emmanuela Neves Gonsalves (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Fernando Silva Teixeira Filho (Universidade Estadual Paulista). Gêneros e Processos de Subjetivação Coordenação: Anna Paula Uziel (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Kwame Yonatan Poli dos Santos (Universidade Estadual Paulista)  272 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Nascimento (Universidade de Brasília)  Empoderamento das mulheres: perspectiva feminista na implementação de programas governamentais Maria das Graças Lucena de Medeiros (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  102. Wiliam Siqueira Peres (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho) ▶ Local: Sala 215. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 .Cartas para Karl Kautsky: o diálogo entre o líder político da social democracia e uma jornalista feminista alemã que migrou para o Brasil Izabela Liz Schlindwein (Universidade Federal de Santa Catarina)  Idealizações do feminino: sob a perspectiva de Antonieta de Barros Elizabete Maria Espíndola (Universidade do Estado de Santa Catarina)  O integralismo de saia: militância feminina nas fileiras integralistas em Santos Lilian Tavares de Bairros (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Participação política da mulher: a relação de poder e o aumento da escolaridade feminina no Brasil Maria Elenita M. Psicologias. B. Bl.

 Rogério Machado Rosa (Universidade Federal de Santa Catarina)  Caderno de Programação | 273 .Terça-feira — A rede de parentesco na família homoparental Mônica Fortuna Pontes (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Dores e subjetividades: a relação entre estrutura social patriarcal/racializada e a formação de sujeitos (um estudo a partir de narrativas de mulheres negras lésbicas) Glêides Simone de Figueiredo Formiga (Universidade de Brasília)  Jovens homens homossexuais na zona rural e heteronormatividade: resistências e processos de subjetivação Emerson Martins (Universidade Federal de Santa Catarina). estórias. Louise Amaral Lhullier (Universidade Federal de Santa Catarina)  Joan Scott e a noção de experiência para a compreensão do gênero nas pesquisas em Psicologia Raiza Barros de Figuerêdo (Universidade Federal de Pernambuco)  Personagens. cenas e imagens: pode a Psicologia produzir metodologias alternativas para discutir violência contra a mulher? Érika Cecília Soares Oliveira (Universidade Estadual Paulista)  Seja no Brasil.Cartografias da (in)visibilidade da diferença e gêneros na formação em Psicologia Danielle Jardim Barreto (Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”)  Concepções de gênero e sexualidade entre profissionais de Psicologia Maria Lúcia Chaves Lima (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Corpos e vozes impossíveis: subjetivações que resistem Mário Ferreira Resende (Instituto Federal Catarinense). Cláudio Leite Leandro (Universidade Estadual de Campinas)  Feminino e psicanálise: da perspectiva falocêntrica às fórmulas da sexuação Luciana Leila Fontes Vieira (Universidade Federal de Pernambuco). na Espanha ou na Argentina travestis e transexuais também sonham com amores possíveis Wiliam Siqueira Peres (Universidade de Buenos Aires)  — 17/09 .

Questões de Gênero e Infância nas Produções Midiáticas de. Leonardo Lemos de Souza (Universidade Estadual Paulista)  Solteiros/as (ainda) procuram?: Solteirice e sexualidade em Salvador Darlane Silva Vieira Andrade (Faculdade Ruy Barbosa)  Subjetividades masculinas: violência e jogos discursivos na justiça paranaense Kety Carla De March (Universidade Federal do Paraná)  Territórios do tráfico e masculinidades: cenas e discursos de sujeitos em situação penal André Masao Peres Tokuda (Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”)  Travestis e transexuais na escola: ressonâncias do uso do nome social na Rede Municipal de Educação de Belo Horizonte Claudio Eduardo Resende Alves (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais)  103. 2º Andar. para e com Crianças Coordenação: Gilka Elvira Ponzi Girardello (Universidade Federal de Santa Catarina). Juliane Di Paula Queiroz Odinino (Universidade do Estado de Santa Catarina e Faculdade Municipal de Palhoça) ▶ Local: Sala 215.Mães-adolescentes abrigadas: onde começa a questão de gênero. onde termina a problemática da visibilidade social de sua condição de desamparo? Maria Theresa da Costa Barros (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Bl. Juliana Castelo Branco e Silva (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Notas cartográficas sobre experiências e corporalidades na prática de suspensão corporal Márcio Alessandro Neman do Nascimento (Universidade Estadual Paulista)  Ser “macho” é ser violento? Interlocuções entre masculinidades e violência Caio Andrêo Silva (Faculdade de Ciências e Letras de Assis). B. Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 274 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

erotização precoce e infância: as representações sociais da identidade infantil pelo suplemento infantil Folhinha Mayara Gutjahr (Centro Universitário . produção de si e gênero na produção midiática/fílmica com crianças Rita de Cácia Oenning da Silva (Universidade Federal de Santa Catarina)  “Amor Índio”: problematizando as questões de gênero e o cinema de animação a partir do desenho animado de Rui de Oliveira Ana Maria Alves de Souza (Secretaria Municipal de Educação de Florianópolis)  O vídeo como ferramenta para “Dar Voz aos Jovens”: relato de uma experiência Thais Cristina Montaldi Gava (Universidade Federal de São São Paulo). Sonia Maria Martins de Melo (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Caderno de Programação | 275 .— 19/09 .Quinta-feira — Influências da literatura infantil brasileira no gendramento de meninos e meninas Andressa Botton (Universidade Federal de Santa Maria). Paoline Bresolin (Universidade Federal da Fronteira Sul)  Uma possível estética de si: narrativas. Valquiria Michela John (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Mulan: da canção chinesa à produção da Disney – possíveis discursos sobre gênero e identidade Carla Silva Machado (Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação)  Obá! Vai começar a turma da Galinha Pintadinha: relações de gênero.Sexta-feira — Compreensão de professoras sobre a influência do conteúdo de jogos gratuitos na Internet na educação sexual das crianças Cristina Monteggia Varela (Universidade do Estado de Santa Catarina). Sandra Unbehaum (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  — 20/09 .Católica de Santa Catarina). subjetividade e civilidade do sujeito infantil na contemporaneidade Cristiane de Castro Ramos Abud (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Representações culturais do universo infantil feminino Elise Helene Moutinho Bernardo de Moraes (Universidade Federal da Fronteira Sul). Marlene Neves Strey (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul)  Gênero.

transgredindo fronteiras de gênero Marta Regina Paulo da Silva (Universidade Metodista de São Paulo)  A compreensão de professoras sobre as influências de filmes da boneca Barbie em processos de educação sexual de crianças Raquel da Veiga Pacheco (Universidade do Estado de Santa Catarina).Fundação de Amparo à Pesquisa Universitária (FAPEU) Horário: 14h às 17h30 276 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Questões de Gênero na Amazônia Coordenação: Francilene dos Santos Rodrigues (Universidade Federal de Roraima). menino e menina”: reproduzindo estereótipos. Sonia Maria Martins de Melo (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Conta outra vez: análise das questões de gênero em algumas histórias de Ruth Rocha a partir da crítica e teorias feministas contemporâneas Mônica Teresinha Marçal (Universidade Federal de Santa Catarina)  A docilidade do corpo voltada para a construção do gênero no universo da educação infantil Ludimila Rosa Parreira (Universidade Federal de Goiás)  104. Iraildes Caldas Torres (Universidade Federal do Amazonas) ▶ Local: Sala 1 . Ana Paula Knaul (Universidade Federal de Santa Catarina)  O processo de aprendizagem de masculinidade e feminilidade nas narrativas da Turma da Mônica Julio Cesar Mendes Fontes (Universidade Federal de Minas Gerais)  Produção de filme de animação com e para crianças Constantina Xavier Filha (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul)  “Os dois são a Mônica.Mídia e sexualidade: articulando propostas pedagógicas para uma educação infantil emancipatória Juliana Costa Muller (Universidade Federal de Santa Catarina).

sua casa e seu cotidiano Milton Melo dos Reis Filho (Universidade Federal do Amazonas)  Entre uma piscada e uma piscadela: o significado de um olhar no contexto feminino Sateré-Mawé Solange Pereira do Nascimento (Universidade Federal do Amazonas)  Kene Huni Kui: patrimônio cultural. gênero e conjugalidade no Quilombo de Narcisa em Capitão Poço – Pará Raimunda Conceição Sodré (Universidade Federal do Amazonas)  As mulheres sateré-mawé e o trabalho: seus corpos.— 16/09 . Patrício Azevedo Ribeiro (Universidade Federal do Amazonas)  Caderno de Programação | 277 . Joaquim Paulo de Lima Kaxinawa (Universidade de Brasília). agenciamento masculino ou saber feminino? Marcos de Almeida Matos (Universidade Federal de Santa Catarina). Iana dos Santos Vasconcelos (Universidade Federal de Roraima)  O lugar social da mulher extrativista em uma comunidade na Costa Amazônica Brasileira Marcella Cristina Ever de Almeida (Universidade Federal do Pará)  Relações socioculturais de gênero em comunidades tradicionais na Amazônia: os desafios vivenciados na comunidade São Lázaro/AM Itaciara Prestes da Silva Pontes (Universidade Federal do Amazonas). Paulo Roberto Nunes Ferreira (Gameleira)  Proyectos de desarrollo para mujeres indígenas uitoto de la Amazonia colombiana: un análisis desde la convivencia y la diferencia Juana Valentina Nieto Moreno (Universidade Federal de Santa Catarina)  Narrativas de mulheres seringueiras (1970/1980) Tissiano da Silveira (Universidade Federal de Santa Catarina)  O acesso à energia elétrica e a reconfiguração da identidade de gênero das mulheres ribeirinhas do Baixo Rio Branco .Segunda-feira — Afetividade.Roraima Maria Conceição de Sant’ana Barros Escobar (Universidade Federal de Roraima). Camila Fernanda Pinheiro do Nascimento (Universidade Federal do Amazonas).

a indústria cultural que contribuiu para status Carlos Augusto da Silva (Universidade Federal do Amazonas)  A mulher no imaginário social: reflexões a partir da formação social da Amazônia Maria Socorro Alves de Souza (Universidade Federal do Amazonas)  As mulheres negras em cargos de chefia Maria do Perpétuo Socorro Lima de Sousa (Universidade Federal do Amazonas)  Ficção ou realidade: as origens das relações de gênero na narrativa literária de Dalcídio Jurandir Andréa Costa De Andrade (Universidade Federal do Amazonas)  Mulheres indígenas. silêncios e exclusão etnológica Iraildes Caldas Torres (Universidade Federal do Amazonas)  Uma leitura da novela Luzinete.Práticas curriculares de tradução do uniforme de normalista: corpo feminino e erotização Joyce Otânia Seixas Ribeiro (Universidade Federal do Pará)  — 17/09 . de Leila Jalul: a representação de empregadas domésticas na literatura e na cidade de Rio Branco Margarete Edul Prado de Souza Lopes (Universidade Federal do Acre)  Nos rastros do gênero: os (des)encontros do corpo no romance Simá Amilton José Freire de Queiroz (Secretaria de Estado de Educação do Acre)  Processos de subjetivação e estética de homens amazônidas Adelma do Socorro Gonçalves Pimentel (Universidade Federal do Pará)  A família “desmantelada”: José Verissimo e a família ribeirinha na Amazônia Elainne Cristina da Silva Mesquita (Universidade Federal da Bahia)  Reflexões a cerca do corpo e o aborto Priscila Freire Rodrigues (Universidade Federal do Amazonas)  278 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Terça-feira — A cerâmica arqueológica e contemporânea na amazônia central.

meio ambiente e sustentabilidade Eveline Maria Damasceno do Nascimento (Universidade Federal do Amazonas)  Os “filhos da mãe” no Médio Solimões Rônisson de Souza de Oliveira (Universidade Federal do Amazonas)  As condições de moradia em Manaus/AM: uma analise do perfil das mulheres chefes de família do movimento de mulheres Amazonas Sempre Vivo Tatiane Nascimento Franco (Faculdade Metropolitana de Manaus)  Mulheres e os destinos dos seus filhos no Pará pós-cabanagem – 1840-1860 Eliana Ramos Ferreira (Universidade Federal do Pará)  Caderno Programação de | 279 . suor e conquistas Jerce Lania Araujo Pinheiro Queiroz (Universidade Federal do Amazonas)  Mulheres.Quinta-feira — A luta pela garantia do direito a moradia para as mulheres: a experiência da Amazonas Sempre Vivo. em Manaus – AM Mirella Cristina Xavier Gomes da Silva Lauschner (Universidade Federal do Amazonas)  A participação feminina nos movimentos sociais e a experiência do Movimento de Mulheres por Moradia Orquídea . Mirella Cristina Xavier Gomes da Silva Lauschner (Universidade Federal do Amazonas)  As primeiras lutas por moradia popular em Manaus: vida e militância da Irmã Helena Augusta Walcott Mariza Souza Cavalcante (Centro Universitário do Norte)  Gênero e feminismo no Estado do Amazonas: a luta por direitos dos movimentos de mulheres em Manaus Maria Joseilda da Silva Pinheiro (Universidade Federal do Amazonas)  Mulheres rurais: lutas. Antonia Cosmo de Oliveira (Centro Universitário do Norte)  A visão das mães usuárias da Creche Municipal Eliana de Freitas Moraes sobre os serviços públicos de creche em Manaus Mara Tereza Oliveira de Assis (Universidade Federal do Amazonas).MMMO Alessandra do Amaral Sales (Universidade Federal do Amazonas).— 19/09 .

Sexta-feira — Algumas conjecturas sobre a feminização da migração na Amazônia Márcia Maria de Oliveira (Universidade Federal do Amazonas)  Entre fronteiras: estratégias de manutenção familiar e novos arranjos familiares na Fronteira Brasil/Venezuela Iana dos Santos Vasconcelos (Universidade Federal de Roraima)  Estratégias de sobrevivência e sociabilidades de mulheres guianense na cidade de Boa Vista/Roraima-Brasil Francilene dos Santos Rodrigues (Universidade Federal de Roraima)  Mercado do sexo e exploração sexual em áreas de barragens na Amazônia brasileira Wagner dos Reis Marques Araújo (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Mobilidades interrompidas e reconfigurações de gênero na tríplice fronteira Brasil. Mónica Franch (Universidade Federal da Paraíba) ▶ Local: Sala 210. República Cooperativista da Guiana e República Bolivariana da Venezuela Lenir Rodrigues Luitgards Moura (Universidade Federal de Roraima). B.— 20/09 . Bl. Iana dos Santos Vasconcelos (Universidade Federal de Roraima)  A representatividade feminina no associativismo produtivo na Amazônia Maria das Neves Oliveira Candido (Universidade Federal do Amazonas)  Mulheres camelôs do centro histórico de Manaus: identidade e condições de trabalho na Praça da matriz Andreza Gomes Weil (Universidade Federal do Amazonas). 2º Andar. Relações de gênero e práticas temporais Coordenação: Márcio Ferreira de Souza (Universidade Federal de Uberlândia). Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30 280 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Maria Joseilda da Silva Pinheiro (Universidade Federal do Amazonas)  O movimento de mulheres indígenas na Amazônia brasileira e os desafios ao feminismo Fabiane Vinente dos Santos (Universidade Estadual de Campinas)  105.

afetos e usos do tempo Claudelir Correa Clemente (Universidade Federal de Uberlândia)  Usos do tempo e interdependências entre as atividades cotidianas de enfermeiras e enfermeiros Audrey Vidal Pereira (Fundação Oswaldo Cruz)  “Durante todo esse período eu esqueci de mim!” Estudo antropológico dos usos. concepções e desafios em torno do tempo de domésticas em Porto Alegre/RS Luísa Maria Silva Dantas (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  As inscrições de gênero e sexualidade: a educação dos corpos femininos nas Minas Gerais.Segunda-feira — As pesquisas de usos do tempo na Universidade Federal de Minas Gerais e suas articulações com a dimensão de gênero Márcio Ferreira de Souza (Universidade Federal de Uberlândia)  Dupla presença: efeitos da divisão sexual do trabalho sobre os usos do tempo entre mulheres urbanas de baixa renda Fernanda Sucupira Gomes (Universidade Estadual de Campinas)  Trabalho offshore: deslocamentos. Maria Madalena Gracioli (Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ituverava)  — 17/09 .— 16/09 . 1880-1930 Florisvaldo Paulo Ribeiro Júnior (Universidade Federal de Uberlândia)  Mães de hoje: a construção do imaginário feminino a partir da “Revista Infância” (1935-1938) Gabriel Ferreira Monteiro (Universidade Presbiteriana Mackenzie)  Transferindo competitividade: dos esportes para o mercado de trabalho Jane Dennehy (Gender Hub)  Gênero e práticas temporais em “Cem Anos de Solidão” Maria Lúcia Vannuchi (Universidade Federal de Uberlândia).Terça-feira — Rupturas e suturas: discorrendo sobre a experiência temporal de homens gays vivendo com HIV/AIDS Mónica Franch (Universidade Federal da Paraíba)  Caderno de Programação | 281 .

Bl. hoje e futuro Jayson Vaz Guimarães (Universidade Federal de Uberlândia)  Heterogeneidade do envelhecer: experiências femininas de envelhecimento na comunidade de Nossa Senhora da Guia em Lucena – PB Patrícia Barbosa da Silva (Universidade Federal da Paraíba)  Papéis de gênero nas vivências de mulheres idosas: entre mudanças e/ou permanências Carla Maria Lobato Alves (Universidade Estadual do Maranhão)  A produção do kochkase no Médio Vale do Itajaí: o papel das relações de gêneros e o desenvolvimento regional a partir dos pequenos produtores Nívia Lanznaster Kuhn (Universidade Regional de Blumenau)  106. Neuza de Farias Araújo (Universidade de Brasília) ▶ Local: Sala 310. relação de gênero. geração e mudanças sócio-históricas: rompimentos.Etnografando as relações de gênero no tempo escolar Josilene Pequeno de Souza (Universidade Federal da Paraíba)  Pais e mães: reflexões acerca de limites. escolas e tarefas domésticas Ana Cristina Nassif Soares (Universidade Estadual Paulista)  Rede social. Everton Fábio Bezerra Diniz (Faculdade Leão Sampaio)  Mulheres residentes no Maciço Central da capital catarinense: configurações familiares. trabalho e investimento escolar num tempo em que as crianças vão mais cedo para a escola Justina Inês Sponchiado (Universidade Federal de Santa Catarina)  A visão intergeracional de mulheres sobre o município de Ituiutaba/MG: ontem. continuidades e conquistas Camila dos Santos Vecchi (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Meninas e meninos: as crianças e as diferenças de gênero da igreja adventista Priscila Ribeiro Jeronimo Diniz (Universidade Federal da Paraíba). B. Térreo. Relações de Poder e Gênero: desafios dos feminismos Coordenação: Erlane Bandeira de Melo Siqueira (Universidade Federal da Paraíba). filhos. Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 282 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .

BOPE Renata de Souza Francisco (Universidade Estadual do Norte Fluminense)  Mulher e política: mulheres no exercício do poder político Juliana Fernandes (Universidade de Fortaleza)  Mulheres na política do Mato Grosso do Sul: uma análise dos projetos de lei sob a ótica das lutas feministas Marcelo da Silva Pereira (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul)  Mulheres na política no governo do Estado de Minas Gerais Tatiane Cristina Franco Puiati (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial)  O perfil das mulheres candidatas e eleitas em Goiás: subrepresentação das mulheres no poder. Gilson Zehetmeyer Borda (Universidade de Brasília)  Cuerpo femenino y gestación.— 16/09 . Invisibilidades y relaciones de poder Ana Vieira (Facultad de Humanidades y Ciencias de la Educación)  Relação de poder e a feminização da epidemia de HIV/AIDS Taciana Maria da Silva (Universidade Federal de Pernambuco)  Tia Neiva: sociologia de uma clarividente Amurabi Pereira de Oliveira (Universidade Federal de Alagoas)  Tropa de Elite no feminino: a participação feminina no Batalhão de Operações Policiais Especiais do Rio de Janeiro .Segunda-feira — A questão do gênero e a acessibilidade: uma discussão sob a ótica do turismo Donária Coelho Duarte (Universidade de Brasília). Helena Vanessa de Oliveira Pereira (Pontifícia Universidade Católica de Goiás)  Viver e lutar no Sertão das Geraes: mulheres líderes num contexto de destradicionalização Elizabeth Maria Fleury Teixeira (Fundação Oswaldo Cruz)  Caderno de Programação | 283 . outras intersecções e a invisibilidade da raça Aldevina Maria Dos Santos (Universidade Federal da Bahia).

— 17/09 . Catiane Cinelli (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Um olhar analítico sobre as performances como instrumentos de intervenção social Ana Paula Canotilho (Universidade de Porto)  A participação de pessoas idosas no mercado de trabalho do setor de turismo do Distrito Federal: possibilidades e limites Elmar Rodrigues de Lima (Instituto de Educação Superior de Brasília)  Turismo e suas implicações sob as mulheres no espaço rural Maysa Sena de Carvalho (Universidade de Brasília)  As condições de trabalho das diaristas na cidade de Brasília Neuza de Farias Araújo (Universidade de Brasilia). Lucilene Ferreira de Melo (Universidade Federal do Amazonas)  Mulheres: do trabalho e da luta Isaura Isabel Conte (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). destaque e inspiração Meggie Rosar Fornazari (Universidade Federal de Santa Catarina)  Democracia de gênero: novas estratégias de atuação. novas relações de poder Renata Adriana Rosa (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais)  As relações de poder: famílias com histórico de violência conjugal Ana Paula Ferreira Carvalho (Universidade Federal do Amazonas). Raquel da Silva Trombini (Ministério da Integração Nacional)  284 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Terça-feira — A multiplicidade do feminino nas páginas da revista Realidade Karla Íngrid Pinheiro de Oliveira (Universidade Federal do Piauí)  Brasília e Clarice: o olhar feminino sobre a cidade Eloísa Pereira Barroso (Universidade de Brasília)  Jogadoras de “Magic The Gathering”: assimetria de gênero.

107. Relações familiares e sexualidade na América Latina Contemporânea Coordenação: Isabella Cosse (Universidad de Buenos Aires).1958 a 1988 Fernanda Arno (Universidade Federal de Santa Catarina)  Caderno Programação de | 285 . Edina Schimanski (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  A paternidade construída fora do arranjo da família nuclear: experiências e emoções de homens que não moram com as mães dos seus filhos Silvia Andrade Magnata da Fonte (Universidade Federal de Pernambuco)  “Lá em casa a gente conversa!”: pedagogias da conjugalidade entre travestis e seus maridos Magnor Ido Müller (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) Novos arranjos familiares: homoafetividade e conjugalidade homoafetiva Andréa de Lima Costa do Carmo (Universidade Federal de Viçosa)  Gênero e cuidado: reflexões sobre nova paternidade e cinema Flávia Simplício André (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Inquéritos policiais e violência de gênero na Comarca de Chapecó . Tânia Rocha Andrade Cunha (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia)  Gênero.Quinta-feira — A experiência de ser pai na violência intrafamiliar Bruno Robson de Barros Carvalho (Universidade Federal de Pernambuco)  A mulher da elite na administração da família e dos negócios 1910-1916 Adriana Moreira Pimentel (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia). Marlene de Fáveri (Universidade do Estado de Santa Catarina) ▶ Local: Sala 109. Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . família e atenção básica à saúde Roseclér Machado Gabardo (Universidade de Brasília)  A família homoafetiva na perspectiva dos estudos de gênero Cláudia Moraes e Silva Pereira (Universidade Estadual de Ponta Grossa).

Sexta-feira — As novas configurações da família contemporâneas e o discurso religioso Noeme de Matos Wirth (Universidade Metodista de São Paulo)  Dilemas analíticos en torno a la categoría de “cuidado” María Andrea Voria (Universidad Autónoma de Barcelona)  Mercado do sexo e masculinidades no tempo presente Marlene de Fáveri (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Representações de homoparentalidade na mídia: configurações familiares contemporâneas Bianca Salazar Guizzo (Universidade Luterana do Brasil). diversidade e sexualidades: mudanças e permanências Coordenação: Fátima Weiss de Jesus (Universidade Federal do Amazonas). de Lygia Fagundes Telles Josye Gonçalves Ferreira (Universidade Estadual de Montes Claros)  As discussões sobre a emancipação feminina no início do século XX em Laguna-SC pela ótica do Jornal “O Albor” Fabrícia Machado Fernandes (Universidade do Sul de Santa Catarina)  108. Cuando los conflictos familiares llegan a la justicia de familia Marlene Denise Russo (Universidad de Buenos Aires)  Ucranianos em Curitiba: relações familiares e de gênero na cidade Paulo Augusto Tamanini (Universidade Federal de Santa Catarina)  Moças de família: trajetórias de resistência da prostituição juvenil em áreas rurais e indígenas na Paraíba Loreley Gomes Garcia (Universidade Federal da Paraíba)  “Velhice seca”: uma leitura do conto “Senhor Diretor”. Religião. Marcelo Tavares Natividade (Universidade Federal do Ceará) Debatedores/as: 286 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .— 20/09 . João Carlos Amilibia Gomes (Universidade Luterana do Brasil)  Reconfiguraciones del ordenamiento familiar.

Sessão 1: Cláudio Leite Leandro (Universidade Estadual de Campinas) Sessão 2: Eduardo Meinberg de Albuquerque Maranhão Filho (Universidade de São Paulo) ▶ Local: Sala 217, Bl. A, 2º Andar, Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30

— 19/09 - Quinta-feira —
A inclusão religiosa de pessoas trans: desafios e surgimento de uma nova igreja Raquel Moreira de Souza (Universidade de Brasília)  Igrejas neo-pentecostais inclusivas como estratégia de resistência ao discurso religioso tradicional anti-homossexualidade Thiago Coatti (Universidade Federal de Pernambuco), Diego Paz (Universidade Federal de Pernambuco)  Mórmons gays e lésbicas: uma análise da posição pública sobre a homossexualidade nas publicações da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias João Batista da Silva Junior (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Parentalidades e conjugalidades nas igrejas inclusivas: reflexões sobre os nexos entre cuidado pastoral, subjetividade e política entre fiéis LGBTs Marcelo Tavares Natividade (Universidade Federal do Ceará), Filipe Miranda Pereira (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), William dos Santos Lacerda Silva (Universidade Federal do Ceará)  Igrejas inclusivas em perspectiva comparada: da “inclusão radical” ao “mover apostólico” Fátima Weiss de Jesus (Universidade Federal do Amazonas)  Gays e Igrejas Neopentecostais: homens pescados pelas redes de saber religioso Thiago Bomfim dos Santos (Universidade de São Paulo)  Discursos perigosos: uma reflexão acerca do enlace entre homossexualidade e religião nos dias atuais Carolina Motta Cardoso Salles (Centro de Referência e Promoção da Cidadania LGBT - Niterói), Amanda Duarte Moura (Centro de Referência de Mulheres da Maré - Carminha Rosa), Filipe Miranda Pereira (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) 

Caderno

de

Programação

| 287

“Deus Fez Adão e Eva, não Adão e Ivo ou Ada e Iva”?: laicidade e diversidade nas escolas Daniela Torres Barros (Universidade Federal de Pernambuco), Luciana Leila Fontes Vieira (Universidade Federal de Pernambuco), Luciene Galvão Viana (Universidade Federal de Pernambuco) 

— 20/09 - Sexta-feira —
As Mulheres do Bola: gênero, sexualidade e afetividade na Bola de Neve Church Florianópolis Talita Samanta Sene (Universidade Federal de Santa Catarina), Eduardo Meinberg de Albuquerque Maranhão Filho (Universidade de São Paulo)  As mulheres e a bíblia: de uma relação passível a uma relação possível Lucas Bueno de Freitas (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), Lindamir Salete Casagrande (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  Religião na mídia televisiva e a construção de identidade feminina Vanessa Arlésia de Souza Ferretti Soares (Universidade Federal de Santa Catarina)  “As meninas são assim”, e os meninos, como são? Identidades de gênero na perspectiva cristã Joseane de Souza (Universidade do Vale do Rio dos Sinos), Juliana Silva (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)  As questões do corpo no final dos anos de 1960: o debate entre teólogos católico-romanos e médicos acerca da sexualidade Anna Marina Madureira de Pinho Barbará Pinheiro (Universidade Federal do Rio de Janeiro)  Da Sexxxchurch à Capital Augusta: novas religiosidades na regulação da sexualidade Cláudio Leite Leandro (Universidade Estadual de Campinas)  Estudo qualitativo sobre os significados da sexualidade e prazer sexual entre evangélicos do Recife Vanessa Maria Rigaud Peixoto dos Santos (Universidade Federal de Pernambuco)  Os caminhos da laicidade, em uma perspectiva de gênero, diante da atuação dos/as candidatos/as e parlamentares evangélicos/as Emerson Roberto da Costa (Universidade Metodista de São Paulo) 

288 |

F a z e n d o G ê n e r o 10

Fronteiras do feminino: gênero, divórcio e moral em Juiz de Fora 1890 a 1924 Kelly Cristina Teixeira (Colégio Stella Matutina)  Gênero e costumes fúnebres no sertão de Pernambuco Rosineide de Lourdes Meira Cordeiro (Universidade Federal de Pernambuco), Rebeca Ramany Santos Nascimento (Universidade Federal de Pernambuco), Vanessa Souza Eletherio de Oliveira (Universidade Federal de Pernambuco) 

109. Religiones, culturas y sexualidades Coordenação: Mario Pecheny (Universidad de Buenos Aires), Rafael Cáceres Feria (Universidad Pablo de Olavide) ▶ Local: Sala 238, Bl. A, 2º Andar, Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30

— 19/09 - Quinta-feira —
Do inferno ao céu na narrativa de um jovem ex-travesti José Vaz Magalhães Néto (Universidade Federal da Paraíba), Ana Clotilde Coutinho Barbosa (Universidade Federal da Paraíba), Talita Leite Tavares (Universidade Federal da Paraíba)  Escrever e rezar: estudo sobre as práticas femininas nos conventos Wilma de Lara Bueno (Universidade Tuiuti Do Paraná)  Repertórios discursivos de Igrejas Inclusivas brasileiras Talita Leite Tavares (Universidade Federal da Paraíba), Ana Clotilde Coutinho Barbosa (Universidade Federal da Paraíba), Leoncio Francisco Rodriguez Larraín (Universidade Federal da Paraíba)  Sexualidade e práticas disciplinares no Opus Dei Asher Grochowalski Brum Pereira (Universidade Estadual de Campinas)  Vistiendo Vírgenes Jose Maria Valcuende del Rio (Universidad Pablo de Olavide), Rafael Cáceres Feria (Universidad Pablo de Olavide) 

Caderno

de

Programação

| 289

As ninfas no vale do amanhecer: ideias e análises contemporâneas sobre a presença da mulher Joice Meire Rodrigues (Centro Universitário de Caratinga)  Esquemas mentais do homoerótico em situação de angústia e sofrimento social Ednaldo Antonio da Silva (Universidade Estácio de Sá)  Símbolos religiosos nas interfaces da cultura: desafios pós-coloniais aos feminismos de hoje Carlos José Beltrán Acero (Universidade Metodista de São Paulo) 

— 20/09 - Sexta-feira —
A prostituição como face da AIDS entre líderes evangélicos do Recife Cinthia de Oliveira Silva (Universidade Federal de Pernambuco), Luis Felipe Rios do Nascimento (Universidade Federal de Pernambuco)  Argumentos religiosos del homoerotismo, entre la tradición y la modernidad Lazaro Marcos Chavez Aceves (El Colegio de Jalisco)  O feminino dilacerado e a “santificação”: estudo sobre o assassinato e veneração a Maria de Bil em Várzea Alegre-Ce Daniele Ribeiro Alves (Universidade Estadual do Ceará)  Salve todas as Marias! Santas prostitutas e pombagiras Conceição Aparecida dos Santos (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Subordinação e equidade: relações de gênero e sexualidade nas comunidades da Ayahuasca - Acre, Brasil Jaco Cesar Piccoli (Universidade Federal do Acre)  ¿Autodeterminación vrs. Autodeterminación? Magdalena Benavente Larios (Universitaet zu Berlin)  Transgredir as fronteiras dos discursos fundamentalistas religiosos Isabel Aparecida Felix (Faculdade Messiânica) 

290 |

F a z e n d o G ê n e r o 10

110. Representação de identidades na literatura de autoria feminina brasileira Coordenação: Marly Catarina Soares (Universidade Estadual de Ponta Grossa), Nincia Cecilia Ribas Borges Teixeira (Universidade Estadual do Centro-Oeste) ▶ Local: Sala 237, Bl. A, 2º Andar, Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30

— 19/09 - Quinta-feira —
A religiosidade como elemento identitário feminino: uma leitura de “Sem enfeite nenhum” de Adélia Prado Suely Leite (Universidade Estadual de Londrina)  Contrapontos étnicos e de gênero da interpretação da obra de Anajá Caetano: em direção a uma antropologia da literatura Cintya Maria Costa Rodrigues (Universidade Federal de Goiás)  Página em construção... Helena Kolody e a crítica Luísa Cristina dos Santos Fontes (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  A duração da palavra feminina e o engajamento da obra “A teus pés” de Ana Cristina Cesar Larissa de Cássia Antunes Ribeiro (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Trauma,trânsito e identidade em “As Mulheres de Tijucopapo” e “Desirada” Ana Carolina Andrade Pessanha Cavagnoli (Universidade Federal de Santa Catarina)  Da submissão ao desafio: Gilka Machado e o contexto literário brasileiro do início do século XX Fernanda Cardoso Nunes (Universidade do Estado do Rio Grande do Norte)  “Cadernos” de Manuela e “Os Gafanhotos” de Eva Lopo: considerações sobre a escrita feminina de guerra Denise Borille de Abreu (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais)  As representações de identidades femininas na dramaturgia de Leilah Assumpção Carla Michele Ramos (Instituto Federal do Paraná) 
Caderno Programação

de

| 291

Dias de Gonçalves, Dias de Miranda Thatiane Prochner (Universidade Estadual de Ponta Grossa), Marly Catarina Soares (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  A editora Brejeira Malagueta e as identidades lésbicas na literatura brasileira contemporânea Ismênia de Oliveira Holanda (Universidade Federal do Ceará), Antonio Cristian Saraiva Paiva (Universidade Federal do Ceará), Luana Carolina Braz de Lima (Universidade Federal do Ceará) 

20/09 - Sexta-feira
Gênero, silenciamento e opressão: interfaces entre imagens e letras Nincia Cecilia Ribas Borges Teixeira (Universidade Estadual do Centro-Oeste)  Virtualidades da produção literária feminina brasileira Regina Helena Machado Aquino Corrêa (Universidade Estadual de Londrina), Alamir Aquino Corrêa (Universidade Estadual de Londrina)  A representação da identidade feminina negra na ficção pós-colonial brasileira de Conceição Evaristo Wilma dos Santos Coqueiro (Universidade Estadual de Maringá)  Diáspora, maternidade e afrodescendência em Úrsula e A Escrava, de Maria Firmina dos Reis Danielle de Luna e Silva (Universidade Federal da Paraíba)  A representação da mulher na literatura de Patrícia Galvão Larissa Satico Ribeiro Higa (Universidade Estadual de Campinas) Entre mães e filhas, representação e gênero: uma leitura da história na história Carla Lavorati (Universidade Estadual do Centro-Oeste), Nincia Cecilia Ribas Borges Teixeira (Universidade Estadual do Centro-Oeste)  Espelhos: o Eu e os Outros na construção da identidade Luana Raquel Ruths Vieira (Universidade Estadual de Ponta Grossa), Marly Catarina Soares (Universidade Estadual de Ponta Grossa) 

292 |

F a z e n d o G ê n e r o 10

Hilda Hilst: subversão e transgressão Caroline Wilt Araujo (Universidade Estadual de Ponta Grossa)  Entre resistir e identificar-se: a identidade ideologicamente fragmentada em Um defeito de cor Tayza Cristina Nogueira Rossini (Universidade Estadual de Maringá), Marcela Gizeli Batalini (Universidade Estadual de Maringá)  Faces da feiúra na contemporaneidade: a narrativa de Luci Collin Maristela Scremin Valério (Unicentro) 

111. Sexualidades Urbanas, Cidades Sexualizadas: a produção de lugares, territórios, sujeitos, identidades e socialidades a partir das relações entre a sexualidade e o urbano Coordenação: Camilo Braz (Universidade Federal de Goiás), Maria Elvira Díaz Benítez (Núcleo de Estudos de Genero PAGU) Debatedores/as: Sessão 1: Djalma Thürler (Universidade Federal da Bahia) Sessão 2: Cristina I. Fangmann (Universidad de Buenos Aires) ▶ Local: Sala 211, Bl. B, 2º Andar, Centro Socioeconômico (CSE) Horário: 14h às 17h30

— 19/09 - Quinta-feira —
A Joaquim: as dimensões da rua, da pista e do palco em uma etnografia travesti Satine Rodrigues Borges (Universidade Federal da Grande Dourados)  Errancia de género y derivas urbanas en la poesía y el ensayo de Néstor Perlongher Cristina I. Fangmann (Universidad de Buenos Aires)  Etnografias nas noites de swing: performances de gênero e sexualidade na troca de casais Samella dos Santos Vieira (Universidade Federal de Pernambuco) 

Caderno

de

Programação

| 293

a rua da diversidade e da “ex-centricidade” ou Stonewall Inn é aqui Djalma Thürler (Universidade Federal da Bahia)  294 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . SP Aline Godois de Castro Tavares (Universidade Estadual de Campinas)  “Beco da bananeira ou da gonorréia?”: prostituição e disciplinamento do espaço urbano nos processos criminais em Itajaí/SC (1964-1980) Priscila Regina Carneiro Grimes (Universidade do Estado de Santa Catarina)  — 20/09 . mas separado: sexualidade(s) e convivência na cena indie rock paulistana Ane Talita da Silva Rocha (Universidade de São Paulo)  Zonas Organizadas: a ordenação política de um território de prostituição na cidade de Campinas. de Karin Ainouz Roberto Marques (Universidade Regional do Cariri)  Modos de vida e pertencimento: reflexões sobre as relações e significações no território prostitucional Lorena Brito da Silva (Universidade Federal do Ceará)  Presença africana em Fortaleza no século XXI: sexualidade.Mapas fora da ordem: reciprocidade e encenação do anonimato em “O Céu de Suely”.Sexta-feira — A visibilidade em disputa: notas sobre a utilização do espaço urbano pelo movimento LGBT em Campinas Vinícius Pedro Correia Zanoli (Universidade Estadual de Campinas)  Áreas livres públicas e diversidade humana Marcos Sardá Vieira (Universidade Federal da Fronteira Sul)  Beco da OFF: o último que fecha . raça e outras interseccionalidades de sujeitos imigrantes Ercílio Neves Brandão Langa (Universidade Federal do Ceará)  Trazendo a noite para o dia Claudio Ricardo Freitas Nunes (Secretaria Municipal de Porto Alegre)  Tudo junto. gênero.

Las teteras como espacios de sociabilidad entre varones homosexuales de la ciudad de Buenos Aires durante los 70 Máximo Javier Fernández (Instituto Interdisciplinario de Estudios de Género)  Os corpos dos ursos: uma etnografia das corporalidades. Telma Gurgel (Universidade do Estado do Rio Grande do Norte) ▶ Local: Sala 311. Bl. masculinidades e sexualidades em uma cultura gay urbana de São Paulo Antony Henrique Tomaz Diniz (Universidade Estadual de Campinas)  Os meninos e os modernos: diferenças e trânsitos na “noite gay” paulistana Gibran Teixeira Braga (Universidade de São Paulo)  Performances de gênero no carnaval de Vigia de Nazaré Karolina Barroso da Silva (Universidade Federal do Pará)  São Paulo (in)concreta: produção da cidade e de sexualidades a partir do “Bar d’A Lôca” Bruno Puccinelli (Universidade Estadual de Campinas)  112. sexualidad y poder. Térreo. B. Larissa Amorim Borges (Universidade Federal de Minas Gerais)  Caderno de Programação | 295 .Cartografias da gaycidade: trajetórias homoeróticas em circuitos urbanos – isto existe em Aracaju/SE? Thiago Ranniery Moreira de Oliveira (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Entre Nós: incursões etnográficas sobre práticas de homossociabilidade na capital cearense Adriano Henrique Caetano Costa (Universidade Federal de Santa Maria)  Espacio urbano. Sujeitos do Feminismo: os desafios da pluralidade em contexto de globalização imperialista Coordenação: Sônia Weidner Maluf (Universidade Federal de Santa Catarina). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 .Segunda-feira — A interseccionalidade no pensamento feminista contemporâneo: re-pensar as diferenças Johanna Katiuska Monagreda (Universidade Federal de Minas Gerais).

Descolonizando o feminismo: desafios para a construção do feminismo latino-americano Mariana Edi Rocha Gonçalves de Oliveira (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro). loucura e cinema: figuras do sujeito no cinema contemporâneo Sônia Weidner Maluf (Universidade Federal de Santa Catarina)  Reposicionando Feminismo? Feminismo não é uma marca para que seja reposicionado Joanna Burigo (Gender Hub)  Sujeitos políticos do feminismo: (des)legitimidade para travestis e transexuais? Jane Gabryelle Badaró de Oliveira (Universidade Federal de Juiz de Fora)  296 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Maria Luiza Heilborn (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Argentina e Brasil: viagens nas páginas dos periódicos (1980-1990) Maise Caroline Zucco (Universidade Federal de Santa Catarina)  Gênero.Terça-feira — Gênero e pós-gênero: um debate político Carla Rodrigues (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro). Larisse de Oliveira Rodrigues (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)  Feminismo transnacional e interseccionalidades: um caminho para a globalização contra-hegemônica Renata Guimarães Reynaldo (Universidade Federal de Santa Catarina)  Feminismo e as jovens feministas: desafios programáticos e organizativos Telma Gurgel (Universidade do Estado do Rio Grande do Norte). Karla Galvão Adrião (Universidade Federal de Pernambuco)  Movimento feminista: sujeito político e coletivo central na luta das mulheres Leidiane Souza de Oliveira (Universidade Federal do Rio Grande do Norte)  Homens feministas: a emergência de um sujeito político entre fronteiras contingentes Mariana Azevedo de Andrade Ferreira (Instituto Papai)  — 17/09 . Janaiky Pereira de Almeida (Universidade do Estado do Rio Grande do Norte)  Feministas libertárias: práticas contemporâneas de resistência Gabriela Miranda Marques (Universidade Federal de Santa Catarina)  Jovens feministas: um novo segmento político do movimento feminista brasileiro Raissa Barbosa Araujo (Universidade Federal de Pernambuco).

Teoria política. José Szwako (Centro de Estudos da Metrópole) Debatedores/as: Sessão 1: Luis Felipe Miguel (Universidade de Brasília) Sessão 2: José Szwako (Centro de Estudos da Metrópole) ▶ Local: Sala 112. forma jurídica e forma política: para uma crítica da relação entre direito. Instituto de Ciência Política). gênero e política Dayane Santos de Souza (Universidade Federal do Espírito Santo)  A transnacionalidade da Marcha Mundial de Mulheres: do local ao global na interlocução entre o sul e o norte global Camila Goulart de Campos (Universidade Federal de Pelotas)  Confrontando o “tercer feminismo” com a teoria política feminista: o lugar do Sul no conhecimento Breno Henrique Ferreira Cypriano (Universidade Federal de Minas Gerais)  Direitos LGBTs e as pautas feministas: o que pensam e como pensam os maringaenses Carla Simara L. Ayres (Universidade Federal de São Carlos). feminismos e desafios para a crítica democrática Coordenação: Flávia Biroli (Universidade de Brasília. Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) Horário: 14h às 17h30 — 16/09 .Análise da III CNPM enquanto espaço de emergência do pluralismo democrático Gabriela Maria Farias Falcão de Almeida   Patriarcado.Segunda-feira — A mulher espírito-santense no legislativo brasileiro: analisando trajetórias. S. democracia e gênero Irene Maestro Sarrion dos Santos Guimarães (Universidade Presbiterana Mackenzie)  A mulher na propaganda de produtos de beleza femininos nas diferentes esferas sociais Diva Conceição Ribeiro (Universidade Tecnológica Federal do Paraná)  113. Emerson Roberto de Araujo Pessoa (Universidade Estadual de Maringá)  Caderno de Programação | 297 .

Granado Rodrigues Elias (Universidade de São Paulo)  O virtual e a identidade: desafios ao feminismo da diferença Mariana Serafim Xavier Antunes (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  298 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Julia de Oliveira Ruggi (Universidade Federal do Paraná)  Sentimentos partidários e gênero no Brasil Audrey Karoline Marques Dias (Universidade Estadual de Maringá)  Uma teoria do cuidado para o campo político? Ilze Zirbel (Universidade Federal de Santa Catarina)  — 17/09 .Terça-feira — (Des)establizando a dicotomia público/privado?: Um exame crítico da categoria analítica a partir da interseccionalidade Ana Carolina Ogando (Universidade Federal de Minas Gerais).Gênero e representação política: contribuições para o debate sobre democracia desde a presença feminina na Assembleia Legislativa Gaúcha Andreia Orsato (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Participação. poder e democracia: mulheres trabalhadoras no sindicalismo rural Sara Deolinda Cardoso Pimenta (Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura)  Percorrendo a História das Mulheres em Alagoas: discutindo o arquétipo viril da política Andréa Pacheco de Mesquita (Universidade Federal da Bahia)  Políticas de gênero em comissões legislativas: um estudo sobre representação democrática no congresso nacional Lennita Oliveira Ruggi (Universidade Federal do Paraná). Mariana Prandini Fraga Assis (The New School)  Discussão acerca da ambiguidade da regulação jurídica da sexualidade Fabiola Fanti (Universidade Estadual de Campinas)  Inclusão excludente? A seletividade das instituições sob uma perspectiva feminista antirracista Léa Tosold (Universidade de São Paulo)  Liberdade feminista: o conceito de liberdade construtivista de Nancy Hirschmann Maria Ligia G.

1979-1990) Camila Serafim Daminelli (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Infância e feminismo: a visão da imprensa Silvia Maria Fávero Arend (Universidade do Estado de Santa Catarina). Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 19/09 . “menores”. crianças e jovens: discursos sobre meninos e meninas noticiáveis (Santa Catarina. Bl.Política e gênero no Brasil: estudo sobre as dimensões subjetivas da sub-representação feminina Renata Andrade de Oliveira (Universidade Estadual de Maringá)  Representações de gênero e política em Brasília Daniela Peixoto Ramos (Universidade de Brasília)  Sobre as possibilidades de um Feminismo Interseccional Marcia Nina Bernardes (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Somos todos iguais? Gênero e igualdade no capitalismo tardio Ana Elizabeth Lole dos Santos (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Teoria democrática e minorias políticas: abordagens sobre as posições antidemocráticas Danusa Marques (Universidade de Brasília)  114. A. Silvia Maria Fávero Arend (Universidade do Estado de Santa Catarina) ▶ Local: Sala 235. problema social: debates nas páginas da revista Veja (1979-1990) Anelise Rodrigues Machado de Araujo (Universidade do Estado de Santa Catarina) Nas páginas dos jornais. Universo Infanto-juvenil e Relações de Gênero Coordenação: Cecilia Alejandra Rustoyburu (Universidad Nacional de Mar del Plata). Jéssica Cristina Back Gamba (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Caderno de Programação | 299 . 2º Andar.Quinta-feira — A temática que destoa a paz social: menoridade nas capas dos jornais de Santa Catarina (1979-1990) Daniel Alves Boeira (Academia de Justiça e Cidadania)  Infância.

de Nilma Lacerda Silvana Augusta Barbosa Carrijo (Faculdade de Ciências e Letras)  Gênero e violência em Lygia Bojunga Michelle Rubiane da Rocha Laranja (Universidade Estadual Paulista)  Quem quiser que conte outra! O mundo lúdico da literatura infantil reinventando a Bahia Republicana Caroline Santos Silva (Universidade Federal de Santa Catarina)  Escritoras mirins e a subjetividade no ciberespaco Luciane dos Santos (Universidade Estadual de Londrina)  — 20/09 . Luana Miranda de Queiroz (Universidade do Estado do Rio Grande do Norte)  300 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . leitura.“Esta música es pa’ machos”: gênero e raça nas construções sonoro-corporais de um bairro da cidade de Quibdó-Chocó (Colômbia) Marcela Velásquez Cuartas (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  A invenção da teen-age nos Estados Unidos na década de 1950 e relações de gênero: uma análise d’O Apanhador no Campo de Centeio Andreya Susane Seiffert (Universidade do Estado de Santa Catarina)  A letra como rastro da aurora: gênero.Sexta-feira — As crianças e o Programa Bolsa Família: uma abordagem etnográfica Patrícia Oliveira Santana dos Santos (Universidade Federal da Paraíba)  O Programa Bolsa Família e a condicionalidade escolar: o que falam as meninas e os meninos de Catingueira (PB) sobre uma política pública Edilma do Nascimento Souza (Universidade Federal da Paraíba)  Maternidade na adolescência: projeto de vida para quem? Daisyvângela Eucrêmia da Silva Lima Santana (Universidade Federal Rural de Pernambuco)  Para além da institucionalização: modos de subjetivação e sociabilidades na trajetória de “egressas” de serviços de acolhimento Fernanda Cruz (Universidade Federal de Santa Catarina)  Retratos da violência: adolescentes em conflito com a lei. gênero e cultura da violência Gláucia Helena Araújo Russo (Universidade do Estado do Rio Grande do Norte). escrita e relações de poder em “Pena de ganso” (2005).

B. Subjetividad. Alan de Loiola Alves (Universidade Nove de Julho)  O fim do silêncio: a violência física contra o público infanto-juvenil por meio de boletins de ocorrência. Marina Aparecida Marques Castanheira (Universidade Federal de Lavras)  “Negras meninas”: estudo sobre a visão das meninas negras sobre a questão de gênero e racial Cristiane Paiva da Silva (Pontifícia Universidade de São Paulo). 1990-1995) Elisangela da Silva Machieski (Universidade do Estado de Santa Catarina)  Re-presentaciones visuales de niños y niñas en Argentina entre 1930 y 1970. Violencia. (Criciúma.Na hora do banho: o borbulhar de relatos de violências sexuais contra crianças Lívia Monique de Castro Faria (Universidade Federal de Lavras). género.Sexta-feira — Los crímenes de Ciudad Juárez a través del cine María Celina Ibazeta (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)  Campanha sobre a violência doméstica: submissão feminina se mantém Márcia Cristiane Nunes Scardueli (Universidade do Sul de Santa Catarina)  Caderno de Programação | 301 . arte y ética: reflexiones desde los estudios de género y el feminismo Coordenação: Lucía del Carmen Raphael de la Madrid (Instituto de Investigaciones Jurídicas de la UNAM). Bl. memoria y prácticas fotográficas vernáculas Andrea Torricella (Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas)  Relações de gênero e de trabalho no universo infanto-juvenil: litígios processuais trabalhistas em Florianópolis na década de 1990 Antero Maximiliano Dias dos Reis (Universidade de São Paulo)  115. Lucia Melgar Palacios (Instituto Tecnológico Autónomo de México) ▶ Local: Auditório Henrique Fontes. Centro de Comunicação e Expressão (CCE) Horário: 14h às 17h30 — 20/09 .

 Joannie dos Santos Fachinelli Soares (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)  Violência pega? Feminicídios e mídia: um estudo sobre o efeito mimético Daniela Cabral Gontijo (Universidade de Brasília)  Narrativas sobre a morte: articulações entre gênero. de María de Zayas Rosangela Schardong (Universidade Estadual de Ponta Grossa) 302 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Cíntia Maria Teixeira (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais). movimentos sociais e estudos sobre a morte Luciana Kind (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais). poder e autoridade Marta Cocco da Costa (Universidade Federal de Santa Maria). Rosineide de Lourdes Meira Cordeiro (Universidade Federal de Pernambuco)  Retrato da defunta: poética e pedagogia da denúncia em “Tarde llega el desengaño” (1647).Derechos reproductivos: violencia institucional y de Estado contra las mujeres mexicanas María de Lourdes Enríquez (Universidad Nacional Autónoma de México)  Encuadres de la violencia: el feminicidio en las fotografías de prensa Mariana Berlanga Gayón (Universidad Nacional Autónoma de México)  Popol Vuh: uma leitura cênica do poema maia-quiché da Guatemala Maris Aparecida Viana (Universidade Federal de Santa Catarina)  Reflexões ético-políticas acerca da judicialização das relações conjugais violentas Jullyane Chagas Barboza Brasilino (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)  Violência contra mulheres rurais: masculino e feminino.

Centro de Ciências da Saúde (CCS) A beleza e o corpo nas publicidades da Revista Feminina (1920-1930) Neide Célia Ferreira Barros (Universidade Federal de Goiás) A condição feminina expressada nas artes visuais pelas artistas nos séculos XX e XXI Camila Bourguignon de Lima (Universidade Estadual de Ponta Grossa) A contribuição do feminismo radical na reflexão sobre a violência contra as mulheres Natália Nuñez Silva (Universidade de Brasília) A criança na Folha de São Paulo: representações sociais da infância no período da redemocratização (1980-1990) Marina Lis Wassmansdorf (Universidade do Estado de Santa Catarina) A identidade da mulher dentro da sociedade de classes Amanda Resende Corrêa (Universidade Federal de Ouro Preto).18:30 Hall do CCS ▶ Local: Hall do CCS. Bl. B. José Arlindo Nascimento (Universidade Federal de Ouro Preto) Caderno de Programação | 303 .Exposição de Pôsteres — 17/09/2013 — 08:30 .

até galo canta fino: análise da construção midiática da personagem Dilma Rousseff João Agbriel Maracci Cardoso (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). Renata Menasche (Universidade Federal de Pelotas) Construcionismo Social versus autonomia: questões a serem pensadas sobre a atuação do psicólogo frente à violência de gênero Paula Hosana Silveira Biazus (Faculdade Integrada de Santa Maria) Desafios da desconstrução da noção de identidade na formação de professores Júlia Marinho Ferreira (Universidade Federal de Minas Gerais).A mulher negra por suas impressões: reflexões acerca da cor da pele nas relações afetivos-sexuais Luara Paula Vieira Baia (Universidade Estadual de Maringá). Gustavo Fortunato Duarte (Universidade Federal de Minas Gerais) Em casa que mulher manda. Eduardo Oliveira de Almeida (Universidade Estadual de Maringá) As grandes esposas reais: funções sociais das divinas adoradas de Amon no Egito Faraônico Bruna Rafaela de Lima (Universidade Federal de Campina Grande). Adolfo Pizzinato (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). Rio Grande do Sul. Cristiano Hamann (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) Gênero e Educação Infantil: como o gênero se faz presente nas práticas da educação? Daiana da Silva (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) 304 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Tatianne Ellen Cavalcante Silva (Universidade Federal de Campina Grande) Cidade. no começo dos anos 60 Andressa Porto Pereira (Universidade Federal de Pelotas). consumo e identidade de gênero: perfil dos frequentadores de eventos LGBT em Ituiutaba (Minas Gerais/Brasil) Bruno de Freitas (Universidade Federal de Uberlândia) Compra e gênero: reflexões de anúncios para rádio na cidade de Pelotas.

Homens. Benedito Medrado (Universidade Federal de Pernambuco). gênero e trabalho: saberes e práticas de saúde da população masculina trabalhadora da região de SUAPE/PE Felipe Alves Melo (Universidade Federal de Pernambuco). Debora Santos Londero (Universidade Federal de Santa Maria) O Estado em ação: políticas públicas em segurança pública e a promoção da diversidade no Ceará Aline Soares Alves (Universidade Federal do Ceará). Liliane Taise Tavares (Universidade Potiguar) Justiça de gênero e direitos humanos das mulheres: percepções sobre feminismo em decisões dos tribunais de justiça do país Ana Cláudia Mauer dos Santos (Faculdade de Direito de Ribeirão Preto). Túlio Romério Lopes Quirino (Universidade Federal de Pernambuco) Jenny: um diário sem segredos Arly da Costa Silva (Universidade Potiguar). Marco Antonio Matos Martins (Universidade do Estado da Bahia) Mulheres na ciência: uma análise histórica acerca do ingresso e formação de mulheres em cursos de Engenharia da Unicentro/Paraná Kariane Camargo Svarcz (Universidade Estadual do Centro Oeste) Notas sobre as minhas putas tristes Karen Ambrozi Kaercher (Universidade Federal de Santa Maria). Fabiana Cristina Severi (Universidade de São Paulo) Literatura marginal: o estético da periferia brasileira e a voz da mulher que não se cala Fábio Santos Oliveira (Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”) Ma Vie En Rose e as escolas brasileiras Armando Januário dos Santos (Universidade do Estado da Bahia). Phelipe Bezerra Braga (Universidade Federal do Ceará) Caderno Programação de | 305 .

639/2003 Treyce Ellen Silva Goulart (Fundação Universidade do Rio Grande). Lucas Monteiro Gomes (Universidade Federal Fluminense) Ser homem profissional do sexo: narrativa de mulheres em situação de prostituição no município de Juazeiro. Érica Renata de Souza (Universidade Federal de Minas Gerais). Claudia Penalvo (Universidade Federal do Rio Grande) Reestruturação produtiva e a feminização no mundo do trabalho: reflexões no contexto da terceirização em Catalão (Goiás) Laudicéia Lourenço de Araújo (Universidade Federal de Goiás) Saúde do homem: um desafio a ser vencido Bruno Coimbra de Queiroz (Universidade Federal Fluminense). Brasil Sinara Inácia de Melo Santana (Universidade Federal do Vale do São Francisco) 306 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Débora Santos Clarkson (Universidade Federal Fluminense). Bahia. Ivens Reis Reyner (Universidade Federal de Minas Gerais) O processo de transformação de sujeitos transgêneros: transgressão da norma sexo/gênero/desejo Diogo França Machado (Universidade do Planalto Catarinense) O silêncio das pautas de mulheres nos movimentos de resistência às ditaduras no Brasil e Argentina Gabriela Santetti Celestino (Universidade Federal de Santa Catarina) Pautas que se cruzam no corpo: docência feminina e negritude na efetividade da Lei 10.O Serviço Social na luta por uma sociedade emancipada Lilian da Silva Cortez (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) O paradoxo de Trinity e o mito do Ciborgue: possibilidades para uma representação crítica da mulher nas narrativas de ficção científica Vitor França Netto Chiodi (Universidade Federal de Minas Gerais).

 Maiara Brandão Simões (Universidade Federal do Pará) Trabalhando as relações de gênero nas aulas de Educação Física Flora Silvia Alves (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) (Homo)sexualidades femininas e ginecologia: uma reflexão sobre corpo. Mohabiana Jacuru Theonilo (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) Caderno de Programação | 307 . gênero e saúde Ana Rita da Silva Rodrigues (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) A construção das relações de gênero na infância Ana Jéssika de Medeiros (Universidade Federal do Ceará). Martins Pereira (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) Violência contra a mulher: uma análise sociológica sobre dados acerca das ocorrências de homicídios contra mulheres em Santa Maria/Rio Grande do Sul Suelen Aires Gonçalves (Universidade Federal de Santa Maria) “Minha Esposa é uma Puta!” Representação da emancipação sexual feminina no longa-metragem nacional A Dama do Lotação (1978) Fabiana Oliveira Leite (Universidade Estadual de Montes Claros) “Urge libertarmos a mulher”: memórias e escritos femininos na Paraíba 1920-1930 Elson da Silva Pereira Brasil (Universidade Federal de Campina Grande) Hall do CFH ▶ Local: Hall do CFH.Significados atribuídos à maternidade por mulheres que vivem em Belém Júlia Karolyne Costa do Nascimento (Universidade Federal do Pará). Bl. B. Clarice Araujo Imbuzeiro (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Kárithas Shelly Luz Alves (Universidade Federal do Ceará) A descriminalização do aborto e os discursos políticos na eleição presidencial e no julgamento do STF Sofia Barreto Souza (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Sissi A.

 Camila Canário Pires Xavier (Universidade Federal Fluminense) Abuso sexual contra crianças e adolescentes em Manaus: discursos sobre gênero. moralidades e sexualidades Isabelle Brambilla Honorato (Universidade Federal do Amazonas) Aspectos relativos ao perfil da psicóloga no Brasil Geni Daniela Núñez Longhini (Universidade Federal de Santa Catarina) Ativismo LGBT na Baixada Cuiabana Josiane Ferreira (Universidade Federal de Mato Grosso). Moisés Alessandro de Souza Lopes (Universidade Federal do Mato Grosso) Boa moça ou pecadora: representações das atrizes de Hollywood na revista O Cruzeiro (1953-1962) Jessica Caroline Zanella (Universidade Estadual do Centro Oeste) Conteúdos de ensino e identidades de gênero: um estudo na Fundação Municipal de Esporte-Niterói/Rio de Janeiro Juliana Pelluso Fernandes da Cunha (Universidade Federal Fluminense). Fabiano Pries Devide (Universidade Federal Fluminense) Diversidade sexual e reconhecimento: o direito a diferença no discurso do judiciário Eduardo Jose Bordignon Benedetti (Universidade Federal de Pelotas) Encotros à luz de Pixels: narrativas de amor na Internet Bruna Kocsis Dorés (Universidade Estadual de Campinas) Escrita como degeneração em Carolina Maria de Jesus Marianna Guimarães Alves (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) 308 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .A feminização do Jornalismo em Ponta Grossa: um olhar preliminar sobre as redações dos impressos Diário dos Campos e Jornal da Manhã Marina Alves de Oliveira (Universidade Estadual de Ponta Grossa) A ética do cirurgião dentista no atendimento a pacientes LGBT Leilane Samary de Proença Silva (Universidade Federal Fluminense). família.

 Jane Lucy do Amaral Moura (Universidade Federal Fluminense). Mayara Cristina Mendes Maia (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) Gênero e Trabalho: sindicalismo rural no Vale do São Francisco Camilla de Almeida Silva (Universidade Federal do Vale do São Francisco) Gênero e agenda internacional: o movimento de mulheres e o caminho para a Institucionalização da ONU Mulheres Flávia Belmont de Oliveira (Universidade Federal da Paraíba) Intersecções entre justiça e gênero: a participação feminina no judiciário brasileiro Bruno Silva Kauss (Universidade Federal de Pelotas). PR. Bruna Andrade Irineu (Universidade Federal do Rio de Janeiro) Gênero e esporte: apontamentos sobre Menina de Ouro Paula Nunes Chaves (Universidade Federal do Rio Grande do Norte). Maria Theresa da Costa Barros (Universidade Estadual do Rio de Janeiro) Gênero e Diversidade na Escola: uma análise sobre o perfil das/os cursistas do GDE e da realidade escolar no estado do Tocantins Brendhon Andrade Oliveira (Universidade Federal do Tocantins). Brasil Tânia Peres de Oliveira (Universidade Estadual de Maringá) Futebol como lazer para homens gays Anna Carolina Neves de Anchieta (Universidade Federal Fluminense).Família homoafetiva e espaço urbano: narrativas sobre espaços de conflito na cidade de Maringá. Letícia Baron (Universidade Federal de Pelotas) Caderno de Programação | 309 . Yasmin Freitas Abrantes (Universidade Federal Fluminense) Gravidez na adolescência: perspectivas socioculturais e de gênero Tatiana Regina de Andrade Soares (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Luiz Fellipe Dias da Rocha (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Allyson Carvalho de Araújo (Universidade Federal do Rio Grande do Norte).

 Regina Facchini (Universidade Estadual de Campinas) O enfrentamento à violência contra a mulher e o aspecto socioeducativo da Lei Maria da Penha Michelle Clizette Barbosa Leite Timotheo (Universidade Federal da Paraíba) O que se diz sobre as mulheres na conquista do poder: candidaturas femininas no jornal Gazeta do Povo Guilherme Fernando Schnekenberg (Universidade Estadual de Ponta Grossa) O sexo invisível: considerações sobre o lugar social de pessoas intersexo Henrique Campagnollo D´Ávila Fernandes (Centro Universitário de Brasília) Os paradoxos da inserção social das travestis Camilla Resende Silva (Universidade Federal de Uberlândia).Mães indígenas encarceiradas no sul do Mato Grosso do Sul Dandara Rossoni (Universidade Federal da Grande Dourados) Novas feminilidades e o enfrentamento da violência contra a mulher Dyjane dos Passos (Universidade Federal de Viçosa). Kelyane Silva de Sousa (Universidade Estadual do Ceará). Emerson Fernando Rasera (Universidade Federal de Uberlândia) Pesquisar para intervir: uma experiência do Observatório de Violência Contra a Mulher – OBSERVEM Mariana Vasconcelos Sousa (Universidade Estadual do Ceará). Maíra Ívze Bezerra Alves (Universidade Federal da Paraíba) 310 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Raquel Vasconcelos Rodrigues (Universidade Estadual do Ceará) Políticas públicas e empoderamento feminino no Estado da Paraíba Leonardo Pereira Bezerra (Universidade Federal da Paraíba). Rafânya Mareza Silva de Carvalho (Universidade Federal de Viçosa) O Seminário Internacional Fazendo Gênero: apontamentos para a recuperação de uma trajetória Sarah Rossetti Machado (Universidade Estadual de Campinas). Paula Dias Bevilacqua (Universidade Federal de Viçosa).

B. Bl. expressão e diálogo Carina Rocha de Macedo (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Tamires Regina Aguiar de Oliveira Cesar (Universidade Estadual de Ponta Grossa) Questões de gênero na produção midiática de brinquedos infantis Patrícia Ribeiro Bastos (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). Clara Cazarini Trotta (Universidade Federal de Minas Gerais) Caderno de Programação | 311 . Janaína Freitas (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) A construção do sexo e do gênero no filme “A Pele Que Habito” Kênia Araújo Pires (Universidade Federal de Viçosa).Políticas públicas para a população LGBT e a atuação do Centro de Referência em Direitos Humanos de Cuiabá-MT Henrique Araujo Aragusuku (Universidade Federal do Mato Grosso). Cristiane dos Santos Schleiniger (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) Representações de mulheres em livros didáticos de História Giseli Origuela Umbelino (Universidade Federal de Mato Grosso) Hall do CSE ▶ Local: Hall do CSE. Gabriela Fischer Armani (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Estrato B3 Lucélia de Fátima Rodrigues (Universidade Estadual de Ponta Grossa). Centro Socioeconômico (CSE) (Des)Construção da noção de papel de gênero no CASEF: imagem. Moisés Alessandro de Souza Lopes (Universidade Federal do Mato Grosso) Produtividade científica feminina na Geografia Brasileira: sistema Qualis-Capes.

A desvalorização do sexo entre duas mulheres e seus tabus Gabriela Oliveira de Figueiredo (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia). Walter Elias Mazzer (Universidade Estadual Paulista) Dia Internacional da Mulher: dia de luta e empoderamento das mulheres Bruna Dedavid da Rocha (Universidade Federal de Santa Maria) Entre a fidelidade religiosa e a afetividade maternal e paternal: a tensa biografia de pais e mães de homossexuais Cesar Vinicius de Souza Barbato (Escola Superior de Teologia) 312 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .MT Gabriella Souza e Silva (Universidade Federal do Mato Grosso) Coral da diversidade: vozes que se atravessam por um mundo diferente Franciele Castilho dos Reis (Universidade Estadual Paulista). Joabson Silva Santos (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia) A experiência de uma estagiária de Serviço Social na elaboração e execução de um curso de Gênero e Sexualidade Viviane Melquiades de Souza (Universidade Federal do Rio de Janeiro) A família contemporânea e suas implicações sobre a vida das mulheres Natália Cristina Luciano (Universidade Federal do Mato Grosso do Sul) A importância do pensamento feminista na busca pela liberdade sexual: uma análise em relação a aspectos dos mercados de sexo existentes no Brasil Camila Cararo Tonkelski (Universidade Paranaense) A narrativa e o direito de falar José Wander de Paula (Universidade Estadual de Ponta Grossa). Julia de Castro Campos (Universidade Estadual Paulista). Marly Catarina Soares (Universidade Estadual de Ponta Grossa) As Minas dos Muros: trajetória feminina no grafite em Fortaleza Ananda Andrade do Nascimento Santos (Universidade Federal do Ceará) As relações de gênero e o Poder Judiciário em Cuiabá .

 Karla Galvão Adrião (Universidade Federal de Pernambuco) Gênero e sexualidades: o que aprendem os discentes do Ensino Médio de Cuiabá-MT? Wanderson Batista Silva (Universidade Federal de Mato Grosso). gênero e sexualidade no Brasil: os Encontros Anuais da ANPOCS (1979-2012) Rubens Mascarenhas Neto (Universidade Estadual de Campinas). loucura. Silvana Maria Bitencourt (Universidade Federal de Mato Grosso) Gênero e público nos museus de Ouro Preto Thayane Sampaio Martins (Universidade Federal de Ouro Preto) Homens aprisionados pela Lei 11. Regina Facchini (Universidade Estadual de Campinas) Formação e mobilização de atores sociais para o enfrentamento da violência doméstica: o conceito de intelectuais orgânicos revisitado Rafânya Mareza Silva de Carvalho (Universidade Federal de Viçosa). Joanna Ferrão dos Santos (Universidade Federal de Pernambuco). juventudes e autonomia Ísis Maurício Coelho (Universidade Federal de Pernambuco) Caderno de Programação | 313 . Dyjane dos Passos (Universidade Federal de Viçosa).340: a experiência etnográfica entre os muros do Centro de Ressocialização de Cuiabá Lilian Bazzi (Universidade Federal de Mato Grosso) Interseccionalidade: gênero.Estudos sobre mulheres. Paula Dias Bevilacqua (Universidade Federal de Viçosa) Formação em direito e demandas indígenas Renata Karolyne de Souza (Universidade Federal da Grande Dourados). Camila da Silva Dezinho (Universidade Federal da Grande Dourados) Gênero e cinema: uma análise crítica dos discursos sobre “ser” mulher no filme “As Horas” Alexandre Henrique do Nascimento Freitas (Universidade Federal de Pernambuco).

 Luan Fernando Schwinn Santos (Universidade Federal da Grande Dourados) 314 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Islã. do interior de São Paulo Isabella Caroline Sotocorno (Universidade de São Paulo) Libertação de figuras opressoras e autodefinição na poética de Sylvia Plath Mariana Chaves Petersen (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) Mulher e revolução: mulheres guerrilheiras na Revolução Cubana Silvia Batista Nunes (Universidade Estadual Paulista) O lugar do exercício da paternidade nos serviços de saúde e no meio doméstico Maria Alice Barata dos Santos Figueira (Universidade Federal de Pernambuco). Jéssica Daminelli Eugênio (Universidade do Extremo Sul Catarinense) Políticas Culturais LGBT: algumas considerações socioantropológicas Matheus Gonçalves França (Universidade Federal de Goiânia) Pornografia em dois tempos: estudo comparativo em poemas de Gregório de Matos e Glauco Mattoso Juliana Goldfarb de Oliveira (Universidade Federal da Paraíba) Prostitutas de Belo Horizonte Alessandra Prado Rezende (Universidade Federal de Minas Gerais) Relatos da disciplina de “Orientação Sexual” através do PIBID: o que os(as) jovens pensam sobre isso? Mariana Martines Tozzi Moreira (Universidade Federal da Grande Dourados). Patricia Vitória Bezerra Caetano Lopes (Universidade Federal de Pernambuco) O poder do rosa: a influência do consumo de produtos infantis nas representações de gênero na infância e juventude Beatriz Demboski Búrigo (Universidade Federal de Santa Catarina). Jorge Lyra (Universidade Federal de Pernambuco). mulheres: uma etnografia com as comunidades de Barretos e Colina.

Relações sociais de gênero: uma análise sobre as condições de vida das mulheres agricultoras do território rural da Mata Sul de Pernambuco Aryadne Castelo Branco Correia Lins (Universidade Federal de Pernambuco), Eynat Kelly Heliodoro de Morais (Universidade Federal de Pernambuco) Representações sociais e gênero: reflexões acerca do pensamento social de internautas sobre a Marcha das Vadias Caroline Gonçalves Nascimento (Centro Universitário La Salle) Semelhanças e diferenças no marco legislativo de combate à violência de gênero contra as mulheres: uma análise da produção de identidade a partir das leis de Proteção no Brasil e Espanha Patrícia Vilanova Becker (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) “De mulher pra mulher, Machista”: um estudo sobre a campanha “Números” Gabriela Almeida Moreira Lamounier (Universidade Federal de Minas Gerais), Adriano Beiras (Universidade Federal de Santa Catarina) “Quem é TIJUCO?” - O dito e o interdito na materialidade do acervo de Harry Laus Giovanni Carús Brochado (Universidade Federal de Santa Catarina) Hall do CTC ▶ Local: Hall do CTC, Centro Tecnológico (CTC) “Eu Devia Estar Amando Isto” – perspectivas sócio-históricas do mito do amor materno na análise do livro “Precisamos Falar Sobre o Kevin” Ana Giulia de Araújo Conte (Universidade de Brasília) A narrativa de Nadine Labaki: a importância do papel feminino no cinema contemporâneo Cássia Correa Pereira (Universidade Federal do Rio Grande)
Caderno
de

Programação

| 315

A participação e representação feminina no legislativo de Santa Maria Tiane França Menezes (Universidade Federal de Santa Maria) A violência contra a mulher no espaço público Andrea Moreira Streva (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro) A violência sexual como crime de guerra: avanços e limitações Gabriela Souza Antunes (Universidade Federal do Rio Grande do Sul), Daniel Paulo Caye (Universidade Federal do Rio Grande do Sul), Laura Machado Hoscheidt (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) A vivência transexual: uma perspectiva psicanalítica Lucilayne Maria da Silva Muniz (Faculdade Frassinetti do Recife) Abrigo, adolescência e maternidade: concepções sobre o que é ser mãe e mulher Maria Eduarda Nascimento dos Santos (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), Leandro Ribas de Almeida (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), Maria Theresa da Costa Barros (Universidade Estadual do Rio de Janeiro) Aplicação da Lei Maria da Penha e os CRAS. A ausência dos serviços previstos na lei, e o impacto na vida das mulheres: o caso da Cidade Estrutural/DF Isabel Silva de Freitas (Universidade Paulista) Aspectos destacados do perfil da reincidência criminal feminina em Criciúma-SC: uma leitura de gênero sobre as carreiras criminais, sob o enfoque dos Direitos Humanos das Mulheres Aline Fernandes Marques (Universidade do Extremo Sul Catarinense) Autoconceito masculino e padrão de autocuidado em saúde Amanda Trajano Batista (Universidade Federal da Paraíba), Ana Alayde Werba Saldanha Pichelli (Universidade Federal da Paraíba), Juliana Rodrigues de Albuquerque (Universidade Federal da Paraíba) Brasil, Bolívia e Paraguai: a conquista de espaço pelas mulheres indígenas (1960-2008) Heloísia Nunes dos Santos (Universidade Federal de Santa Catarina) 316 |
F a z e n d o G ê n e r o 10

Brechas, buracos e nossos desejos: vieses de uma Revolução Trans-Molecular Cristina Diógenes Souza Bezerra (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) Cinema brasileiro novo e feminismo: uma análise da representação no filme Os cafajestes (1962) Camila Carolina Hildebrand Galetti (Universidade Estadual de Maringá) Diálogos possíveis entre o Direito e a Antropologia para o alcance de isonomias étnico-raciais e de gênero Isadora Quintão Tavares (Universidade Federal de Mato Grosso) Gênero e direitos humanos: fortalecendo a cidadania de jovens e de mulheres Natália Lidia Garcia de Carvalho (Universidade Federal do Ceará) Gênero na história ensinada: um olhar além do (in)visível Cíntia Peixoto Galego (Universidade Federal de Santa Catarina), Clarícia Otto (Universidade Federal de Santa Catarina) Gênero, erotismo e sexualidades no Clube de Mulheres Maisa Cardozo Fidalgo Ramos (Universidade Estadual de Campinas) Maura de Senna Pereira: em fatos & fotos Ana Beatriz Mello Santiago de Andrade (Universidade Federal de Santa Catarina) Mulheres e Monstros: construção da identidade feminina em Angela Carter Luiza Monteiro (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) Mulheres, homossexualidade e violência: uma análise da violência contra mulheres lésbicas Natália Oliveira Borges Alves da Silva (Instituto de Filosofia e Ciências Sociais) O fenômeno invisível: mulheres violentadas em uma cidade da Bahia Lorena Sales de Almeida (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)
Caderno Programação

de

| 317

Para Celie com amor: escritas de si para si no Engendramento do Feminino Letícia Cedro Siqueira (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) Perfil sócio-demográfico da maternidade precoce e tardia: um estudo de coorte para o Brasil em 2006 Mariana de Araújo Cunha (Universidade Federal de Minas Gerais) Promoção à saúde de mulheres de classes populares Priscila Pereira Francisco (Universidade Federal Fluminense), Sabrina Pinto Ruback (Universidade Federal Fluminense) Práticas discursivas: variantes linguísticas enquanto identificadoras do papel de gênero - A flexão verbal na fala carioca Wellton da Silva de Fatima (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) Práticas pedagógicas sexistas e formação da identidade de gênero um estudo em uma escola pública da cidade do Cabo de Santo Agostinho/ PE Magda Maria de Aquino (Universidade Federal Rural de Pernambuco) Questões de gênero na trajetória acadêmico-profissional de mulheres na área de Química: o caso do Instituto Federal de Brasília Evelynne Katriny Silva de Sousa Miranda (Instituto Federal de Brasília), André Gondim do Rego (Instituto Federal de Brasília), Fernando Luiz Conceição Alves (Instituto Federal de Brasília) Relações de gênero: o pano de fundo da violência nas relações afetivo-sexuais de adolescentes Mariane Brusque Radke (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul), Cristiane dos Santos Schleiniger (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul), Marlene Neves Strey (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) Representações da mulher veiculadas no jornal Folha do Norte do Paraná (1964/1965) Gessica Aline Silva (Universidade Estadual do Paraná), Cristina Satie de Oliveira Pataro (Universidade Estadual do Paraná) 318 |
F a z e n d o G ê n e r o 10

Thelma & Louise: a dominação masculina Ivens Reis Reyner (Universidade Federal de Minas Gerais), Vitor França Netto Chiodi (Universidade Federal de Minas Gerais) Um estudo de gênero no atendimento à saúde básica Lucas Masiêro Araujo (Universidade Federal Fluminense), Amanda Vilas Calheiros (Universidade Federal Fluminense) Um estudo sobre igualdade de gênero e casamento homoafetivo na sociedade e na Igreja Luterana na Suécia Tatiani Müller Kohls (Universidade Federal de Pelotas) “Mãe, sou trans!”: um estudo sobre relações familiares e a experiência trans Marcos Mariano Viana da Silva (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) “Tudo Sobre Minha Mãe”: imagem e gênero em uma abordagem antropológica Natasha Gomes Oliveira (Universidade de São Paulo)

— 18/09/2013 — 08:30 - 18:30
Hall do CCS ▶ Local: Hall do CCS, Bl. B, Centro de Ciências da Saúde (CCS)

“A força da mulher é diferente do homem”. Para uma antropologia das relações de gênero em uma comunidade Quilombola Danielli Katherine Pascoal da Silva (Universidade Federal de Mato Grosso) A instituição de territórios da prostituição segundo relações entre travestis e moradores na cidade de Ponta Grossa – Brasil André de Morais (Universidade Estadual de Ponta Grossa)
Caderno
de

Programação

| 319

A mulher do mundo esportivo: análise da obra Offside Mayara Cristina Mendes Maia (Universidade Federal do Rio Grande do Norte), Allyson Carvalho de Araújo (Universidade Federal do Rio Grande do Norte), Paula Nunes Chaves (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) A produção de pesquisas de gênero e feminismo nas Ciências Sociais do Ceará Luana Carolina Braz de Lima (Universidade Federal do Ceará), Antonio Cristian Saraiva Paiva (Universidade Federal do Ceará), Ismênia de Oliveira Holanda (Universidade Federal do Ceará) A questão de gênero dentro dos movimentos sociais: um olhar específico para o EIV-MG Raquel Santiago de Souza (Universidade Federal de Juiz de Fora) A saúde reprodutiva na seção Ciência&Vida do Jornal A Tarde Lorena Bernardes Oliveira (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia) A sexualidade feminina na revista GLOSS Vanessa Christina do Nascimento (Universidade Potiguar), Larissa Pereira Soares (Universidade Potiguar) Abordagem sobre as relações de gênero e sexualidade com adolescentes: uma experiência do PIBID de Ciências Naturais da UFBA Manoela de Jesus Sousa Argolo (Universidade Federal da Bahia), Izaura Santiago da Cruz (Universidade Federal da Bahia) Aborto e biopoder: uma experiência sociológica e etnográfica em uma maternidade de Natal/RN Fabiana Damasceno Galvão (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) Análise dos questinários e entrevistas aplicados a professores e professoras de Naviraí /MS: percepções de gênero, sexualidade e corporalidade Katiane Ferreira (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) As mulheres da Lei Maria da Penha: reflexões sobre o sujeito do feminismo e a violência de gênero Gabriela Rondon Rossi Louzada (Universidade de Brasília) 320 |
F a z e n d o G ê n e r o 10

Buscando a diversidade e enfrentando a intolerância: a homossexualidade no ambiente escolar Carlos Gesley Lima dos Santos (Fundação Universidade Federal do Rio Grande), Caroline Farias Dias (Universidade Federal do Rio Grande) Casos de estupro na cidade de Ponta Grossa/PR: algumas considerações Mayã Polo de Campos (Universidade Estadual de Ponta Grossa), Marcio Jose Ornat (Universidade Estadual de Ponta Grossa) Criminalidade e gênero: diferentes expressões de crime e violência em homens e mulheres Luna Campos Gurgel de Andrade (Universidade de Brasília) De mulher à Perra: por outros sujeitos do feminismo Jéssica Emanuelli Pereira da Cunha (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) Envelhecimento, gênero e saúde mental Lívia Campos e Silva (Universidade de Brasília) Florbela Espanca e Gilka Machado: diálogos poéticos Makson Matheus Germano Freitas (Universidade Potiguar), Fernanda Gabriela Pereira Câmara (Universidade Potiguar) Gêneros e sexualidades na escola: narrativas de jovens e educadores Maria Paula de Souza (Universidade Estadual Paulista), Danielle Davanço (Universidade Estadual Paulista) Instituição escolar: espaço de produção de subjetividades normatizadas Franscielle Ribas de Araujo (Universidade Estadual do Centro Oeste) Interrelações entre gênero e consumo na percepção dos jovens Karoline Teixeira da Silva (Universidade Federal do Ceará), Amanda Rodrigues Leal (Universidade Federal do Ceará) Masculinidade: desemprego e a violência contra a mulher, em Vitória/ES no ano 2010 Alex Silva Ferrari (Universidade Federal do Espírito Santo)
Caderno
de

Programação

| 321

 Tatiane Alves da Silva (Universidade Estadual do Paraná) O gênero na formação e intervenção do Serviço Social Marília Marques Nunes (Universidade Federal de São Paulo). Júnia Rodrigues de Araújo (Universidade Federal de Uberlândia) Quem é o réu de assassinato de mulheres em contexto de violência doméstica e familiar? Marina Lacerda e Silva (Universidade de Brasília) Representações sociais do consumo de álcool e da sua masculinidade em universitários Carlos Bueno da Silva (Universidade Comunitária da Região de Chapecó) 322 | F a z e n d o G ê n e r o 10 .Movimentos Globais: a IV Conferência Mundial sobre a Mulher e o Feminismo sob a ótica das Relações Internacionais Danielly Coletti Duarte (Universidade Geral da Grande Dourados) Mulheres e fotografia: práticas e representações sociais em Ubiratã na década de 1960 Andrea Marcia de Souza (Faculdade Estadual de Ciências e Letras de Campo Mourão). Edna Graça Scopel (Universidade Federal do Espírito Santo) Posso cuidar de/com você?! A relação entre a demanda de cuidado e a “emergência” no Ambulatório Saúde das Travestis e Transexuais Leonardo Augusto Dias Nascimento (Universidade Federal de Uberlândia). Cristina Apparecida dos Santos Crovato (Universidade Federal de Uberlândia). Eva Simone de Oliveira (Faculdade Estadual de Ciências e Letras de Campo Mourão). Suellen Abreu (Universidade Federal de São Paulo) O trabalho das pescadoras artesanais no trecho do Submédio Rio São Francisco Dannilo Carneiro Lima (Universidade Federal de Pernambuco) Olhares acerca da implantação do programa nacional Mulheres Mil no Ifes Talita Amaral dos Santos (Instituto Federal do Espírito Santo).

. mas”. Adelina Bengtsson Bernardes (Universidade Federal de Minas Gerais) A instituição do gênero feminino na prática religiosa de meninas jovens da Igreja Evangélica Reformada Nova Holanda. Bl. Jacqueline Gonçalves Paiva (Universidade Federal de Uberlândia) A identidade intersexual e a autonomia da vontade Laura Lovato Pires de Lemos (Universidade Federal de Minas Gerais). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) “Quero deixar a rua..Sobre a Má Educação: as práticas que escapam e as identidades de gênero em Má Educação (2004) de Pedro Almodóvar Ana Paula Jardim Martins (Universidade Estadual de Montes Claros) “As Brasileiras”: misto de linguagens na busca de uma identidade Luana de Amorim Machado (Universidade do Sul de Santa Catarina) Violência contra mulheres rurais: reflexões na perspectiva de gênero e no campo da saúde Daiane Toebe (Universidade Federal de Santa Maria). Marta Cocco da Costa (Universidade Federal de Santa Maria) “Homem não chora?”: um estudo sobre as diferenças de gênero e emoções Thaíza Alves dos Santos (Universidade Federal do Rio de Janeiro) Hall do CFH ▶ Local: Hall do CFH. B. Carambeí – PR Adriana Gelinski (Universidade Estadual de Ponta Grossa) Caderno Programação de | 323 .: problematizando o discurso sobre a prostituição entre as travestis e suas interfaces com o posicionamento da rede brasileira de prostitutas Laura Moukachar Ramos de Oliveira (Universidade Federal de Uberlândia). Flavia do Bonsucesso Teixeira (Universidade Federal de Uberlândia).

 Josineide Maria de Oliveira (Universidade Federal Rural de Pernambuco) Amores Rabiscados: diário de uma favelada Luciano Marques da Silva (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) Ana Julia Carepa: o percurso político da primeira governadora do Estado do Pará Thais Oliveira Pinheiro (Universidade Federal do Pará) Análise de vida e trabalho de mulheres empregadas na Construção Civil em Santa Maria Gabriela Machado da Silva (Universidade Federal de Santa Maria) As condições de gênero na bibliografia dos cursos superiores de Moda no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina Bruna Stroisch (Universidade do Estado de Santa Catarina). Ricardo Soares Sucena (Universidade Federal de Uberlândia) As implicações das relações de gênero na vivência do sobrepeso: um estudo sobre um grupo de emagrecimento Aline Barbosa da Silva (Universidade de Brasília). Raquel Raíssa de Sousa Silva (Universidade de Brasília) Auxiliares de desenvolvimento infantil: tabu x perspectivas de gênero para os anos que hão de vir Josineide Maria de Oliveira (Universidade Federal Rural de Pernambuco).A sexualidade e o brincar: brincadeiras infantis sob a ótica familiar Paloma Caetano Nativo (Universidade Federal Rural de Pernambuco). Gabriela Martini (Universidade do Estado de Santa Catarina) As famílias que não cabem nos formulários: as travestis e suas (re)configurações familiares Sândala Cristina Fernandes Silveira (Universidade Federal de Uberlândia). Flavia do Bonsucesso Teixeira (Universidade Federal de Uberlândia). Paloma Caetano Nativo (Universidade Federal Rural de Pernambuco) 324 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Ariella Cappellari Nunes (Universidade do Estado de Santa Catarina).

Juliana de Paula Figueiredo (Universidade do Estado de Santa Catarina). Mato Grosso do Sul Marta Soares Ferreira (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) Entre esmaltes e batons. Jorge Lyra (Universidade Federal de Pernambuco) Mulheres e futebol: memórias de licenciandas em Educação Física Rebecca Barahona Cantreva (Universidade Federal Fluminense).Conceição Evaristo: a “escrevivência” em Insubmissas Lágrimas de Mulher Danielle Mariana Maia Rosa (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro). Paolla Jenevain Braga (Universidade Federal de Juiz de Fora) Mulheres jovens inseridas em espaços políticos no Cabo de Santo Agostinho/ PE: Narrativas em torno das relações de gênero e geração Gabriela Regina Silva Cordeiro (Universidade Federal de Pernambuco). Elisa Maria Silva Coutinho (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) Considerações sobre mulheres Kaiowa e Guarani em Amambai. Benedito Medrado (Universidade Federal de Pernambuco). Miraira Noal Manfroi (Universidade Federal de Santa Catarina) Flag Man: os homens do pole dance male Vivien Merciel Veríssimo de Suarez (Universidade Federal do Rio de Janeiro) Gênero e dependência afetivo-sexual: descobrindo suas interfaces a partir de um grupo DASA Luana Alcantara Fialho (Universidade de Brasília) Identidades em Trânsito Alexandra Régia Nobre Monteiro Nunes (Universidade Federal do Ceará) Lei Maria da Penha: uma análise etnográfica de audiências de conciliação na cidade de Juiz de Fora Luiza Mattheis Cruz Caixeta (Universidade Federal de Juiz de Fora). a magia da bola de futebol Marcelle Moraes de Francisco (Universidade do Estado de Santa Catarina). Fabiano Pries Devide (Universidade Federal Fluminense) Caderno de Programação | 325 .

 Daniela Auad (Universidade Estadual de Campinas) Relações de gênero e sexualidades no Ciberespaço Aline Gonçalves Ferreira (Universidade Federal de Minas Gerais). Francielle Alves Vargas (Universidade Federal de Minas Gerais). sexualidade e gênero: uma estratégia de intervenção potencializadora Schaiene Martinez Brandolt (Universidade Federal do Rio Grande). Ismael Cabrera Martin (Universidade Federal de Santa Catarina) Oficinas sobre adolescência. Shirlei Rezende Sales (Universidade Federal de Minas Gerais) 326 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Patricia Moraes Bicca (Universidade Federal do Rio Grande) Práticas tecnocráticas do modelo biomédico de assistência ao parto e nascimento Ellen Vieira (Universidade de São Paulo) Qualidade de vida de idosos de um programa de extensão universitária: reflexões acerca da participação feminina Cecília Bertuol (Univeridade do Estado de Santa Catarina).Mães solteiras e estratégias de sociabilidade: o apadrinhamento de ilegítimos em Paracatu entre o final do século XVIII e a primeira metade XIX Gerferson Damasceno Costa (Universidade Estadual de Montes Claros) O direito à diferença sexual no ordenamento jurídico brasileiro Marcos Silva Marinho (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia) O papel da mulher no processo de tomada de decisões na família Dalilia Maranhão Cardoso (Universidade Federal do Ceará) O retrato da mulher espanhola do século XVII nas obras Satíricas de Quevedo Beatrice Tavora (Universidade Federal de Santa Catarina). Andréa Cesco (Universidade Federal de Santa Catarina). Priscila Mari dos Santos (Universidade Federal de Santa Catarina) Relações de gênero e Educação Infantil: o antigo e não esgotado debate da formação docente nos Cursos de Pedagogia Maria Rita Neves Ramos (Universidade Federal de Juiz de Fora).

Centro Socioeconômico (CSE) A identificação de casos de violência sofrida por adolescentes grávidas negras na UBS – Pedreira no ano de 2012 Taritha Cristina Figueiredo da Silva (Universidade Federal do Pará). B. Dhara Rhaquell Gsquiwaze Santos de Carvalho (Universidade Federal do Rio Grande do Norte). Rozeli Maria Porto (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) Representações sociais. Bl. Adelma do Socorro Gonçalves Pimentel (Universidade Federal do Pará) A mulher em Figth Club e Querelle Anna Carolina Queiroz Chillemi (Universidade Estadual de Campinas) Aproximações e diferenças nas representações de gênero através do uso de objetos lúdicos midiáticos numa brinquedoteca escolar: um estudo de caso Luna Cassel Trott (Universidade Federal de Santa Catarina) Caderno de Programação | 327 . Letícia Maísa Eichherr (Universidade de Santa Cruz do Sul) Violência contra a mulher na mídia impressa paranaense: um estudo de gênero e História Danieli Aparecida Lima (Universidade Estadual do Centro Oeste) Hall do CSE ▶ Local: Hall do CSE.Representações dos profissionais de saúde sobre a interrupção voluntária da gravidez em hospital público em Natal/RN Cássia Helena Dantas Sousa (Universidade Federal do Rio Grande do Norte). estágio e pedagogia: experiências de um estagiário homem na Educação Infantil Leonardo Alves de Oliveira (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) Subjetivação e experiência: análise de ações dirigidas à redução da homofobia e do heterossexismo na educação Camila Deufel (Universidade de Santa Cruz do Sul).

Articulação da rede de proteção de crianças e adolescentes vítimas de violência sexual em Manaus Juliana Surimã Bastos Magalhães (Universidade Federal do Amazonas), Nayana Tallita Pereira Julho (Universidade Federal do Amazonas) As relações de gênero entre estudantes e professores(as) de uma escola Militar de Cuiabá (MT) Débora Pimentel Ibanez (Universidade Federal de Mato Grosso), Silvana Maria Bitencourt (Universidade Federal de Mato Grosso) Bulter: para além do binarismo de gênero Renata de Carvalho Nardelli (Universidade Federal Fluminense), Gustavo Patury Sangreman (Universidade Federal Fluminense), Rodrigo Lontra Lopes de Oliveira (Universidade Federal Fluminense) Cinema como proposta pedagógica na luta pela equidade de gêneros Yasmin Freitas Abrantes (Universidade Federal Fluminense), Anna Carolina Neves de Anchieta (Universidade Federal Fluminense), Jane Lucy do Amaral Moura (Universidade Federal Fluminense) Corrida de Rua e Gênero em uma revista para mulheres corredoras Giovanna Garcia Ticianelli (Universidade Estadual de Campinas) Direito e Praxis: a proteção Sócio-Jurídica às vítimas de agressão sexual e/ ou violência doméstica Bruna Thais Dantas Serra (Faculdade de Direito de Ribeirão Preto), Marcio Henrique Pereira Ponzialacqua (Universidade de São Paulo) Direitos humanos e direitos sexuais Jane Lucy do Amaral Moura (Universidade Federal Fluminense), Anna Carolina Neves de Anchieta (Universidade Federal Fluminense), Yasmin Freitas Abrantes (Universidade Federal Fluminense) Do outro lado do muro: como as identidades de gênero são construídas no contexto prisional e de que maneira elas se articulam com as formas de carências intra e extramuros Vanessa Pereira de Lima (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), Vanessa de Andrade da Costa (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) 328 |
F a z e n d o G ê n e r o 10

Educação Infantil e Ensino Fundamental: um repensar sobre as questões de gênero Pâmela Karoline Soares (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) Educação Infantil: um olhar sobre a construção das relações de gênero entre meninas e meninos durante a vivência de brincadeiras José Valber Vieira dos Santos (Faculdade Católica Salesiana do Espírito Santo) Entre a delimitação dos espaços e a negociação das categorias de gênero e sexualidade contidas na narrativa cinematográfica almodovariana Alan Pereira Ribeiro (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Guilherme Rodrigues Passamani (Universidade Estadual de Campinas) Escritas de afetos: discursos sobre si e sobre o outro em sites de relacionamento Jonatan Jackson Sacramento (Universidade Estadual de Campinas) Estudo em violência de gênero: compreendendo aspectos da homofobia e violência psicológica Gabriel Henrique Pereira de Figueiredo (Universidade Federal de Mato Grosso) Feminicídios no Brasil Michele Cristina Cartelli (Universidade Estadual do Centro-Oeste) Grupos de pesquisa em gênero e sexualidade no Brasil: perfil e mudanças na distribuição regional e disciplinar Ana Cláudia Pilon (Universidade Estadual de Campinas), Regina Facchini (Universidade Estadual de Campinas) Homossexualidade e homofobia: o que os(as) alunos(as) pensam a respeito? Nathália Pereira de Oliveira (Universidade de Brasília), Luísa Vianna Baiocchi (Universidade de Brasília) Lei Maria da Penha: a efetividade no município de Maringá Bárbara Machado Alexandre (Universidade Estadual do Paraná)

Caderno

de

Programação

| 329

Lei, moral e bons costumes: influências e desafios para a legalização do Aborto no Brasil Gabriela Moura Maximo (Universidade Federal da Paraíba), Luidjia Básia Silva Lacerda (Universidade Federal da Paraíba) Lélia Gonzalez: a incorporação das demandas das mulheres negras no movimento negro brasileiro na década de 80 e os direitos humanos das mulheres negras Haydée Fiorino Soula (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) Manifestações da sociedade civil: Ditadura Civil-Militar, censura e gênero Thiago de Sales Silva (Universidade Federal do Ceará) No, no, no: para pensar a relação entre as músicas de Amy Winehouse e a construção do self na contemporaneidade Jonas Henrique Guedes (Faculdade Nordeste), Edilson Brasil de Souza Júnior (Faculdade Nordeste) Percepção e satisfação da imagem corporal de universitárias Lidia Queila Lucas Coelho Silva (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro), Karina Souza de Freitas (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) Políticas de reorganização do sistema prisional feminino: uma análise antropológica Anna Laura Mendes de Oliveira (Universidade Federal de Viçosa) Políticas Públicas no combate à violência contra a mulher: desafios no sul do Ceará Vitória Gomes Almeida (Universidade Federal do Ceará) Rap(ensando) questões de gênero no movimento Hip Hop de Caruaru Roberta de Kássia Ricardo Rodrigues (Universidade Federal de Pernambuco), Jaileila de Araujo Menezes (Universidade Federal de Pernambuco) Relações de gênero nas Escritas Latrinárias Arytanna Zuitá Barbosa Ferreira (Universidade de Brasília) 330 |
F a z e n d o G ê n e r o 10

Representações sociais da violência de gênero no Poder Judiciário Renata Cristina de Faria Gonçalves Costa (Universidade de Brasília) Ruralidade e gênero em narrativas autobiográficas de meninas do Rio Grande do Sul Vanessa Oliveira Alminhana (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul), Marcelo Moreira Cezar (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) Sexualidade e gênero nas reportagens de divulgação científica da revista Veja Aline Mello Fernandes (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) Sobre Veteranas e Fisiculturistas: notas acerca de um estudo sobre mulheres praticantes de Bodybuilding Amanda Mello Andrade de Araújo (Universidade Federal de Santa Catarina), Jaison José Bassani (Universidade Federal de Santa Catarina) Um estudo sobre práticas de dominação feminina no universo 3D Second Life Raíra Bohrer dos Santos (Universidade Federal de Santa Maria) Hall do CTC ▶ Local: Hall do CSE, Bl. B, Centro Socioeconômico (CSE)

A Mulher como subalterna Rayssa Schneider (Universidade Estadual de Ponta Grossa), Marilhane Clotilde Gomes de Lima (Universidade Estadual de Ponta Grossa), Marly Catarina Soares (Universidade Estadual de Ponta Grossa) A escola e a “heterossexualização” dos corpos: o autocontrole dos sujeitos não heterossexuais com base na teoria do processo civilizador de Norbert Elias Achiles Silveira Neto (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia) | 331

Caderno

de

Programação

A homossexualidade no espaço escolar: análises preliminares sobre a temática em uma escola pública da cidade de Maringá, PR Tais Pires de Oliveira (Universidade Estadual de Maringá), Patrícia Lessa (Universidade Federal Fluminense), Tânia Peres de Oliveira (Universidade Estadual de Maringá) A produção do sexismo na linguagem: para uma análise dos dicionários Ana Lúcia Dacome Bueno (Universidade Estadual de Maringá), Patrícia Lessa (Universidade Federal Fluminense) Aborto legal e seguro: direito da mulher, dever do Estado Clara Flores Seixas de Oliveira (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia), Marília Flores Seixas de Oliveira (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia) Adoção por homossexuais e a legitimação da homoparentalidade pelo Poder Judiciário Jacson Gross (Centro Universitário La Salle), Paula Pinhal de Carlos (Centro Universitário La Salle) Bela enquanto jovem: uma análise do Correio da Manhã (1901-1974) como instrumento da educação feminina José Elias Mendes Neto (Universidade Federal de Uberlândia), Raquel Discini de Campos (Universidade Federal de Uberlândia) Geografias de gênero em um currículo da Medicina: demarcando lugares e inscrevendo sujeitos André Filipe dos Santos Leite (Universidade Federal de Sergipe) Gênero e trabalho: trajetória das mulheres na indústria metalúrgica e no sindicalismo de Caxias do Sul nos anos 2000 a 2010 Stefany Rettore Garbin (Universidade de Caxias do Sul) Gênero, saúde mental e envelhecimento: levantamento de pesquisas realizadas nos últimos 10 anos Guilherme Freitas Henderson (Universidade de Brasília) 332 |
F a z e n d o G ê n e r o 10

Indagações feministas a partir do monitoramento e avaliação participativa de um projeto social: tecendo redes entre a universidade e a sociedade civil para o enfrentamento da violência contra mulheres Talita Rodrigues da Silva (Universidade Federal de Pernambuco), Jorge Lyra (Universidade Federal de Pernambuco) Liberte-se: movimento RIOT GRRRL no Brasil na década de 1990 Alessandra Noronha Dias (Universidade Estadual de Montes Claros) Maternidade e saúde da criança na perspectiva da Pastoral da Criança: uma abordagem de gênero Silvia Regina Centeno (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) Movimento social de mulheres e Ativismo Jurídico no Brasil: o direito como instrumento de luta Ana Carolina de Morais Colombaroli (Universidade Estadual Paulista) Mães, negligentes ou negligenciadas? Nathália Gonçalves da Barra (Universidade Federal Fluminense), Maíra Rangel Campos (Universidade Federal Fluminense), Nivia Valença Barros (Universidade Federal Fluminense) Núcleo de estudos e pesquisas sobre identidades de gênero Viviane Pereira Monteiro (Universidade Federal Fluminense), Daniela Beatriz dos Santos Ferreira (Universidade Federal Fluminense), Natalia Buginga Ramos da Costa (Universidade Federal Fluminense) O direito, a produção da verdade do sexo e a subversão do Binarismo de Gênero no discurso jurídico Caio Cesar Klein (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) O discurso feminino sobre a não maternidade por opção Izabel Cristina Soares (Universidade Estadual do Centro Oeste) Observatório de violência contra a mulher Mariana da Silva Vieira (Universidade Federal Fluminense), Viviane Pereira Monteiro (Universidade Federal Fluminense)
Caderno
de

Programação

| 333

Olhares em torno do judiciário Sul-Matogrossense: análise do caso do “Matador de Travestis” Paulo Sérgio de Oliveira Hisadora Beatriz Gonçalves Lemes (Universidade Federal da Grande Dourados) Os pais e mães aceitariam professores homens na Educação Infantil? Adriana Horta de Faria (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Amanda Francisco da Silva (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) Outro olhar sobe a novembrada: a resistência através da atuação das mulheres no Movimento Estudantil Lidia Schneider Bristot (Universidade Federal de Santa Catarina) Prisão e loucura: uma narrativa de mulheres em medida de segurança no Distrito Federal Luana Karina Dallposso (Universidade de Brasília) Projeto adesão e as travestis: não se “trata” do diagnóstico... Ludmila Ribeiro Pedrosa (Universidade Federal de Uberlândia), Denise Vieira Santos (Universidade Federal de Uberlândia), Flavia do Bonsucesso Teixeira (Universidade Federal de Uberlândia) Prostituição feminina em São Luis: uma análise acerca das manifestações de violência contra mulheres profissionais do sexo Joseana Priscila Carvalho Azevedo (Universidade Estadual do Maranhão) Que visibilidade é essa? Política e participação na comunidade travesti Ericka Daniela González Santana (Universidade Federal de Uberlândia), Emerson Fernando Rasera (Universidade Federal de Uberlândia), Lais Castro (Universidade Federal de Uberlândia) Questões de diversidade sexual no Ensino Médio politécnico no Rio Grande do Sul Emerson Flores Gracia (Universidade Federal do Rio Grande do Sul), Ana Rita da Silva Rodrigues (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) 334 |
F a z e n d o G ê n e r o 10

 Larissa Ramos Ferreira (Universidade Federal Fluminense). Gabriela Fiúza de Almeida Santos (Universidade de Brasília). Josué Ferreira de Souza (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) Travestilidades. abjeção e resistências Mariana Amaral de Queiroz (Universidade Federal de Santa Catarina) Usos linguísticos e sentidos identitários na fala de mulheres de Florianópolis Tâmara Aguiar Souza dos Santos (Universidade Federal de Santa Catarina) Violência de gênero e reafirmação patriarcal na Síndrome de Alienação Parental Humberto Soares Costa (Universidade de Brasília) Caderno de Programação | 335 . invisibilidade de especificidades Larissa Mayara Pinto Rodrigues (Universidade de Brasília). Maíra Oliveira Moraes (Universidade Federal Fluminense) Saúde mental e gênero: pouca produtividade acadêmica.Questões de gênero e representações sociais de professoras sobre a atuação de homens com crianças de 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental Aristides Ariel Bernardo (Universidade Federal do Mato Grosso do Sul) Questões de masculinidade e saúde básica Igor Pedrosa Saffier (Universidade Federal Fluminense). Valeska Zanello (Universidade de Brasília) Sociabilidades juvenis em uma comunidade em processo de pacificação: diferenciais de gênero e raça/etnia nas narrativas dos jovens sobre seus itinerários e trajetórias Mateus Alves Pontes (Universidade do Estado do Rio de Janeiro).

 Adolfo Pizzinato (Pontifícia Universidade Católica 336 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Centro de Ciências da Saúde (CCS) (Fe)menino: da possibilidade dos feminismos às (re)construções das masculinidades Thiago de Oliveira Vieira (Universidade de Brasília) A (in)visibilidade das relações de gênero por trás do sofrimento psíquico: uma leitura do CAPS Gabriela Fiúza de Almeida Santos (Universidade de Brasília) A percepção de gestoras em relação à atuação de professores homens como regentes na Educação Infantil Amanda Francisco da Silva (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul).18:30 Hall do CCS ▶ Local: Hall do CCS.— 19/09/2013 — 08:30 . Bl. Ana Jéssika de Medeiros (Universidade Federal do Ceará) A paratopia criadora de Jane Austin: uma autora feminista? Amanda Aparecida Chieregatti (Universidade Federal de São Carlos) A psicologia como uma profissão da mulher no Brasil e no mundo Bruna Camillo Bonassi (Universidade Federal de Santa Catarina) Análise das narrativas de imigrantes africanas em Porto Alegre Kaily Fernanda Gonçalves Krause (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande Do Sul). Adriana Horta de Faria (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) A homossexualidade e as relações familiares Kárithas Shelly Luz Alves (Universidade Federal do Ceará). B.

gênero e erotismo no BDSM Paula Chiconini (Universidade Estadual de Campinas) Da construção da feminilidade e masculinidade: dominação e representação dos corpos Francielle Lopes Rocha (Centro Universitário de Maringá).do Rio Grande do Sul). Goiás Ana Sara Spindola da Silva (Instituto Federal de Educação. Valéria Silva Galdino Cardin (Universidade de Lisboa) Desigualdade de gênero: um estudo introdutório acerca da valoração social atribuída à diferença estabelecida entre o feminino e o masculino na cidade de Formosa. Kaithy das Chagas Oliveira (Instituto Federal de Educação. Ciência e Tecnologia de Goiás). Luiz Geraldo do Carmo Gomes (Centro Universitário Cesumar). Ciência e Tecnologia de Goiás) Diálogo de gênero na prática de extensão: a cena teatral feminista no “Laboratório de Pandora” Daiana Roberta Silva Gomes (Universidade Federal do Maranhão) Caderno Programação de | 337 . consenso e poder: relações entre violência. Helena Cabistani Ramos (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) Batucando no couro reafirmando a identidade de gênero Rosa Maria Costa Santos (Universidade Federal Maranhão) Concepções sobre as relações de gênero presentes em escolas de Ensino Fundamental do município de Erechim: o que pensam e dizem professores/as e alunos/as Cátia Regina Vial Ribeiro (Universidade Federal da Fronteira Sul) Considerações iniciais sobre a reestruturação produtiva e a precarização do trabalho na educação Gottardo Dezute Mikami (Universidade Federal de Goiás) Contrato.

Estratégias agroecológicas para o empoderamento feminino Flavia Soares Ramos (Universidade Federal de Santa Catarina) Famílias e proteção social: o papel das mulheres no Programa Bolsa Família na cidade de Niterói Carina Pereira Silva (Universidade Federal Fluminense). cuidados de si e práticas de lazer Emanuely Fontana (Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul). Debora Vanessa dos Santos Halabura (Universidade 338 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Paula Dias Bevilacqua (Universidade Federal de Viçosa) Formação da identidade de gênero: as histórias infantis e o padrão de beleza Sanamita Oliveira Bezerra (Universidade Federal Rural de Pernambuco). Sonia Nussenzweig Hotimsky (Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo) Modos de resolução de conflitos. encarceramento de indígenas e o seu papel nas transformações socioculturais dos Guarani-Kaiowá Leandro Lucato Moretti (Universidade Federal da Grande Dourados) Mulheres do meio rural. Rita de Cássia Santos Freitas (Universidade de Coimbra) Formação acadêmica e extensão universitária: mobilização para o enfrentamento da violência contra a mulher Paola Garcia Ferreira (Universidade Federal de Viçosa). Camila da Hora Silva (Universidade Federal Rural de Pernambuco) Gênero e ciência: um olhar subalterno Nicolle Garcia Berti (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro) Lembranças de mulheres sobre uma educação do corpo em escolas católicas de Pernambuco (1970) Rayanne Vieira de Lima (Universidade Federal Rural de Pernambuco) Maternidade soropositiva e padrões de gênero tradicionais entre mulheres das camadas populares Carolina Cordeiro Mazzariello (Universidade de São Paulo).

 Jaíne dos Santos Martins (Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul) Mulheres rurais: desmistificando a dicotomia produção/reprodução Amanda Rodrigues Leal (Universidade Federal do Ceará). Jorge Lyra (Universidade Federal de Pernambuco) O direito de não saber/cuidar: os dilemas dos profissionais de saúde entre o reconhecimento da autonomia e o descaso Ariane Malta Pereira (Universidade Federal de Uberlândia). direitos e processos de enfrentamento das desigualdades de gênero Ana Carolina Silva Cordeiro (Universidade Federal de Pernambuco). Karoline Teixeira da Silva (Universidade Federal do Ceará) Narrativas de mulheres participantes do curso feminista de formação de lideranças no Cabo de Santo Agostinho: experiências. Flavia do Bonsucesso Teixeira (Universidade Federal de Uberlândia).Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul). Cristina Satie de Oliveira Pataro (Universidade Estadual do Paraná) Caderno de Programação | 339 . Laís Melo Rocha (Universidade Federal de Uberlândia) O poder da mídia nos 60: um recorte sobre a importância de Marilyn Monroe no Movimento Feminista da época Tássio da Silva Santos (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia) Panorama das mulheres na engenharia no Rio Grande do Sul André Luiz Andreola (Universidade Estadual do Centro Oeste) Projeto Memória do Aglomerado da Serra: grupo de mulheres Stella Couto Batista (Universidade Federal de Minas Gerais) Relações de gênero e educação: um olhar sobre o Universo Feminino no PROEJA Andréia Zanchetti (Instituto Federal do Rio Grande do Sul) Representações da mulher veiculadas no jornal impresso Folha do Norte do Paraná no período de 1962 a 1963 Amanda de Souza Ribeiro (Universidade Estadual do Paraná).

 Sérgio Aboud (Universidade Federal Fluminense) Abuso sexual para além do sexo: reflexões sobre o “Grupo de Autores” em Manaus Natã Souza Lima (Universidade Federal do Amazonas) Artes marciais e mulheres. Centro Socioeconômico (CSE) A construção de si dentro das Memórias da Clandestinidade Musa Santos (Universidade Federal de Santa Catarina). Eloisa Rosalen (Universidade Federal de Santa Catarina) A incidência da educação nas escolhas profissionais de mulheres e homens Paula Cervelin Grassi (Universidade de Caxias do Sul) A pesquisa em gênero na atenção a saúde básica Mauricio Van der linden (Universidade Federal Fluminense). Jaileila de Araujo Menezes (Universidade Federal de Pernambuco) Um estudo sobre as relações de gênero na Educação Física escolar Caroline Patrícia Paim (Universidade Estadual do Centro-Oeste) Uma investigação sobre a possibilidade de escuta do discurso de mulheres e homens indígenas que “falam” Danilo Cleiton Lopes (Universidade Federal da Grande Dourados) Hall do CSE ▶ Local: Hall do CSE. um encontro possível Vanessa de Oliveira Freitas (Universidade Federal Fluminense) 340 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Bl. B.Tensões de gênero e sexualidade feminina no Movimento Hip Hop de Recife Dandara Maria Oniilari Ferreira da Silva (Universidade Federal de Pernambuco). Karla Herdy Mackenzie (Universidade Federal Fluminense).

Atendimento grupal com mulheres que sofreram violência doméstica na abordagem psicodramática Isabel Cristina Alberti de Andrade (Universidade do Oeste Paulista), Jeferson Roberto Guedes (Universidade do Oeste Paulista), Zilda Rodrigues (Universidade do Oeste Paulista) Binarismo sexual na escola: controle social dos corpos Ana Franciele de Oliveira Silva (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia) Cientistas mulheres em livros didáticos de Química: uma discussão sobre gênero e história da ciência no Ensino Médio Fabrícia Sarmento Sales (Instituto Federal de Brasília), André Gondim do Rego (Instituto Federal de Brasília) Considerações a respeito da feminização e precarização do trabalho docente em Goiás Suzana Alves Vale (Universidade Federal de Goiás) Corpo, tecnologia e controle: uma análise antropológica do filme Gattaca Halina Rauber Baio (Universidade Federal do Paraná) Dança e gênero: subversão da heteronormatividade na prática do Tango Queer Sofia Gonçalves Repolês (Universidade Federal de Minas Gerais), Érica Renata de Souza (Universidade Federal de Minas Gerais) Doenças ocupacionais na pesca artesanal de mulheres: uma questão de reconhecimento Rebeca Ferreira Lemos Vasconcelos (Universidade Federal Rural de Pernambuco), Amanda Cordeiro Cruz Silva Santos (Universidade Federal Rural de Pernambuco) Espacialidade, Escola de Guardas Mirins e constituição de masculinidades na cidade de Ponta Grossa - Paraná João Paulo Leandro de Almeida (Universidade Estadual de Ponta Grossa) Estudo de caso da concepção da maternidade e do papel de gênero Mylena Nahum Sousa Cardoso (Universidade Federal do Pará)
Caderno
de

Programação

| 341

Feminismos de cara nova: grupos de jovens e o desafio da renovação Juliana Delmonte da Silva (Universidade de São Paulo) Gravidez na adolescência, pesquisa e intervenção: a experiência do Grupo Muda no Sertão de Pernambuco Joanna Ferrão dos Santos (Universidade Federal de Pernambuco), Karla Galvão Adrião (Universidade Federal de Pernambuco), Mayara Lacerda de Mello (Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira) Gênero e geração de renda: cooperativas de mulheres no agreste pernambucano – Conquistas e Desafios Niedja de Lima Silva (Universidade Federal de Pernambuco) Gênero na perspectiva de um bolsista do PIBID de Educação Física Marcelo Alberto de Oliveira (Universidade Federal do Paraná) Homofobia nas escolas de Cuiabá Jucilene Oliveira de Moura (Universidade Federal de Mato Grosso), Moisés Alessandro de Souza Lopes (Universidade Federal do Mato Grosso) Hugo/Muriel e relações de gênero: montando um debate sério através de adereços de humor Clara Cazarini Trotta (Universidade Federal de Minas Gerais), Kênia Araújo Pires (Universidade Federal de Viçosa) Jogos virtuais: constituindo a dualidade de gênero a partir de estereótipos femininos Lucienne de Almeida Machado (Universidade Federal de Goiás) Mulheres indígenas encarceradas e organismos internacionais Patricia Pereira da Silva (Universidade Federal da Grande Dourados) Mulheres, medida de segurança e a realidade nos manicômios judiciários Bruna Gonçalves Piazzi (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), Maria Fernanda Cardoso de Oliveira (Pontifícia Universidade Católica), Mariah Silva Vieira (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) 342 |
F a z e n d o G ê n e r o 10

O luto e ausência na voz feminina presentes no ciberespaço literário brasileiro Monica azenha (Universidade Estadual de Londrina), Alamir Aquino Corrêa (Universidade Estadual de Londrina) O papel dos atores do sistema de justiça criminal na implementação dos direitos reprodutivos das mulheres encarceradas Naila Ingrid Chaves Franklin (Universidade Estadual Paulista), Ana Gabriela Mendes Braga (Universidade Estadual Paulista) Parkour: lazer e reafirmação de masculinidade de jovens Nicolau Natal dos Santos (Universidade Federal Fluminense), Apolo Alecrim Braz Santos (Universidade Federal Fluminense) Perspectivas jurídicas do gênero na atualidade Ana Cristina Cardoso (Universidade Federal de Minas Gerais) Pesquisa-intervenção, gênero e mídias móveis como recurso de sensibilização de mulheres e homens jovens José Mário Gomes de Souza Filho (Universidade Federal de Pernambuco), Karla Galvão Adrião (Universidade Federal de Pernambuco) Processos de mudança na pesquisa em gênero e sexualidade no Brasil: periódicos brasileiros especificamente voltados a esse campo Ana Paula Pereira de Araujo (Universidade Estadual de Campinas), Regina Facchini (Universidade Estadual de Campinas) Representações do feminino na publicidade: de consumidora a consumida Ana Paula de Souza Santos (Universidade Estadual de Maringá) Trabalho feminino nas colônias alemãs da África: uma questão de gênero, classe e raça Ana Carolina Schveitzer (Universidade Federal de Santa Catarina) Uma análise de gênero dos trabalhadores mais bem remunerados no mercado de trabalho brasileiro Jéssika Martins Ribeiro (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)
Caderno
de

Programação

| 343

Universidade ao lado da escola pública em 2012: oficinas de sexualidades Luciana Ferrari Gouvêa (Universidade Estadual Paulista) “Agora sou Homem”: produção e significados da identidade masculina face à paternidade entre jovens de camadas populares na cidade do Rio de Janeiro Josué Ferreira de Souza (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) Hall do CTC ▶ Local: Hall do CTC, Centro Tecnológico (CTC)

“A casa e a rua em Montes Claros” - vivências homossexuais em espaços privados e públicos Sérgio Gomes Rodrigues (Universidade Estadual de Montes claros) A mulher e o mal – sujeitos femininos em filmes de terror Laura Bueno Pimentel (Universidade Federal de Santa Catarina) A relação da imagem corporal, do gênero, e do esporte na participação das aulas de Educação Física Aline Aparecida de Souza Ribeiro (Universidade Federal de Juiz de Fora), Ayra Lovisi Oliveira (Universidade Federal de Juiz de Fora), Luana das Graças Pinto Procópio (Universidade Federal de Juiz de Fora) A educação do corpo feminino via impressos: uma análise do Correio da Manhã (1901-1974) Ana Luiza Honma (Universidade Federal de Uberlândia), Raquel Discini de Campos (Universidade Federal de Uberlândia) A ordem em xeque Thiago Panegace de Avila (Universidade Estadual Paulista) A precarização no interior da divisão sexual do trabalho: a condição da mulher trabalhadora urbana do século XX Tatiane de Oliveira Barbosa (Universidade Estadual Paulista), Lucas dos Santos Lima (Universidade Estadual Paulista) 344 |
F a z e n d o G ê n e r o 10

A visibilidade feminina na História da Arte Flávia Leite Azambuja (Universidade Federal do Rio Grande) A voz das meninas em conflito com a lei Sandra Helena Costa Lima (Universidade Federal Rural de Pernambuco), Cinthia Furtado Avelino (Universidade Federal Rural de Pernambuco) As aulas de Educação Física no município de Viçosa: um espaço generificado Laryssa Tonon Corrêa (Universidade Federal de Viçosa) As primeiras mulheres jornalistas de Ponta Grossa nos impressos Diário dos Campos e Jornal da Manhã Crystian Eduard Kühl (Universidade Estadual de Ponta Grossa) Bree Osburne, o nome também é uma inclusão Arthur Henrique Silva Santana (Universidade Federal de Uberlândia), Flavia do Bonsucesso Teixeira (Universidade Federal de Uberlândia), Manuela Oliveira Rocha e Sousa (Universidade Federal de Uberlândia) Diversidade sexual e sistema prisional: desafios para o enfrentamento ao sexismo e a homofobia Pedro Vinicius Martins Belarmino Junior (Universidade Federal do Tocantins), Bruna Andrade Irineu (Universidade Federal do Rio de Janeiro) Diálogos com a literatura sobre homens no campo da saúde Andréa Paula da Silva (Universidade Federal de Pernambuco), Benedito Medrado (Universidade Federal de Pernambuco), Michael Machado (Universidade Federal de Pernambuco) Emancipação da mulher, um diálogo possível entre: políticas públicas, gênero e papel social da escola Eliane Godinho (Universidade Federal de Pelotas) Feminismo na produção musical das mulheres rappers do Recife Maria Luisa Souza e Silva (Universidade Federal de Pernambuco), Jaileila de Araujo Menezes (Universidade Federal de Pernambuco)
Caderno
de

Programação

| 345

Homossexualidade no âmbito escolar Marcos Rossiny Leandro (Universidade Federal de Goiás) Matilde Garcia Rosa: aquém/além de um nome próprio Thalita da Silva Coelho (Universidade Federal de Santa Catarina) Metodologia feminista de monitoramento e avaliação de política social: uma experiência com homens, em contexto de desenvolvimento econômico Claudemir Izidorio da Silva Filho (Universidade Federal de Pernambuco), Benedito Medrado (Universidade Federal de Pernambuco), Michael Machado (Universidade Federal de Pernambuco) Meu destino é amar: mulheres e dispositivo amoroso Luiza Fernandes Lootens Machado (Universidade de Brasília) Mulheres em situação de violência no jornalismo popular Gerliani de Oliveira Mendes (Universidade Federal de Ouro Preto) Mídias móveis e pesquisa-intervenção: ajudando a aguçar o olhar crítico dos jovens Ruan Costa Paiva (Universidade Federal de Pernambuco), Karla Galvão Adrião (Universidade Federal de Pernambuco) O debate sobre o aborto no Brasil: avanços e retrocessos no campo político no período de 2010-2012 Ana Beatriz de Oliveira Souza (Universidade de São Paulo) O feminismo nosso de cada dia: a vivência das conquistas do movimento na visão transgeracional de mulheres entre a faixa etária de 20 a 65 anos Poliana Gomes Goslar (Fundação Universidade do Contestado) O significado do casamento para as mulheres na contemporaneidade Thainá Soares Ribeiro (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia) PCN’s, Ensino de História e a discussão de gênero Thayane Lopes Oliveira (Universidade Federal do Ceará) 346 |
F a z e n d o G ê n e r o 10

Políticas públicas e empoderamento feminino no Estado da Paraíba Maíra Ívze Bezerra Alves (Universidade Federal da Paraíba) Reconstrução da memória: a representação da mulher militante na mídia cinematográfica Priscilla dos Santos Vasconcelos (Universidade Estadual Paulista) Relação da sociedade com a adoção de crianças por casais homoafetivos Wagner Ciqueira Quadro (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) Situando conhecimentos: mulheres cientistas em Pernambuco Françoise Michelle dos Santos (Universidade Federal de Pernambuco), Mariana Gomes dos Santos (Universidade Federal de Pernambuco) Sociabilidades homossexuais nas periferias de São Paulo Maíra Kobayashi (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) Teatro como meio pedagógico no enfrentamento da violência contra as mulheres Iara Cássia de Castro (Universidade Federal de Viçosa), Paula Dias Bevilacqua (Universidade Federal de Viçosa) Um projeto investigativo: banco de dados na área de gênero da Universidade Federal Fluminense Karla Herdy Mackenzie (Universidade Federal Fluminense) Vozes de meninas adolescentes Cinthia Furtado Avelino (Universidade Federal Rural de Pernambuco), Sandra Helena Costa Lima (Universidade Federal Rural de Pernambuco) Grupos de mulheres na maternidade: reinventando as possibilidades de ser mãe Isadora França Lima Barreto (Universidade Federal de Minas Gerais), Aline Aparecida de Alvarenga (Universidade Federal de Minas Gerais), Christianne Câmara Lopes Albuquerque Miranda (Universidade Federal de Minas Gerais)

Caderno

de

Programação

| 347

14:00 . AM) em atividades de gestão de recursos pesqueiros Adriana Guimarães Abreu (Universidade Federal do Pará). Melina Pereira Gonçalves (Universidade Federal de Minas Gerais) A capacitação na formação continuada em sexualidade e gênero Érica Poncheki (Universidade Estadual de Ponta Grossa) A escrita autobiográfica feminina durante os anos da Resistência Italiana: o diário de Ada Gobetti Rafaela Souza Maldonado (Universidade Estadual Paulista). Júlia Freire de Alencastro (Universidade de Brasília) (Des)construíndo sexo e gênero: uma releitura arqueológica aplicada ao direito Carolina Maria Nasser Cury (Universidade Federal de Minas Gerais).17:30 Hall do CFH ▶ Local: Hall do CFH. Gabriela Kvacek Betella (Universidade Estadual Paulista) A participação das mulheres da comunidade São Raimundo do Jarauá (RDS Mamirauá. Bl. identidades e expressões de prostitutas no documentário “Praça da Luz” Ana Rosa da Costa Zoby (Universidade de Brasília). Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) “Claridade no breu”: subjetividades. Edna Ferreira Alencar (Universidade Federal do Pará) A sobrecarga do trabalho feminino nos cuidados da própria saúde e de familiares Izabel Cristina Coelho Gomes (Universidade Federal de Uberlândia) Alison Bechdel e Fun Home: a transgressão do(s) gênero(s) Ana Luiza Bazzo da Rosa (Universidade Federal de Santa Catarina) 348 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . B.

lesbofobia e transfobia: uma análise dos discursos nas redes sociais Daniele da Silva Fébole (Universidade Estadual de Maringá) Caderno Programação de | 349 . Maria Alice Cavalcante Barbosa (Universidade Estadual do Rio de Janeiro) Grêmio estudantil e a organização do tempo na escola Parque São Jorge Johny Assunção Tomé (Universidade Federal de Uberlândia) Gênero e cidadania: uma análise acerca dos sentidos sobre a mulher e o feminismo na História Constitucional Brasileira Cinthia de Cassia Catoia (Faculdade de Direito de Ribeirão Preto) Gênero na escola: saberes locais em pratica Beatriz Camilla Neves (Universidade Estadual Paulista) Homofobia.Assessoria jurídica em gênero: trajetórias de vida e projetos profissionais de operadora(e)s do direito feministas Carolina Nunes dos Santos (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) Como a discussão sobre gênero se marca nos discursos feministas independentes Luísa Mouzinho Santos de Oliveira (Universidade Federal do Paraná) Considerações sobre mulheres indígenas internas no Estabelecimento Penal Feminino de Rio Brilhante/MS Bruna Amaral Dávalo (Universidade Federal da Grande Dourados) Discursos feministas em diálogo com serviços de atendimento a mulheres em situação de violência doméstica: uma análise etnográfica da rede de enfretamento à violência do Paranoá/DF Luna Borges Pereira Santos (Universidade de Brasília) Divisão sexual do trabalho: estudo sobre padrão de atividades e gênero Leticia Quirino de Abreu (Universidade Federal do Ceará) Família e infância: no “contratempo” do cuidado de crianças Jaqueline Souza Andrade (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). Carla Cristina Lima de Almeida (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro).

Intersexualidade e transexualidade no contexto jurídico brasileiro: aproximações e distanciamentos Letícia Mariano Zenevich (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). ilustrado nos livros didáticos Ruan Gabriel de Almeida Vital (Universidade Federal de Mato Grosso) Mulheres em cena: representações da participação das figuras femininas durante a Ditadura Militar brasileira a partir do filme O que é isso Companheiro? Tatianne Ellen Cavalcante Silva (Universidade Federal de Campina Grande). Paula Sandrine Machado (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) Jane Eyre e a dupla face do amor Caroline Garcia de Souza (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) Liderança de gênero na área tecnológica Renato Roberto Antunes da Silva (Universidade Federal do Rio Grande do Norte) Luta e resistência das mulheres Guarani–kaiowa e Nhandeva de Mato Grosso do Sul Fabiana Assis Fernandes (Universidade Federal da Grande Dourados) Mulheres de comércio: a representação do cotidiano feminino dentro e fora do lar como fonte de renda. Bruna Rafaela de Lima (Universidade Federal de Campina Grande) Mulheres em manchete: a presença feminina no periódico entre 1975 e 1985 Milene Chagas de Souza (Universidade do Estado de Santa Catarina) O direito como instrumento de emancipação: conquistas homoafetivas por meio do ativismo judicial no Brasil Júlia Godoi Rodrigues (Universidade Estadual Paulista) O grotesco feminino como estratégia feminista na arte contemporânea Anne Caroline Quiangala (Universidade de Brasília) O corpo travesti: transformações físicas e o gênero Nara Romero Montenegro (Universidade Estadual de Campinas) 350 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Janaína Freitas (Universidade Federal do Rio Grande do Sul).

 Flavia do Bonsucesso Teixeira (Universidade Federal de Uberlândia). Núbia Daniela de Oliveira Rolim (Faculdade Três de Maio) Substratos de uma artista: Manal Deeb e as linguagens identitárias para com a Palestina Carolina Ferreira de Figueiredo (Universidade do Estado de Santa Catarina) Caderno de Programação | 351 . Carolina Beidacki (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul). Marcela Oliveira Franco Assunção (Universidade Federal de Uberlândia) Pensando o poder fotográfico e anal: o Self-Portrait de Robert Mapplethorpe Lucas Álvaro (Universidade Estadual Paulista) Políticas.O papel social da mulher em representações da revista do Globo no início dos anos 30 Karin Dau Bauken (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) O sistema judiciário brasileiro e o reforço do binarismo de gênero no processo de retificação de registro civil Juliana Knach de Bittencourt (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Marianna Rodrigues Vitório (Universidade Federal de Ciências da Saúde de Poa) Os (ab)usos da rua: relato da experiência de resolução não violenta de conflitos envolvendo travestis e policiais militares Mayara Ferreira Biasi (Universidade Federal de Uberlândia). direitos e homofobia na VII Parada do Orgulho LGBT de Palmas Milena Carlos de Lacerda (Universidade Federal do Tocantins). Carolina Duarte de Souza (Faculdade Três de Maio). Bruna Andrade Irineu (Universidade Federal do Rio de Janeiro) Questões de gênero no Projeto das Ações de um CRAS Juliana Borges de Souza (Faculdade Três de Maio).

café. ▶ Bar do Centro de Ciência da Educação (CED) – Lanchonete: Aberto das 8h às 20h. pois no horário mais próximo ao meio-dia a fila é muito grande! ▶ Praça de Alimentação do Centro de Cultura e Eventos – Comida a quilo. kalzones. das 8h30 às 19h. Lanches. Os tickets devem ser adquiridos no guichê ao lado do Bloco A do RU. pratos completos para almoço. aberto diariamente das 11h às 13:30 e das 17h às 19h. Comida natural. Preço 6.50 para visitantes. Comida Italiana. café. Telefone (48) 3028-1982. Lanches. Bares e restaurantes ao redor do campus da UFSC ▶ Da Terra – Restaurante: Rua Joe Collaço.Restaurantes e bares Alimentação no Campus Universitário Restaurante Universitário (RU) – Ao lado do Centro de Convenções. ▶ Arte Pasta – Restaurante: Rua Lauro Linhares. Sugere-se adquiri-los antes das 11h. junto ao Salão de Beleza Rossi. perto do Supermercado Angeloni. Nº 820. 352 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . café e lanches. ▶ Bar do Centro de Comunicação e Expressão (CCE) – Lanchonete: Aberto das 8h às 20h. Trindade. café. ▶ Bar do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) – Lanchonete: Aberto das 8h às 20h. Lanches. pratos completos para almoço. ou depois das 13h. sucos.

Bufê vegetariano. Sábados das 11h às 16h. Aberto a partir das 18h. Nº 1197. Aberto de segunda a sexta das 11h às 20h. ▶ IEGA – Bar e Lanchonete: Rua Capitão Romualdo de Barros.3727. Caderno de Programação | 353 . Aberto diariamente. Telefone (48) 3025-2166. ▶ Clube Social da Cerveja – Bar: Rótula da Carvoeira (perto da UFSC). Pantanal. Nº 1903. Sábados aberto das 12h às 14h30min e 19h às 23h. Aberto das 11h30min às 14h e das 19h às 23h. ▶ Frango e Fritas – Bar: Rua Lauro Linhares. Comida a quilo e sobremesas. Trindade. Telefone: (48) 3025. Informações: (48) 3234-8172. Telefone: (48) 3234-6292. Happy hour com música ao vivo. lanches. ovo-lacto com opções veganas. ▶ Bistrô Varanda – Restaurante: Rua João Pio Duarte. Aberto de segunda a sábado das 11h30min às 14h30min. frutos do mar. Nº 298. Bufê a quilo e sanduíches. Happy hour. Nº 1040. Domingo aberto das 12h às 14h30min. chinês. churrasco e bufê a quilo. Nº 1650. N º 2055 – Centro Comercial Max Flora. Fechado nas segundas feiras. Aberto de segunda a sexta. Córrego Grande. bufê a quilo. Aberto diariamente a partir das 12h. porções. Diariamente das 8h30min às 22h. Telefone (48) 3234-7847. lanches. Trindade. Serve almoço a quilo. Nº 600. Nº 1848. ▶ Boulangerie Brasil Chopp Gus – Bar: Estrada Geral do Córrego Grande. Comida portuguesa. Telefone (48) 3234-1124. Happy Hour com música ao vivo. ▶ Hong Ju – Restaurante: Rua Deputado Antônio Edu Vieira.▶ Bar da Nina – Bar: Rua Deputado Antônio Edu Vieira. ▶ La Bohème – Restaurante e café: Rua Lauro Linhares. Trindade. Carvoeira. Telefone: (48) 3233-4155. Nº 784. Porções. ▶ Momo e Berinjela Gourmet – Restaurantes: Rua Lauro Linhares. Telefone: (48) 3233-1569. Mini-kalzone. Aberto de terça a domingo a partir das 18h. ▶ Capitão Gourmet – Restaurante: Rua Lauro Linhares. Especializado em porções.

Nº 1280. Córrego Grande. Bigas – Lanchonete: Rua Lauro Linhares. Sábado das 11h30min às 14h30min e das 18h às 24h. ▶ Shopping Iguatemi – Praça de Alimentação: Avenida Madre Benvenuta. Córrego Grande. ▶ Shopping Trindade – Praça de Alimentação: Rua Lauro Linhares.▶ Mandala – Restaurante: Rua Joe Collaço. Pizza e comida italiana. Lanches. ▶ Restaurante Volantes.6306. ▶ Mirante – Restaurante: R. Trindade. ▶ Rotisserie Dona Benta – Restaurante: Rua Deputado Antônio Edu Vieira. Santa Mônica. Nº 1670. Córrego Grande. João Pio Duarte Silva. ▶ Sobrália – Restaurante: Rua Lauro Linhares. 58 – Entrada do Córrego Grande. Bufê a quilo com grelhados. Bufê a quilo. Telefone: (48) 3234-8787. Telefone: (48) 3335-0405. A partir das 18h. Aberto de segunda a sábado das 10 às 20 horas e domingos das 11h às 17h. Comida Natural. Trindade. Telefone: (48) 3234 8285. Bufê a quilo. Nº 2123. lanches e sopas à noite. Nº 1870. Córrego Grande. Bufê a quilo. Aberto de segunda a sexta das 11h às 14h e das 18h às 24h. N º 1018. Aberto diariamente no almoço. pizza e massas. ao lado da Escola da Ilha. Bufê a quilo. ▶ Pizzaria Yellows – Pizzaria: Rua Lauro Linhares. Telefone: (48) 3234-4949. ▶ Mr. Aberto de terça a domingo das 18h30min as 00h30min. porções. Aberto das 11h45min às 14h30min. a 500 metros da UFSC. Nº 332. ▶ Pizzaria Lenha e Oliva – Pizzaria: Rua Vera Linhares. ou Servidores – Restaurante: Ao lado da Igrejinha da UFSC. Bufê a quilo. 354 | F a z e n d o G ê n e r o 10 . Pantanal. Telefone: (48) 3234-4340. ▶ Restaurante da Família – Restaurante: Rua João Pio Duarte Silva. Nº 1940. sábado e domingo das 12h às 15h. Telefone: (48) 3028. ▶ Restaurante Russelo Creperia – Restaurante: Esquina Rua Joe Collaço.

Nº 4800. SN – Grêmio Prefeitura Universitária – Próximo ao Bar da Nina.00.▶ Supermercado Angeloni – Praça de Alimentação: Avenida Governador Irineu Bornhausen.br Caderno de Programação | 355 . Aberto a partir das 18h.ao lado do Supermercado Comper. Telefone: (48) 3333-3888. onde as/os passageiras/os fazem as conexões para os lugares desejados.com. Trindade. Como o próprio nome já diz. Para comer oferece variados petiscos. a especialidade da casa está no vinho. Trindade. Agronômica. Informações adicionais: www. lanches. ▶ Armazém Vieira – Bar: Saco dos Limões. Nº 1628. lanches vegetarianos. ▶ Quebra Gelo – Bar e lanchonete: Rua Lauro Linhares. porções. em frente ao Posto de Combustível Ipiranga. ▶ Tradição – Restaurante e Churrascaria: Bairro Córrego Grande. Antônio Edu Vieira. Porções. Telefone: 48 3234 2247 Central Rádio Táxi: Telefone: 48 3240 6009 Transporte público Em Florianópolis. Lanches. ▶ Cantina de Vinho da Pipa: Rua Juvêncio Costa. Aberto de segunda a sábado a partir das 18h. Nº 39. ▶ Meu Escritório – Bar e lanchonete: Rua Deputado Antonio Edu Vieira. Lanches. Trindade.transoltc. Nº 196. porções. lanches vegetarianos. Aberto de terça a domingo a partir das 18h. as linhas de ônibus seguem os itinerários através de terminais integrados. Pantanal. Nº 1740. Ponto de Táxi próximo à UFSC: Praça Santos Dumont . Aberto a partir das 18h. Ingresso: R$ 10. A partir das 18h30min. ▶ Rangos do Farol – Bar e lanchonete: Avenida Madre Benvenuta. ▶ Antenas II – Restaurante: Rua Dep.